Revista Brasileira de Biologia, Volume: 60, Número: 2, Publicado: 2000
  • Heterogeneidade espacial do Reservatório de Tucuruí (Estado do Pará, Amazônia, Brasil) e a distribuição das espécies zooplanctônicas Ecology

    ESPÍNDOLA, E. L. G.; MATSUMURA-TUNDISI, T.; RIETZLER, A. C.; TUNDISI, J. G.

    Resumo em Português:

    Com o objetivo de analisar a distribuição horizontal da comunidade do zooplâncton no Reservatório de Tucuruí, Pará, foram efetuadas coletas em 16 estações durante o período de agosto de 1988. As estações compreenderam as regiões denominadas de Caraipé (C), Araçagi (B) e Ararão (A), as quais representam diferentes compartimentos desse ecossistema em relação à morfometria e à presença ou ausência da "mata afogada". Os resultados obtidos mostraram a existência de três compartimentos com distintas características limnológicas determinadas em função da morfometria do sistema, fator este que pode ter influenciado na circulação horizontal da água no reservatório e, conseqüentemente, levado a diferenças físicas, químicas e biológicas em cada estação amostrada. Todas as estações apresentaram estratificações física e química e camadas de total anoxia ou reduzida concentração de oxigênio dissolvido em profundidades correspondentes ao limite da zona eufótica. Em relação ao zooplâncton, verificou-se uma distribuição diferenciada entre os compartimentos, diferença esta principalmente quantitativa (densidade de organismos e proporção entre as espécies) no caso de Cladocera e Copepoda, enquanto essencialmente qualitativa no caso de Rotifera. Por outro lado, as maiores densidades de organismos para todos os grupos foram registradas nas estações do Caraipé. Quanto a distribuição espacial, algumas espécies mostraram-se restritas ou mais abundantes em determinadas estações. Entre os Cladocera, Moina minuta, Bosmina hagmani e Bosminopsis deitersi foram mais abundantes nas estações do Araçagi, C. cornuta intermedia, C. cornuta rigaudi e C. cornuta cornuta, no Caraipé e Diaphanosoma birgei, no Ararão. Entre Rotifera, Trochosphaera aequatoriales e Lecane proiecta, Ascomorpha ecaudis, além de Polyartha cf vulgaris, estiveram restritas às estações do Caraipé, Araçagi e Ararão, respectivamente, enquanto outras apresentaram distribuição mais ampla como Keratella americana e Collotheca sp. Quanto a Copepoda Calanoida, Notodiaptomus maracaibenses foi a espécie dominante, seguida de Notodiaptomus henseni e Argyrodiaptomus azevedoi. Thermocyclops minutus foi a espécie mais abundante dentre Cyclopoida, tendo sido também encontrados Thermocyclops decipiens, Mesocyclops longisetus, Mesocyclops meridianus e Metacyclops sp.

    Resumo em Inglês:

    With the purpose of analyzing the horizontal distribution of the zooplankton community of the Tucuruí Reservoir in the State of Pará, Brazil, collections were made at 16 stations during August 1988. The stations cover the regions called Caraipé (C), Araçagi (B) and Ararão (A), and represent the different compartments of this ecosystem in regard to the morphometry and the presence or absence of "flooded forest". Our findings showed the existence of three compartments with different limnological characteristics determined as a function of the system's morphometry, a factor that may have influenced the horizontal circulation of the reservoir's water and, consequently, led to physical, chemical and biological differences at each of the sampled stations. All the stations presented physical and chemical stratification and layers of total anoxia or reduced concentrations of oxygen dissolved at depths corresponding to the limit of the euphotic zone. With regard to the zooplankton, a differentiated distribution that was mainly quantitative was found among the compartments (density of organisms and proportion among the species) in the case of Cladocera and Copepoda, and basically qualitative in the case of Rotifera. On the other hand, the greatest densities of organisms for all the groups were recorded at the Caraipé stations. As for the spatial distribution, some species were more restricted or more abundant at given stations. Among the Cladocera, there was a greater abundance of Moina minuta, Bosmina hagmani and Bosminopsis deitersi at the Araçagi stations, while C. cornuta intermedia, C. cornuta rigaudi and C. cornuta cornuta were more plentiful in the Caraipé and Diaphanosoma birgei in the Ararão. Among the Rotifera, Trochosphaera aequatoriales and Lecane proiecta, Ascomorpha ecaudis, besides Polyartha cf vulgaris were restricted, respectively, to the Caraipé, Araçagi and Ararão stations, while the others, such as Keratella americana and Collotheca sp., were more broadly distributed. As regards Copepoda Calanoida, the dominating species was found to be Notodiaptomus maracaibenses, followed by Notodiaptomus henseni and Argyrodiaptomus azevedoi. The most abundant Cyclopoda species was Thermocyclops minutus, although Thermocyclops decipiens, Mesocyclops longisetus, Mesocyclops meridianus e Metacyclops sp. were also found.
  • Competição larval em Chrysomya megacephala (F.) (Diptera: Calliphoridae): efeitos de diferentes níveis de agregação larval sobre estimativas de peso, fecundidade e investimento reprodutivo Ecologia

    VON ZUBEN, C. J.; STANGENHAUS, G.; GODOY, W. A. C.

    Resumo em Português:

    Em insetos que se utilizam de substratos discretos e efêmeros para a alimentação e postura de ovos, o resultado da competição larval por alimento depende da quantidade de recursos e da distribuição espacial dos imaturos nos substratos alimentares. No presente estudo, os resultados da competição larval por alimento em Chrysomya megacephala, em caracteres como peso de fêmeas, fecundidade e investimento reprodutivo, foram diferentes em situações em que o nível de agregação larval (proporção de competidores por quantidade de alimento) é o mesmo, mas com densidades de competidores e quantidades de alimento proporcionalmente diferentes. Esses resultados indicam que a competição larval pode depender tanto da densidade larval como da quantidade de alimento, em situações diferentes com a mesma proporção de larvas por grama de alimento.

    Resumo em Inglês:

    In insects that utilize patchy and ephemeral resources for feeding and egg laying, the outcome of larval competition for food resources depends on the amount of resources and the spatial distribution of immatures among patches of food. In the present study, the results of larval competition for food in Chrysomya megacephala, in traits such as female weight, fecundity and reproductive investment, were different in situations where the level of larval aggregation (proportion of competitors per amount of food) was the same, but with densities of competitors and amounts of food proportionally different. These results are indicative that the larval competition may depend both on the larval density and the amount of food, in different situations with the same proportion of larvae per gram of food.
  • A pesca elétrica como técnica de amostragem de populações e comunidades de peixes em rios costeiros do sudeste do Brasil Ecology

    MAZZONI, R.; FENERICH-VERANI, N.; CARAMASCHI, E. P.

    Resumo em Português:

    Foi testada a adequacidade da pesca elétrica como técnica para a obtenção de dados quantitativos de populações e comunidades de peixes de riachos do sudeste do Brasil. Para isso, realizamos sete campanhas, entre julho/94 e julho/95, em cinco localidades do sistema fluvial do Ubatiba (Maricá, RJ). Das 22 espécies coletadas, 17 tiveram suas abundâncias estimadas pelo método de Zippin, que foi o modelo escolhido para testar a eficiência da metodologia de coleta. Em cada campanha, três remoções, com pesca elétrica, eram realizadas para cada localidade e, considerando o número (variável) de espécies obtidas por localidade/campanha, totalizaram-se 315 casos analisados. Dezenove casos, entre os 315, apresentaram condição de falha. As estimativas foram significativas (p < 0.01) em 96,2% dos casos analisados. Os casos não significativos ocorreram para as espécies raras e tiveram como causa a pesca supereficiente em 63,3% dos casos e randomicamente-eficiente em 36,4%. Não foram observadas correlações entre a capturabilidade e a abundância estimada de indivíduos e/ou as características ambientais das diferentes localidades. Altos valores de eficiência amostral (> 85%) foram registrados para todas as estimativas. Uma análise experimental foi realizada em uma localidade selecionada e a comparação entre as estimativas para 3 e 6 remoções sucessivas apontaram um erro médio e desvio-padrão de 5,5% e 2,1%, respectivamente. Concluímos que a pesca elétrica mostrou-se eficiente na obtenção de dados quantitativos das populações e comunidades de peixes do sistema fluvial do Ubatiba.

    Resumo em Inglês:

    Electrofishing adequacy was tested as a technique to obtain quantitative data of coastal stream fish populations and communities in the Southeast of Brazil. Seven field trips, between July/94 and July/95, were done in 5 localities of the Ubatiba fluvial system (Maricá, RJ). Seventeen species, among the 22 collected, had their numbers estimated through the Zipping method, the model used to test the sampling methodology. At each field trip, three removals with electrofishing were done in each locality and, according to the number of obtained species at each locality/field trip, we analysed 315 cases. Nineteen cases, among 315, showed failure condition. Estimates were significant (p < 0.01) in 96% of the studied cases. Non-significant cases were obtained for rare species due to over and randomly efficient electrofishing in 63.3% and 36.4% of the cases, respectively. No correlation was found between catchability and the estimated number of individuals and/or environmental characteristics. High values for sampling efficiency (> 85%) were found for all estimates. An experimental analyses were done for one locality and, the comparison between the estimates for 3 and 6 successive removals showed a mean error and a standard deviation of 5.5% and 2.1% respectively. Therefore, it can be concluded that electrofishing was an efficient method for quantitative data analysis of fish populations and communities in the Ubatiba fluvial system.
  • Efeito da infestação por Lernaea cyprinacea Linnaeus, 1758 (Copepoda, Lernaeidae) sobre o número de leucócitos de Schizodon intermedius Garavello & Britski, 1990 (Osteichthyes, Anostomidae) Ecology

    SILVA-SOUZA, A. T.; ALMEIDA, S. C.; MACHADO, P. M.

    Resumo em Português:

    A contagem diferencial dos leucócitos de Schizodon intermedius infestados por Lernaea cyprinacea foi realizada e os resultados foram comparados usando-se o teste não-paramétrico de Wilcoxon. As análises foram realizadas em peixes infestados por 16-77 Lernaea adultas, em peixes com lesões causadas pelo parasito mas sem a presença dos crustáceos e peixes não parasitados (grupo controle). Os espécimes de Schizodon intermedius foram provenientes da estação de piscicultura da Universidade Estadual de Londrina. Os seguintes leucócitos foram encontrados: linfócitos, neutrófilos, monócitos, basófilos, eosinófilos e leucócitos imaturos. Intensas linfocitopenia e neutrofilia foram encontradas nos peixes infestados, assim como um consistente aumento dos valores porcentuais de monócitos. Os valores mais altos de número de leucócitos imaturos foram também verificados nos espécimes parasitados.

    Resumo em Inglês:

    Differential white blood cell counts from Schizodon intermedius infested by Lernaea cyprinacea were carried out and compared using the Wilcoxon matched pairs test. The observations were performed in fish infested by 16-77 adult Lernaea, fish with parasitic lesions but without attached crustaceans, and non parasitized fish (control group). The specimens of Schizodon intermedius were obtained from the University of Londrina fish farming facilities. The following leucocytes were observed: lymphocytes, neutrophils, monocytes, basophils, eosinophils and immature leucocytes. Intense lymphocytopenia and neutrophilia were observed in the infested hosts. Consistent increasing of monocyte percentage values occurred in the infested fish. The highest values for immature leucocytes counts were recorded from infested fish specimens.
  • Comportamento reprodutivo e ocorrência sazonal de Psecas viridipurpureus (Salticidae, Araneae) Ecology

    ROSSA-FERES, D. de C.; ROMERO, G. Q.; GONÇALVES-DE- FREITAS, E.; FERES, R. J. F.

    Resumo em Português:

    O comportamento reprodutivo e a ocorrência sazonal de Psecas viridipurpureus foram estudados na Estação Ecológica do Noroeste Paulista, uma pequena área de conservação na região noroeste do Estado de São Paulo, Brasil (49º22'50"W e 20º48'36"S). P. viridipurpureus ocorreu em gravatás, uma bromeliácea (Bromelia balansae, Bromeliaceae) que não acumula água de chuva. Durante a exibição de corte, o casal ocupou a região mediana das folhas de gravatás, com o macho sempre localizado em uma posição superior à da fêmea. Os machos de P. viridipurpureus apresentaram um comportamento de corte complexo, que incluiu cinco padrões motores. O comportamento de corte e a cópula ocorreram preponderantemente durante a estação chuvosa e o recrutamento de jovens entre dezembro e julho. O abrigo de P. viridipurpureus difere do padrão de Salticidae, pois as ootecas são recobertas por uma cobertura de seda plana e não são incluídas em casulos.

    Resumo em Inglês:

    The reproductive behavior and the seasonal occurrence of Psecas viridipurpureus were studied at the Estação Ecológica do Noroeste Paulista, a small conservation area in the northwest region of São Paulo State, Brazil (49°22'50''W and 20°48'36''S). P. viridipurpureus occurred on "gravatá", a bromeliaceous plant (Bromelia balansae, Bromeliaceae) which does not accumulate rain water. During the courtship display the couple occupied the median region of the "gravatá" leaves, with the male always located in a higher position than the female. The males of P. viridipurpureus showed a complex courtship behavior, which included five motor patterns. The courtship and mating behavior occurred preponderantly during the rainy season and the juvenile recruitment between December and July. The retreat of P. viridipurpureus differs from the Salticidae pattern, since the egg sacs are covered with a plain silk cover and are not wrapped in cocoons.
  • Taxas de absorção de nitrogênio e fósforo na água por Eichhornia crassipes e Salvinia auriculata Ecology

    PETRUCIO, M. M.; ESTEVES, F. A.

