SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.73 issue1Effect of speech therapy and pharmacological treatment in prosody of parkinsoniansValidity of the Brazilian version of the Neuropsychiatric Inventory Questionnaire (NPI-Q) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivos de Neuro-Psiquiatria

Print version ISSN 0004-282X

Abstract

PEREIRA, P Ricardo et al. Espectro clínico, imagiológico e etiológico da síndrome de encefalopatia posterior reversível. Arq. Neuro-Psiquiatr. [online]. 2015, vol.73, n.1, pp.36-40. ISSN 0004-282X.  https://doi.org/10.1590/0004-282X20140176.

Objetivo

Análise dos casos de síndrome de encefalopatia posterior reversível (PRES) internados em um Serviço de Neurologia durante oito anos.

Método

Estudo restrospectivo observacional num hospital central do norte de Portugal.

Resultados

Identificaram-se 14 casos, idade média de 52,3 anos. Os factores precipitantes foram: eclâmpsia, hipertensão arterial isolada, traumatismos vertebro-medulares com disfunção autonómica, síndrome de Guillain-Barré, sépsis, sarcoidose e criptococose pulmonar e fármacos. A maioria dos doentes apresentou lesões edematosas de predomínio posterior, contudo 64,2% apresentaram lesões frontais e 42,8% apresentaram também lesões cerebelosas. Quatro doentes tinham lesões isquémicas agudas e um apresentou lesões hemorrágicas. Durante o seguimento, 10 doentes recuperaram totalmente, 2 recuperaram com sequelas, 1 teve recidiva e 2 faleceram durante o internamento.

Conclusão

A PRES apresenta muitos factores precipitantes. As designações posterior e reversível deverão ser reequacionadas dado que a PRES afecta outras zonas do cérebro e nem sempre é reversível, apresentado complicações e mortalidade não negligenciáveis.

Keywords : síndrome de encefalopatia posterior reversível; edema vasogénico; hipertensão arterial.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )