SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número1Repercussões da recuperação da posse de bola nos padrões de ataque de futebol de elitePercepção da imagem corporal em mulheres: prevalência e associação com indicadores antropométricos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano

versão On-line ISSN 1980-0037

Resumo

KANTHACK, Thiago Ferreira Dias; BIGLIASSI, Marcelo; VIEIRA, Lenamar Fiorese  e  ALTIMARI, Leandro Ricardo. Efeito agudo da imagética no desempenho de lances livres e percepção de autoeficácia em atletas. Rev. bras. cineantropom. desempenho hum. [online]. 2014, vol.16, n.1, pp.47-57. ISSN 1980-0037.  https://doi.org/10.5007/1980-0037.2014v16n1p47.

O esporte cada vez mais diferencia vencedores e perdedores por mínimos detalhes. No basquetebol um fator diferenciador é o lance livre. Sessões de imagética motora (IMA) vêm sendo estudada como um ergogênico sobre o desempenho de lance livre, porém, pouco se estuda o seu efeito agudo, principalmente, em atletas. O objetivo desse estudo foi verificar o efeito de uma sessão prévia de treinamento mental sobre o desempenho no lance livre e na percepção de autoeficácia de jovens atletas. Participaram do estudo 11 atletas juvenis da Federação Paulista de Basquete. Na condição IMA, foram submetidos a 1 minuto de vídeo + 3 minutos de imagética, seguidos de 10 lances livres, e no controle, 4 minutos de repouso seguidos de 10 lances livres. O questionário de autoeficácia foi preenchido antes e após a intervenção. Para análise estatística, foram utilizados os testes U de Mann-Withney, Wilcoxon e o Smallest Wothwhille Change (SWC). Não foi encontrada diferença entre a mediana dos grupos, porém, o SWC apontou uma possibilidade de 84% de efeito benéfico do treinamento mental sobre o desempenho para até 2 lances livres. Concluiu-se que a imagética motora prévia tem 84% de chance de causar um efeito benéfico sobre o desempenho de lance livre em até 2 arremessos.

Palavras-chave : Autoeficácia; Desempenho atlético; Psicologia aplicada.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )