(Atualizado: 31/01/2022)

Sobre o periódico

 

Informações básicas

 

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior é uma revista acadêmica de publicação de artigos nacionais e internacionais que, desde 1996, busca potencializar a difusão de conhecimento e o debate entre a comunidade universitária acerca de estudos e pesquisas sobre a educação superior. Publica prioritariamente artigos inéditos, em português, espanhol ou inglês, que se enquadrem na temática principal da revista: avaliação institucional da educação superior e temas relacionados com as tendências e as políticas da educação superior e ciência e tecnologia.

A abreviatura de seu título é Avaliação (Campinas; Sorocaba), que deve ser usada em bibliografias, notas de rodapé e em referências.

 

 

Fontes de indexação

 

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior é indexada nas seguintes fontes:

  • SciELO - SCIENTIFIC ELECTRONIC LIBRARY ONLINE
  • IRESIE - INDICE DE REVISTA DE EDUCACIÓN SUPERIOR E INVESTIGACIÓN EDUCATIVA (MÉXICO)
  • RISEU - RED DE INVESTIGADORES SOBRE EDUCACIÓN SUPERIOR (MÉXICO)
  • BBE - BIBLIOGRAFIA BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO
  • EDUBASE FE/UNICAMP
  • ICAP - INDEXAÇÃO COMPARTILHADA DE ARTIGOS DE PERIÓDICOS
  • LIVRE - PORTAL PARA PERIÓDICO DE LIVRE ACESSO NA INTERNET
  • DOAJ - DIRECTORY OF OPEN ACCESS JOURNALS
  • LATINDEX - SISTEMA REGIONAL DE INFORMACION EN LÍNEA PARA REVISTAS CIENTÍFICAS DE AMÉRICA LATINA, EL CARIBE, ESPAÑA Y PORTUGAL
  • REDALYC - RED DE REVISTAS CIENTÍFICAS DE AMÉRICA LATINA Y EL CARIBE, ESPAÑA Y PORTUGAL
  • SEER - SISTEMA ELETRÔNICO DE EDITORAÇÃO DE REVISTAS PORTAL CAPES
 

 

Copyright

 

Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons do tipo atribuição BY-NC.

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior é publicada no modelo Acesso Aberto e, portanto, é gratuita para qualquer pessoa ler e baixar, copiar e divulgar para fins educacionais.

 

 

Patrocinadores

 
  • Universidade Estadual de Campinas
  • Universidade de Sorocaba - Uniso;
  • A publicação recebe financiamento do CNPq, CAPES.
 

 


Corpo Editorial

 

Editores-chefes

   

 

Editores Associados

   

 

Conselho editorial nacional

   

 

Conselho editorial internacional

   

 

Produção editorial

 
  • Arte Final
    Carlos Serrao
  • Normalização
    Vilma Franzoni
  • Secretária
    Ana Mara Martines Corá
 

 


Instruções aos autores

 

Escopo e política editorial

 

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior tem como escopo contribuir para o desenvolvimento dos estudos e pesquisas sobre a educação superior, em especial sobre avaliação institucional da educação superior e temas relacionados com as tendências e as políticas da educação superior e ciência e tecnologia. Tem como política catalisar e difundir os trabalhos acadêmicos que são produzidos sobretudo nos meios universitários e que contribuem para o desenvolvimento das teorias e práticas de avaliação institucional e os debates gerais sobre educação superior no Brasil e nos demais países ibero-americanos. Os artigos são publicados na língua original dos seus respectivos autores, de preferência em português, espanhol e inglês. Destina-se especialmente ao público universitário: professores e estudantes, principalmente de pós-graduação em educação e de áreas correlatas; interessa também aos dirigentes de instituições de ensino superior e responsáveis por políticas públicas de educação superior. Além de artigos acadêmicos, publica também resenhas e documentos, quando isso for interessante à área de atuação. Os artigos são submetidos a pareceres de membros do Conselho Editorial e de pareceristas ad hoc.

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) publica artigos inéditos - não publicados em livros, revistas ou periódicos - com contribuições substantivas sobre questões relevantes para a temática central da revista. Balanços e ensaios bibliográficos (review essays) apenas serão publicados quando isso for de interesse do Conselho Editorial. As resenhas deverão ser inéditas de livros publicados recentemente (até 24 meses), que possuam relevância da obra resenhada para o campo das ciências sociais em geral e sejam aderentes à política editorial da Revista. A Revista aceita submissão de artigos e resenhas em português, espanhol e inglês, que serão publicados em sua língua original.

Não serão aceitos para publicação projetos ou relatórios de pesquisa, relatos de experiências, artigos descritivos sem problematização do tema, capítulo(s) de teses, dissertações ou trabalhos de conclusão de curso, tampouco artigos (ou versão destes) já publicados em periódicos nacionais ou estrangeiros, seja em formato impresso ou digital.

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) destaca que as afirmações e os conceitos emitidos em artigos publicados pela revista  são de absoluta responsabilidade dos seus autores, não expressando a opinião dos membros do Conselho Editorial.

Não há taxa para submissão de artigos.

 

Diretrizes de Boas Práticas em Publicações Acadêmicas

No momento da submissão de um artigo para publicação na Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas), o autor deve declarar que todas as diretrizes éticas concernentes à integridade das atividades científicas realizadas no transcorrer da pesquisa foram respeitadas. Também deve ser explicitada a tramitação e a aprovação pelo Comitê de Ética de sua Instituição, quando for cabível à pesquisa, e possíveis fontes de financiamento. A observância das boas práticas de ética na pesquisa é de responsabilidade exclusiva do autor.

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) apoia e orienta seus autores e pareceristas quanto à promoção da ética na pesquisa e na comunicação científica, apoiando-se nos princípios dos Códigos de Ética da SciELO, apresentados no “Guia de Boas Práticas para o Fortalecimento da Ética na Publicação Científica”; nos “Princípios de Transparência e Boas Práticas em Publicações Acadêmicas” recomendados pelo Committee on Publication Ethics (Comitê de Ética em Publicações [COPE]); nos princípios da Open Access Scholarly Publishers Association (Associação de Editores Acadêmicos de Acesso Aberto [OASPA]; nas diretrizes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (http://www.cnpq.br/web/guest/diretrizes) e no manual de boas práticas da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (http://www.fapesp.br/boaspraticas/).

Quanto à autoria do trabalho, a Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) solicita que todos os autores sejam identificados e que sejam apontadas sua participação e contribuição para concepção, desenvolvimento e análise dos dados apresentados. Vale ressaltar que é de responsabilidade do autor identificar e incluir todos os coautores que efetivamente colaboraram para a redação do artigo. Todos os autores devem aceitar, comprovadamente, a responsabilidade pelo conteúdo do artigo, além de registrar suas respectivas contribuições ao fim do manuscrito, em caso de aceite para publicação. Se o autor descobrir que houve algum tipo de erro relevante após a publicação do artigo, deve informar imediatamente aos editores, para que sejam publicadas as devidas erratas.

Em relação à identificação de más condutas, compostas pelas práticas de plágio, autoplágio e republicação de artigos, assim como falsificação de dados, a revista Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) informa que utiliza ferramentas de detecção de plágio e autoplágio. Contudo, caso haja falha no processo de detecção de má conduta, e o artigo tenha sido já publicado, o autor e seus co-autores tornam-se passíveis de sanções editoriais, como retratação de artigos científicos.

Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) vem se alinhando progressivamente às práticas da ciência aberta ao adotar a licença CC-BY (Creative Commons Atribuição), proporcionar acesso às bases de dados, códigos e outros materiais utilizados nas pesquisas de artigos publicados, e aceitar artigos previamente depositados em servidor de preprint como o Scielo (https://preprints.scielo.org/index.php/scielo).

Na submissão do manuscrito, o autor deverá preencher e anexar o “Formulário de Conformidade com a Ciência Aberta” como arquivo suplementar, o qual deverá ser baixado, preenchido e incluído como arquivo suplementar durante a submissão. Por meio dele, o autor declara seguir as práticas da Ciência Aberta.

 

Critérios de avaliação e de publicação

A Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) segue exclusivamente critérios de mérito na publicação dos artigos. O processo de avaliação de mérito é idêntico para todos os artigos. Após submissão, os artigos são submetidos ao Conselho Editorial, o qual apreciará a adequação dos mesmos ao objetivo e política editorial da revista. O resultado dessa primeira etapa sairá em até 30 dias contados a partir da submissão. Em seguida, os artigos aprovados serão submetidos a uma segunda etapa de avaliação de adequação do artigo às normas da ABNT (que pode ser observado em Normas para publicação de manuscritos). Caso o artigo possua problemas estruturais de não cumprimento das normas em vigência, os autores serão convidados a fazer as adequações solicitadas e ressubmeter o texto.

Por fim, a terceira e última etapa de avaliação diz respeito ao envio dos artigos ao double blind peer review (parecer cego por pares). Estima-se que o tempo médio para esta etapa é de até cinco meses. Entretanto, este tempo está condicionado ao fluxo de artigos e ao retorno dos pareceristas.

A ordem de publicação segue o critério de fila única, exceto quando o Conselho Editorial julgar necessário alguma alteração por motivação originada em balanços bibliográficos.

Decisões em relação à publicação dos artigos são de responsabilidade dos editores do periódico, com base na revisão de pareceristas.

 

Normas para submissão de manuscritos

A Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) opera exclusivamente pelo sistema on-line Submission (SciELO), que utiliza o Open Journal System como suporte de gerenciamento e publicação de periódicos científicos. Todo o processo de submissão e de arbitragem dos artigos passará por essa plataforma eletrônica. As submissões devem ser realizadas on-line no endereço:

http://submission.scielo.br/index.php/aval

Os autores deverão registrar-se no sistema Scielo e submeter seus trabalhos para apreciação. A Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) reforça que, no momento da submissão do artigo, todos os autores deverão ser inscritos no metadados. Após a submissão do artigo, nenhum autor poderá ser inserido.

Além disso, a Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) reforça que os autores revisem cuidadosamente os artigos e vejam se estes se encontram adequados às exigências de formatação da revista e das normas da ABNT.

A publicação na Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) está condicionada ao processo de revisão anônima de especialistas (double-blind review). A fim de garantir o anonimato no processo de avaliação, o nome do(s) autor(es) NÃO deve constar no corpo do texto, bem como quaisquer outras referências que permitam sua identificação.

Os autores devem enviar, em arquivo Word separado, juntamente com o arquivo principal, as seguintes informações:

  • Dados pessoais e acadêmicos (instituição, cargo, titulação, e-mail e telefone) de todos os autores.
 

 

Forma e preparação de manuscritos

 

Os artigos devem ter entre 25.000 e 40.000 caracteres com espaços, incluindo resumos, notas e referências bibliográficas, salvo casos excepcionais a critério dos editores. Eles devem ser redigidos em word papel A4 padrão com 2,5 de margens esquerda e direita, fonte Times New Roman, corpo 12, com espaçamento de 1,5 entre linhas. Todos os originais submetidos à publicação devem dispor de título, resumo e palavras-chave, tanto em português, inglês (Title, Abstract and Keywords) e espanhol (título, resumen y palabras-clave).

O resumo deve conter descrição do objeto analisado e dos objetivos do artigo; tipo de pesquisa, metodologia ou abordagem utilizada; resultados; implicações e originalidade do artigo. O título do artigo deve ter no máximo 20 palavras, e ser apresentado nos três idiomas, assim como as cinco palavras-chave que identificam o seu conteúdo.

As citações bibliográficas devem ser feitas no corpo do texto e subordinar-se ao seguinte esquema: (SOBRENOME DO AUTOR, data) ou (SOBRENOME DO AUTOR, data, página). Ex.: (DIAS SOBRINHO, 2015; SILVA, 2020; ALVES, 2018) ou (SILVA, 2020, p. 32). Diferentes títulos do mesmo autor publicados no mesmo ano serão identificados por uma letra após a data. Ex.: (SILVA, 2015a), (SILVA, 2015b). No caso de ter duas publicações de mesmo autor, a citação deve ser deste modo: (DIAS SOBRINHO, 2009, 2015). Em caso da citação do autor como parte do texto, citar da seguinte forma: Sobrenome do autor (Ano). Ex. Como expressa Basbaum (1978), a filosofia tem sentido [...]. Ou da seguinte forma: Sobrenome do autor (Ano, página), quando citação direta entre aspas.

As referências bibliográficas utilizadas devem ser apresentadas no final do artigo, listadas em ordem alfabética, obedecendo às normas ABNT (NBR 6023/2018). Nas referências bibliográficas de até três autores todos poderão ser citados, separados por ponto e vírgula. Nas referências com mais de três autores, citar somente o primeiro autor, seguido da expressão “et al.”. A exatidão das referências constantes na listagem e a correta citação de seus dados no texto são de responsabilidade do autor do trabalho. Pede-se atenção não apenas à ordem dos elementos como também a seus tipos de fontes e pontuações.

