SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue4Nursing fighting strategies in the Leila Diniz Maternity towards the implantation of a humanized model for delivery careShared care: a vision of elderly care based on health education author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Texto & Contexto - Enfermagem

Print version ISSN 0104-0707

Abstract

MECONE, Márcia Cristina da Cruz  and  FREITAS, Genival Fernandes de. Representações da enfermagem na imprensa da Cruz Vermelha Brasileira (1942-1945). Texto contexto - enferm. [online]. 2009, vol.18, n.4, pp. 741-749. ISSN 0104-0707.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072009000400016.

O trabalho objetivou identificar o perfil da mulher/enfermeira e analisar representações da enfermagem no contexto da americanização na imprensa escrita. As fontes utilizadas foram imagens e entrevistas publicadas na Revista da Cruz Vermelha Brasileira durante a Segunda Guerra Mundial (1942-1945) sob os auspícios da era varguista. Os achados foram analisados segundo os pressupostos da História Social, valorizando as singularidades e cotidianidades dos indivíduos ou grupos sociais e ampliando a reflexão sobre o contexto sociopolítico. Por meio desta análise pode-se inferir que as imagens, bem como os artigos veiculados na revista supracitada, evidenciavam as enfermeiras como heroínas, patrióticas, "anjos cuidadores", adjetivos usados em apoio ou em adesão social massificada à guerra e, não obstante, ao governo ditatorial de Getúlio Vargas (1930-1945). Entendemos que refletir sobre o passado da enfermagem implica não somente evocar a memória do cuidado, mas perceber a trajetória da identidade profissional.

Keywords : História da enfermagem; Imprensa; Cruz Vermelha.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese