SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 número4Perfil das enfermeiras que atuam na assistência à gestante, parturiente e puérpera, em instituições de Sorocaba/SP (1999)Seguimento das enfermeiras obstétricas egressas dos cursos de habilitação e especialização em enfermagem obstétrica da Escola de Enfermagem, da Universidade de São Paulo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Latino-Americana de Enfermagem

versão impressa ISSN 0104-1169

Resumo

CARON, Olga Aparecida Fortunato  e  SILVA, Isilia Aparecida. Parturiente e equipe obstétrica: a difícil arte da comunicação. Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]. 2002, vol.10, n.4, pp. 485-492. ISSN 0104-1169.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692002000400004.

O estudo teve como objetivo descrever como ocorre a comunicação entre os profissionais que assistem o parto de baixo risco e a mulher que vivencia o processo de parturição. Os dados foram obtidos por meio da observação participante das situações ocorridas no centro obstétrico de duas instituições e de entrevistas com puérperas. Constatou-se que, entre profissionais e parturientes, prevalece a comunicação não terapêutica, imprimindo à assistência obstétrica um perfil de impessoalidade e exercício de poder do profissional sobre a mulher.

Palavras-chave : comunicação; parto; enfermagem obstétrica.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · pdf em Português