SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.55 número1Atualização em diabetes mellitus gestacional (DMG)Bases psiconeurofisiológicas do fenômeno placebo-nocebo: evidências científicas que valorizam a humanização da relação médico-paciente índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista da Associação Médica Brasileira

versão impressa ISSN 0104-4230versão On-line ISSN 1806-9282

Rev. Assoc. Med. Bras. vol.55 no.1 São Paulo  2009

https://doi.org/10.1590/S0104-42302009000100007 

IMAGEM EM MEDICINA

 

Obstrução intestinal por teníase de delgado e tuberculose

 

 

Elias Jirjoss Ilias; Paulo Kassab

Professores titulares da disciplina de Cirurgia Geral

 

 

Paciente masculino, 38 anos, apresentou vários episódios de suboclusão intestinal com melhora espontânea. Não apresentava cirurgias prévias abdominais. Em várias internações por suboclusão intestinal, realizou exames de TC abdômen, endoscopias digestivas altas e colonoscopias sendo todas normais. Por apresentar diversos raios X de abdômen com níveis hidroareos de delgado, foi solicitado raio X de trânsito intestinal contrastado para estudar o duodeno, jejuno e íleo. O exame demonstrou infestação maciça de vermes em íleo (teníase). O paciente de origem árabe tinha o hábito de comer carne bovina crua, o que provavelmente ocasionou a teníase. Após tratamento com vermífugos teve desaparecimento dos vermes, porém apresentou novo episódio de suboclusão cinco meses após. Novo trânsito intestinal mostrou subestenoses de delgado sem presença de vermes. Foi operado com ressecção de dois segmentos de delgado estenosados, cujo exame anatomopatológico demonstrou tratar-se de tuberculose intestinal. Após o tratamento para tuberculose, o paciente apresenta-se assintomático há quatro anos.

 

 

 

 

Trabalho realizado na Faculdade de Medicina de Santo Amaro - Unisa, S.Paulo, SP

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons