SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3Lime-based restoration paints: characterization and evaluation of formulations using a native species from the Amazon flora and PVA-based glue as additives author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ambiente Construído

On-line version ISSN 1678-8621

Ambient. constr. vol.17 no.3 Porto Alegre July/Sept. 2017

https://doi.org/10.1590/s1678-86212017000300158 

Editorial

Editorial

Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski1 

Ercília Hitomi Hirota2 

Enedir Ghisi3 

Léa Cristina de Souza4 

Mônica Batista Leite5 

1Professora da Unicamp

2Professora da UEL

3Professor da UFSC

4Professora da UFSCar

5Professora da UEFS


Esta edição representa um passo importante para o processo de internacionalização da Ambiente Construído. A chamada para edição especial composta por artigos redigidos em inglês, lançada em meados de 2016, recebeu 68 submissões e envolveu dezenas de avaliadores, dentre os quais 21 estrangeiros. O resultado desse processo de avaliação está, em parte , apresentada na primeira seção deste número, composta por 12 artigos.

Os dois primeiros artigos abordam temas da Ciência dos Materiais e Tecnologia. Silva, Sanjad, Costa e Costa, da Universidade Federal do Pará, apresentam resultados de estudo realizado sobre as características básicas e de uso na restauração de edificações históricas de duas formulações de pinturas com a utilização de espécies nativas da flora Amazônica. O artigo seguinte, de autoria de Oliveira e Corrêa, da Universidade de São Paulo, trata de uma análise experimental e numérica da resistência ao cisalhamento de paredes executadas com blocos de concreto interconectados.

O segundo bloco é composto por 6 artigos que analisam diferentes aspectos do desempenho térmico e energético de edificações. O primeiro, de autoria de Dantas e Vittorino, do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, e Loh, da Universidde de São Paulo, apresenta uma avaliação dos efeitos da adição de dióxido de titânio em argamassas na manutenção da refletância à radiação solar, em fachadas. Em seguida, Krüger, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Fernandes, da Universidade Federal do Paraná, Cardoso, da Faculdade Meridional IMED, e Kawamura, da Universidade Federal do Paraná, apresentam uma proposta de método simplificado para obtenção de estimativas horárias de temperaturas internas usadas na etapa de projeto de edificações com maior eficiência termo-energética. A emissão de carbono no ciclo de vida de habitações de interesse social é o tema do artigo de autoria de Caldas, Lira, Melo e Sposto, da Universidade de Brasília. Os autores analisam habitações executadas em alvenaria e em light steel frame e propõem, ao final, diretrizes para projeto de habitações de interesse social que apresentem baixa emissão de carbono. Santos e Auer, da Universidade Técnica de Munique, e Souza, da Universidade Federal de Minas Gerais, assinam o quarto artigo deste bloco, que apresenta um estudo, realizado a partir de simulações paramétricas, sobre a disponibilidade de iluminação natural em ambientes internos, em contexto urbano adensado. Duarte, Fonseca, Goliatt e Lemonge, da Universidade Federal de Juiz de Fora, apresentam o artigo seguinte, sobre métodos de aprendizagem de máquina utilizados para previsão de cargas energéticas em edifícios. No sexto artigo, de autoria de Costa, Roriz e Chvatal, da Universidade de São Paulo, são apresentados resultados de um estudo em que se avaliou alternativas de modelagem do fluxo de calor entre piso e solo em edificação térrea, considerado um dos aspectos mais determinantes do desempenho termo-energético desse tipo de edificação.

A seção edição especial se encerra com 4 artigos sobre Gestão e Economia da Construção. O primeiro aborda sistemas de proteção periféricas utilizadas em canteiros de obra. Os autores, Nonnenmacher, Costella e Costella, da Universidade Comunitária da Região de Chapecó, e Saurin, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, propõem uma framework para seleção de inovações patenteadas para esses sistemas. No artigo seguinte Melo, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, e Granja, da Universidade Estadual de Campinas, apresentam diretrizes para o uso de Target-Costing no desenvolvimento de empreendimentos de incorporação. Em seguida, uma análise fatorial para identificar fatores que afetam o atraso de obras de empreendimentos imobiliários residenciais no Brasil é apresentada em artigo de autoria de Maués, Santana, Santos, Neves e Duarte, da Universidade Federal do Pará. Por fim, esta seção especial se encerra com um artigo de Formoso e Sommer, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Koskela, da University of Huddersfield, e Isatto, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, identifica e discute as causas de diferentes categorias de um tipo específico de perdas no processo de construção, denominado making-do, com base em análise de dois estudos de caso desenvolvidos no Brasil.

Esta edição compreende também uma seção de artigos do fluxo corrente. Nela, estão incluídos 3 artigos da área de Arquitetura e Urbanismo e 6 de Ciência dos Materiais e Tecnologia.

Antocheviz e Reis, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, e Limberger, da Universidade Federal de Santa Maria, apresentam uma análise da percepção dos usuários da cidade de Porto Alegre, sobre uma área portuária desativada, denominada Cais Mauá. Na sequência, encontram-se dois artigos que abordam habitações de interesse social. No primeiro, de autoria de Meireles e Castro, da Universidade Federal de São Carlos, discute-se a provisão habitacional e a inserção urbana dos empreendimentos, a partir de um estudo de caso. Moreira e Silva, da Universidade Estadual de Maringá, apresentam uma avaliação pós-ocupação de unidades habitacionais do Programa Vila Rural, implantado no Estado do Paraná entre 1995 e 2002.

O desempenho de concretos é tema dos 3 artigos seguintes. Cordeiro, da Universidade Federal do Pará, Masuero, Dal Molin, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, e Souza e Paes, da Universidade Federal do Pará, são os autores do artigo que apresenta resultados de um estudo sobre a influência da eficiência do processo de mistura e do tipo de misturador na resistência à compressão de concretos produzidos com agregados graúdos reciclados, visando mitigar os efeitos da variabilidade dos resíduos de concreto. Também abordando o uso de agregados reciclados, Gomes, Pereira, Uchôa, Oliveira e Almeida, da Universodade Federal de Alagoas, avaliaram a resistência compressão de bloco de concreto produzidos com resíduos da própria fábrica de blocos. Em seguida, o artigo de autoria de Santos, Arruda, Silva e Vitor, da Universidade Federal de Uberlândia, trata do módulo de elasticidade de concretos produzidos com dois tipos litológicos de rochas, basalto e dolomito, de diferentes jazidas da região do Triângulo Mineiro. O quarto artigo da área de Ciência dos Materiais e Tecnologia é de autoria de Tutikian, Zuchetto, Souza e Oliveira, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, e apresenta o desempenho de contrapiso executado com argamassa produzida com incorporação do copolímero etileno acetato de vinila (EVA), proveniente de indústria calçadista, quanto ao isolamento de ruído de impacto.

Encerrando esta edição, encontram-se 2 artigos que analisam desempenho estrutural de componentes de madeira. O primeiro, de Cheung, da Universidade Federal de Mato Graosso do Sul, Christoforo, da Universidade Federal de São Carlos, e Calil Junior, da Universidade de São Paulo, apresenta uma avaliação experimental na perda de protensão em tabuleiros treliçados protendidos, e o segundo, trata da influência do teor de umidade na obtenção do módulo de elasticidade de vigas de madeira serrada de Pinus sp. Este último artigo tem como autores Segundinho, da Universidade Federal do Espírito Santo, Carreira, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Regazzi, da Universidade Federal do Espírito Santo, e Dias, da Universidade de São Paulo.

Agradecemos aos autores e, principalmente, aos avaliadores que contribuíram nesta edição. Tenham todos uma boa leitura.

Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski, Professora da Unicamp
Ercília Hitomi Hirota, Professora da UEL
Enedir Ghisi, Professor da UFSC
Léa Cristina de Souza, Professora da UFSCar
Mônica Batista Leite, Professora da UEFS
Editores-chefe

Creative Commons License Este é um artigo publicado em acesso aberto (Open Access) sob a licença Creative Commons Attribution, que permite uso, distribuição e reprodução em qualquer meio, sem restrições desde que o trabalho original seja corretamente citado.