SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 issue5Primeiros casos autóctones de esquistossomose mansônica na área da Grande VitóriaFauna Triatominae no Estado da Bahia, Brasil: as espécies e distribuição geográfica author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

FARIA, João A. Sanios. Prevalência de helmintos em escolares de 7-14 anos na cidade de Salvador. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 1972, vol.6, n.5, pp.261-264. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86821972000500004.

O autor apresenta os resultados obtidos na pesquisa de ovos de helmintos, em uma única amostra de fezes coletadas de 1537 escolares, na faixa etária de 7-14 anos, de Escolas Públicas Municipais localizadas em toda a zona urbana de Salvador, utilizando o método de Kato. De um modo geral, os índices encontrados foram bastante elevados, sobretudo em relação ao Trichocephalus trichiurus, alcançando 100% de positivos em deis sub-distritos (Mares e Pilar) e Ascaris lumbricoides, com um percentual máximo de 89,3%. de positivos em São Caetano. Relativamente ao sexo oi percentuais obtidos para Trichocephalus trichiurus, Ascaris lumbricoides e Enterobius vermicularis foram mais altos no sexo feminino, diferindo dos índices de Ancilostomídeos e principalmente, Schistosoma mansoni, os quais foram superiores nos escolares do sexo masculino.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License