Zika, protagonismo feminino e cuidado: ensaiando zonas de contato

Zika, protagonismo femenino y cuidado: ensayo de zonas de contacto

Martha Cristina Nunes Moreira Corina Helena Figueira Mendes Marcos Nascimento Sobre os autores

Neste ensaio iluminamos temas lançados ao debate pós-epidemia de Zika Vírus (ZIKAV) na vida de mulheres e crianças. Analisamos 23 artigos, publicados entre 2016 e 2017, selecionados em periódicos brasileiros, no campo das Ciências Sociais e Humanas em Saúde. Há um discurso mestiço de reivindicação por direitos – grandes narrativas de apelo social e explicação pelas forças sociais de um Estado negligente – associado a pequenas narrativas de cuidado de um filho com deficiência. Provisoriamente, concluímos que a zona de contato se dá pelo movimento de resgate das pequenas narrativas na tradução das iniquidades produzidas pelo Estado na vida das pessoas comuns.

Deficiência; Mulheres; Crianças; Cuidado; Zika


UNESP Distrito de Rubião Jr, s/nº, 18618-000 Campus da UNESP- Botucatu - SP - Brasil, Caixa Postal 592, Tel.: (55 14) 3880-1927 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: intface@fmb.unesp.br