    Resumo em Português:

    Esta pesquisa teve por principal objetivo, levantar informações a respeito do funcionamento e da capacidade de remoção de nitrogênio e fósforo por Eichhornia crassipes e Salvinia auriculata, a partir da quantificação das concentrações dos compostos nitrogenados (NO3-N, NH4-N e N-total) e fosfatados (PO4-P e P-total) na água. As macrófitas foram incubadas, em laboratório, em frascos plásticos de 1,5 litros, os quais continham uma solução previamente preparada com NH4NO3, NH4Cl e KH2PO4. Eichhornia crassipes apresentou as maiores taxas de redução de nutrientes e as concentrações de NO3-N, NH4-N e PO4-P na água influenciaram as taxas de absorção de nitrogênio e fósforo das E. crassipes e S. auriculata. Essas informações podem ser úteis para uma estratégia de manejo adequado das macrófitas aquáticas, na tentativa de reduzir o processo de eutrofização na lagoa Imboassica.

    Resumo em Inglês:

    The main goal of this research was to survey information about the physiology of Eichhornia crassipes and Salvinia auriculata and their capacity to remove nitrogen and phosphorus from the environment, after quantifying the concentrations of the nitrogen (NO3-N, NH4-N and total-N) and phosphorus (PO4-P and total-P) compounds in the water. The macrophytes were incubated in the laboratory in plastic vials of approximately 1.5 litters containing a previously prepared solution of NH4NO3, NH4Cl and KH2PO4. Eichhornia crassipes exhibited the highest rates of nutrient reduction and the concentrations of NO3-N, NH4-N and PO4-P in the water influenced the uptake rates of nitrogen and phosphorus of the E. crassipes and S. auriculata. This information can help to reach adequate management strategies for aquatic macrophytes in order to reduce the eutrophication process in Imboassica lagoon.
  • Valor conservacionista de um fragmento de mata nativa em região de agricultura intensiva Ecology

    CHIARELLO, A. G.

    Resumo em Português:

    Um levantamento da fauna de mamíferos e aves foi realizado em um fragmento de mata mesófila semi decídua com cerca de 150 ha de área localizado na zona de agricultura intensiva da região de Ribeirão Preto, Estado de São Paulo. O levantamento foi feito por meio de censos em trilhas durante seis dias, totalizando 27,8 km de trilhas e 27,8 horas de observacão. Foram confirmadas 20 espécies de mamíferos (exceto quirópteros e pequenos mamíferos), incluindo espécies ameaçadas ou raras na região, como a onça-parda (Puma concolor), o lobo-guará (Chrysocyon brachyurus) e a jaguatirica (Leopardus pardalis). O macaco-prego (Cebus apella) e o sagüi-de-tufo-preto (Callithrix penicillata) foram encontrados com muita freqüência, indicando altas densidades populacionais desses primatas no fragmento de estudo. Em relação à avifauna, foram registradas 49 espécies, a maioria das quais típicas de áreas abertas ou bordas de mata. Foram confirmadas, no entanto, algumas espécies que estão se tornando raras na região, como o pato-do-mato (Cairina moschata) e o tucanuçu (Ramphastos toco). Os resultados demonstram que fragmentos florestais deste porte representam refúgios de fauna nativa em uma região dominada quase que exclusivamente pela monocultura da cana-de-açúcar. Além dos aspectos faunísticos, a preservação desses fragmentos é de grande importância para a realização de estudos relacionados à preservação de espécies a médio e longo prazos, como projetos de reintrodução, translocação e saúde genética de populações isoladas.

    Resumo em Inglês:

    A survey of mammals and birds was carried out in a semi-deciduous forest fragment of 150 ha located in a zone of intensive agriculture in Ribeirão Preto, State of São Paulo, south-eastern Brazil. Line transect sampling was used to census mammals and birds during six days, totalling 27.8 km of trails and 27.8 hours of observation. Twenty mammal species were confirmed in the area (except bats and small mammals), including rare or endangered species, such as the mountain lion (Puma concolor), the maned wolf (Chrysocyon brachyurus), and the ocelot (Leopardus pardalis). The brown capuchin monkey (Cebus apella) and the black-tufted-ear marmoset (Callithrix penicillata) were found frequently, suggesting high population density in the fragment. Regarding the avifauna, 49 bird species were recorded, most of them typical of open areas or forest edges. Some confirmed species, however, are becoming increasingly rare in the region, as for example the muscovy duck (Cairina moschata) and the toco toucan (Ramphastos toco). The results demonstrate that forest fragment of this size are refuges for native fauna in a region dominated almost exclusively by sugar-cane plantations. Besides faunal aspects, the conservation of these fragments is of great importance for the establishment of studies related to species preservation in the long term, including reintroduction and translocation projects, as well as studies related to genetic health of isolated populations.
  • Fluxo ventilatório relativo aos volumes intrabucal e intraoperculares no serrasalmídeo Piaractus mesopotamicus durante a exposição à normóxia e à hipóxia gradual Zoology

    KALININ, A. L.; SEVERI, W.; GUERRA, C. D. R.; COSTA, M. J.; RANTIN, F. T.

    Resumo em Português:

    Em um grupo de Piaractus mesopotamicus (Wt = 650,4 ± 204,7 g, n = 10) foram determinados a ventilação branquial (<img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> – mlH2O. min–1), a freqüência respiratória (fR – ciclos respiratórios. min–1) e o volume ventilatório (V T – mlH2O. ciclo respiratório–1) em normóxia e em resposta à hipóxia gradual. A fR foi mantida constante, em torno de 100 ciclos respiratórios. min–1, de normóxia até a tensão de O2 da água inspirada (PiO2) de 53 mmHg, abaixo da qual aumentou progressivamente, atingindo seus valores máximos (157,6 ± 6,3 ciclos respiratórios. min–1) em 10 mmHg. O V T aumentou de 1,8 ± 0,1 para 6,0 ± 0,5 e 5,7 ± 0,4 mlH2O. ciclo respiratório–1 nas PiO2 de 16 e 10 mmHg, respectivamente. A <img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> aumentou de 169,3 ± 11,0 (normóxia) para 940,1 ± 85,6 mlH2O. min–1 na PiO2 de 16 mmHg, abaixo da qual também tendeu a diminuir. Um segundo grupo de peixes (29 to 1510,0 g, n = 34) foi utilizado para a avaliação das relações alométricas entre a ventilação e as dimensões das cavidades bucal e operculares. Na <img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> máxima, o V T correspondeu a 93,2 ± 2,4% do volume bucal e 94,9 ± 2,3% de volume opercular, sugerindo que a <img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> de P. mesopotamicus é limitada pelos volumes dessas cavidades durante hipóxia severa.

    Resumo em Inglês:

    Ventilation volume (<img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> – mlH2O.min–1 ), respiratory frequency (fR – breaths.min–1) and tidal volume (V T – mlH2O.breath–1 ) were measured in a group of Piaractus mesopotamicus (650.4 ± 204.7 g; n = 10) during normoxia and in response to graded hypoxia. The fR was maintained constant, around 100 breaths.min–1, from normoxia until the O2 tension of the inspired water (PiO2) of 53 mmHg, below which it increased progressively, reaching maximum values (157.6 ± 6.3 breaths.min–1) at 10 mmHg. The V T rose from 1.8 ± 0.1 to 6.0 ± 0.5 and 5.7 ± 0.4 mlH2O. breath–1 in the PiO2 of 16 and 10 mmHg, respectively. The <img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> increased from 169.3 11.0 (normoxia) to 940.1 ± 85.6 mlH2O. min–1 at the PiO2 of 16 mmHg, below which it also tended to decrease. A second group of fish (29 to 1510.0 g, n = 34) was used for the evaluation of allometric relationships concerning ventilation and dimensions of the buccal and opercular cavities. At maximum <img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle">, the V T corresponded to 93.2 ± 2.4% of the buccal volume and 94.9 2.3% of the opercular volume, suggesting that the <img src="http:/img/fbpe/rbbio/v60n2/a08vg.gif" alt="a08vg.gif (265 bytes)" align="absmiddle"> of P. mesopotamicus is limited by the volumes of buccal and opercular cavities in severe hypoxia.
  • Estratégia reprodutiva de Leporinus friderici (Characiformes, Anostomidae) na bacia do rio Paraná: efeito de represamentos Zoology

    LOPES, C. de A.; BENEDITO-CECILIO, E.; AGOSTINHO, A. A.

    Resumo em Português:

    A estratégia reprodutiva de uma espécie é dependente da interação entre fatores intrínsecos e extrínsecos. Examinando a população de Lelporinus friderici em dois reservatórios da bacia do alto Rio Paraná, com referência ao tamanho da primeira maturação gonadal, época e local de reprodução, o presente trabalho testa se o ambiente formado com o represamento promove alterações espaço-temporais na estratégia reprodutiva da espécie. Analisando a proporção sexual, as fêmeas predominaram, significativamente, em Itaipu, enquanto em Corumbá foi evidenciada igualdade sexual com leve predomínio de machos, sendo constatado, todavia, para a espécie em questão, dimorfismo sexual associado ao tamanho, isto é, fêmeas prevaleceram nos maiores comprimentos e machos nos menores. O tamanho mínimo em que a espécie inicia a reprodução variou anualmente, sendo maiores nos períodos logo após a formação de ambos os reservatórios. Em ltaipu, foi notada ainda estabilização entre os máximos e mínimos comprimentos de primeira maturação, após o sexto ano de represamento mantendo-se no décimo quinto ano. Em geral, o período reprodutivo estabelecido foi de outubro a abril, no entanto, alterações cíclicas na duração e intensidade deste período foram evidenciadas. Os indivíduos jovens predominaram durante todo o período de estudo em Corumbá. A formação do reservatório de Itaipu promoveu efeito maior sobre a reprodução de Leporinus friderici, onde possivelmente está ocorrendo um processo gradativo de adaptações da estratégia reprodutiva da espécie. É possível supor, ainda, que algumas das características exibidas pela população em ltaipu se manifestem futuramente naquela de Corumbá. Conclui-se, portanto, que as estratégias reprodutivas constituem-se em adaptações ecológicas, alteradas temporal e espacialmente e condicionadas à oferta de recursos e à pressão ambiental.

    Resumo em Inglês:

    The reproductive strategy of a species depends upon the interaction between intrinsic and extrinsic factors. Examining the population of Leporinus friderici in two reservoirs of the Upper Paraná River basin in reference to first gonadal maturation and breeding season and sites, the present investigation tested whether the environment formed by damming promoted spatial and temporal changes in the reproductive strategy of this species. Analyses of sex ratios showed that females significantly predominated in Itaipu, while in Corumbá the sexes were about equal with a slight predominance of males. Size-associated sexual dimorphism was observed, that is females dominated the longer length categories, and males the shorter. The minimum size at which L. friderici initiated reproduction varied from year to year, and was larger in the periods soon after formation of both reservoirs. In Itaipu, stabilization between the maximum and minimum lengths at first maturation was also noted after year 6 following closure and continuing until year 15. In general, the breeding season lasted from October through April, although cyclic changes in the duration and intensity of this season were evident. Young individuals predominated during the entire study period in Corumbá. The formation of Itaipu Reservoir had a greater effect on the reproduction of L. friderici, where a gradual adaptation of the reproductive strategy of this species may possibly have been occurring. It is also possible that some of the characteristics of the Itaipu population will in the future be shown by the Corumbá population. It was concluded that reproductive strategies constitute ecological adaptations that are temporally and spatially altered and are fitted to resource availability and environmental pressure.
  • Estruturas ventilatórias em Cryphocricos barozzii Signoret (Heteroptera: Naucoroidea) Zoology

    LOPEZ-RUF, M. L.; PELLERANO, G. N.; BACHMANN, A. O.

    Resumo em Português:

    Descrevem-se estruturas muito semelhantes às de Aphelocheirus aestivalis (Fab.) (Messner et al., 1981). Os pêlos plastronais têm forma de folha e encontram-se distribuídos regularmente no plastron. Aberturas muito pequenas nos esternitos e tergitos conectam o ar plastronal com o ar subcuticular, e estão limitadas internamente por uma membrana. A estrutura na zona próxima à traquéia é similar nas duas espécies comparadas, sugerindo relações mais próximas que as aceitas até agora.

    Resumo em Inglês:

    Plastron and spiracular features strongly resemble those of Aphelocheirus aestivalis (Fab.), described by Messner et al. (1981). Plastronal foliose hairs, somewhat irregular shaped are regularly distributed in the plastron. Very numerous tiny openigs on sternites an tergites connect platronal air with a subcuticular air film limited internally apparently by a membrane. Aplicated, radial, structure at the proximal end of the tracheae, almost occluding the extremely fine spiracular openings, appear with lesser variations in both species, suggesting close relationships than accepted until now.
  • Área de uso de um grupo de sagüi-da-cara-branca, Callithrix geoffroyi (Primates: Callithrichidae) no Sudeste do Brasil Zoology

    PASSAMANI, M.; RYLANDS, A. B.

    Resumo em Português:

    A área de uso de um grupo de sagüi-da-cara-branca (Callithrix geoffroyi) foi estudada em um fragmento de Mata Atlântica no sudeste do Brasil, no período de fevereiro de 1993 a janeiro de 1994. A área de uso total usada pelo grupo foi de 23,3 ha, sendo que a área utilizada na estação seca foi significativamente maior que na estação chuvosa. A distância mínima percorrida pelo grupo foi de 480 m/dia em maio e a máxima de 1.980 m/dia em março, não apresentando diferença significativa entre as diferentes estações. O tamanho da área de uso dessas espécies se enquadra no grupamento ecológico do gênero Callithrix, proposto por Rylands & Faria (1993), e parece estar diretamente associado à estrutura do habitat, ao limite do fragmento e à inexistência de contato com grupos vizinhos.

    Resumo em Inglês:

    The home range of one group of the Geoffroy's marmoset (Callithrix geoffroyi) was studied in a fragment of the Atlantic Forest in south-eastern Brazil, between February 1993 and January 1994. The total home range was 23.3 ha and the area used in the dry season was significantly larger than that of the wet season. The smallest distance travelled by group was 480 m/day in May and the longest was 1,980 m/day in March, but with no significant differences between seasons. The total home range used for this species agrees with the ecological grouping of the genus Callithrix proposed by Rylands & Faria (1993) and may be associated with the habitat structure, the limit of the fragment and the inexistence of neighbouring groups.
  • Relação entre a morfologia dental, sexo, comprimento do corpo e idade em Pontoporia blainvillei e Sotalia fluviatilis (Cetacea) no Norte do Rio de Janeiro, Brasil Zoology

    RAMOS, R. M. A.; DI BENEDITTO, A. P. M.; LIMA, N. R. W.

    Resumo em Português:

    A relação entre a morfologia dental, o sexo, o comprimento corpóreo e a idade em pequenos cetáceos pode ser utilizada para determinar ontogenia, dimorfismo sexual e variação geográfica. O objetivo deste trabalho foi testar se há relação entre morfologia dental, sexo, comprimento do corpo e idade. Foram analisados 91 espécimens de P. blainvillei e 80 espécimens de S. fluviatilis capturados acidentalmente em pescarias ou encalhados no Norte do Rio de Janeiro (21º37'-22º25'S), no período entre setembro de 1988 e novembro de 1996. O diâmetro da raiz do dente em exemplares de P. blainvillei diferiu significativamente entre os sexos; os valores nas fêmeas foram maiores do que os valores nos machos. Em nenhuma espécie foi observada significância nas variações na dimensão e no número de dentes, na espessura das camadas de crescimento na dentina e no cimento e na largura máxima do cimento como função do comprimento corpóreo. A idade foi relacionada ao incremento do comprimento do dente, dos diâmetros da raiz e do cíngulo e da largura máxima do cimento nos indivíduos de P. blainvillei, e no incremento dos comprimentos do dente e da coroa e da largura máxima do cimento nos indivíduos de S. fluviatilis. A relação linear entre os valores de largura máxima do cimento e a idade em ambas as espécies indica que as equações obtidas podem ser utilizadas para estimar a idade relativa em P. blainvillei e S. fluviatilis no norte do Rio de Janeiro.

    Resumo em Inglês:

    The relationship between dental morphology, sex, body length and age of small cetaceans can be used to determine ontogeny, sexual dimorphism and geographical variation. The objective of this study was to determine the relationship between dental morphology, sex, body size and age. A total of 91 specimens of P. blainvillei and 80 specimens of S. fluviatilis accidentally captured in fisheries or stranded in northern Rio de Janeiro (21º37'-22º25'S), from September 1988 to November 1996 were analysed. The teeth root diameter in P. blainvillei was significantly different between the sex; the values for females were larger than males. In neither species aid we observed significant in variations dimension and number of teeth, thickness of dentine and cemental layers and in the maximum width of cement as a function of body size. Age was related to increases in tooth length, root and cingulum diameters, and maximum width of cement in individuals of P. blainvillei, and tooth and crown lengths and maximum width of cement in individuals of S. fluviatilis. The observation of a linear growth between maximum width of cement and age in both species indicates that the equations obtained can be used to estimate relative age in P. blainvillei and S. fluviatilis in northern of Rio de Janeiro.
  • Fauna entomológica da reserva biológica do Atol das Rocas, RN, Brasil: I. Composição de morfoespécies Zoology

    ALMEIDA, C. E. de; MARCHON-SILVA, V.; RIBEIRO, R.; SERPA-FILHO, A.; ALMEIDA, J. R. de; COSTA, J.

    Resumo em Português:

    O Atol das Rocas é o único atol do Atlântico Sul Ocidental e está situado a 144 milhas náuticas (266 Km) a nordeste da cidade de Natal (RN), NE, Brasil, e a 80 milhas náuticas a oeste do Arquipélago de Fernando de Noronha nas coordenadas 3º51'S e 33º49'W. De origem vulcânica e formação coralina, possui uma estrutura ligeiramente elipsoidal, quase circular em seu eixo maior (E-W) com cerca de 3,7 Km e o menor (N-S) tem cerca de 2,5 km. No interior do anel recifal encontram-se duas ilhas, a do Farol e a do Cemitério, que somam 7,2 Km² de área emersa. O Atol das Rocas abriga cerca de 143.000 aves de cinco espécies mais abundantes: Sula dactilatra, S. leucogaster, Anous stolidus, A. minuta e Sterna fuscata. Devido à remota localização deste atol, as ilhas foram em grande parte poupadas da depredação humana. Visando uma amostragem abrangente da diversidade entomofaunística do local e uma caracterização geral do nicho trófico dos insetos, foram realizadas três coletas (1994, 1995, 1996) com vários métodos. Foram capturados 1.606 insetos pertencentes a oito ordens: 1. Coleoptera - foram coletados 333 exemplares pretencentes às famílias Dermestidae (Dermestes cadaverinus), Tenebrionidae (Phaleria testacea e outra morfoespécie) e Curculionidae (uma morfoespécie); 2. Dermaptera - foram coletados 50 exemplares da família Carcinophoridae (Anisolabis maritima); 3. Diptera - foram coletados 281 exemplares pertencentes às famílias Ephydridae (Scatella sp. e Hecamede sp.) e Hippoboscidae (uma morfoespécie); 4. Hymenoptera - foram coletados 45 exemplares de Formicidae (Brachymyrmex sp.); 5. Lepidoptera - foram coletados 111 exemplares de Microlepidoptera (uma morfoespécie); 6. Mallophaga - foram coletados 18 exemplares em aves (duas morfoespécies); 7. Orthoptera - foram capturados 237 exemplares da família Acrididae (Schistocerca cancelatta), Tridactylidae (uma morfoespécie) e Blatidae (três morfoespécies); e 8. Thysanoptera - foram coletados 531 exemplares (uma morfoespécie). Também foram coletados 112 exemplares da Classe Arachinida. A Ordem Araneae foi representada pelas seguintes famílias: 1. Miturgidae (Cheiracanthium inclusum); 2. Saltididae (duas morfoespéciese); 3. Segestridade (Ariadna sp.); e 4. Theridiidae (Achaearanea sp. e Latrodectus geometricus). Para a ordem Scorpionida, foram coletados somente representantes da família Buthidae (Isometrus maculatus). Segundo observações no ato das coletas, a maioria dos insetos é detritívora e/ou necrófaga, o que sugere que a dimensão do nicho trófico dos insetos esteja em função de dejetos e cadáveres de aves. Foi constatada uma baixa diversidade na entomofauna do atol, pois, as varreduras minuciosas nas duas ilhas constataram que, no período da coleta, a diversidade mostrou-se restrita a 25 morfoespécies.

    Resumo em Inglês:

    Atol das Rocas, the unique atoll in the South-western Atlantic, is located 144 nautical miles (266 Km) northeast from the city of Natal, NE Brazil and 80 nautical miles from Arquipélago de Fernando de Noronha, with geographic co-ordinates 3º51'S and 33º49"W. It's of volcanic origin and coralline formation. The reef is ellipsoid, its largest axis (E-W) is approximately 3.7 km long, and the shortest (N-S) is 2.5 km. Inside the lagoon, there are two islands: the Ilha do Farol and Ilha do Cemitério, which comprehend 7.2 Km² of emerged area. The Atol das Rocas lodges 143,000 birds, mainly by Sula dactilatra, S. leucogaster, Anous stolidus, A. minuta and Sterna fuscata. Due to their remote location, the islands remain largely undisturbed by the human activities. Aiming to a first characterization of the entomological diversity and the general trophic niches of atoll's entomofauna, three collects were made (1994, 1995 and 1996) utilizing several methods for a wide sample. One thousand six hundred and six insect specimens were collected belonging to eight orders: 1. Coleoptera - 333 individuals of Dermestidae (Dermestes cadaverinus); Tenebrionidae (Phaleria testacea and morphospecies) and Curculionidae (one morphospecies); 2. Dermaptera - 50 individuals of Carcinophoridae (Anisolabis maritima); 3. Diptera - 281 individuals of Ephydridae (Scatella sp. and Hecamede sp.) and Hippoboscidae (one morphospecies); 4. Hymenoptera - 45 individuals of Formicidae (Brachymyrmex sp.); 5. Lepidoptera - 111 individuals of Microlepidoptera (one morphospecies); 6. Mallophaga - 18 individuals in birds (two morphospecies); 7. Orthoptera - 237 individuals of Acrididae (Schistocerca cancellata), Tridactylidae (one morphospecies) and Blattidae (three morphospecies); 8. Thysanoptera -531 individuals (one morphospecies). Also were collected 112 individuals of Arachnida. The taxa of the Order Araneae were represented by the families: 1. Miturgidae (Cheiracanthium inclusum); 2. Salticidae (two morphospecies) and 3. Segestriidae (Ariadna sp.); 4. Theridiidae (Achaearanea sp. and Latrodectus geometricus). For the Order Scorpionida, only samples of Buthidae (Isometrus maculatus) were collected. Through field observations, it was concluded the most insects are detritophagous and/or necrophagous. It is suggested that which the dimension of ecological niches of the insects are a function of the droppings, trash and corpses of birds. A low diversity in the entomofauna of atoll, with its 25 morphospecies, was ascertained.
  • A influência do estado da colônia na atividade de vôo do meliponíneo Melipona bicolor bicolor Lepeletier (Apidae, Meliponinae) Zoology

    HILÁRIO, S. D.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L.; KLEINERT, A. de M. P.

    Resumo em Português:

    A atividade de vôo de Melipona bicolor bicolor, proveniente de Cunha (23º05'S, 44º55'W), Mata Atlântica, foi estudada em dez colônias, em dois períodos: de julho a setembro de 1993 e de agosto a setembro de 1995. As colônias foram agrupadas em fracas, médias e fortes, segundo o diâmetro dos favos de cria, que pode fornecer uma idéia do número de células de cria construídas. Foram realizadas 855 observações durante 5 minutos, a cada meia hora, das 8 às 18 horas, quando era contado o número total de abelhas que entravam e saíam, o número de abelhas que chegava com barro, pólen e resina, além do número que saía com detritos das colméias naquele período. Foram também registradas a temperatura e a umidade relativa do ar. A atividade externa total, assim como a coleta de pólen, foi máxima nas primeiras horas da manhã, principalmente nas colônias fortes. Colônias fracas deslocaram a atividade máxima para as 12 horas, aproximadamente. A coleta de pólen declinou gradualmente, enquanto a coleta de barro e de resina se elevou; a eliminação de detritos foi maior no início da manhã e no final da tarde. A atividade de vôo esteve positivamente correlacionada com a umidade relativa do ar, sendo ótima para colônias fortes na faixa entre 80%-89% de umidade relativa, e para as mais fracas entre 70%-79%. Quanto à temperatura, o limite mínimo observado para saída das abelhas foi de 11°C; com temperaturas ótimas entre 17°C e 22°C. Os resultados evidenciam que o estado geral da colônia influencia as diferentes estratégias de coleta de alimento, e que essas abelhas devem estar adaptadas a ambientes de alta umidade relativa como a Mata Atlântica.

    Resumo em Inglês:

    Flight activity of Melipona bicolor bicolor, coming from Cunha (23º05'S, 44º55'W), Atlantic Forest, was studied in ten colonies, and in two periods: from July to September 1993 and from August to September 1995. The colonies were grouped in weak, medium and strong, according to the diameter of the combs, which can provide a good idea of the number of cells built. 855 observations were accomplished for 5 minutes, every half-hour, from 8 to 18 hours. The total number of bees that entered and left the hive and the number of bees that arrived with mud, pollen and resin, besides the number that went out with debris in that period were counted. It was also registered the temperature and the relative humidity of the air. The total external activity, as well as pollen collection, was maximum in the first hours of the morning, mainly in strong colonies. Weak colonies moved their maximum activity approximately to 12 hours. Pollen collection declined gradually, while mud and resin collection rose; removal of debris was greater in the beginning of the morning and in the end of the afternoon. Flight activity increased as relative humidity of the air rose, being optimum for strong colonies in the range between 80%-89%, and for the weakest colonies between 70%-79%. The minimum temperature observed for exit of the bees was 11ºC, with optimum temperatures ranging between 17ºC and 22ºC. The results showed that the general state of the colony influences the different strategies of food collection and that these bees should be adapted to environments of high relative humidity as the Atlantic forest.
  • Aspectos morfométricos e adaptativos em abelhas africanizadas (Apis mellifera) Zoology

    OLIVEIRA-JR, W. P.; BRANDEBURGO, M. A. M.; MARCOLINO, M. T.

    Resumo em Português:

    A introdução das abelhas africanas (Apis mellifera scutelata) no Brasil e sua expansão pelo Continente Americano criou a oportunidade de se estudar o processo de adaptação de uma espécie em um novo ambiente. Nesse processo, dentro da variabilidade intra-específica, a seleção normalizante pode favorecer os indivíduos que apresentam uma morfologia mais adaptativa, os quais constituirão o tipo mais freqüente encontrado na população. Para testar essa hipótese foram feitas análises morfométricas em amostras de colônias de abelhas africanizadas e em amostras da população. Também foi avaliado o desenvolvimento das colônias em termos da quantidade de cria, mel e pólen. A análise dos dados mostrou que as colônias que mais se desenvolveram são formadas por indivíduos mais próximos da média da população quanto às características morfológicas.

    Resumo em Inglês:

    The introduction of the African bees (Apis mellifera scutelata) in Brazil and their expansion in the American Continent created the opportunity to study the process of species adaptation in a new environment. In that process, within intra-specific variability, normalising selection can favour individuals that present a better adaptative morphology and they will constitute the most frequent type found in the population. To test that hypothesis morphometric analyses in samples of colonies of africanized bees and in samples of the populations were performed. The development of the colonies was also evaluated in terms of the amount of their brood, honey and pollen. Analysis of the data indicates that more developed colonies are formed by individuals closer to the population average with concerning morphological traits.
  • Método para obtenção de duplo-haplóides de genótipos brasileiros de cevada Cell Biology

    SILVA, A. L. S. da; MORAES-FERNANDES, M. I.; FERREIRA, A. G.

    Resumo em Português:

    Anteras de cevada (Hordeum vulgare L.) foram cultivadas in vitro, fazendo com que houvesse uma reversão no desenvolvimento dos micrósporos para um modo esporofítico de desenvolvimento. Uma primeira mitose simétrica, seguida de uma seqüência de mitoses, levou à formação de micrósporos multinucleados. A regeneração de plantas ocorreu tanto por embriogênese direta quanto pela formação de calos, com posterior diferenciação via embriogênese indireta ou organogênese. Os embriões e calos androgenéticos mostraram grande potencial para regeneração, e plantas verdes e albinas foram regeneradas no mesmo meio utilizado para indução, sendo a transferência para outro meio necessária somente para dar prosseguimento ao desenvolvimento e ao enraizamento das plântulas. A possibilidade de induzir pró-embrióides e regenerar plantas em um único passo, sem necessidade de transferência para um meio específico de regeneração, aumenta a rapidez e a eficiência da técnica de cultura de anteras.

    Resumo em Inglês:

    This paper describes a simple procedure for obtention of barley (Hordeum vulgare L.) doubled haploid plants from Brazilian hybrid genotypes. Anatomical and histological examinations showed the reversion of barley pollen to an sporophytic mode of development. A sequence of mitosis led to the formation of multicellular pollen grains. Regeneration of plants occurred either by direct embryogenesis or callus formation followed by differentiation through direct embryogenesis or organogenesis. Plants were formed in the same medium used for induction dispensing an additional regeneration step. This procedure makes doubled haploid production simpler and faster. Plantlets were transferred to another medium for rooting and after that planted in pots with vermiculite and nutrient solution.
  • A importância da glicose para a tolerância/intolerância ao congelamento dos anfíbios anuros Rana catesbeiana e Bufo paracnemis Cell Biology

    STEINER, A. A.; PETENUSCI, S. O.; BRENTEGANI, L. G.; BRANCO, L. G. S.

    Resumo em Português:

    Diversas espécies de rãs terrestres, tartarugas e insetos desenvolveram mecanismos para resistência ao congelamento, como o aumento dos níveis de glicose, proteínas anticongelantes e enzimas antioxidantes. Neste estudo, verificou-se a importância da glicose para a crioresistência de dois anfíbios anuros: a rã Rana catesbeiana e o sapo Bufo paracnemis. Os animais foram expostos a -2ºC para medidas de glicemia, conteúdo de glicogênio muscular e hepático, hematócrito e volume celular das hemácias. As rãs sobreviveram à exposição, enquanto os sapos não. A glicemia aumentou de 40,35 ± 7,25 para 131,87 ± 20,72 mg/dl (P < 0.01) quando as rãs foram transferidas de 20 para -2ºC. Este acúmulo de glicose em resposta à exposição ao frio foi acompanhado por uma redução (P < 0.05) no conteúdo de glicogênio hepático de 3,94 ± 0,42 para 1,33 ± 0,36 mg/100 mg de tecido, indicando que o catabolismo do glicogênio hepático foi, provavelmente, a principal fonte de carbono para a síntese de glicose, enquanto o glicogênio muscular parace ser de menor importância. Nos sapos, a hiperglicemia induzida pelo frio foi relativamente menor (de 27,25 ± 1,14 para 73,72 ± 13,50 mg/dl; P < 0.05) e não verificou-se variação significativa no conteúdo de glicogênio muscular e hepático. A exposição a -2ºC não teve efeito sobre o hematócrito das rãs, mas reduziu significativamente (P < 0.01) o hematócrito dos sapos de 20,0 ± 2,1% para 5,8 ± 1,7%, devido a uma redução do volume das hemácias (de 1532 ± 63 para 728 ± 87 mm³). Quando glicose foi injetada nos sapos, a glicemia elevou-se a níveis similares àqueles das rãs e o hematócrito não variou, mesmo assim os sapos não se tornaram crioresistentes. Em conclusão, a deficiência no catabolismo da glicose, induzido pelo frio, não parece ser o único mecanismo responsável pela intolerância ao congelamento de Bufo paracnemis, uma espécie não tolerante ao congelamento.

    Resumo em Inglês:

    Several species of terrestrially hibernating frogs, turtles and insects have developed mechanisms, such as increased plasma glucose, anti-freeze proteins and antioxidant enzymes that resist to freezing, for survival at subzero temperatures. In the present study, we assessed the importance of glucose to cryoresistance of two anuran amphibians: the frog Rana catesbeiana and the toad Bufo paracnemis. Both animals were exposed to -2ºC for measurements of plasma glucose levels, liver and muscle glycogen content, haematocrit and red blood cell volume. Frogs survived cold exposure but toads did not. Blood glucose concentration increased from 40.35 ± 7.25 to 131.87 ± 20.72 mg/dl (P < 0.01) when the frogs were transferred from 20 to -2ºC. Glucose accumulation in response to cold exposition in the frogs was accompanied by a decrease (P < 0.05) in liver glycogen content from 3.94 ± 0.42 to 1.33 ± 0.36 mg/100 mg tissue, indicating that liver carbohydrate reserves were probably the primary carbon source of glucose synthesis whereas muscle carbohydrate seems unimportant. In the toads, the cold-induced hyperglycaemia was less (P < 0.05) pronounced (from 27.25 ± 1.14 to 73.72 ± 13.50 mg/dl) and no significant change could be measured in liver or muscle glycogen. Cold exposition had no effect on the haematocrit of the frogs but significantly reduced (P < 0.01) the haematocrit of toads from 20.0 ± 2.1% to 5.8 ± 1.7% due to a decreased red blood cell volume (from 1532 ± 63 to 728 ± 87 mm³). When toads were injected with glucose, blood glucose increased to levels similar to those of frogs and haematocrit did not change, but this failed to make them cryoresistent. In conclusion, the lack of cold-induced glucose catabolism may not be the only mechanism responsible for the freeze intolerance of Bufo paracnemis, a freeze-intolerant species.
  • Fundos visuais monocromáticos e policromáticos influenciam a resposta de área de 17 e 18 neurônios após simulação com barreiras de luz estacionárias e móveis Cell Biology

    KOCH, H. J.

    Resumo em Português:

    O papel da visão cromática nos gatos ativos à noite ainda não foi completamente elucidada. Para avaliar a sensibilidade cromática nos neurônios corticais do gato usamos grandes estímulos de fundos monocromáticos e policromáticos de igual luminância criados por computador, que foram sobrepostos em barreiras de luz (ligadas/desligadas) estacionárias e móveis. O efeito modulatório do ruído visual sobre a barreira neuronal foi o primeiro objetivo do estudo. As amplitudes máximas de cerca de 40% dos neurônios testados foram influenciadas tanto pelas barreiras móveis como pelas estacionárias. Aproximadamente dois terços das células sensíveis à amplitude também demonstraram seletividade da direção alterada. Estados latentes e larguras de campo, por outro lado, se revelaram bastante estáveis. O tempo de condução retino-cortical também não foi influenciado. Em conclusão, uma grande porção dos neurônios visuais do gato é notavelmente sensível à composição espectral do processo de ruído visual em redor da barreira de luz estimulante.

    Resumo em Inglês:

    The role of colour vision in night-active cats has not been elucidated completely hitherto. In order to assess the colour sensitivity in cat cortical neurons we used large isoluminant computer-generated monochromatic and polychromatic background stimuli which were superimposed on moving and stationary (on/off) light bars. Background stimuli were moved at different speeds either inphase or antiphase. The modulatory effect of the visual noise on the neuronal bar was the primary objective of the study. The maximum amplitudes of some 40% of the neurons tested was influenced by both moving and stationary bars. About two thirds of amplitude-sensitive cells showed aldo altered direction selectivity. Latencies and field widths, on the other hand, turned out to be rather stable. The retino-cortical conduction time was not influenced either. In conclusion, a large portion of cat cortical visual neurons is remarkably sensitive to the spectral composition of the visual noise process surrounding the stimulating light bar.
  • Cariótipo do parasitóide Chelonus insularis Cresson (Hymenoptera: Braconidae: Cheloninae) Cell Biology

    SILVA-JUNIOR, J. C.; POMPOLO, S. das G.; CAMPOS, L. A. de O.; CRUZ, I.

    Resumo em Português:

    O cariótipo de Chelonus insularis (Hymenotera, Braconidae, Cheloninae) é descrito. Os machos apresentam um número haplóide de sete cromossomos e as fêmeas, um número diplóide de 14 cromossomos, confirmando o mecanismo haplodiplóide de determinação do sexo. Comparações entre esses resultados com cariótipos de outras espécies da mesma família foram feitas, e um possível mecanismo envolvido na evolução do cariótipo nesta espécie é discutido.

    Resumo em Inglês:

    The karyotype of Chelonus insularis (Hymenoptera, Braconidae, Cheloninae) is described. The males show an haploid number of seven chromosomes and the females a diploid number of fourteen chromosomes, confirming haplo-diploid sex determination. Comparisons of these results with karyotypes of other species of the same family were done and a possible mechanism involved in the karyotype evolution of this species is discussed.
  • Padrões ontogenéticos e variação genética em Anopheles (Anopheles) intermedius Chagas, 1908 e Anopheles (Anopheles) mattogrossensis Lutz & Neiva, 1911 (Diptera: Culicidae) da Amazônia brasileira Cell Biology

    RODRIGUEZ, G. A. D.; SANTOS, J. M. M. dos; MAIA, J. de F.

    Resumo em Português:

    Foram observadas modificações na expressão gênica durante o desenvolvimento de Anopheles intermedius e Anopheles mattogrossensis do subgênero Anopheles. A esterase revelou sete regiões de atividade, sendo a EST1 presente durante todo o desenvolvimento das duas espécies; a EST2 observou-se apenas em larvas de A. intermedius e em larvas e pupas de A. mattogrossensis, com maior atividade em pupas; as EST3 e EST5 revelaram-se em todos os estágios, mostrando maior intensidade em larvas; as EST4 e EST6 foram detectadas com fraca atividade em A. intermedius durante todos os estágios, porém em A. mattogrossensis apresentaram forte atividade em pupas e fraca em larvas; a EST7 revelou-se apenas em pupas de A. mattogrossensis, não sendo observada em A. intermedius. A leucina aminopeptidase revelou quatro regiões de atividade, das quais, LAP1 e LAP2 foram observadas durante todo o desenvolvimento de A. intermedius, com maior atividade em larvas, e em A. mattogrossensis reveladas apenas em larvas; a LAP3 detectou-se em todos os estágios de A. mattogrossensis e somente em larvas de A. intermedius; a LAP4 foi somente detectada em larvas e pupas de A. mattogrossensis, com maior intensidade em pupas. A alfa-GPDH apresentou uma única região de atividade, revelada em larvas de 4º estágio velhas e a atividade é intensificada a partir do estágio de pupa, em ambas espécies.

    Resumo em Inglês:

    Changes in the expression of genes were observed during development in populations of Anopheles (Anopheles) intermedius and Anopheles (Anopheles) mattogrossensis. Esterase showed seven zones of activity: EST1 was present in all developmental stages of both species; EST2 was observed only in larvae of A. intermedius and larvae and pupae of A. mattogrossensis, with greater activity in pupae; EST3 and EST5 were present in all developmental stages, with greater intensity in larvae; EST4 and EST6 showed weak activity in larvae of A. mattogrossensis and was not found in A. intermedius. Leucine aminopeptidase showed four zones of activity, of which LAP1 and LAP2 were found in all stages of A. intermedius, with highest activity in larvae, and in larvae only of A. mattogrossensis. LAP3 was detected in all stages of A. mattogrossensis and in larvae only of A. intermedius. LAP4 was detected only in larvae and pupae of A. mattogrossensis, with greater intensity in pupae. alpha-Glycerophosphate dehydrogenase showed a single zone of activity, detected in older fourth-instar larvae and becoming more intense from the pupal stage onwards.
  • Mudanças na atividade da lactato desidrogenase e malato desidrogenase durante hipóxia e após aclimatação a diferentes temperaturas no cascudo, Rhinelepis strigosa (Siluriformes, Loricariidae) Cell Biology

    PANEPUCCI, L.; FERNANDES, M. N.; SANCHES, J. R.; RANTIN, F. T.

    Resumo em Português:

    Foram estudadas a lactato desidrogenase (LDH) e malato desidrogenase (MDH) de músculo branco de peixes aclimatados a 20, 25 e 30°C em diferentes concentrações de substrato e submetidos à hipóxia. Diferenças significativas em atividade enzimática para LDH e MDH são descritas aqui pela primeira vez em Rhinelepis strigosa em peixes aclimatados a 20°C e submetidos à hipóxia por seis horas. A LDH apresentou uma diminuição significativa na afinidade enzimática ao piruvato em hipóxia severa de peixes aclimatados a 20°C e um aumento significativo na afinidade enzimática ao piruvato em peixes aclimatados a 30°C.

    Resumo em Inglês:

    Lactate (LDH) and malate dehydrogenase (MDH) of white skeletal muscle of fishes acclimated to 20, 25 and 30°C and thereafter submitted to hypoxia were studied in different substrate concentrations. Significant differences for LDH and MDH of white muscle enzyme activities are described here for the first time in Rhinelepis strigosa of fishes acclimated to 20°C and submitted to hypoxia for six hours. LDH presented a significant decrease in enzyme affinity for pyruvate in acute hypoxia, for fishes acclimated to 20°C and an increase for fishes acclimated to 30°C.
Instituto Internacional de Ecologia R. Bento Carlos, 750, 13560-660 São Carlos SP - Brazil, Tel. / Fax: +55 16 271-5726 - São Carlos - SP - Brazil
E-mail: bjb.iie@terra.com.br