SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.57 número3Capture efficiency for small dominant mesozooplankters (Copepoda, Appendicularia) off Buenos Aires Province (34ºS-41ºS), Argentine Sea, using two plankton mesh sizesVirtual population analysis of two snapper species, Lutjanus analis and Lutjanus chrysurus, caught off Pernambuco State, north-eastern Brazil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Oceanography

versão On-line ISSN 1982-436X

Resumo

PETTIGROSSO, Rosa E.  e  POPOVICH, Cecilia A.. Phytoplankton-aloricate ciliate community in the Bahía Blanca Estuary (Argentina): seasonal patterns and trophic groups. Braz. j. oceanogr. [online]. 2009, vol.57, n.3, pp.215-227. ISSN 1982-436X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1679-87592009000300005.

O padrão sazonal da comunidade de fitoplâncton-ciliados aloricados é um indicador adequado das relações tróficas e reciclagem de nutrientes nos ambientes costeiros. A abundância, biomassa e composição da comunidade de fitoplâncton-ciliados foram determinadas por classes de tamanho durante um ciclo anual no estuário de Bahía Blanca. Além disso, foram estimadas também a produção e as taxas de excreção de ciliados. Uma floração de diatomáceas no período de fim de inverno e início de primavera foi o acontecimento mais importante do ciclo anual. Para avaliar a significância do tamanho do fitoplâncton em relação ao tamanho dos ciliados, foram determinadas as frações de clorofila de < 25µm e > 25 µm. A fração < 25µm foi dominante. As classes de tamanho dos ciliados determinadas entre< 103 a > 105µm3foram indicadoras dapresença dediferentes grupos tróficos e, consequentemente, da variedade das suas presas potenciais. Os ciliados pequenos dominaram em abundância e os maiores em biomassa. A abundância total de ciliados variou de 0,2 a 5,2 x 103 células L-1 e de 0,55 a 83,9 µg C L-1. A concentração de clorofila a total de até 40,4 µg L -1 foi superior às registradas em outros sistemas de estuários em regiões temperadas. Os ciliados menores foram importantes como regeneradores de nitrogênio no verão e na primavera, quando a sua produção estimada foi mais alta. A produção potencial anual de 3 mg C L-1 representa um importante parâmetro de referência na qual possíveis mudanças do status trófico deste ambiente podem ser previstas.

Palavras-chave : Ciliados aloricados; Fitoplâncton; Frações de clorofila a; Status trófico; Estuário; Argentina.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons