Seven new species of the killifish genus Rivulus (Cyprinodontiformes: Rivulidae) from the Paraná, Paraguay and upperAraguaia river basins, central Brazil

Sete espécies novas do grupo Rivulus punctatus coletadas durante estudos de campo recentes no Brasil central são descritas. Rivulus dapazi sp. n., da drenagem do alto rio Correntes, bacia do rio Paraguai, é diagnosticada por um padrão de colorido exclusivo das nadadeiras anal e caudal em machos; R. cyanopterus sp. n., da drenagem do alto rio São Lourenço, bacia do rio Paraguai, é diagnosticada por um padrão de colorido exclusivo da nadadeira anal em ambos sexos; R. rossoi sp. n., da drenagem do rio Inhanduí, bacia do rio Paraná, é diagnosticada por um padrão de colorido exclusivo da nadadeira caudal em machos e número reduzido de rastros branquiais no primeiro arco branquial; R. litteratus sp. n., da drenagem do alto rio Araguaia, é diagnosticada por um padrão de colorido exclusivo do flanco em machos e da nadadeira caudal em fêmeas; R. rutilicaudus sp. n., da drenagem do rio Verde em Goiás, bacia do rio Paraná, é diagnosticada por um padrão exclusivo da nadadeira caudal em fêmeas; R. scalaris sp. n., das drenagens do rios Sucuruí, Aporé, Correntes e Taquari, bacia do rio Paraná, é diagnosticada por um padrão de colorido exclusivo do flanco em machos; e, R. egens sp. n., da drenagem do alto rio Verde no Mato Grosso do Sul, bacia do rio Paraná, se distingue por uma combinação de escamação frontal com padrão E e ausência de marcas vermelhas na nadadeira caudal em machos. Combinações de outros padrões de colorido e características morfológicas, incluindo número de escamas da série longitudinal, número de raios das nadadeiras dorsal, anal, caudal e peitoral, posição relativa da origem da nadadeira dorsal e raios da nadadeira anal, e número de vértebras, são também úteis para identificar as novas espécies, mas relações de parentesco entre elas são ainda desconhecidas. Uma chave para identificação das espécies de Rivulus da bacia do rio Paraná-Paraguai e de cabeceiras adjacentes é fornecida.


Sociedade Brasileira de Ictiologia Universidade Estadual de Maringá, Núcleo de Pesquisas em Limnologia, Ictiologia e Aquicultura/Coleção Ictiologia, Av. Colombo, 5790, 87020-900 Maringá, PR, Brasil, Tel.: (55 44)3011 4632 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: neoichth@nupelia.uem.br