SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.67 número1Seasonal variations in spatial usage by the estuarine dolphin, Sotalia guianensis (van Bénéden, 1864) (Cetacea; Delphinidae) at its southern limit of distributionAnthropic effects on the fish community of Ribeirão Claro, Rio Claro, SP, Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984versión On-line ISSN 1678-4375

Resumen

WALTER, T.  y  PETRERE JR., M.. A pesca de pequena escala no Lago Paranoá Brasília, DF, Brazil. Braz. J. Biol. [online]. 2007, vol.67, n.1, pp.9-21. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842007000100003.

Em muitos centros urbanos, com corpos d'água apropriados, as pescarias de pequena escala são a única fonte de proteína barata para os pobres. No Lago Paranoá, localizado em Brasília, a atividade pesqueira foi estudada através de entrevistas com 53 pescadores que vivem em cidades satélites, de Março/1999 a Março/2000, em três comunidades pesqueiras. Nesse período os pescadores viviam nas cidades satélites em média há 21,7 anos (s = 9,6 anos), com famílias de 4,9 membros (s = 3,6) e 44,2% deles não possuíam instrução mínima. Entretanto, suas condições são semelhantes aquelas apontadas pelos indicadores socioeconômicos das áreas onde residem. A pesca, embora clandestina de 1966 a 2000, gerou um rendimento médio de U$ 239,00 (s = U$ 171,77). A tilápia do Nilo Oreochromis niloticus foi a principal espécie capturada (85% de um rendimento total em peso de 62,5 t). As pescarias foram realizadas em canoas a remo, individualmente ou em duplas. As artes empregadas foram a malhadeira e a tarrafa. A malhadeira foi empregada de modo ativo sob a forma de batida, onde se bate na água com um bastão para afugentar as tilápias em direção às redes. Essa estratégia foi empregada em 64,7% das pescarias, seguida pela tarrafa (31,1%) e pela malhadeira empregada passivamente (4,2%). O pescado foi vendido diretamente nas ruas e em feiras das cidades-satélite, por atravessadores ou donos de bar. As três comunidades de pescadores apresentam estratégias diferentes para pescar e comercializar o pescado. Assim há diferenças significativas em relação à essa fonte de renda, entre as comunidades.

Palabras clave : Pescaria continental de pequena escala; pescaria em reservatório urbano; renda proveniente da pesca; Lago Paranoá; Brasília; Brasil.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons