SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue2Explanatory factors for the variation in hospitalizationsAntisocial behavior and alcohol consumption by school adolescents author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Latino-Americana de Enfermagem

Print version ISSN 0104-1169

Abstract

MARTINS, Mayra; SANTOS, Manoel Antonio dos  and  PILLON, Sandra Cristina. Percepções de famílias de baixa renda sobre o uso de drogas por um de seus membros. Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]. 2008, vol.16, n.2, pp. 293-298. ISSN 0104-1169.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692008000200019.

Famílias que vivem em situação de exclusão social são vulneráveis a problemas relacionados ao uso de substâncias psicoativas. O objetivo deste estudo é identificar a percepção do uso de drogas entre familiares que vivem em situação de pobreza extrema, participantes de um grupo socioeducativo da periferia de uma cidade do interior do Estado de São Paulo. Foi realizado estudo do tipo survey, segundo enfoque quantitativo, com 70 familiares participantes dos grupos socioeducativos do Programa de Atenção Integral à Família. Os resultados indicam que 67(95,7%) são casados, com idade média de 37 anos, e a maioria possui ensino fundamental incompleto, estão desempregados e 55(78,6%) possuem algum familiar que faz uso do álcool, 52(74,3%) do cigarro e 23(32,9%) algum tipo de droga ilícita. A convivência com um familiar usuário de drogas é percebida como problema que desperta sentimento de revolta, mas também conformismo, nos demais familiares.

Keywords : drogas ilícitas; família; pobreza; desenvolvimento; fatores de risco.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Spanish | Portuguese     · pdf in English | Portuguese | Spanish