SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número4Racionalidade terapêutica: elementos médico-sanitários nas demandas judiciais de medicamentosFatores associados à violência física por parceiro íntimo em usuárias de serviços de saúde índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Revista de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0034-8910

Resumo

ROHDEN, Fabiola  e  RUSSO, Jane. Diferenças de gênero no campo da sexologia: novos contextos e velhas definições. Rev. Saúde Pública [online]. 2011, vol.45, n.4, pp. 722-729.  Epub 10-Jun-2011. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102011005000038.

OBJETIVO: Analisar concepções de gênero e sexualidade presentes no campo de intervenções terapêuticas em torno do sexo. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Observação etnográfica, complementada por análise documental de material impresso referente ao X Congresso Brasileiro de Sexualidade Humana, promovido pela Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana, e ao VIII Congresso Brasileiro sobre Inadequações Sexuais, promovido pela Associação Brasileira para o Estudo das Inadequações Sexuais, realizados em 2005. A análise privilegiou a interação entre a perspectiva quantitativa no processamento das variáveis profissão e gênero dos participantes e temas das palestras, e perspectiva qualitativa na análise e interpretação do conjunto mais geral de dados. RESULTADOS: Os temas das sessões e o enfoque das apresentações sugerem que o campo é definido pelo contraste entre duas especialidades médicas: a ginecologia e a urologia, a primeira voltada para disfunções femininas e do casal e a segunda para as disfunções masculinas. CONCLUSÕES: A sexualidade masculina é abordada por perspectiva predominantemente biomédica, centrada na fisiologia da ereção e na prescrição de medicamentos, enquanto a sexualidade feminina é apresentada como condicionada por problemas relacionais, mais adequados à intervenção psicológica.

Palavras-chave : Gênero e Saúde; Sexologia; Pessoal de Saúde; Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · Português (pdf) Português (epdf) | Inglês (pdf)