SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número1Reforma política: dilemas brasileiros e experiências estrangeiras índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Sociedade e Estado

versão impressa ISSN 0102-6992versão On-line ISSN 1980-5462

Soc. estado. vol.24 no.1 Brasília jan./abr. 2009

https://doi.org/10.1590/S0102-69922009000100015 

RESUMOS DE TESES E DISSERTAÇÕES APRESENTADOS NO PPG-SOL/UNB DE JANEIRO A ABRIL DE 2009
TESES

 

Tecnologias de informação e comunicação na educação: mudanças e inovações no ensino superior

 

 

Guilherme Paiva de Carvalho Martins

Curso: Doutorado em Sociologia
Data da defesa: 30 de março de 2009
Orientadora: Profª Drª Fernanda Antonia da Fonseca Sobral

 

 

RESUMO

A pesquisa teve como objetivo analisar as mudanças na Educação a Distância (EAD) no ensino superior público brasileiro com a difusão e o uso de tecnologias de informação e comunicação (TICs). Para tanto, investigamos experiências de universidades públicas brasileiras, dados quantitativos e qualitativos concernentes à EAD, tomando como referência o período de 1990 a 2006. Para compreender o ponto de vista de educadores do ensino superior, analisamos discursos de gestores/as e professores/as que trabalham com esta modalidade educacional e professores/as que não trabalham com ela na Universidade de Brasília, na Universidade Federal do Mato Grosso e na Universidade Federal do Ceará.
Os resultados da pesquisa evidenciaram inovações nas práticas educacionais, dificuldades e problemas enfrentados por profissionais envolvidos com a EAD, além da formulação de políticas públicas no ensino superior brasileiro. O trabalho evidenciou mudanças no ensino superior com o uso de TICs, sobretudo no tocante ao aumento do número de cursos de graduação e ampliação de vagas no ensino superior brasileiro, bem como na produção de materiais didáticos para cursos de EAD. Estes materiais potencializam a interatividade entre professores, tutores e alunos, inovando as práticas educacionais. Com a inserção de TICs no ensino superior, universidades, órgãos governamentais e empresas formam parcerias para oferecer cursos. De acordo com o ponto de vista de gestores/as e professores/as que trabalham com a EAD, esta modalidade é vista como uma forma de democratização do conhecimento, além de proporcionar a qualificação profissional, fator essencial para o desenvolvimento socioeconômico no contexto da globalização.
O estudo mostrou que, no ensino superior brasileiro, existem controvérsias em torno da EAD. Durante a pesquisa, foi possível conhecer experiências com a EAD na Universidade Aberta de Portugal, na Universidade Nova de Lisboa, na Universidad Nacional de Educación a Distancia da Espanha e no Centre National de l'Enseignement à Distance (CNED) da França, graças ao doutorado sanduíche da Universidade Nova de Lisboa.

Palavras-chave: tecnologia; educação a distância; ensino superior; inovação.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons