SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número3Determing Light And Temperature Conditions for the standard germination test of Brazilian peanutGermination and seedling development as influenced by salinity índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista Brasileira de Sementes

versión impresa ISSN 0101-3122

Resumen

ARAUJO, Erneida Coelho de; SILVA, Roberto Ferreira da; VIANA, Alexandre Pio  y  SILVA, Marcos Vinícius da. Estádio de maturação e qualidade de sementes após repouso de frutos de maracujá amarelo. Rev. bras. sementes [online]. 2007, vol.29, n.3, pp. 67-76. ISSN 0101-3122.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-31222007000300009.

Investigações sobre o efeito do repouso de frutos na qualidade das sementes evidenciam que há uma relação direta entre este repouso e o aumento da germinação e vigor das sementes avaliadas. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência do estádio de maturação e do armazenamento de frutos na qualidade fisiológica de sementes de maracujá amarelo. Os frutos foram obtidos a partir de polinização manual, sendo que a colheita dos frutos foi realizada em três estádios de maturação: 55, 60 e 65 dias após a antese e armazenados às temperaturas de 8 ºC e 25 ºC, por 7, 14 e 21 dias de repouso. Para avaliação da qualidade das sementes, as características utilizadas foram: teor de água, massa seca das sementes, germinação e vigor. As sementes de maracujá amarelo provenientes dos frutos com 65 dias de idade e submetidos ao repouso por sete dias, tanto em ambiente refrigerado quanto natural, tem maior qualidade fisiológica; frutos colhidos aos 65 dias de idade após a antese e armazenados por sete dias às temperaturas de 8ºC e 25ºC apresenta também maior acúmulo de matéria seca.

Palabras llave : Passiflora; armazenamento; germinação; vigor.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués