SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número2Análise de crescimento de minimilho submetido a lâminas de irrigaçãoCaracterização de manejos das principais culturas agrícolas na área de entorno do Parque Estadual de Vila Velha, Paraná, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

  • Português (pdf)
  • Artigo em XML
  • Como citar este artigo
  • SciELO Analytics
  • Curriculum ScienTI
  • Tradução automática

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Acta Scientiarum. Agronomy

versão On-line ISSN 1807-8621

Acta Sci., Agron. vol.30 no.2 Maringá abr./jun. 2008

http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v30i2.1731 

PRODUÇÃO VEGETAL VEGETABLE PRODUCTION

 

Avaliação de cultivares de soja quanto à tolerância ao estresse hídrico em substrato contendo polietileno glicol

 

Evaluation of soybean cultivars regarding tolerance to water stress in substrat containing polyethylene glycol

 

 

Leandra Regina TexeiraI, *; Alessandro de Lucca e BracciniII; Décio SperandioII; Carlos Alberto ScapimII; Ivan SchusterIII; Joselaine ViganóI

IPrograma de Pós-graduação em Genética e Melhoramento, Universidade Estadual de Maringá, Av. Colombo, 5790, 87020-900, Maringá, Paraná, Brasil
IIDepartamento de Agronomia, Universidade Estadual de Maringá, Maringá, Paraná, Brasil. 3Cooperativa Central de Pesquisa Agrícola, Cascavel, Paraná, Brasil

 

 


RESUMO

O trabalho teve por objetivo avaliar genótipos de soja quanto à tolerância ao estresse hídrico, em substrato embebido com polietileno glicol (PEG 6000). Foram utilizadas sementes armazenadas por um ano, em condições não-controladas de laboratório das cultivares: CD 201, CD 202, CD 204, CD 205, CD 206, CD 208, CD 215, CD 216, Embrapa 48, BRS 132, BRS 184 e BRS 212. As avaliações consistiram em submeter às sementes aos testes de germinação, classificação do vigor das plântulas, comprimento e biomassa seca das plântulas, em condição de estresse hídrico, utilizando dois níveis de potencial osmótico (zero e -0,1 MPa). As cultivares foram agrupadas em diferentes classes de tolerância à seca, em razão da redução percentual nas características avaliadas {% Redução = [1-(Germinação ou Vigor em PEG 6000 / Germinação ou Vigor em água)] x 100}, pela técnica de análise de agrupamento, segundo o método hierárquico do vizinho mais próximo. Os genótipos de soja apresentaram comportamento diferenciado quanto à tolerância à condição de estresse hídrico. A cultivar Embrapa 48 apresentou a maior tolerância à seca. Comparando os resultados obtidos pela análise multivariada e pelo método de agrupamento de Scott-Knott, observou-se boa concordância entre os dois métodos na constituição dos grupos. O método utilizado e o procedimento estatístico adotado permitiram diferenciar as cultivares de soja em um curto período de tempo.

Palavras-chave: Glycine max (L.) Merrill, sementes, potencial osmótico, germinação, estresse hídrico.


ABSTRACT

The objective of this work was to evaluate the tolerance of soybean genotypes to water stress in substract soaked with polyethylene glycol (PEG 6000). The study used seeds stored for one year in laboratory uncontrolled conditions, of the following cultivars: CD 201, CD 202, CD 204, CD 205, CD 206, CD 208, CD 215, CD 216, Embrapa 48, BRS 132, BRS 184 and BRS 212. The soybean seeds were evaluated through germination tests, seedling vigor classification tests, seedling length and dry biomass, under water stress conditions using two levels of osmotic potential (0.0 and -0.1 MPa). Cultivars were them grouped in different levels of drought tolerance, by the percentage reduction in the appraised characteristics {% Reduction = [1-(Germination or Vigor in PEG 6000 / Germination or Vigor in water)] x 100}, for the technique of grouping analysis, according to the nearest neighbor hierarchical method. The soybean genotypes presented differentiated behavior regarding drought tolerance. The Embrapa 48 cultivar presented the greatest tolerance to water stress. Comparing the results obtained by multivariate analysis and by the Scott-Knott grouping method, good concordance was observed between the two methods in the constitution of the groups. The method used and the statistical procedure adopted allowed to differentiate the soybean cultivars in a short period of time.

Keywords: Glycine max (L.) Merrill, seeds, osmotic potential, germination, water stress.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

 

Referências

BOREM, A. Melhoramento de espécies cultivadas. Viçosa: UFV, 1999.         [ Links ]

BRACCINI, A.L. Relação entre potencial hídrico, condicionamento osmótico e qualidade fisiológica de sementes de soja (Glycine max (L.) Merrill). 1996. Tese (Doutorado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 1996.         [ Links ]

BRACCINI, A.L. et al. Germinação e vigor de sementes de soja sob estresse hídrico induzido por soluções de cloreto de sódio, manitol e polietileno glicol. Rev. Bras. Sementes, Brasília, v. 18, n. 1, p. 10-16, 1996.         [ Links ]

BRACCINI, A.L et al. Influência do potencial hídrico induzido por polietilenoglicol na qualidade fisiológica de sementes de soja. Pesq. Agropecu. Bras., Brasília, v. 33, n. 9, p. 1451-1459, 1998.         [ Links ]

BRASIL. Ministério da Agricultura e Reforma Agrária. Regras para análise de sementes. Brasília: SNAD/DNDV/ CLAV, 1992.         [ Links ]

CASAGRANDE, E.C. et al. Expressão gênica diferencial durante déficit hídrico em soja. Rev. Bras. Fisiol. Veg., Campinas, v. 13, n. 2, p. 168-184, 2001.         [ Links ]

CODETEC-Cooperativa Central de Pesquisa Agrícola. Guia de Produtos 2005. Cascavel: Codetec, 2005. 147p.         [ Links ]

CRUZ, C.D.; REGAZZI, A.J. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. 2. ed. Viçosa: UFV, 1997.         [ Links ]

CRUZ, C.D.; VIANA, J.M.S. A methodology of genetic divergence analysis based on sample unit projection on two-dimensional space. Rev. Bras. Genet., Ribeirão Preto, v. 17, n. 1, p. 69-73, 1994.         [ Links ]

EMBRAPA-Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Centro Nacional de Pesquisa de Soja. Cultivares de soja 2003/2004: Região Centro-Sul. Londrina: Embrapa Soja; Fundação Meridional, 2003. (Documentos, 223).         [ Links ]

FARIAS, J.R.B. et al. Caracterização das respostas da cultura da soja aos elementos do clima. Resultados de pesquisa da Embrapa Soja. Londrina: Embrapa Soja, 1999. (Documentos, 142).         [ Links ]

MICHEL, B.E.; KAUFMANN, M.R. The osmotic potential of polyethylene glycol 6000. Plant Physiol., Rockville, v. 51, p. 914-916, 1973.         [ Links ]

NAKAGAWA, J. Testes de vigor baseados na avaliação das plântulas. In: VIEIRA, R.D.; CARVALHO, N.M. (Ed.). Testes de vigor em sementes. Jaboticabal: Funep, 1994. p. 49-86.         [ Links ]

NEUMAIER, N. et al. O. Bases agronômicas e fisiológicas das respostas da soja à disponibilidade hídrica. In: EMBRAPA-Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Resultados de pesquisa da Embrapa Soja 2000: ecofisiologia e biologia molecular. Londrina: Embrapa Soja, 2001. p. 8-12. (Documentos, 164).         [ Links ]

OYA, T. et al. Drought tolerance characteristics of Brazilian soybean cultivars. Plant Prod. Sci., Tokyo, v. 7, n. 2, p. 129-137, 2004.         [ Links ]

ROCHA, V.S. et al. Embebição de água e qualidade fisiológica de sementes de soja. Rev. Bras. Sementes, Brasília, v. 6, n. 2, p. 51-66, 1984.         [ Links ]

ROSSETO, C.A.V. et al. Efeito da disponibilidade hídrica do substrato, da qualidade fisiológica e do teor de água inicial das sementes de soja no processo de germinação. Sci. Agric., Piracicaba, v. 54, n. 1-2, p. 97-105, 1997.         [ Links ]

SA, M.E. Relações entre qualidade fisiológica e disponibilidade hídrica e desempenho de sementes de soja (Glycine max (L.) Merrill). 1987. Dissertação (Mestrado)-Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", Universidade de São Paulo, Piracicaba, 1987.         [ Links ]

SAS Institute. System for information 6.11. Cary: SAS Inst., 1996.         [ Links ]

SCAPIM, C.A. et al. Avaliação da diversidade genética em Eucalyptus camaldulensis Dehnh, por meio da análise multivariada. Rev. Ceres, Viçosa, v. 6, n. 266, p. 347-356, 1999.         [ Links ]

SCOTT, A.; KNOTT, M. Cluster-analysis method for grouping means in analysis of variance. Biometrics, Washington, D.C., v. 30, n. 3, p. 507-512, 1974.         [ Links ]

STATSOFT. Statistica: data analysis software system, version 7. Tulsa, 2004. Disponível em: <http://www.statsoft.com>. Acesso em: 25 jul. 2005.         [ Links ]

TURNER, N.C. Further progress in crop water relations. Adv. Agron., San Diego, v. 58, p. 293-338, 1997.         [ Links ]

VILLELA, F.A. et al. Tabela de potencial osmótico em função da concentração de polietilenoglicol 6000 e da temperatura. Pesq. Agropecu. Bras., Brasília, v. 26, p. 1957-1968, 1991.         [ Links ]

 

 

Received on September 06, 2006.
Accepted on August 22, 2007.

 

 

* Autor para correspondência. E-mail: leandra_texeira@yahoo.com.br

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons