SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número1Conteúdo de DNA nuclear e número cromossômico de genótipos de Brachiaria spp.Análise dialélica como ferramenta na seleção de genitores em feijão índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Ciência Agronômica

versão On-line ISSN 1806-6690

Resumo

DINIZ, Josefa Diva Nogueira; ALMEIDA, Jacqueline Leite; OLIVEIRA, Alexandre Bosco de  e  VIDAL, Francisco Ronaldo. Multiplicação e enraizamento in vitro de Minirosa. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2014, vol.45, n.1, pp.68-73. ISSN 1806-6690.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902014000100009.

O trabalho teve como objetivo desenvolver uma metodologia para a micropropagação da minirosa. Foram realizados dois experimentos utilizando explantes retirados de plantas mantidas in vitro. No primeiro experimento, para multiplicação, os explantes foram inoculados em meio MS com BAP, CIN e TCT isoladamente, nas concentrações de 0,00; 0,01; 0,10; 1,00 e 10,00 mg L-1 com 15 tratamentos e 20 explantes por tratamento. Verificou-se aos 80 dias, que o BAP na concentração de 1,0 mg L-1 favoreceu a emissão de gemas e o maior peso fresco dos explantes. Para o enraizamento, foram utilizadas diferentes concentrações da formulação dos sais macronutrientes do meio MS (25; 50; 75 e 100%) combinado com diferentes concentrações de AIB (0,0; 0,1 e 1,0 mg L-1), constituindo um fatorial 4 x 3, em delineamento inteiramente casualizado para os dois experimentos. Aos 60 dias o melhor desenvolvimento das plantas com raízes normais foi observado quando se utilizou o meio MS na sua concentração normal (100%) sem AIB. Dessa forma, para a multiplicação e enraizamento in vitro de minirosa, deve ser utilizado o meio MS com 1,0 mg L-1 de BAP e o meio MS com 100% dos sais sem hormônio, respectivamente.

Palavras-chave : Micropropagação; Raízes; Rosa chinensis.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons