SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue3NH3-N volatilization in corn crop:: II- evaluation of solid and fluid sources under no-tillage and conventional systemsAgronomic effectiveness of fluid and solid phosphate fertilizers author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Ciência do Solo

On-line version ISSN 1806-9657

Rev. Bras. Ciênc. Solo vol.21 no.3 Viçosa July/Sept. 1997

http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06831997000300020 

SEÇÃO VIII - FERTILIZANTES E CORRETIVOS

 

Eficiência relativa de fertilizantes fosfatados no crescimento inicial de eucalipto cultivado em solos do cerrado(1)

 

Relative efficiency of phosphate fertilizers on the initial growth of eucalypt in soils from cerrado region

 

 

J.L. GavaI; J.L.M. GonçalvesII; F.Y. ShibataIII; L. CorradiniIV

IEngenheiro Florestal da Cia Suzano, Caixa Postal 228, CEP 18200-000 Itatinga (SP)
IIProfessor Associado do Departamento de Ciências Florestais da ESALQ, Caixa Postal 9, CEP 13418-900 Piracicaba (SP). Bolsista do CNPq. E-mail: jlmgonca@carpa.ciagri.usp.br
IIIEstudante de Engenharia Florestal da ESALQ, Caixa Postal 9, CEP 13418-900 Piracicaba (SP)
IVEngenheiro Florestal da Consultoria Florestal, Rua Vicente de Carvalho, 364, sala 110, CEP 14020-040 Ribeirão Preto (SP)

 

 


RESUMO

Tendo como objetivo avaliar a eficiência relativa do superfosfato simples (SS), fosfato parcialmente acidulado (FAPS) e termofosfato magnesiano (TERM) como fonte de P e outros nutrientes para o cultivo de plantações de eucalipto, em dois solos da região dos Cerrados, uma areia quartzosa (50 g kg-1 de argila) álica e um latossolo vermelho-escuro (230 g kg-1 de argila) álico, foi realizado este experimento, sob condições de casa de vegetação, na ESALQ/USP, Piracicaba (SP), em 1993. Subamostras do AQ receberam 0, 75, 150 e 300 mg kg-1 de P e, do LE, 0, 125, 250 e 500 mg kg-1 de P no solo. As doses de P foram estimadas com base na solubilidade dos adubos; SS e FAPS, em citrato de amônio, e TERM, em ácido cítrico 20 g L-1. Em cada vaso (5 kg de solo), deixou-se uma planta de Eucalyptus grandis por 90 dias após a emergência e desbaste das plântulas. Paralelamente ao experimento em casa de vegetação, subamostras de todos os tratamentos, com 2 kg de solo, foram incubadas no interior de sacos plásticos por 0, 10, 20, 40, 60 e 80 dias. Ao término de cada período de incubação, os solos eram amostrados e analisados. Mediante o cálculo de índices de eficiência relativa entre os adubos, verificou-se que o TERM foi superior 64% ao SS e 57% ao FAPS no solo AQ. No LE, o SS foi superior 55% ao TERM e 34% ao FAPS. O TERM foi a fonte de P que promoveu os maiores acréscimos do nível de fertilidade dos solos, com expressiva elevação do pH do solo, redução das concentrações de Al e aumento daquelas de Ca e Mg. Os ganhos de produção das mudas de eucalipto foram altamente correlacionados com a absorção de P, K, Ca, Mg e Zn. O TERM proporcionou as maiores absorções desses nutrientes no solo AQ e, as menores, de P, Ca e Zn no LE. As distintas respostas de crescimento para os adubos avaliados, em ambos os solos, sobretudo para TERM e SS, foram atribuídas, em grande parte, aos efeitos secundários das fontes de P sobre a fertilidade dos solos.

Termos de indexação: eucalipto, eficiência de adubos fosfatados, fosfato parcialmente acidulado, superfosfato simples, termofosfato magnesiano e região dos Cerrados.


SUMMARY

The objective of this study was to assess the relative efficiency of single superphosphate (SS), partially acidulated rock phosphate (PARP) and fused magnesium thermal phosphate (MTP) as sources of P and other nutrients for eucalypt plantations in two soils of the cerrado region: an alic quartz-sand (50 g kg-1 of clay) and an alic dark-red latosol (230 g kg-1 of clay). Experiments were carried out under greenhouse conditions at the University of São Paulo, Piracicaba, State of São Paulo, Brazil, in 1993. Sub-samples of quartz-sand received 0, 75, 150 and 300 mg kg-1 of P in the soil, and dark-red latosol, 0, 125, 250 and 500 mg kg-1 of P in the soil. The P doses were estimated on the basis of the solubility of the fertilizers SS and PARP in ammonium citrate, and MTP in 20 g L-1 citric acid. Eucalyptus grandis seedlings were grown, individually, in pots containing 5 kg of soil, for 90 days after emergence. Parallel to the greenhouse experiment, soil sub-samples of each treatment, 2 kg weight, were incubated in plastic bags for periods of 0, 10, 20, 40, 60 and 80 days. At the end of each incubation period, they were sampled and analysed. The relative efficiency indexes between the fertilizers indicated that MTP was superior 64% to SS and 57% to PARP, in the quartz-sand. In the dark-red latosol, SS was superior 55% to MTP and 34% to PARP. The MTP was the P source that induced the higher increase in the soil fertility level, with a significant pH increase, reduction of Al concentration and increase in Ca and Mg concentration. The increasing yield of the eucalypt seedlings was highly correlated to P, K, Ca, Mg and Zn uptake. MTP provided the highest uptake of these nutrients in quartz-sand and the lowest uptake of P, Ca and Zn in dark-red latosol. The distinct growing responses to the fertilizers, particularly to MTP and to SS, in both soils, were largely due to secondary effects of the P sources on the soil fertility.

Index terms: eucalypt, relative efficiency of P fertilizers, single superphophate (SS), partially acidulate rock phosphate (PARP), magnesium thermal phosphate (MTP), cerrados.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

AGRADECIMENTOS

À FAPESP, pela bolsa de iniciação científica concedida ao primeiro autor desta pesquisa, que muito contribuiu para seu aprimoramento profissional.

 

LITERATURA CITADA

BALLARD, R. Fertilization of plantations. In: BOWEN, G.D. & NAMBIAR, E.K.S. Nutrition of plantation forests. London, Academic Press, 1984. p.327-60.         [ Links ]

BARROS, N.F.; NOVAIS, R.F. & NEVES, J.C.L. Fertilização e correção do solo para o plantio de eucalipto. In: BARROS, N.F. & NOVAIS, R.F., eds., Relação solo-eucalipto. Viçosa, Editora Folha de Viçosa, 1990. p.127-186.         [ Links ]

BÜLL, L.T.; LACERDA, S. & NAKAGAWA, J. Alterações em propriedades químicas no solo e eficiência agronômica de termofosfatos. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 25., Viçosa, 1995. Resumos Expandidos. Viçosa, SBCS, 1995. p. 2217-2219.         [ Links ]

DANTAS, S.V. Avaliação da eficiência de fosfatos em plantios de Eucalyptus grandis. Viçosa, Universidade Federal de Viçosa, 1988. 141p. (Tese de Doutorado)        [ Links ]

GOEDERT, W.J. & SOUZA, D.M.G. Uso eficiente de fertilizantes fosfatados. In: SIMPÓSIO SOBRE FERTILIZANTES NA AGRICULTURA BRASILEIRA, Brasília, 1984. Anais. Brasília, EMBRAPA, 1984. p.255-289.         [ Links ]

GONÇALVES, J.L.M. Recomendações de adubação para Eucalyptus, Pinus e espécies típicas da Mata Atlântica. Documentos Florestais, Piracicaba, 15:1-23, 1995.         [ Links ]

GONÇALVES, J.L.M.; BARROS, N.F.; NEVES, J.C.L. & NOVAIS, R.F. Níveis críticos de fósforo no solo e na parte aérea de eucalipto na presença e ausência de calagem. Rev. Árv., Viçosa, 10:91-104, 1996.         [ Links ]

GONÇALVES, J.L.M.; BARROS, N.F.; NAMBIAR, E.K.S. & NOVAIS, R.F. Soil and stand management for intensive short-rotation plantations. In: NAMBIAR, S. & BROWN, A., eds. Management of soil, water and nutrients in tropical plantation forests. Canberra, CSIRO/ACIAR/CIFOR, 1997. cap.11. (no prelo)        [ Links ]

GONÇALVES, J.L.M.; NOVAIS, R.F.; BARROS, N.F.; NEVES, J.C.L. & RIBEIRO, A.C. Cinética de transformação de fósforo lábil em não lábil, em solos de Cerrado. R. bras. Ci. Solo, Campinas, 13:13-224, 1989.         [ Links ]

GUERRINI, I.A.; VILLAS BÔAS, R.L.; KORMAN, V. & YASUDA, M. Efeito de fontes de fósforo sobre o desenvolvimento inicial de Eucalyptus grandis. In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 21., Petrolina, 1994. Anais. Petrolina, SBCS, 1994. p.10-11.         [ Links ]

HERBERT, M.A. The response of Eucalyptus grandis to fertilising with nitrogen, phosphorus, potassium and dolomitic lime on a Mispah soil series. South Afr. For. J., Pretoria, 124:4-12, 1983.         [ Links ]

HERBERT, M.A. & SCHÖNAU, A.P.G. Fertilising commercial forest species in Southern Africa: research progress and problems. Pt.1. South Afr. For. J., Pretoria, 151:58-70, 1989.         [ Links ]

LEAL, P.G.L.; BARROS, N.F.; NOVAIS, R.F.; NEVES, J.C.L. & TEXEIRA, J.L. Biomassa e conteúdo de nutrientes em Eucalyptus grandis influenciados pela aplicação de fosfatos naturais em solos de cerrado. Rev. Árv., Viçosa, 12:165-182, 1988.         [ Links ]

NOVAIS, R.F.; BARROS, N.F. & NEVES, J.C.L. Nutrição mineral do eucalipto. In: BARROS, N.F & NOVAIS, R.F., eds. Relação solo-eucalipto. Viçosa, Editora Folha de Viçosa, 1990. 330p.         [ Links ]

NOVAIS, R.F.; BARROS, N.F.; NEVES, J.C.L. & COUTO, C. Níveis críticos de fósforo para o eucalipto. Rev. Árv., Viçosa, 6: 29-37, 1982.         [ Links ]

RAIJ, B. VAN; QUAGGIO, J.A.; CANTARELLA, H.; FERREIRA, M.E.; LOPES, A.S. & BATAGLIA, O.C. Análise química do solo para fins de fertilidade. Campinas, Fundação Cargill, 1987. 170p.         [ Links ]

REZENDE, G.V.; BARROS, N.F.; MORAES, T.S.A.; MENDES, C.J. & SUITER FILHO, W. Aplicação de fosfatos naturais em plantios de Eucalyptus grandis W. Hill ex Maiden. Rev. Árv., Viçosa, 6:74-83, 1982.         [ Links ]

SARRUGE, J.R. & HAAG, H.P. Análise química em plantas. Piracicaba, ESALQ, 1974. 56p.         [ Links ]

SILVA, J.T.A. & BRAGA, J.M. Influência de características físicas e químicas sobre o fator capacidade-tampão de fósforo em latossolos do Estado de Minas Gerais. R. Ceres, Viçosa, 232:575-583, 1993.         [ Links ]

 

 

Recebido para publicação em junho de 1996
Aprovado em junho de 1997

 

 

(1) Parte do trabalho de pesquisa do primeiro e do terceiro autores, como bolsistas de iniciação científica da FAPESP, no Departamento de Ciências Florestais da ESALQ.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License