SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue2Sporulation of Mycosphaerella fijiensis in different culture mediaIdentification of rapd marker linked to blast resistance gene in a somaclone of rice cultivar Araguaia author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Fitopatologia Brasileira

Print version ISSN 0100-4158On-line version ISSN 1678-4677

Abstract

LIMA, ROBERTO C. A.; SOUZA JR., MANOEL T.; PIO-RIBEIRO, GILVAN  and  LIMA, J. ALBERSIO A.. Seqüência do gene da proteína capsidial de isolados brasileiros de Papaya ringspot virus. Fitopatol. bras. [online]. 2002, vol.27, n.2, pp.174-180. ISSN 0100-4158.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-41582002000200009.

O Papaya ringspot virus (PRSV) é o agente causal da mancha anelar, principal doença do mamoeiro (Carica papaya) no mundo. O Brasil é o maior produtor desta fruteira, sendo responsável por aproximadamente 40% da produção mundial. A resistência a este vírus, obtida em mamoeiros transgênicos expressando o gene da proteína capsidial (cp) do PRSV, mostrou-se dependente do grau de homologia entre a seqüência do transgene expresso pela planta e o gene cp do vírus invasor, de forma isolado-específico. Dessa forma, quando se objetiva produzir mamoeiros transgênicos com amplo espectro de resistência ao PRSV, é importante o conhecimento do grau de homologia deste gene entre os diversos isolados presentes em uma área geográfica específica onde o mamoeiro será cultivado. O objetivo do presente estudo foi avaliar o grau de homologia entre o gene cp de diversos isolados brasileiros de PRSV. O mamoeiro e o PRSV encontram-se presentes em diversos ecossistemas brasileiros. Doze isolados de PRSV, coletados em oito estados de quatro regiões geográficas, foram utilizados neste estudo. As seqüências do gene cp destes isolados foram comparadas entre si e com o gene utilizado para gerar mamoeiros transgênicos para o Brasil. Um grau de homologia médio de 97,3% para as seqüências de nucleotídeos foi observado entre os isolados brasileiros. Quando comparado com 27 isolados de outras regiões, em uma árvore de homologia, os isolados brasileiros foram agrupados com os isolados australianos, havaianos, e os da América Central e do Norte. Um grau de homologia médio de 90,7% foi observado entre os 40 isolados analisados.

Keywords : Potyvirus; Carica papaya; PRSV; phylogenetic analysis.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License