SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número2Data envelopment analysis of randomized ranksOn the evalution of Brazilian landline telephone services companies índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Pesquisa Operacional

versão impressa ISSN 0101-7438versão On-line ISSN 1678-5142

Resumo

LOPES, Ana Lúcia Miranda  e  LANZER, Edgar Augusto. Data envelopment analysis - DEA and fuzzy sets to assess the performance of academic departments: a case study at Federal University of  Santa Catarina - UFSC. Pesqui. Oper. [online]. 2002, vol.22, n.2, pp.217-230. ISSN 0101-7438.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-74382002000200008.

Este artigo trata da avaliação do desempenho - produtividade e qualidade - de departamentos acadêmicos de uma Universidade. Um modelo DEA foi usado para simular um processo de avaliação cruzada entre departamentos. Os resultados de DEA nas dimensões de ensino, pesquisa, extensão e qualidade foram modelados como números difusos e então agregados através de um agregador ponderado. Um único índice de desempenho para cada departamento foi gerado. A proposta é identificar departamentos com fraco desempenho em uma ou mais dimensões que deveriam receber priorização para avaliação por um comitê externo. Um resultado adicional do modelo proposto é a possibilidade de inclusão de um número maior de variáveis do que no DEA convencional. O modelo aplicado a cinqüenta e oito departamentos de uma Universidade Brasileira apontou quinze com baixo desempenho. Nenhuma correlação entre produtividade em ensino, pesquisa e extensão foi observada. Uma correlação fraca foi encontrada entre produtividade em pesquisa e qualidade. Fracos efeitos de escala foram detectados.

Palavras-chave : análise envoltória de dados; análise de produtividade; conjuntos difusos.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons