SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número1Efeito de temperatura, regime de luminosidade e substratos sobre a produção e germinação de picnidioporos de Stenocarpella maydis índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Acta Scientiarum. Agronomy

versão On-line ISSN 1807-8621

Resumo

GRISI, Patrícia Umeda; RANAL, Marli Aparecida; GUALTIERI, Sônia Cristina Juliano  e  SANTANA, Denise Garcia. Potencial alelopático de folhas de Sapindus saponaria L. no controle de plantas daninhas. Acta Sci., Agron. (Online) [online]. 2012, vol.34, n.1, pp. 1-9. ISSN 1807-8621.  http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v34i1.11598.

O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático do extrato aquoso de folhas jovens e maduras de Sapindus saponaria (sabão-de-soldado) na germinação de diásporos e no crescimento de plântulas de capim-arroz (Echinochloa crus-galli) e corda-de-viola (Ipomoea grandifolia). O extrato aquoso foi preparado na proporção de 100 g de folhas secas e trituradas dissolvidas em 1000 mL de água destilada, produzindo-se o extrato considerado concentrado (10%). A partir deste, foram feitas diluições em água destilada para 7,5; 5,0 e 2,5%. No teste de crescimento de plântulas comparou-se o efeito desses extratos com o herbicida nicosulfuron. Os extratos de folhas maduras e jovens causaram atraso e redução na germinação dos diásporos e no comprimento das plântulas de capim-arroz e corda-de-viola, com efeitos mais intensos na concentração de 10%. No entanto, os resultados obtidos pelo extrato de folhas jovens foram mais similares ao efeito do herbicida, mostrando que o estágio de maturação da folha de S. saponaria interfere nos seus efeitos inibitórios e que esta espécie é eficiente no controle das plantas daninhas.

Palavras-chave : alelopatia; Echinochloa crus-galli; Ipomoea grandifolia; sabão-de-soldado.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês