SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número2Epidemiologia dos transtornos psiquiátricos na mulherEfeitos dos esteróides sexuais sobre o humor e a cognição índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Archives of Clinical Psychiatry (São Paulo)

versão impressa ISSN 0101-6083versão On-line ISSN 1806-938X

Resumo

MELO, Nilson Roberto de; MACHADO, Rogério Bonassi  e  FERNANDES, César Eduardo. Irregularidades menstruais: inter-relações com o psiquismo. Rev. psiquiatr. clín. [online]. 2006, vol.33, n.2, pp.55-59. ISSN 1806-938X.  https://doi.org/10.1590/S0101-60832006000200004.

Dados provenientes de estudos em animais e humanos indicam que o estresse psicológico pode determinar alteração relevante sobre a função menstrual. Vários estudos procuraram analisar eventos estressores comuns - novo emprego, dificuldades financeiras, discussões diárias - e sua relação com características menstruais, como o intervalo e quantidade do fluxo, bem como com quadros de amenorréia. Sugere-se que as alterações menstruais funcionais resultam primariamente da ação direta dos hormônios do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal, provavelmente modulados por CRH, induzindo maior atividade de ACTH e b-endorfina. Clinicamente, os quadros mais freqüentemente associados aos distúrbios psíquicos referem-se às anovulações de origem central e às amenorréias hipotalâmicas. A caracterização do envolvimento psíquico nessas condições representa elemento fundamental para a adequada abordagem terapêutica.

Palavras-chave : Menstruação; amenorréia; sangramento disfuncional; aspectos emocionais; estresse.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons