SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 issue20SLAVE INSURANCE AND PRICING IN NINETEENTH CENTURY BRAZILIAN SLAVE SOCIETYJOÃO VICENTE MARTINS: DEL PERSONAL A LAS DISCUSIONES SOBRE LAS NACIONALIDADES author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Almanack

On-line version ISSN 2236-4633

Abstract

RIBEIRO, Filipe Nicoletti. A “CONSTITUINTE CONSTITUÍDA”: O PODER MODERADOR, O MINISTÉRIO SINIMBU E O PARLAMENTO NOS ANTECEDENTES DA ADOÇÃO DA ELEIÇÃO DIRETA NO IMPÉRIO DO BRASIL (1878-1880)*. Almanack [online]. 2018, n.20, pp.242-265. ISSN 2236-4633.  http://dx.doi.org/10.1590/2236-463320182011.

O presente artigo aborda a trajetória política do ministério liberal chefiado por João Lins Vieira Cansanção de Sinimbu (1878-1880), especialmente no que diz respeito à preeminente questão eleitoral. Argumenta-se que os motivos para o fracasso da proposta de adoção da eleição direta por vias constitucionais estiveram diretamente ligados à percepção da influência sobressaliente da Coroa na política ministerial. Não obstante as perspectivas bastante distintas que possuíam liberais e conservadores quanto à natureza da reforma pretendida, a rejeição compartilhada ao projeto governamental acabou por uni-los no combate ao gabinete chefiado pelo senador alagoano. Em tal contexto, aumentou a aceitação de uma reforma eleitoral por vias ordinárias, em que coubesse ao Parlamento a palavra final sobre o tema.

Keywords : Império do Brasil; forma constitucional; Parlamento; eleições; partidos políticos..

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )