SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número1CRESCIMENTO EM VOLUME DE Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze EM TRÊS REGIÕES DO RIO GRANDE DO SUL, BRASILRELAÇÕES ENTRE PROPRIEDADES QUÍMICAS, FÍSICAS E ENERGÉTICAS DA MADEIRA DE CINCO ESPÉCIES DE CERRADO índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Florestal

versão impressa ISSN 0103-9954versão On-line ISSN 1980-5098

Ciênc. Florest. vol.20 no.1 Santa Maria jan./mar. 2010

https://doi.org/10.5902/198050981766 

Artigos

AVALIAÇÃO DAS PROPRIEDADES FÍSICO-MECÂNICAS DE POLPAS PRODUZIDAS POR NOVAS SEQUÊNCIAS DE BRANQUEAMENTO

PHYSICAL-MECHANICAL PROPERTIES EVALUATION OF PULPS PRODUCED WITH NOVEL BLEACHING SEQUENCES

Cristiane Pedrazzi1 

Jorge Luiz Colodette2 

Rubens Chaves de Oliveira3 

Marcelo Coelho dos Santos Muguet4 

José Lívio Gomide5 

1. Engenheira Florestal, Drª., Professora da Universidade Federal de Pelotas, Rua Gomes Carneiro, Caixa Postal 354, CEP 96001-970, Pelotas (RS). cpedrazzi@terra.com.br

2. Engenheiro Florestal, PhD., Professor Titular do Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal de Viçosa UFV, Laboratório de Celulose e Papel, Campus UFV, CEP 36570-000, Viçosa (MG). colodett@ufv.br

3. Engenheiro Florestal, PhD., Professor Titular do Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal de Viçosa UFV, Laboratório de Celulose e Papel, Campus UFV, CEP 36570-000, Viçosa (MG). rchaves@ufv.br

4. Engenheiro Florestal, Mestrando pelo programa de Pós-graduação em Ciência Florestal, Universidade Federal de Viçosa, Laboratório de Celulose e Papel, Campus UFV, CEP 36570-000, Viçosa (MG). Bolsista de Iniciação Científica do CNPq. marcelomuguet@yahoo.com.br

5. Engenheiro Florestal, PhD., Professor Titular do Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal de Viçosa UFV, Laboratório de Celulose e Papel, Campus UFV, CEP 36570-000, Viçosa (MG). jlgomide@ufv.br


RESUMO

A eficiência da deslignificação com oxigênio (pré-O2) é muito baixa para polpas de baixo número kappa e que contêm altas concentrações de ácidos hexenurônicos, pois o oxigênio não reage com esses ácidos, sendo mínima a eliminação destes durante a deslignificação com oxigênio em simples ou duplo estágio. Neste estudo, investigaram-se as propriedades físico-mecânicas de polpas produzidas por cozimentos cineticamente modificados até número kappa 17 e 14 e branqueadas pelas técnicas AD(EO)D, para polpa de kappa 17 e DHT(EPO)DP, para polpa de kappa 14. O objetivo principal do estudo foi o de avaliar as propriedades físicomecânicas das polpas submetidas a sequências de branqueamento sem o oxigênio, no início da sequência. Como referências, foram produzidas polpas de número kappa 17 e 14 as quais foram posteriormente deslignificadas com oxigênio e branqueadas com sequências convencionais: A/D(EO)D, para polpa de número kappa 17 e DHT(EPO)DP, para polpa de kappa 14. O branqueamento alternativo, sem a pré-O2, resultou em polpas branqueadas de maior integridade que as da referência, o que foi comprovado pelos valores significativamente mais altos de VEA (bulk), índice de rasgo, opacidade e resistência à passagem de ar (RPA) da polpa fracamente refinada (polpa para produzir papel tissue). Por outro lado, a alta integridade das fibras oriundas das polpas branqueadas por processos alternativos diminuiu suas conformabilidades e colapsabilidades, com consequente diminuição do índice de tração da polpa fracamente refinada. Porém, mediante um refino mais intenso (polpa para produzir papel de imprimir e escrever - P&W) o índice de tração foi recuperado. A alta integridade das polpas branqueadas sem a pré-O2 dificulta o seu refino. Para alcançar o grau de drenagem de 35oSR com as polpas provenientes dos processos alternativos de branqueamento, foi necessário aplicar cerca de 30% a mais de energia em relação à referência.

Palavras-chave: propriedades físico-mecânicas; cozimento modificado; branqueamento; ácidos hexenurônicos; celulose; eucalipto

ABSTRACT

The efficiency of oxygen delignification is very low for pulps of low number kappa and with high concentrations of hexenuronic acids, therefore the oxygen does not react with these acids, so being minimum the elimination of these during the oxygen delignification (pre-O2) in simple or double stage. In this study, the physicalmechanical properties of pulp of kappa number 17 and 14, produced with modified cooks and with the application of AD(EO)D techniques for pulp of kappa 17 and DHT(EPO)DP for pulp of kappa 14 for the bleaching up to 90% ISO, had been investigated. The main objective of this study was to evaluate the physicalmechanical properties in pulps submitted to the bleaching sequences without oxygen in the beginning of the sequence. As references, cooks had been carried until numbers kappa 17 and 14, oxygen delignification and conventional bleaching for sequences A/D(EO)D for pulp of kappa 17 and DHT(EPO)DP for pulp of kappa 14. The alternative bleaching, without pre-O2, resulted in bleached pulps with bigger integrity that of the reference, what it was confirmed by the values significantly higher of bulk, tear index, opacity and air resistance of the pulp weakly refined (for tissue papers). However, the high integrity of the fibers from pulps bleached with alternative processes lowered their conformabilities and collapsibility, with consequent reduction of tensile index of the pulp weakly refined. Therefore, with more intensive beating (for printing and writing papers), the tensile index was recovered. The high integrity of the bleaching pulps without pre-O2 makes beating difficulty. To reach the draining degree of 35°SR with the pulps proceeding from alternative processes of bleaching, it was necessary to apply 30% more energy than the reference.

Keywords: physical-mechanical properties; modified cooking; bleaching; delignification degree; Hexenuronic acid; cellulose, Eucalyptus

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CASTANHO, C. G.; OLIVEIRA, R. C. Estudos de aproveitamento de rejeito fibroso industrial da polpação kraft de eucalipto na produção de papeis reciclados. In: CONGRESSO ANUAL DE CELULOSE E PAPEL DA ABTCP, 33., 2000, São Paulo. Anais...São Paulo: ABTCP. 2000. [ Links ]

COLODETTE, J. L. et al. Effect of pulp delignification degree on fibre line performance and bleaching effluent load. Bioresources, Raleigh, v. 2, n. 2, p.223-234, 2007. [ Links ]

GELLERSTEDT, G.; LINDFORS, E. L. On the structure and reactivity of residual lignin in kraft pulp fibres. In: INTERNATIONAL PULP BLEACHING CONFERENCE, 1991, Stockholm. Proceedings... Stockholm,1991. p. 73. [ Links ]

LIN, S. Y.; DENCE, C. W. Methods in lignin chemistry. Berlin: Springer-Verlag, 1992, p.578. [ Links ]

MARK, R. Handbook of Physical and Mechanical testing of paper and paperboard. New York: State University of New York. Syracuse: College of Environmental Science and Foresty, 1984. v. 2 [ Links ]

MOKFIENSKI, A. et al. Importância da densidade e do teor de carboidratos totais da madeira de eucalipto no desempenho da linha de fibra. In: COLÓQUIO INTERNACIONAL SOBRE CELULOSE KRAFT DE EUCALIPTO, 2003, Viçosa. Anais... Viçosa: 2003. p. 15-28. [ Links ]

SALVADOR, E. et al. Efeito da deslignificação com oxigênio nas propriedades físico-mecânicas de polpa kraft. O Papel, São Paulo, n. 2, p.75-96, 2000. [ Links ]

SCANDINAVIAN PULP, PAPER AND BOARD TESTING COMMITTEE. Scan Test Methods, 1989. [ Links ]

SILVA, R. P.; OLIVEIRA, R. C. Efeitos da ação do refino e da reciclagem nas propriedades de papéis de pinus e eucalipto. Revista Árvore, Viçosa, v. 24, n.3, p. 349-360, 2000. [ Links ]

SUNDBERG, A. K. et al. Determination of hemicelluloses and pectins in wood and pulp fibers by acid methanolysis and gas chromatography. Nordic Pulp and Paper Research Journal, n. 11, p. 216-220, 1996. [ Links ]

TAPPI - TECHNICAL ASSOCIATION OF PULP AND PAPER INDUSTRY. Tappi Standard Methods, Atlanta: TAPPI 1983, 1993, 1996 e 2000. [ Links ]

VUORINEN, T. et al. Selective hydrolysis of hexenuronic acid groups and its application in ECF and TCF bleaching of kraft pulps. In: INTERNACIONAL PULP BLEACHING CONFERENCE, 1996, Washington, DC. Proceedings …Washington, DC: Tappi, 1996, p. 43-51. [ Links ]

WALLIS, A. F. A.; WEARNE, R. H.; WRIGHT, P. J. Chemical analysis of polysaccharides in plantation eucalyptus woods and pulps. Appita Journal, v. 4, p.258-262, 1996. [ Links ]

Creative Commons License Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons