Iheringia. Série Zoologia, Volume: 101, Issue: 1-2, Published: 2011
  • Population dynamics of the pea crab Austinixa aidae (Brachyura, Pinnotheridae): a symbiotic of the ghost shrimp Callichirus major (Thalassinidea, Callianassidae) from the southwestern Atlantic

    Peiró, Douglas F; Mantelatto, Fernando L

    Abstract in Portuguese:

    Pinnotheridae constitui um dos mais diversos e complexos grupos de caranguejos, sendo muitos deles simbiontes de uma grande variedade de invertebrados. O presente estudo descreve a dinâmica populacional do caranguejo pinoterídeo Austinixa aidae (Righi, 1967), um simbionte que vive associado às galerias do "corrupto" Callichirus major (Say, 1818). Os exemplares (n = 588) foram coletados a cada dois meses entre maio de 2005 e setembro de 2006, em uma praia arenosa no litoral de São Paulo, Brasil. Nossos resultados indicaram que a população de A. aidae foi caracterizada por uma distribuição bimodal em classes de tamanho (entre 2,0 e 4,0 mm (CC: comprimento da carapaça) e entre 8,0 e 9,0 mm (CC)), padrão constante ao longo do período de estudo. A razão sexual não diferiu significativamente de 1:1 (p > 0,05), confirmando o padrão observado para outros pinoterídeos simbiontes. Os valores de densidade desta espécie (1,72 ± 1,34 indivíduos por toca) estão de acordo com os estabelecidos para o gênero. A incidência média (75,6%) está entre as mais altas das espécies de Pinnotheridae, entretanto é a menor dentre as três espécies do gênero já estudadas. O padrão de recrutamento foi anual (tendo início em maio e atingindo maior proporção em julho, nos dois anos de estudo), e foi registrado após os picos de ocorrência de fêmeas ovígeras na população (de março a maio). Nossos resultados confirmam que A. aidae possui padrões ecológicos e biológicos similares aos desenvolvidos pelas espécies do gênero, mesmo em diferentes localidades.

    Abstract in English:

    The Pinnotheridae family is one of the most diverse and complex groups of brachyuran crabs, many of them symbionts of a wide variety of invertebrates. The present study describes the population dynamics of the pea crab Austinixa aidae (Righi, 1967), a symbiont associated with the burrows of the ghost shrimp Callichirus major (Say, 1818). Individuals (n = 588) were collected bimonthly from May, 2005 to September, 2006 along a sandy beach in the southwestern Atlantic, state of São Paulo, Brazil. Our data indicated that the population demography of A. aidae was characterized by a bimodal size-frequency distribution (between 2.0 and 4.0 mm and between 8.0 and 9.0 mm CW) that remained similar throughout the study period. Sex ratio does not differ significantly from 1:1 (p > 0.05), which confirms the pattern observed in other symbiontic pinnotherids. Density values (1.72 ± 1.34 ind. • ap.-1) are in agreement with those found for other species of the genus. The mean symbiosis incidence (75.6%) was one of the highest among species of the Pinnotheridae family, but it was the lowest among the three studied species of the genus. Recruitment pattern was annual, beginning in May and peaking in July, in both years, after the peak of ovigerous females in the population (from March to May). Our findings describe ecological and biological aspects of A. aidae similar to those of other species of this genus, even from different geographic localities.
  • Avaliação da comunidade de macroinvertebrados aquáticos como ferramenta para o monitoramento de um reservatório na bacia do rio Pitangui, Paraná, Brasil

    Barbola, Ivana F; Moraes, Marcos F. P. G; Anazawa, Tathiane M; Nascimento, Elynton A; Sepka, Everton R; Polegatto, Cleber M; Milléo, Julianne; Schühli, Guilherme S

    Abstract in Portuguese:

    Os macroinvertebrados bentônicos e nectônicos representam elementos importantes na estrutura e funcionamento dos ecossistemas aquáticos e sua distribuição é influenciada pela natureza química do substrato, composição da vegetação e profundidade da lâmina d'água. O conhecimento desta fauna contribui para a avaliação da qualidade da água e a elaboração de ações visando à conservação da biodiversidade. No presente estudo foram avaliadas diferentes medidas bióticas da comunidade de invertebrados da represa de Alagados, importante manancial da cidade de Ponta Grossa, no Paraná. Em cinco diferentes pontos de amostragem, foram coletados 18.473 exemplares de macroinvertebrados aquáticos ou semi-aquáticos, pertencentes a 46 táxons dos filos Annelida (Hirudinea e Oligochaeta), Mollusca (Gastropoda), Platyhelminthes (Turbellaria), Nematoda e Arthropoda (Arachnida, Crustacea e Insecta). Esta comunidade foi constituída predominantemente por organismos predadores (45,7% dos táxons amostrados), seguidos de coletores e/ou filtradores (23,9%); raspadores (15,2%), fragmentadores (13%) e detritívoros (2,2%). De modo geral, os índices de diversidade (H') e equitabilidade (J) foram significativamente baixos para os cinco locais investigados, com H' variando de 0,3301 a 1,0396. Quanto à tolerância dos organismos à poluição orgânica, alguns táxons mais sensíveis foram muito raros (Plecoptera) ou em baixa frequência (Trichoptera e Ephemeroptera). Entre os grupos mais resistentes a ambientes poluídos estão os Chironomidae e os Hirudinea, ambos bastante comuns nas amostras de Alagados. Este estudo reforça a importância da análise de bioindicadores na avaliação da qualidade de água para consumo humano e também para a conservação de ecossistemas, considerando que um programa de monitoramento ambiental deve integrar medidas físicas, químicas e biológicas.

    Abstract in English:

    Benthic and nektonic macroinvertebrates play an important role in the structure and function of aquatic ecosystems and their distribution is influenced by chemical features of the substrate, vegetation composition, and water depth. Knowledge on the fauna contributes to the assessment of water quality and development of biodiversity conservation activities. Different biotic factors affecting the invertebrate community were evaluated in the Alagados reservoir, the main water source of the city of Ponta Grossa, Paraná. In five different sampling points, 18,473 specimens of aquatic or semiaquatic macroinvertebrates were collected, belonging to 46 taxa of the phylla Annelida (Hirudinea and Oligochaeta), Mollusca (Gastropoda), Platyhelminthes (Turbellaria), Nematoda and Arthropoda (Arachnida, Crustacea and Insecta). This community was composed mainly of predators (45.7% of the taxa sampled), collectors and/or filterers (23.9%), scrapers (15.2%), shredders (13.0%) and detritivores (2.2%). Diversity (H') and evenness (J) indices were significantly low for the sites examined, and H' ranged between 0.3301 and 1.0396. Regarding tolerance of organisms to organic pollution, more sensitive taxa were very rare (Plecoptera) or unusual (Trichoptera and Ephemeroptera). Among the more resistant groups are Chironomidae and Hirudinea, both fairly common in the samples. This study corroborates the importance of bioindicators as a tool to assess water quality for human consumption and for the conservation of aquatic environments, integrating physical, chemical and biological factors in monitoring programs.
  • The first record of Litargus tetraspilotus (Coleoptera, Mycetophagidae) in Brazil, with biological notes and complementary description of the species

    Milléo, Julianne; Castro, Jonathan P; Ribeiro-Costa, Cibele S; Souza, Jana M. T. de

    Abstract in Portuguese:

    Litargus tetraspilotus LeConte, 1856 foi coletado alimentando-se de Oidium sp. (Fungi, Ascomycota, Erysiphaceae) associado a árvores frutíferas. Litargus tetraspilotus é registrado pela primeira vez no Brasil, totalizando três espécies de Mycetophagidae no país. Esse trabalho teve como objetivos fornecer uma descrição complementar da espécie, com base em novos caracteres e apresentar informações sobre seu ciclo de vida em condições de laboratório e dados de flutuação populacional no campo. Durante o período de inventariamento de julho/2004 a agosto/2006, a cada quinze dias, foram coletados 565 exemplares de L. tetraspilotus, sendo os maiores valores de abundância encontrados nas plantas cítricas, com variação significativa entre os dois anos de coleta. Os níveis populacionais diferiram entre as estações, sendo a primavera o período de maior abundância e o outono, o de menor. Houve correlação positiva significativa com a precipitação e a umidade relativa do ar. Mycetophagidae, assim como outras famílias de coleópteros micófagos brasileiros, são muito pouco estudadas, sendo necessário pesquisas futuras sobre sua bioecologia e sistemática.

    Abstract in English:

    Litargus tetraspilotus LeConte, 1856 was collected feeding on Oidium sp. (Fungi, Ascomycota, Erysiphaceae) associated with fruit trees. This is the first time L. tetraspilotus is recorded in Brazil, totaling three species of Mycetophagidae for this country. This study aims to provide a complementary description of this species based on new characters and to present information on its life cycle under laboratory conditions and fluctuation in population in the field. During the period of inventories between July 2004 and August 2006, about every fifteen days, a total of 565 specimens of L. tetraspilotus were collected, with the highest abundance found on citrus plants, with values differing significantly between the two years. The population levels differed between the seasons; spring had the greatest abundance and autumn the least. There was a significant positive correlation of L. tetraspilotus abundance with rainfall and relative humidity. Mycetophagidae, as well as other mycophagous families of Brazilian coleopterans, are barely studied, warranting further future studies of their bioecology and systematics.
  • Six new species of Dasyhelea (Insecta, Diptera, Ceratopogonidae) from Patagonia

    Díaz, Florentina; Spinelli, Gustavo R; Ronderos, Maria M

    Abstract in Spanish:

    Se describen e ilustran seis especies nuevas de Dasyhelea Kieffer, 1911 de la Patagonia argentina y chilena. Cinco de estas especies no pertenecen a ninguno de los grupos reconocidos para América. La especie restante, Dasyhelea pabloi sp. nov. es un miembro típico del grupo leptobranchia, lo que representa el primer registro en la Región Neotropical de una especie perteneciente a este grupo.

    Abstract in English:

    Six new species of Dasyhelea Kieffer, 1911 from Argentinean and Chilean Patagonia are described and illustrated based on adults. Five of these species do not belong to any of the recognized groups found in the Americas. The remaining one, Dasyhelea pabloi sp. nov. is a typical member of the leptobranchia group and is the first record of a species from this group found in the Neotropical region.
  • Diversidade e flutuação populacional de ácaros (Acari) em amora-preta (Rubus fruticosus, Rosaceae) no estado do Rio Grande do Sul, Brasil

    Marchetti, Márla Maria; Ferla, Noeli Juarez

    Abstract in Portuguese:

    Ácaros das famílias Eriophyidae, Tarsonemidae e Tetranychidae são citados como de importância econômica na cultura de amora-preta (Rubus fruticosus, Rosaceae), framboesa e outras frutas pequenas. Este estudo foi conduzido de novembro de 2001 a outubro de 2003 nas cultivares Brazos, Caigangue e Tupy no município de Ilópolis, Rio Grande do Sul, com o objetivo de conhecer a acarofauna e sua dinâmica populacional em amora-preta. Foram coletados 36.094 ácaros pertencentes a 11 famílias. A maioria dos ácaros coletados pertence às famílias Diptilomiopidae (80,9%) e Tetranychidae (13,9%), compostas por espécies fitófagas. Chakrabartiella sp. (Diptilomiopidae), foi a espécie mais abundante, seguida por Neotetranychus asper Feres & Flechtmann, 2000 (Tetranychidae). Stigmaeidae (2,1%) e Phytoseiidae (0,4%) foram os ácaros predadores mais comuns, sendo Agistemus brasiliensis Matioli, Ueckermann & Oliveira, 2002 (Stigmaeidae) e Typhlodromalus aripo DeLeon, 1967 (Phytoseiidae), as espécies de predadores mais abundantes.

    Abstract in English:

    Mites of the families Eriophyidae, Tarsonemidae and Tetranychidae are considered of economic importance in the blackberry (Rubus fruticosus, Rosaceae), raspberry and other small fruit crops. This study was conducted from November of 2001 to October of 2003 on Brazos, Caigangue and Tupy cultivars in Ilópolis municipality, state of Rio Grande do Sul, to describe the mitefauna and its population fluctuation in blackberry crops. A total of 36,094 mites belonging to 12 families was collected. Most of the mites belong to Diptilomiopidae (80.9%) and Tetranychidae (13.9%), composed predominantly of phytophagous species. Chakrabartiella sp. (Diptilomiopidae) was the most abundant species, followed by Neotetranychus asper Feres & Flechtmann, 2000 (Tetranychidae). Stigmaeidae (2.1%) and Phytoseiidae (0.4%) were the most common families of predaceous mites, and Agistemus brasiliensis Matioli, Ueckermann & Oliveira, 2002 (Stigmaeidae) and Typhlodromalus aripo DeLeon, 1967 (Phytoseiidae) the most common predaceous species.
  • Comparative dietary analysis of Eurycheilichthys pantherinus and Pareiorhaphis hystrix: two Loricariidae species (Ostariophysi, Siluriformes) from Campos Sulinos biome, southern Brazil

    Dias, Tatiana S; Fialho, Clarice B

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo foi realizado no rio do Marco, município de São José dos Ausentes, estado do Rio Grande do Sul, sul do Brasil. Esta região está inserida no bioma Campos Sulinos, considerada uma área de grande importância biológica devido à grande diversidade e endemismo de peixes. Este trabalho tem como objetivos descrever os hábitos alimentares e verificar a presença de sobreposição alimentar na dieta de duas espécies simpátricas de Loricariidae do rio do Marco: Eurycheilichthys pantherinus (Reis & Schaefer, 1992) (n=108) e Pareiorhaphis hystrix Pereira & Reis, 2002 (n=60). Os espécimes foram coletados mensalmente, entre setembro de 2000 e julho de 2001 com redes do tipo puçá utilizando a técnica de kick sampling. Os conteúdos estomacais foram analisados através dos métodos de frequência de ocorrência, frequência volumétrica e índice de importância alimentar. O grau de especialização alimentar e a sobreposição nas dietas foram calculadas através da medida de Levins e do índice de Morisita, respectivamente. Eurycheilichthys pantherinus alimentou-se preferencialmente de formas imaturas de insetos aquáticos, tais como Diptera e Ephemeroptera, apresentando o hábito alimentar insetívoro. Pareiorhaphis hystrix alimentou-se de detrito associado a pequenas quantidades de insetos aquáticos, apresentando o hábito alimentar detritívoro. As espécies estão claramente segregadas quanto ao uso dos recursos alimentares no rio do Marco e possivelmente as diferenças nos hábitos alimentares contribuem para sua coexistência.

    Abstract in English:

    This work was carried out in Marco river, São José dos Ausentes municipality, state of Rio Grande do Sul, southern Brazil. This region is located within the Campos Sulinos biome, an area of great biological importance due to its high diversity and endemism of fish. The feeding habits and food overlap between Eurycheilichthys pantherinus (Reis & Schaefer, 1992) (n=108) and Pareiorhaphis hystrix Pereira & Reis, 2002 (n=60) are described. Monthly samples were obtained between September 2000 and July 2001 with dipnets using the kick sampling technique. Stomach contents were analyzed based on frequency of occurrence, volumetric frequency and index of alimentary importance. The level of dietary specialization and food overlap were determined by the Levins measure and the Morisita index, respectively. Eurycheilichthys pantherinus fed mainly on immature aquatic insects, such as Dipterans and Ephemeropterans, and was classified as insectivore. Pareiorhaphis hystrix fed mainly on detritus associated with small amounts of aquatic insects, and was classified as detritivore. Species are clearly segregated by the use of food resources in Marco River. Their diets did not overlap and the differences observed in their feeding habits probably contribute for their coexistence.
  • Contribuição de Melampus coffeus (Gastropoda, Ellobiidae) na degradação da serapilheira do médio estuário do rio Pacoti, Ceará, Brasil

    Tavares, Diva S; Maia, Rafaela C; Rocha-Barreira, Cristina A

    Abstract in Portuguese:

    A degradação da serapilheira no médio estuário do rio Pacoti foi estudada na presença e na ausência do gastrópode Melampus coffeus (Linnaeus, 1758), visando verificar a possível contribuição desse invertebrado na ciclagem da matéria orgânica dos manguezais. A densidade populacional de M. coffeus e a distribuição das folhas, em termos de biomassa úmida, biomassa seca e abundância, presentes na serapilheira do local, foram estimadas a partir de uma amostragem. Um experimento em campo foi realizado com amostras de coloração e biomassas similares de folhas de Rhizophora mangle (Rhizophoraceae) sem sinais de herbivoria, distribuídas igualmente entre 64 gaiolas. Em 32 destas foram colocados também exemplares de M. coffeus. Essas gaiolas foram distribuídas entre quatro pontos, sendo oito pares de gaiolas (controle e experimento) por ponto. Durante oito semanas, quatro pares de gaiolas foram coletados semanalmente. Após coletadas, os sinais de pastagem nas folhas causados por M. coffeus foram contados e as biomassas úmida e seca das amostras foram determinadas. Comparando controle e experimento, verificou-se que M. coffeus é capaz de contribuir na degradação da serapilheira na área estudada, porém, não foi verificada uma participação significativa desse gastrópode na degradação das folhas quando comparados experimento e controle ao longo do experimento.

    Abstract in English:

    The leaf litter decomposition in the middle estuary of the Pacoti river was studied in the presence and absence of the gastropod Melampus coffeus (Linnaeus, 1758), aiming at examining the contribution of this invertebrate to the organic matter cycling in mangroves ecosystems. The local population density of M. coffeus and leaf distribution based on wet biomass, dry biomass, and abundance, were estimated. A field experiment was conducted using samples of Rhizophora mangle (Rhizophoraceae) leaves (with similar color, and wet and dry biomass) equally distributed in 64 leaf litter cages. Groups of 14 individuals of M. coffeus were placed in 32 of these cages. The experimental cages were equally distributed with their respective control cages (leaves only) in the field among four points, totaling 64 cages. During eight weeks four pairs of cages (experimental and control) were collected weekly. Once collected, the leaves showing signs of grazing by M. coffeus were counted. The wet and dry biomasses of samples were also determined. Although M. coffeus can contribute to leaf litter degradation, in this study, its effect on leaf degradation was not significant when comparing experiment and control groups during the experimental time in the studied area.
  • Clutch size in the small-sized lizard Eurolophosaurus nanuzae (Tropiduridae): does it vary along the geographic distribution of the species?

    Galdino, Conrado A. B; Sluys, Monique Van

    Abstract in Portuguese:

    No presente trabalho estudamos alguns aspectos da história de vida de fêmeas de Eurolophosaurus nanuzae (Rodrigues, 1981), endêmica dos campos rupestres da cadeia do Espinhaço, sudeste do Brasil. Durante outubro de 2002 e outubro de 2003 amostramos três populações em áreas cuja disposição geográfica engloba a parte meridional da distribuição da espécie. O tamanho da postura variou de um a três ovos, sendo que a maioria das fêmeas produziu uma ninhada de dois ovos. O número de ovos não variou entre as populações mas foi relacionado ao tamanho corporal das fêmeas (apenas as fêmeas maiores produziram uma postura de três ovos). As fêmeas de E. nanuzae produzem ovos de volume equiparável a espécies de médio tamanho corporal, resultando em elevados valores de massa relativa de postura.

    Abstract in English:

    We studied life history traits of females of the lizard Eurolophosaurus nanuzae (Rodrigues, 1981), an endemic species of rock outcrop habitats in southeastern Brazil. During October 2002 and 2003 we sampled three populations in sites that encompass the meridional portion of the geographic range of the species. Clutch size varied from one to three eggs, with most females carrying two eggs. Clutch size did not vary among populations, but was correlated to female body size. Only larger females produced clutches of three eggs. Females of the small-sized E. nanuzae produce eggs as large as those of medium-sized tropidurids, thus investing a considerable amount of energy to produce clutches resulting in high values of relative clutch mass.
  • Espécies novas de Ischnoptera (Blattellidae, Blattellinae) do Brasil

    Oliveira, Edivar H. de; Lopes, Sonia Maria

    Abstract in Portuguese:

    Duas espécies novas de Ischnoptera Burmeister, 1838 do estado do Rio de Janeiro, Brasil são descritas. São apresentadas ilustrações da genitália dos machos (esclerito mediano, e falômeros esquerdo e direito). Ambas as espécies foram coletadas no município de Iguaba Grande, em uma área com vegetação de restinga, que atualmente vem sendo devastada.

    Abstract in English:

    Two new species of Ischnoptera Burmeister, 1838 from state of Rio de Janeiro, Brazil are described. The genitalia of males (median sclerite and right and left phallomeres) is illustrated. Both species were collected in the municipality of Iguaba Grande, formerly an area with restinga vegetation, which is now being devastated.
  • New gall midges (Diptera, Cecidomyiidae) associated with Eugenia uniflora and Psidium cattleianum (Myrtaceae)

    Maia, Valéria C; Nava, Dori E

    Abstract in Portuguese:

    Duas novas espécies e um novo gênero de insetos galhadores (Diptera, Cecidomyiidae) são descritos e ilustrados. Ambas espécies induzem galhas foliares em Myrtaceae, a primeira em Eugenia uniflora e a segunda em Psidium cattleianum.

    Abstract in English:

    Two new species and a new genus of gall midges (Diptera, Cecidomyiidae) are described and illustrated. Both species induce leaf galls on Myrtaceae, the former on Eugenia uniflora and the latter on Psidium cattleianum.
  • Impact of fish cage-culture on the community structure of zooplankton in a tropical reservoir

    Dias, Juliana D; Takahashi, Érica M; Santana, Natália F; Bonecker, Cláudia C

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste estudo foi investigar o impacto da piscicultura em tanques-rede sobre a estrutura da comunidade zooplanctônica em um reservatório tropical. Acredita-se que a abundância do zooplâncton é maior perto dos tanques-rede e aumenta ao longo do tempo devido ao aumento da disponibilidade de alimento. As coletas foram realizadas próximo aos tanques-rede, bem como a montante e a jusante dos mesmos, antes e após a instalação dos tanques. A abundância do zooplâncton aumentou 15 dias depois da instalação dos tanques, seguida por uma redução e posterior aumento no fim do experimento. A abundância dos rotíferos apresentou diferenças significativas entre os pontos (p<0,05) e períodos de amostragem (p<0,001). Diferenças significativas também foram observadas para a abundância do zooplâncton total e de cladóceros (p<0,001). A variação espacial e temporal das variáveis físicas e químicas apresentou uma relação indireta com a estrutura e dinâmica da comunidade zooplanctônica, pois essa variação indicou a produção primária no ambiente. A hipótese foi rejeitada, pois o zooplâncton foi mais abundante no ponto de controle. Apenas os rotíferos apresentaram maior abundância perto dos tanques, devido à influência da disponibilidade de alimento. No entanto, a dinâmica da comunidade durante o experimento também foi relacionada com a disponibilidade de alimento. Os resultados sugerem o impacto da piscicultura em tanques-rede na comunidade zooplanctônica.

    Abstract in English:

    We investigated the impact of fish cage culture on the zooplankton community structure in a tropical reservoir. We hypothesized that community abundance is greater near cages and increases over time due to the increase in food availability. Samplings were performed near, upstream and downstream from net cages, and before and after net cage installation. The abundance of zooplankton increased 15 days after the experiment was set up, followed by a reduction and finally increased. Rotifer abundance showed significant differences among sites (p<0.05) and sampling periods (p<0.001). Significant differences were also observed in total zooplankton and cladoceran abundance (p<0.001). The spatial and temporal variation of the physical and chemical variables were indirectly correlated with the structure and dynamic of the zooplankton community, as they indicated the primary production in the environment. Our hypothesis was rejected, since the zooplankton was abundant at the reference site. Only rotifers showed higher abundance near cages, due to the influence of food availability. Community dynamics during the experiment was also correlated to food availability. Our results suggest an impact of fish farming on the zooplankton community.
  • Buccal apparatus and gastrointestinal tract dimensions associated to the diet of early life stages of Centropomus undecimalis (Centropomidae, Actinopterygii)

    Araújo, Isabela M. S; Silva-Falcão, Elisabeth C; Severi, William

    Abstract in Portuguese:

    No intuito de comparar o desenvolvimento do aparato bucal e do trato gastrintestinal de fases iniciais de Centropomus undecimalis (Bloch, 1792), relacionando-os com a dieta, foram analisados 190 indivíduos provenientes de coletas realizadas com rede tipo channel net, no estuário de Catuama (07º40'9,9''S, 34º50'36,7''W), litoral norte de Pernambuco. Foram analisados dados morfométricos e merísticos de indivíduos nos dois períodos de desenvolvimento inicial (larval e juvenil). O tubo digestório foi retirado, caracterizado morfologicamente e seu conteúdo identificado. A maior seção transversal dos itens alimentares foi mensurada, para comparação com o comprimento padrão (CP) dos indivíduos e o tamanho de abertura de suas bocas (D). As regressões das medidas corporais diferiram significativamente (p<0,001) entre as fases larval e juvenil. Os estômagos com alimento (n=118 indivíduos) apresentaram uma proporção de 62% cheios e 30% vazios (sendo 8% danificados), tendo diferido em relação ao grau de repleção e apresentado forma enovelada quando vazios. O número de itens em relação a CP e D não apresentou correlação evidente. As larvas (CP<10 mm) alimentam-se de pequenos copépodos, enquanto os jovens (CP=11,1 a 64,7 mm) ingerem larvas de diferentes espécies de decápodos, evidenciando uma dieta diferenciada entre as duas fases iniciais de desenvolvimento.

    Abstract in English:

    The present study aims to compare the buccal apparatus and gastrointestinal tract of early life stages of Centropomus undecimalis (Bloch, 1792), and relate them to its diet. A total of 190 individuals collected with a channel net in the Catuama estuary (07º40'9.9''S, 34º50'36.7''W), northern coast of the state of Pernambuco, were examined. Morphometrical and meristic data were analyzed for the two initial developmental periods (larval and juvenile). Their digestive tube was morphologically characterized and its content identified. The longest transverse axis of food items was measured, and compared to the standard length (SL) and mouth gape size (D) of the individuals. Body measurement regressions differed significantly (p<0.001) between larvae and juveniles. The stomachs with food content (n=118 individuals) presented a proportion of 62% full and 30% empty (being 8% damaged). They differed in relation to the fullness level and presented a coiled shape when empty. The number of food items in relation to SL and D did not present an evident correlation. Larvae (SL<10 mm) feed on small copepods, while juveniles (SL=11.1 to 64.7 mm) ingest larvae of various decapod species, showing a distinct diet between these initial developmental stages.
  • Reproduction and feeding ecology of Amphisbaena munoai and Anops kingi (Amphisbaenia, Amphisbaenidae) in the Escudo Sul-Rio-Grandense, southern Brazil

    Balestrin, Rafael L; Cappellari, Lize H

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo fornece dados originais sobre a reprodução e ecologia alimentar de duas espécies sintópicas de Amphisbaenia, Amphisbaena munoai Klappenbach, 1969 e Anops kingi Bell, 1833, no sul do Brasil. As coletas foram realizadas entre abril de 2004 a abril de 2006, em uma área elevada, localizada entre os municípios de São Jerônimo e Barão do Triunfo, Rio Grande do Sul, Brasil. No total, 647 anfisbênios, 510 exemplares de A. munoai e 137 de A. kingi, foram encontrados ao longo do período amostral, e destes 130 e 93 respectivamente tiveram suas gônadas e conteúdo alimentar analisados. Ambas as espécies apresentaram padrão unimodal de distribuição sazonal, fêmeas sexualmente maduras com comprimento rostro cloacal (CRC) significativamente maior que o dos machos sexualmente maduros e ciclo reprodutivo sazonal. Adultos de A. kingi apresentaram (CRC) significativamente maior do que em adultos de Amphibaena munoai. As duas espécies apresentaram diversas categorias alimentares na composição de suas dietas, entretanto térmites (Isoptera) parecem compor um elemento base. Uma maior predominância de larvas de insetos foi observada na dieta de A. kingi em relação a A. munoai, o que pode estar relacionado ao maior tamanho do corpo da primeira espécie. Larvas de insetos ingeridas por A. kingi foram significativamente maiores do que aquelas ingeridas por A. munoai. Em ambas as espécies não foram encontradas diferenças significativas nas dietas de machos e fêmeas adultos, mas em uma comparação ontogenética, foram observadas diferenças significativas numéricas, sendo que adultos ingeriram um número maior de presas que juvenis.

    Abstract in English:

    This study presents original data on the reproduction and feeding ecology of two syntopic amphisbaenians, Amphisbaena munoai Klappenbach, 1969 and Anops kingi Bell, 1833, from southern Brazil. Sampling was carried out from April 2004 to April 2006 at a highland area located in São Jerônimo and Barão do Triunfo municipalities, Rio Grande do Sul, Brazil. A total of 647 amphisbaenians were collected, 510 specimens of A. munoai and 137 specimens of A. kingi, of which 130 and 93, respectively, had their gonads and gut content analyzed. Both species presented a unimodal pattern of seasonal distribution, sexually mature females with significantly larger snout vent length (SVL) than sexually mature males, and seasonal reproductive cycle. Adults of A. kingi had significantly larger (SVL) than those of Amphisbaena munoai. Both species had generalist diets, but termites (Isoptera) was a staple item in their diet. Greater predominance of insect larvae was observed in the diet of A. kingi, which may be due to its larger body in comparison to A. munoai. Insect larvae ingested by A. kingi were significantly larger than those ingested by A. munoai. Diets of adult males and females of both species were not significantly different. The ontogenetic diet comparison in both species revealed significant numerical differences, with adults consuming higher numbers of prey.
  • Dial behavioral responses of Metamysidopsis elongata atlantica (Crustacea, Mysida) to gradients of salinity and temperature

    Gama, Andréa M. da S; Calazans, Danilo; Fontoura, Nelson F

    Abstract in Portuguese:

    Metamysidopsis elongata atlantica (Bascescu, 1968) é um misídeo comum na zona de arrebentação de praias arenosas do Rio Grande do Sul, Brasil, onde aparece constantemente formando densas manchas. Em laboratório, respostas comportamentais a salinidade (10, 20, 25, 28, 30, 40 e 45), temperatura (10, 15, 20, 30±1ºC) e luz (sim/não) foram testadas usando machos adultos, fêmeas adultas e juvenis. Embora não tenha ocorrido resposta à temperatura, as espécies mostraram respostas claras à salinidade e luz. Na presença de luz, os organismos permaneceram no fundo do aquário, porém se moveram para a superfície quando as salinidades do fundo aumentaram. Na ausência de luz, os adultos se moveram para a superfície do aquário. No entanto, os juvenis desceram ou se mantiveram no fundo, provavelmente como uma resposta para evitar a predação dos adultos.

    Abstract in English:

    Metamysidopsis atlantica elongata (Bascescu, 1968) is a common mysid in the surf zone of sandy beaches from the state of Rio Grande do Sul, Brazil, where it is frequently recorded forming dense aggregations. Trough laboratory trials, behavioral responses to salinity (10, 20, 25, 28, 30, 40 e 45), temperature (10, 15, 20, 30±1ºC) and light (yes/no) were tested using adult males, adult females and juveniles. Although there was no response to temperature, the species showed clear response to salinity and light. In the presence of light, organisms remained in the bottom of the aquaria, but moved to surface when bottom salinities were increased. In the absence of light, adults moved to the surface. However, juveniles moved down to or remained on the bottom, maybe as a response to avoid adult predation.
  • Estrutura da comunidade de Phlebotominae (Diptera, Psychodidae) em mata ciliar do município de Urbano Santos, Maranhão, Brasil

    Martins, Fredgardson C; Moraes, Jorge L. P; Figueiredo, Nivaldo; Rebêlo, José M. M

    Abstract in Portuguese:

    A diversidade, abundância relativa e a distribuição de Phlebotominae foram estudadas em três setores (bordas e centro) de um fragmento de mata ciliar no município de Urbano Santos, Maranhão, Brasil. Os espécimes foram capturados em junho e novembro/2003 e em janeiro e março/2004 das 18 às 6 horas. Em cada noite de coleta foram instaladas 18 armadilhas, seis em cada setor da mata, totalizando um esforço de 864 horas. Foram encontradas 17 espécies. O centro do fragmento obteve a maior riqueza de espécies (14), seguido da borda B (13) e da borda A (12). As espécies Lutzomyia infraspinosa (Mangabeira, 1941), L. flaviscutellata (Mangabeira, 1942) e L. evandroi (Costa Lima & Antunes, 1936) foram as únicas que apareceram como dominantes nos três setores da mata. Quatorze espécies ocorreram em ambas estações, sendo que L. fluviatilis (Floch & Abonnenc, 1944) foi encontrada apenas na estação chuvosa (janeiro e março) e L. migonei (França, 1920) e L. pinottii (Damasceno & Arouck, 1956) apenas na estação seca (junho e novembro). As diferenças registradas na abundância de indivíduos entre as estações não foram estatisticamente significativas. A presença frequente de L. flaviscutellata pode explicar um caso de leishmaniose cutânea difusa em uma paciente deste município.

    Abstract in English:

    The diversity, relative abundance and distribution of Phlebotominae was examined in three sectors (edges and center) of a fragment of gallery forest in the municipality of Urbano Santos, Maranhão, Brazil. Specimens were captured in June and November, 2003, and in January and March, 2004, between 06:00 PM and 06:00 AM. At each collection night, 18 light traps were installed, six in each forest sector, totaling 864 hours of work. Seventeen species were found. The center of the fragment had the greatest diversity of species (14), followed by edge B (13) and edge A (12). The species Lutzomyia infraspinosa (Mangabeira, 1941), L. flaviscutellata (Mangabeira, 1942) and L. evandroi (Costa Lima & Antunes, 1936) were the only ones that appeared as dominants in all forest sectors. Fourteen species were found in both seasons; L. fluviatilis (Floch & Abonnenc, 1944) was found only in the rainy season (January and March); and L. migonei (França, 1920) and L. pinottii (Damasceno & Arouck, 1956) in the dry season (June and November). The differences regarding the abundance of individuals between the seasons were not statistically significant. The frequent presence of L. flaviscutellata may explain a case of diffuse cutaneous leishmaniasis in a patient of that municipality.
  • Composition and structure of a Miridae (Hemiptera, Heteroptera) assemblage from a relict of deciduous rainforest in southern Brazil

    Barcellos, Aline; Schmidt, Letícia S; Ferreira, Paulo Sergio F

    Abstract in Portuguese:

    Um estudo de dois anos foi desenvolvido para avaliar a composição, abundância e riqueza de espécies de Miridae no Parque Estadual do Turvo, em Derrubadas, Rio Grande do Sul, Brasil. Amostragens foram efetuadas nas primaveras de 2003 e 2004 (outubro) e outonos de 2004 e 2005 (maio), usando guarda-chuva entomológico, ao longo de duas trilhas do parque. O esforço amostral (horas x coletores) nas coletas quantitativas totalizou 153 horas. Duzentos espécimes de mirídeos foram coletados, representando 50 espécies. O mirídeo mais abundante foi Prepops setosipes (Reuter, 1910) com 23% dos indivíduos coletados, seguido por Collaria capixaba Carvalho & Fontes, 1981 (10,5%) e Tropidosteptes cribratus (Stål, 1860) (7%), esta última registrada em todos os períodos amostrais. A maior abundância foi observada nas primaveras de 2003 e 2004, com 53 e 78 indivíduos, respectivamente. O método de rarefação mostrou que a riqueza estimada de espécies foi maior no outono/2004 do que nos outros períodos amostrais, e ao longo da trilha do Yucumã do que na do Garcia. A porcentagem de espécies representadas por um ou dois indivíduos nas amostragens quantitativas (singletons e doubletons) foi de 60%. Amostragens adicionais incluindo coleta manual, coletas aleatórias com guarda-chuva entomológico e armadilhas luminosas acrescentaram 20 espécies não registradas nas amostragens quantitativas.

    Abstract in English:

    A two-year study was carried out to evaluate the composition, abundance and species richness of Miridae from Parque Estadual do Turvo, municipality of Derrubadas, state of Rio Grande do Sul, Brazil. Samplings were made in the springs of 2003 and 2004 (October), and autumns of 2004 and 2005 (May), using a beating tray method, along two trails of the park. Sampling effort (hours x collectors) in the quantitative collections totaled 153 hours. Two-hundred mirid specimens of 50 species were collected. The most abundant mirid was Prepops setosipes (Reuter, 1910), representing 23% of the collected individuals, followed by Collaria capixaba Carvalho & Fontes, 1981 (10.5%) and Tropidosteptes cribratus (Stål, 1860) (7%), the latter recorded in all sampling periods. The highest abundance was observed in the springs of 2003 and 2004, with 53 and 78 individuals, respectively. Rarefaction method showed that estimated species richness was higher in autumn/2004 than in the other sampling periods, and higher along Yucumã than in Garcia trail. Besides a higher species richeness, Yucumã had more exclusive species than Garcia trail. The percent of species represented by one or two specimens in quantitative samplings (singletons and doubletons) was 60%. Additional samplings including hand collection, random beating tray and light trap collections added 20 species not recorded in the quantitative samplings.
  • Scarabaeinae (Coleoptera, Scarabaeidae) de um bosque de eucalipto introduzido em uma região originalmente campestre

    Audino, Lívia D; Silva, Pedro G. da; Nogueira, Juliana M; Moraes, Leonardo P. de; Vaz-de-Mello, Fernando Z

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo disponibiliza dados sobre a fauna de Scarabaeinae que ocorre em plantio de eucalipto inserido em uma área originalmente aberta, citando quais espécies conseguem se estabelecer neste ambiente introduzido e sombreado. O levantamento de Scarabaeinae foi realizado em uma área de monocultura de eucalipto com armadilhas de interceptação de voo e armadilhas de queda iscadas com fezes humanas, banana em decomposição e carcaça, entre os meses de dezembro de 2005 e novembro de 2006. Foram capturadas 28 espécies pertencentes a 11 gêneros. Destas, 11 já foram registradas em ambientes de campo e mata nativa da região, outras 11 apenas em campo nativo, duas mostraram-se exclusivas ao plantio de eucalipto e quatro não foram identificadas a nível específico, o que não possibilitou a obtenção de maiores informações sobre registros em ecossistemas naturais da região. Os resultados obtidos mostraram que as espécies que ocorrem em eucalipto são generalistas em relação ao hábitat, apresentam preferência por ambientes sombreados e/ou são espécies "turistas". Este, contudo, representa um dos poucos levantamentos realizados na região e por isso, novos estudos são necessários a fim de obter maiores informações acerca da distribuição e resposta dos escarabeíneos aos sistemas naturais e antropizados.

    Abstract in English:

    This study provides data about the Scarabaeinae fauna that occurs in a eucalyptus plantation inserted in an originally open area, describing which are able to establish themselves in this introduced and shaded environment. The survey was carried in an area of eucalyptus monoculture using flight intercept and pitfall traps baited with human feces, rotten banana and carcass, from December 2005 to November 2006. Twenty-eight species were collected, belonging to 11 genera. Of these 28 species, 11 have been previously recorded in grassland and native forest environments of the region, 11 only in grasslands, two were exclusive of eucalyptus plantations and four were not identified at the specific level, which did not allow the achievement of more information on these species in the natural ecosystems of the region. The results showed that species that occur in eucalyptus are habitat generalists, have preference for shaded environments and/or are tourist species. This, however, is one of the few surveys performed in the region. Therefore, additional studies are necessary to obtain more information about the distribution and response of dung beetles to natural and anthropogenic ecosystems of the region.
  • Maturidade sexual morfológica de Aegla platensis (Crustacea, Decapoda, Anomura) no Lajeado Bonito, norte do estado do Rio Grande do Sul, Brasil

    Oliveira, Davi de; Santos, Sandro

    Abstract in Portuguese:

    O tamanho da primeira maturação sexual (TPM) em Aegla platensis Schmitt, 1942 foi estimado através das mudanças nas proporções de dimensões corporais dos animais. Para isso, foram realizadas coletas mensais, de julho de 2007 a junho de 2008 no Lajeado Bonito (27º25'27''S, 53º24'39''W), um tributário de primeira ordem do Rio da Várzea, município de Frederico Westphalen, Rio Grande do Sul. Foram utilizados 437 machos com comprimento de cefalotórax (CC) variando de 6,00 mm a 31,75 mm e 368 fêmeas, com tamanhos entre 6,08 mm e 27,92 mm de CC. As seguintes dimensões corporais foram mensuradas em todos os indivíduos coletados: comprimento do cefalotórax (CC), largura do abdome (LA), comprimento do própodo do quelípodo direito (CPD) e comprimento do própodo do quelípodo esquerdo (CPE). Após o registro dessas medidas, os animais foram devolvidos ao mesmo local de captura. As análises de maturidade sexual morfológica foram realizadas com auxílio do software Mature 2, nas quais foram utilizadas as medidas de CC, considerada como variável independente e relacionada com as demais dimensões. As relações que melhor se ajustaram para estas análises, em machos, foram CPD x CC (TPM: CC=18,2 mm) e CPE x CC (TPM: CC=20,1 mm) e LA x CC (TPM: CC=16,5 mm) nas fêmeas.

    Abstract in English:

    The size at the onset of morphological sexual maturity (SOM) of the anomuran crab Aegla platensis Schmitt, 1942 was estimated through the changes in the ratios of corporal dimensions of the animals. For this, aeglids were monthly collected, from July 2007 to June 2008 in Lajeado Bonito (27º25'27''S, 53º24'39''W), a first order tributary of the rio da Várzea, in Frederico Westphalen municipality, state of Rio Grande do Sul, Brazil. Samples of 437 males and 368 females were used, with cephalothorax length (CC) ranging from 6.00 mm to 31.75 mm in males and from 6.08 mm to 27.92 mm in females. The following corporal dimensions of collected individuals were measured: cephalothoracic length, abdomen width (LA), length of the right propodus cheliped (CPD), length of the left propodus cheliped (CPE). After the register of these measures, the crabs were returned to the stream, to the same places where they were collected. Estimation of the size at the onset of morphological maturity was performed using the Mature 2 software. The most appropriated relations for this analysis in males were CPD x CC (SOM: CC=18.2 mm) and CPE x CC (SOM: CC=20.1 mm) and for females LA x CC (SOM: CC=16.5 mm).
  • Por que Melipona scutellaris (Hymenoptera, Apidae) forrageia sob alta umidade relativa do ar?

    Silva, Marília D. e; Ramalho, Mauro; Rosa, Jaqueline F

    Abstract in Portuguese:

    Há evidências de que a temperatura do ar e a umidade relativa afetam a atividade de voo de espécies de abelhas sociais Meliponini. Em particular, as espécies grandes do gênero Melipona Illiger, 1806 responderiam de maneira mais estreita à variação na umidade relativa. Neste estudo defende-se o argumento de que a umidade relativa seja uma variável de confusão. Nesta linha de argumentação, também foi analisado o papel da coleta de pólen sobre o ritmo diário de forrageio. A robusta Melipona scutellaris (Latreille, 1811) foi usada como modelo e a atividade diária de voo e de forrageio de pólen foi medida em 12 colônias (4 colônias/hábitat), em três tipos de hábitats, que variam principalmente quanto à pluviosidade, na área de distribuição natural desta espécie (Floresta Pluvial, Floresta Sazonal e Transição Floresta Tropical-Cerrados). A maioria da atividade de voo acontece durante a manhã. A atividade de forrageio das colônias foi mais elevada nas primeiras horas do alvorecer, quando a umidade relativa também era alta, frequentemente associada a picos de coleta de pólen. A atividade de voo decresceu abruptamente durante as temperaturas altas ao redor do meio dia. A relação da atividade de voo com a umidade relativa foi altamente significativa e linear, contrastando com a relação significativa e unimodal com a temperatura. Na relação com o forrageio de M. scutellaris, a umidade relativa se configura como uma variável contingente, em hábitats tropicais úmidos, considerando os padrões diários de variação do microclima e de forrageio de pólen. Este último padrão também sustenta a hipótese de partição temporal de fontes florais de pólen.

    Abstract in English:

    There are evidences that air temperature and relative humidity exerts influence on the flight activity of the social stingless bees (Meliponini). Particularly, the relatively large species of Melipona Illiger, 1806 would present variation in daily foraging activity very close to variation in relative humidity. In this study, we argue that the relative humidity is a confounding variable. In this same line of argumentation, it was also examined the role of pollen harvest on daily rhythm of foraging. The robust Melipona scutellaris (Latreille, 1811) was used as a model and the flight activity and pollen harvest along the day were measured in 12 colonies (4 colonies/habitat), in three types of habitats with varying rainfall, within the natural distribution range of this species (tropical rainforest, seasonal tropical forest and transition of tropical forest-savannah). Most of flight activity occurs during morning time in the three habitats. Colony foraging is high in the very early morning when the relative humidity is also high, and often associated with peaks of pollen harvest. Flight activity decreases abruptly during the high temperatures around noon time. The relationship between the flight activity and the relative humidity was highly significant and linear, in contrast to the unimodal and significant relationship with temperature. The relationship between the flight activity and the relative humidity is assumed to be contingent within humid tropical habitats, considering the daily microclimate variation and pollen foraging patterns. In particular, the latter pattern supports the hypothesis of temporal partitioning of pollen sources.
  • Determinação da maturidade sexual de Ucides cordatus (Crustacea, Brachyura, Ucididae) em duas áreas de manguezal do litoral sul de Pernambuco, Brasil

    Castiglioni, Daniela da S; Coelho, Petrônio A

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo foi desenvolvido com o objetivo de determinar o tamanho da maturidade morfológica e fisiológica de machos e fêmeas em duas populações de Ucides cordatus (Linnaeus, 1763) de Tamandaré, Pernambuco, Brasil. Os caranguejos foram coletados mensalmente (abril/2008 a março/2009) nos manguezais dos rios Ariquindá e Mamucabas, por um catador, através da técnica de braceamento, durante a maré baixa em três áreas distintas de 25 m² cada. Os caranguejos capturados foram separados por sexo e medidos (largura da carapaça, comprimento do própodo do quelípodo dos machos e largura do 5º somito abdominal das fêmeas). Além disso, os caranguejos foram caracterizados em relação ao estágio de desenvolvimento gonadal. Os caranguejos com gônadas imaturas e rudimentares foram considerados jovens, enquanto os demais foram classificados como adultos (gônada em desenvolvimento, desenvolvida, avançada ou esgotada). O tamanho da largura da carapaça no qual 50% da população de U. cordatus foi considerada madura morfologicamente foi de 38,0 mm (machos) e 35,4 mm (fêmeas) em Ariquindá, enquanto para Mamucabas estes valores foram de 37,3 e 32,9 mm, respectivamente. Na determinação da maturidade sexual fisiológica, os machos e fêmeas de Ariquindá foram considerados maduros com 38,5 e 37,8 mm, respectivamente, enquanto em Mamucabas os tamanhos obtidos foram de 36,2 e 35,8 mm. A maturidade morfológica dos machos ocorreu com tamanho superior ao das fêmeas, provavelmente devido ao seu maior investimento em crescimento somático, enquanto as fêmeas investem mais no processo reprodutivo. Os caranguejos provenientes do manguezal de Mamucabas atingiram a maturidade sexual com tamanhos inferiores aos de Ariquindá, provavelmente devido ao maior impacto verificado para este manguezal.

    Abstract in English:

    This study aims to determine the size at morphological and physiological maturity of males and females at two populations of Ucides cordatus (Linnaeus, 1763) from Tamandaré, Pernambuco, Brazil. Crabs were sampled monthly from April 2008 to March 2009 at the Ariquindá and Mamucabas mangroves by professional crab catchers during ebb tide in three replicates (25 m² each, 20 m between plots). Crabs collected were sexed and measured (carapace width, cheliped propodus length of males and abdomen width of the fifth somite of females). Besides, the crabs were characterized according its gonad development stage. For the physiological maturity determination, crabs were arranged in two groups: juvenile crabs (specimens that showed immature and rudimentary gonads) and adult crabs (specimens with gonads at the stages classified as developing, developed, advanced or spent). The carapace width size in which 50% of males and females were considered morphologically mature was 38.0 and 35.4 mm (Ariquindá) and 37.3 and 32.9 mm (Mamucabas), respectively. Therefore, the size at physiological maturity of males and females occurred with 38.5 and 37.8 mm (Ariquindá) and 36.2 and 35.8 mm, respectively (Mamucabas). Males attain morphological maturity at a higher size than females, probably due to a major investment in their somatic growth, while females spend their energy in the reproductive process. Crabs from Mamucabas mangrove attained sexual maturity at smaller sizes than Ariquindá, probably because the more impacted situation of the primer mangrove.
Museu de Ciências Naturais Museu de Ciências Naturais, Secretária do Meio Ambiente e Infraestrutura, Rua Dr. Salvador França, 1427, Jardim Botânico, 90690-000 - Porto Alegre - RS - Brasil, Tel.: + 55 51- 3320-2039 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: iheringia-zoo@fzb.rs.gov.br