Accessibility / Report Error

Liga de Anatomia Aplicada (LAA): as Múltiplas Perspectivas sobre Participar de uma Liga Acadêmica

League of Applied Anatomy (LAA): Multiple Perspectives on Participation in an Academic League

RESUMO

Relata-se a experiência dos membros da Liga Acadêmica de Anatomia Aplicada (LAA) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), sejam eles ligantes, gestores ou orientadores. A motivação para esse trabalho reside no desejo de apontar a importância dessas organizações estudantis e seu impacto sobre os alunos, considerando o recente crescimento e criação de diversas ligas. O modelo tradicional de ensino praticado pela maioria das academias no Brasil, caracterizado por uma relação vertical entre professores e alunos, justifica, ao menos em parte, a limitação criativa dos alunos, e consequentemente, dos futuros profissionais. É nesse panorama que as ligas acadêmicas são necessárias, buscando aguçar o espírito crítico dos alunos e tornar palpáveis os assuntos contemplados pela grade curricular tradicional, que, devido aos cronogramas e horários extenuantes, permanecem abstratos e pouco atrativos, contribuindo para a desmotivação e quebra de expectativa dos alunos ingressantes. Nesse sentido, também se busca atender às demandas dos novos acadêmicos, ansiosos pela aplicação prática do conteúdo abordado no ciclo básico. Todas as atividades precisam ser bem organizadas para que atinjam seus objetivos. Assim, os orientadores devem garantir a supervisão, os gestores devem ser bem selecionados, e a divisão de tarefas deve ser efetiva, de modo a conquistar o engajamento dos ligantes. Todo esse trabalho, seja para a produção de conteúdos científicos, seja para a composição de palestras, cursos ou simpósios, influencia diretamente o modo de pensar de cada parte envolvida. Junto a todo o processo descrito, a base para desenvolver as atividades consiste no tripé ensino-pesquisa-extensão, que complementa a aprendizagem, desenvolve a investigação e contribui para a disseminação dos saberes acadêmicos e o cumprimento do dever social. Neste trabalho, é possível entender o impacto que uma liga tem na formação dos estudantes de Medicina e no constante estímulo à atualização do docente. Assim, foram recolhidos depoimentos e aplicados questionários que ratificam a importância da liga no crescimento tanto pessoal, quanto profissional, nas diversas esferas, e como essas atividades extracurriculares têm se mostrado benéficas na aquisição de novas experiências para discentes e docentes.

Educação Médica; Anatomia; Ensino; Pesquisa; Extensão

Associação Brasileira de Educação Médica SCN - QD 02 - BL D - Torre A - Salas 1021 e 1023 | Asa Norte, Brasília | DF | CEP: 70712-903, Tel: (61) 3024-9978 / 3024-8013, Fax: +55 21 2260-6662 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: rbem.abem@gmail.com