SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue1User satisfaction with the care of nurses author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Gaúcha de Enfermagem

On-line version ISSN 1983-1447

Rev. Gaúcha Enferm. vol.38 no.1 Porto Alegre  2017  Epub June 05, 2017

http://dx.doi.org/10.1590/1983-1447.2017.01.73195 

Editorial

Comunicação da produção cientifica e visibilidade do conhecimento na enfermagem

Gisela Maria Schebella Souto de Mouraa 

Agnes Olschowskya 

a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Escola de Enfermagem, Direção. Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.

A Revista Gaúcha de Enfermagem descortina o ano de 2017 com uma preciosa edição de artigos elaborados por dedicados e curiosos pesquisadores, contemplando estudos na área da saúde mental, criança, adolescentes e adultos.

Segurança do paciente é uma das temáticas abordadas neste número. Para a enfermagem, é um tópico antigo de preocupação, pois inicia-se com Florence Nightingale e o cuidado aos pacientes livre de danos. No contexto atual dos serviços de saúde, ganhou destaque internacional com a publicação do relatório “Errar é Humano” em 1999 e, na sequência, com a Aliança Mundial para Segurança do Paciente lançada pela da Organização Mundial da Saúde em 2004 e, no âmbito brasileiro, com Programa Nacional de Segurança do Paciente em 2013.

A área de administração está contemplada com estudos sobre educação permanente, qualidade de vida de trabalhadores e autonomia profissional. A satisfação do usuário considera a proposta da ausculta ao usuário como um dos elementos de avaliação do atendimento de enfermagem e, com isto, traz sua contribuição para gestão e qualificação da enfermagem no Sistema Único de Saúde (SUS). A desafiadora discussão acerca da liderança em enfermagem está presente, agregando reflexões sobre esta inesgotável questão de pesquisa.

A publicação apresenta, ainda, artigos com o foco no cuidado de enfermagem na transfusão sanguínea em recém-nascidos, ao apoio às famílias de pacientes pediátricos e relacionamento terapêutico em saúde mental. Os temas de HIV/AIDS e tabagismo agregam conhecimento para a prática profissional.

Também se encontram artigos enfocando à docência no ensino superior em enfermagem e o uso da tecnologia da informação como estratégia educativa para familiares e análise de vídeos informativos na internet.

Os variados métodos de pesquisa utilizados nos artigos selecionados configuram-se como outra característica desta edição. Estudos de natureza quantitativa e qualitativa, revisões integrativas, estudo de caso e relato de experiência, tradução, adaptação e validação de escala, possibilitam aos leitores agregar elementos para qualificar seu conhecimento científico e sua prática profissional.

Neste compasso, a RGE segue realizando sua missão de divulgar o conhecimento científico em enfermagem e saúde, contribuindo para a visibilidade das pesquisas no contexto nacional e internacional.

O movimento contínuo, ao longo dos seus 40 anos de história, lhe permite chegar à maturidade com uma bagagem de experiências, desafios, vitórias e conquistas na superação de dificuldades, atestando seu compromisso com a comunicação do conhecimento produzido na Enfermagem e Saúde, propiciando o alcance de informações e reflexões, que direcionam para novas questões, novas descobertas e transformações que nos conectam e nos responsabilizam com as necessidades sociais.

A RGE além de atender as expectativas de ensino, pesquisa e extensão da comunidade da Escola de Enfermagem, tem possibilitado a expansão, o desenvolvimento da instituição no cenário acadêmico, pois nos conecta com o futuro, estimulando a internacionalização, a manutenção das parcerias e a integração entre as diferentes áreas de conhecimento, incentivando assim, a interdisciplinaridade e a inovação.

Afirmamos a RGE é um periódico que cresce, se desenvolve e se transforma conjuntamente com a sociedade, assumindo sua relevância social enquanto possibilidade de formação e produção de saúde da população.

Creative Commons License  This is an Open Access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution License, which permits unrestricted use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited.