(Atualizado: 09/09/2021)

Sobre o periódico

 

Sobre a revista

  A Ambiente & Sociedade é uma publicação anual da ANPPAS-Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ambiente e Sociedade, que contribui na área de conhecimento interdisciplinar sobre Ambiente e Sociedade.  

 

Histórico do periódico

 

Ambiente & Sociedade publica trabalhos científicos de colaboradores nacionais e internacionais, mediante pareceres emitidos por assessores ad hoc.

A revista iniciou suas atividades em 1997, como fruto de uma articulação interinstitucional de pesquisadores de uma área de conhecimento ainda incipiente naquele momento, a interface entre as questões do Ambiente e as Ciências Sociais. Até 2010 o Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (NEPAM) da Unicamp foi responsável pelo suporte administrativo. A partir de 2011 a ANPPAS assumiu a responsabilidade editorial.

 

 

Indexação

 

A revista é publicada desde 2011 apenas no formato digital - ISSN Online 1809-4422 e ISSN da versão impressa 1414-753X (até 2011). A revista encontra-se indexada nas seguintes plataformas:

  • SCIELO Brasil - Scientific Electronic Library Online
  • SCOPUS/ELSEVIER
  • ISSN
  • IBSS - International Bibliography of the Social Sciences
  • All-Russian Institute of Scientific and Technical Information
  • LATINDEX - Sistema Regional de información en Línea Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal
  • Pro-Quest
  • Directory of Open Access Journals
 

 

Propriedade intelectual

 

Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons do tipo atribuição BY-NC.

A revista on-line tem acesso aberto e gratuito.

 

 

Apoio

 

 

 


 

Corpo Editorial

O contato com a revista é feito único e exclusivamente via email: revistaambienteesociedade@gmail.com

 

Editor Chefe

   

 

Comitê Científico-Editorial

   

 

Editores Adjuntos

   

 

Editores Associados

   

 

Conselho Editorial

 
  • Antonio Aledo - Universidad de Alicante, Valencia - Espanha, antonioaledotur@gmail.com
  • Célio Bermann - Universidade de São Paulo (USP), São Paulo - SP - Brasil, cbermann@iee.usp.br
  • Daniel Eduardo Ryan - Instituto tecnológico de Buenos Aires (ITBA), Buenos Aires - Argentina,  dryan@itba.edu.ar
  • Eduardo Viola - Universidade de Brasilia (UNB), Brasília - DF, Brasil, eduviola@gmail.com
  • Fábio de Castro - Centro de Estudos e Documentação Latino-Americanos (CEDLA), Amsterdam - Holanda, F.deCastro@cedla.nl
  • Isabel Cristina de Moura Carvalho - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RGS), Porto Alegre - RS, Brasil, isabel.carvalho@pucrs.br
  • Jelle Behagel - Universidade de Wageningen, Wageningen, Holanda, jelle.behagel@wur.nl
  • Jessica Budds - University of East Anglia, Norwich - UK, j.budds@uea.ac.uk
  • Jorge Rojas Hernández, Universidad de Concepción - Chile, jrojas@udec.cl
  • José Augusto Pádua - Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro - RJ, Brasil, japadua@terra.com.br
  • Jose Esteban Castro - Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas (CONICET), Argentina, jecastro@conicet.gov.ar
  • Júlia Guivant - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis - SC - Brasil, juliaguivant@gmail.com
  • La Dawn Haglund - Arizona State University, Arizona - Estados Unidos, ladawn.haglund@asu.edu
  • Luisa Schmidt - Universidade de Lisboa, Lisboa - Portugal, mlschmidt@ics.ulisboa.pt
  • Marcel Burstyn - Universidade de Brasilia (UNB), Brasília - DF, Brasil, marcel.cds@gmail.com
  • Maria Carmen Lemos - University of Michigan, Michigan - Estados Unidos, lemos@umich.edu
  • Néstor Mazzeo Beyhaut - Universidad de la República, Montevideo - Uruguai, mazzeobeyhaut@yahoo.com
  • Wagner Costa Ribeiro - Universidade de São Paulo (USP), São Paulo - SP - Brasil, wribeiro@usp.br
 

 

Editores Assistentes

   

 

Secretaria Executiva Editorial

   

 

Consultoria Editorial

   

 

Instruções aos(as) autores(as)

 

Normas para publicação

 

PROCESSO DE ANÁLISE DE MANUSCRITOS DA REVISTA AMBIENTE & SOCIEDADE

O processo de análise dos manuscritos funciona da seguinte forma:

(1) Triagem inicial:Os editores assistentes da revista revisam o manuscrito para verificar a adequação às normas de publicação que constam no site. Nesta fase, inicialmente, todos os manuscritos passarão por uma avaliação antiplágio usando o software CopySpyder (ou outro software equivalente). Após isso, caso seja necessário, os editores solicitarão aos autores adequações no manuscrito conforme os critérios editoriais da revista. Quanto antes o autor atender às exigências, mais rápido será o processo de avaliação. O prazo máximo para responder às pendências é de duas semanas. Caso estas não sejam respondidas, é facultado à Secretaria executiva a rejeição do manuscrito. Nestes casos, os autores poderão resubmeter o artigo, com as pendências corrigidas. É muito importante que os autores estejam atentos ao cumprimento das exigências de formatação da Revista. O autor será notificado para realizar as adequações até três vezes, e caso o manuscrito ainda tenha pendências, o trabalho será rejeitado. Nesta fase, há rejeição de trabalhos caso não atenda o escopo da revista.

(2) Pré-análise: o manuscrito passará pela avaliação dos editores adjuntos. Nesta etapa são analisados alguns requisitos, tais como atendimento ao escopo da revista, originalidade, solidez metodológica e discussão interdisciplinar. O não atendimento dos requisitos pode implicar na rejeição do texto. A avaliação é feita sem a identificação dos autores.

(3) Designação: Caso os artigos sejam aprovados na etapa de pré-análise, os manuscritos serão encaminhados aos editores associados da revista. Estes acompanham a avaliação e indicam os pareceristas que devem proceder com a revisão do artigo.

(4) Avaliação: Nesta última etapa, o manuscrito é avaliado por uma dupla de revisores em método duplo-cego, em alguns casos, segue para o desempate ou segunda rodada.

(5) Novas rodadas de avaliação: É muito comum que os avaliadores sugiram uma série de adequações na decisão editorial, o que implicará o início de uma nova rodada de avaliação. Quanto antes o autor providenciar as alterações, mais rápido será o processo de análise desta nova rodada. Para esta nova rodada os autores deverão resubmeter o manuscrito corrigido no sistema ScholarOne e deverão fazê-lo mantendo o tipo de manuscrito “Original Article” (Step 1: Type, Title & Abstract), e não como “review”. A omissão desta exigência implicará a devolução do manuscrito para correção.

Importante:  O funcionamento do Sistema ScholarOne é baseado no fuso horário Eastern time, e não no fuso horário brasileiro. Portanto, os autores devem submeter as revisões e correções até dois dias antes do prazo fixado pelo sistema ScholarOne e comunicado em emails aos autores.

Desde 2012 a revista Ambiente & Sociedade publica todos seus artigos em versão bilíngue: no idioma original (Português ou Espanhol) e a versão em Inglês. Opcionalmente, os artigos aprovados poderão também ser publicados nos três idiomas. Os custos de tradução em qualquer idioma serão de responsabilidade dos autores.

Os artigos aprovados na etapa 4 serão publicados no volume vigente, sempre que aceitos para publicação até agosto do ano em curso ou até atingir o número máximo de artigos publicados anualmente.

Os textos devem ser submetidos no link: https://mc04.manuscriptcentral.com/asoc-scielo

 

 

Foco e escopo

 

A Revista Ambiente & Sociedade é uma publicação anual da ANPPAS - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ambiente e Sociedade, que busca contribuir com a produção do conhecimento na interface das questões do Ambiente e Sociedade, com foco interdisciplinar, destacando o diálogo entre as ciências naturais e humanas e suas conexões. 

Publica trabalhos de colaboradores nacionais e internacionais, mediante avaliação dos editores e pareceres emitidos por assessores ad hoc.

A revista publica artigos e resenhas de livros inéditos na área interdisciplinar que tratem do processo de interação entre Sociedade e Meio Ambiente, e apresentem contribuições originais e relevantes do ponto de vista teórico, conceitual, metodológico e/ou empírico.

Artigos de caráter estritamente disciplinar, com foco nas transformações ambientais ou humanas, de forma separada, ou que não tenham uma discussão sobre a relação meio ambiente e sociedade deverão ser encaminhados para outros periódicos e não serão considerados para publicação, independentemente da sua qualidade.

Exemplos de artigos fora do escopo:

  • Análise estritamente jurídica das questões ambientais
  • Descrição e diagnóstico de problemas ambientais
  • Análise de tecnologias
  • Análise espaciais e seus métodos
  • Análises econômicas
  • Estudos de caso com micro escala
  • Revisão e sistematização de literatura.
 

 

Sistema de submissão e acompanhamento de artigos

 

A Revista Ambiente & Sociedade migrou para a plataforma de submissão Scielo ScholarOne e espera com isso otimizar todo o processo da submissão à publicação do periódico. Para enviar artigos acesse: https://mc04.manuscriptcentral.com/asoc-scielo

Pedimos aos autores que leiam com atenção todos os requisitos do processo de submissão abaixo.

O Sistema ScholarOne exige que os autores, no momento da submissão, indiquem o seu código ORCID. O preenchimento deste código no sistema só pode ser feito pelo próprio autor ou co-autor do manuscrito

O contato com a revista é feito único e exclusivamente via email: revistaambienteesociedade@gmail.com

A) FORMATO DO MANUSCRITO

Na redação do artigo os autores deverão observar as seguintes orientações:

  1. Os manuscritos devem ser classificados como "Original Article" na etapa de submissão "Step 1: Type, Title & Abstract".
  2. O número máximo de autores e co-autores, por manuscrito submetido, deverá ser de 7 pessoas.
  3. O manuscrito deve ser estruturado da seguinte forma: Título em português, Resumo, Palavras-chave, Título em inglês, Abstract, Key-words, Título em espanhol, Resumen, Palabras-clave, introdução, desenvolvimento do texto, referências. Notas de rodapé são opcionais.
  4. Para a avaliação, o texto pode ser redigido nos idiomas: português, espanhol ou inglês.
  5. O documento deve ser submetido em formato doc. ou docx.
  6. Fonte Arial 12 e espaçamento 1,5 (um e meio) entre linhas.
  7. Todas as folhas do manuscrito devem trazer o seu número sequencial de página.
  8. O arquivo todo do manuscrito deverá ter o mínimo de 35.000 e máximo de 50.000 caracteres, considerados os espaços e incluídas as referências.
  9. Título do artigo deve ter, no máximo, 15 palavras.
  10. O Resumo, abstract e resumen, devem conter cada, de 100 a 150 palavras. Não deve ser redigido em primeira pessoa e deve incluir tema geral, problema de pesquisa, objetivos, métodos e principais conclusões.
  11. As Palavras-chave, keyword e palabra clave devem ser no mínimo 5 e no máximo 8, nas três línguas.
  12. Agradecimentos (opcionais) devem ser citados em nota de rodapé junto ao título. Eles não podem conter referências, diretas ou indiretas, à autoria.
  13. Elementos gráficos (Tabelas, quadros e figuras) são permitidos apenas o total de cinco elementos, numerados em algarismos arábicos na sequência em que aparecerem no texto. Devem estar em formato original que permita sua edição e devem ser incluídos no corpo do texto. Todo os elementos gráficos devem possuir fonte, incluídos aqueles elaborados pelos autores. Quadros e tabelas não podem ultrapassar de uma página. Observar as normas da ABNT para referências e inserção de legendas e fontes em cada elemento. Consulte um guia rápido, caso tenha dúvidas no link:  http://www.biblioteca.fsp.usp.br/~biblioteca/guia/i_cap_04.htm
  14. Imagens coloridas e em preto e branco, digitalizadas eletronicamente em .jpg com resolução a partir de 300 dpi, apresentadas em dimensões que permitam a sua ampliação ou redução mantendo a legibilidade.
  15. As notas rodapé são de caráter explicativo e devem ser evitadas. Utilizadas apenas como exceção, quando estritamente necessárias para a compreensão do texto e com, no máximo, três linhas. As notas terão numeração consecutiva, em arábicos, na ordem em que aparecem no texto.
  16. As citações no corpo do texto e as referências deverão obedecer às normas da ABNT e, opcionalmente, Vancouver para autores  filiados a universidades estrangeiras. Consulte um guia rápido, caso tenha dúvidas no link http://www.biblioteca.fsp.usp.br/~biblioteca/guia/i_modelos.htm
  17. Avaliação cega: Ao submeter o artigo pelo sistema eletrônico, o autor deve suprimir todas as identificações de autoria (diretas e indiretas) do texto que seguirá para as avaliações cegas de avaliadores externos. As informações autorais ficarão registradas no sistema. Ao salvar o documento, retire os metadados do Word (autor; última modificação por), de modo que não conste a identificação o autor. Manuscritos com informações autorais de qualquer tipo não serão aceitos e retornarão ao autor para adequações necessárias.
  18. Resenhas de livros:poderão ser submetidas resenhas tanto a convite dos editores da revista, como de forma independente, em português, espanhol e inglês. O documento deve ser submetido em formato .doc ou docx. A fonte deve ser Arial 12 e espaçamento 1,5 (um e meio) entre linhas. Todas as folhas do original devem trazer o seu número sequencial de página. As resenhas devem ter entre 10 a 15 mil caracteres com espaços e conter a referência completa do livro, além de título e de identificação do(a) autor(a) do livro resenhado no final do texto (nome completo e filiação institucional). Serão aceitas resenhas que versem sobre livros publicados nos últimos cinco anos. Solicita-se rever o livro como um todo, evitando-se uma revisão de cada capítulo, se possível. As resenhas de livro devem ser classificadas como "Review" na etapa de submissão "Step 1: Type, Title & Abstract". As pessoas autoras devem suprimir todas as identificações de autoria (ver a seção “17. Avaliação Cega”, descrita anteriormente). Para a submissão da resenha será exigido o pagamento de uma taxa de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais). O pagamento seguirá as mesmas regras previstas no ponto C) Sistema de cobrança.

B) INDICAÇÃO DE POTENCIAIS PARECERISTAS

A fim de agilizar o processo de revisão de pares, os autores, no momento da submissão, deverão indicar o nome completo e o email de, ao menos, cinco potenciais pareceristas. Na seção “Step 2: File upload”, os autores devem anexar um documento com essas informações, como “Supplemental File NOT for Review”. O descumprimento desta exigência implicará a devolução do manuscrito.

C) SISTEMA DE COBRANÇA

Em função da redução no suporte financeiro de agências de apoio e fomento à pesquisa, a Revista Ambiente & Sociedade, desde 2012, passou a cobrar a submissão online de manuscritos.

  1. A partir de 01/01/2019 o valor da taxa de submissão é de R$ 300,00 (Trezentos Reais) por manuscrito submetido. Este aumento se deve a necessidade de cobrir custos de produção que implicam fazer parte da coleção Scielo.
  2. O valor não será reembolsado no caso de recusa do manuscrito ou pagamento incorreto. Os editores esperam contar com a colaboração de todos os autores, no sentido de garantir a continuidade da revista.
  3. Para pagamentos dentro do Brasil, a taxa deverá ser paga no Banco do Brasil:
    ANPPAS

    BANCO DO BRASIL - 001
    Agência: 3559-9
    Conta Corrente: 51117-X

    CNPJ: 04.484.842/0001-17
  4. O pagamento da taxa desde fora do Brasil deverá ser feito unicamente pelo serviço PayPal, e será na montante de R$ 320,00 (trezentos e vinte reais), incluída a taxa pelo serviço (cobrada pelo PayPal). Para isso, os autores deverão enviar um email para: revistaambienteesociedade@gmail.com, solicitando esta forma de pagamento.
  5. O autor deve, obrigatoriamente, anexar o comprovante de pagamento da taxa no sistema de submissão Online na seção “Step 2: File upload” como “Supplemental File NOT for Review”. A submissão só será considerada se o comprovante de pagamento for anexado.
 

 


 

ANPPAS - Revista Ambiente e Sociedade Anppas / Revista Ambiente e Sociedade - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revistaambienteesociedade@gmail.com