Os originais deverão ser submetidos em extensão, .doc ou .docx (Word for Windows), Open Office ou .rtf, em folha formato A4, com as seguintes características:

Título e subtítulo do artigo: fonte Times New Roman 14, centralizado, negrito, com, no máximo, 20 palavras, representando o conteúdo do artigo. Título e subtítulo também deverão ser apresentados em português, inglês e espanhol e deverão estar em negrito.

Resumo e palavras-chave: exceto para resenhas e entrevistas, os textos deverão apresentar resumo de até oitocentos  caracteres (com espaços), e cinco palavras-chave, no máximo, que possibilitem identificar o conteúdo do artigo, separadas por ponto. Utilizar fonte Times New Roman 12, sem recuo. Resumo e palavras-chave também deverão ser apresentados em inglês e espanhol (a versão em espanhol poderá ser substituída pela versão em francês nos casos em que o artigo, originalmente, tenha sido escrito nesse idioma).

Miolo: fonte Times New Roman 12, espaçamento 1,5 entre linhas e margens de 2,5 cm.

Tabelas e gráficos: devem estar no corpo do texto do artigo, apresentados de acordo com normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Deverão estar identificados com o respectivo título e fonte (obrigatoriamente), bem como legenda (se houver). As tabelas devem estar sempre em formato editável e nunca em imagem.

Imagens, figuras e fotografias: devem ter resolução mínima de 300 dpi, largura mínima de 1.200 pixels, formato .jpg, .png, .pdf ou .eps. As imagens, figuras e fotografias serão publicadas com largura máxima de 100 mm.

Notas: quando existirem, devem ser numeradas sequencialmente e colocadas no final do artigo, antes das referências (notas de fim). Não é permitido o uso de notas bibliográficas para isso, devem-se utilizar as citações no texto de acordo com a NBR 10.520/2002, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). As citações das referências no corpo do trabalho devem ser feitas com a indicação do(s) nome(s) do(s) autor(es), ano de publicação e paginação, por exemplo: (SILVA, 2020, p. 225). Para mais de um autor, separar com ponto e vírgula: (NUNES; SILVA, 2021, p. 122).

Referências bibliográficas: devem obedecer à NBR 6.023/2018, da ABNT, sendo ordenadas alfabeticamente pelo sobrenome do primeiro autor. Nas referências bibliográficas de até três autores todos poderão ser citados, separados por ponto e vírgula. Nas referências com mais de três autores, citar somente o primeiro autor, seguido da expressão “et al.”. A exatidão das referências constantes na listagem e a correta citação de seus dados no texto são de responsabilidade do autor do trabalho.

 

O uso do recurso itálico, no corpo do texto, deve ser utilizado somente para palavras estrangeiras. Para apresentação dos elementos que constituem o artigo utilizar as normas da ABNT em vigor.

NBR 6022, 2003 - Informação e documentação - Artigo em publicação periódica científica impressa - Apresentação;

NBR 6023, 2002 - Informação e documentação - Referências - Elaboração;

NBR 6024, 2012 - Informação e documentação - Numeração progressiva das seções de um documento escrito - Apresentação;

NBR 6028, 2003 - Informação e documentação - Resumos - Apresentação;

NBR 10520, 2002 - Informação e documentação - Citações em documentos - Apresentação;

IBGE. Normas de apresentação tabular. 3. ed. Rio de Janeiro, 1993.

 

Direitos autorais e exclusividade

Os autores, ao enviarem um artigo ou resenha, se comprometem a não enviar o mesmo a outro periódico durante o processo de avaliação.

Caso o artigo seja aprovado para publicação, automaticamente os autores reconhecem e cedem integralmente seus direitos autorais à Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas). Os autores são autorizados a reproduzir seus artigos, desde que a fonte original - Avaliação (Campinas) - seja citada.

 
Publicação da Rede de Avaliação Institucional da Educação Superior (RAIES), da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e da Universidade de Sorocaba (UNISO). Rodovia Raposo Tavares, km. 92,5, CEP 18023-000 Sorocaba - São Paulo, Fone: (55 15) 2101-7016 , Fax : (55 15) 2101-7112 - Sorocaba - SP - Brazil
E-mail: revistaavaliacao@uniso.br