SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue1Educative institutions and the community faced with child maltreatment: an experience of participative action researchContributions of argumentative rationality for addressing ethics in school author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Educação e Pesquisa

Print version ISSN 1517-9702

Abstract

ASSIS, Raquel Martins de  and  MARTINS, Juliana de Souza. Faculdades da alma e suas implicações para a educação: saberes divulgados no século XIX. Educ. Pesqui. [online]. 2012, vol.38, n.1, pp. 97-113. ISSN 1517-9702.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-97022012000100007.

Este artigo descreve resultados de uma pesquisa que buscou investigar como o tema das faculdades da alma e de suas implicações no desenvolvimento humano e na educação da pessoa foi divulgado, ao final do século XIX, pela imprensa periódica. Esperando contribuir para a história da psicologia e da educação, o artigo apresenta a análise de escritos sobre educação moral e educação estética de uma Secção Scientífica ou Pedagógica assinada por José Miguel de Siqueira e publicada no jornal O Baependyano (1877-1889). Inicialmente, são feitas breves descrições do periódico e de sua posição na conjuntura da época, bem como do lugar em que foi publicado. Em seguida, tratamos da definição de pedagogia apresentada pelo jornal, levando em consideração as apropriações de autores estrangeiros comumente presentes no campo da educação. A pedagogia considerada moderna é definida em tais escritos como a expansão e o desenvolvimento das forças animais, racionais e morais do ser humano; sua finalidade seria a formação do homem social pronto para o trabalho e para o serviço da sociedade e do Estado. Partindo dessa discussão, abordamos as concepções de educação espontânea, educação regular e instrução contidas no periódico. A educação é entendida como a unidade entre cultura e instrução, sendo a cultura a principal responsável pelo direcionamento das faculdades da alma e pela formação moral; a instrução, por sua vez, é tomada como aquisição de conhecimentos, mas também desempenha um papel importante na formação de hábitos e costumes.

Keywords : Educação; História da psicologia; Faculdades da alma; Século XIX; Cultura impressa.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese