SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.49 issue4Referred morbidity and health services use in the district of São Benedito do Rio Preto - Maranhão - 1995Nursing diagnosis for head injury patients and for relative and/or significant person author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Enfermagem

Print version ISSN 0034-7167

Rev. bras. enferm. vol.49 no.4 Brasília Oct./Dec. 1996

http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71671996000400006 

ARTIGOS

 

Reinternação pediátrica: conhecendo a magnitude do problema

 

Pediatric readmission: knowing the extension of the problem

 

 

Lélia Maria MadeiraI; Emiko Yoshikawa EgryII; Nágela Cristine Pinheiro SantosIII

IDoutoranda em Enfermagem da Esc. Enf. USP, Mestra em Enf. Pediátrica, Profa. Adjunta da Esc. Enf. UFMG
IILivre Docente, Doutora em Enfermagem, Prof. Associado da Esc. Enf. USP
IIIAluna do Curso de Graduação da Esc. Enf. UFMG, Bolsista de Iniciação Científica do CNPq

 

 


RESUMO

As internações sucessivas de crianças têm sido objeto de estudo de autores, tanto nacionais como internacionais. Embora quase todos reconheçam a interrelação entre este fenômeno com as condições de vida da criança e a qualidade da assistência oferecida pelos serviços de saúde, a falta de critérios mais precisos fazem com que, de fato, não se conheça a magnitude do problema e, principalmente, as razões para a ocorrência tão freqüente em nosso meio. Esta pesquisa exploratória- descritiva, parte de um projeto mais amplo e buscou conhecer a magnitude do problema das reinternações, através da caracterização das crianças reinternadas em uma instituição hospitalar. Foi realizada no Centro Geral de Pediatria (CGP). de Belo Horizonte, Minas Gerais, no período de janeiro a dezembro de 1993. Os dados foram coletados, principalmente nos prontuários e registros de internações. Entre os resultados as reinternações infantís extrapolam os dados oficiais do próprio hospital; há predomínio de estados mórbidos evitáveis como desencadeadores das reinternações; a maioria das crianças provém de zonas periféricas do Município, onde se concentra a população de baixa renda e de condições precárias de vida, entretanto os critérios adotados pela instituição são insuficientes para refletir a magnitude deste problema.

Unitermos: Assistência à criança - Criança hospitalizada - Reinternação em pediatria.


ABSTRACT

Child readmission has been studied by many authors both in Brazil and abroad. Although most of them have mentioned the relationship between readmissions, child life conditions and quality of health service provided, there is a lack of accurate criteria to realize the real extension of the problem and why it occurs so much in our reality. This explorative-descriptive study, as part of a major research, attempted to understand the problem of children readmission in the Centro Geral de Pediatria (CGP), a pediatric hospital in Belo Horizonte, Minas Gerais, from January to December, 1993. The results showed that children readmissions are more frequent than it has been recorded by the Hospital; there is a predominance of avoidable diseases as cause of readmissions, and most of rehospitalized children came from the surroundings of the capital city where the poor population live in precarious life conditions. So, the data showed that the Institution criteria have not been sufficient to highlight the extension of the problem.

Keywords: Child assistance - Hospitalized child - Pediatric readmission.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

BIBLIOGRAFIA

1. BARBOSA, L.T. Aspectos psicossociais da assistência à criança. São Paulo: Nestlé Serviço de Informação Científica/s.d/ (Temas de Pediatria, n. 9).         [ Links ]

2. BRASIL. Lei nº 8069 -13 Jul. 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente. Brasília. Presidência da República. 1990. 46 p.         [ Links ]

3. BRASIL. Ministério da Saúde. Assistência e controle das infecções respiratórias agudas. Brasília, 1985.         [ Links ]

4. CONRAD, P.D. "et al". Safety of newborn discharge in less than 36 hours in an indigent population. A.J.D.C. v. 143, p.98-101, Jan., 1989.         [ Links ]

5. EBRAHIM, C. J. Social and community pediatrics in developing countries: caring for the rural and urban poor. London: Macmillan, 1985.         [ Links ]

6. GLASGOW, AM. "et al". Readmissions of children with diabetes mellitus to a children's hospital. Pediatrics. v.88, n.1, p.98-104,jul., 1991.         [ Links ]

7. LAURENTI, R. "et al". Estatísticas de saúde. 2 ed. São Paulo: EPU, 1987. 186 p.         [ Links ]

8. MADELEY, R.J. Relating child health services to needs by the use of simple epidemiology. Publ. Heath. v.92, n. ,p.224-230, 1978.         [ Links ]

9. NICOLL, A "et al". The child health clinic: results of a new strategy of community care in a deprived area. The Lancet. v.1, p.606 - 608, 1986.         [ Links ]

10. ORTIZ, L.P. Características da mortalidade no Brasil - São Paulo. In: SPINOLA, AW. de P. et al (coord.) Pesquisa social em saúde. São Paulo: Cortez., 1992. p. 152-165.         [ Links ]

11. RANNA, W. "et al". Atuação da equipe multidisciplinar em enfermaria pediátrica com pais participantes. Pediatria. v. 15, n. 2, p.5-11, 1993.         [ Links ]

12. REFINETTI, P. "et al". Análise das reinternações e estado nutritivo em crianças hospitalizadas. J. Ped. v.52, n.5, p.331-334, 1982.         [ Links ]

13. UNICEF. Serviços básicos para crianças e mulheres do meio urbano pobre. Relatório do diretor executivo. Brasil, 1984.         [ Links ]

14. VICTORA, C. G "et al". Epidemiologia da desigualdade: um estudo longitudinal de 6.000 crianças brasileiras. São Paulo: Hucitec. 1988. 187p.         [ Links ]

15. WILSON, M.D. et al. Rehospitalization of infants born to adolescent mothers. J. of Adol. Heath Care. v.11, p.510-515, 1990.         [ Links ]

16. SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE. Projeto de vigilância à mortalidade infantil.. Belo Horizonte, MG, 1993. 20p.         [ Links ]

 

 


ANEXO - Clique para ampliar

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License