SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue3THE IMPORTANCE OF CLAVICLE ANGLE AND HEIGHT OF THE CORACOID PROCESS IN IDIOPATHIC SCOLIOSISIMAGE CORRELATION BETWEEN FACET EFFUSION AND LUMBAR INSTABILITY author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Coluna/Columna

Print version ISSN 1808-1851On-line version ISSN 2177-014X

Abstract

DAHER, MURILO TAVARES et al. QUAL O MELHOR NÍVEL DISTAL DE ATRODESE NA FUSÃO LOMBAR DO PACIENTE COM ESCOLIOSE IDIOPÁTICA DO ADOLESCENTE: L3 OU L4?. Coluna/Columna [online]. 2019, vol.18, n.3, pp.200-204.  Epub Sep 02, 2019. ISSN 2177-014X.  https://doi.org/10.1590/s1808-185120191803197205.

Objetivo

Avaliar o alinhamento coronal em pacientes com escoliose idiopática do adolescente com curvas lombares estruturadas submetidos ao tratamento cirúrgico, realizando uma comparação entre o alinhamento coronal no grupo fusionado até L3 e o grupo fusionado até L4.

Métodos

Estudo retrospectivo de coorte. Avaliados pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico com artrodese da curva lombar com alta densidade de parafusos, com pelo menos 6 meses de seguimento. Radiograficamente, foram analisados: alinhamento coronal, altura dos ombros e resultado funcional através do questionário SRS30.

Resultados

Um total de 25 pacientes foram analisados, sendo 23 do sexo feminino e 2 do sexo masculino, com idade média de 15,2 anos (12 a 29 anos) na data da cirurgia. Os pacientes foram subdivididos em dois grupos . Grupo A: níve l distal de fusão em L3. Grupo B nível distal de fusão em L4. O grupo A teve um n total de 15 pacientes e o grupo B um n total de 10 pacientes. Não houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos A e B quando comparados em relação ao alinhamento coronal (equilibrados x não-equilibrados). Entretanto, quando comparados em relação ao valor em milímetros do alinhamento coronal (AC), observou-se menores valores de AC no grupo A, com significância estatística. Não foi observada diferença entre os grupos A e B no que diz respeito ao questionário SRS30.

Conclusões

Os pacientes com escoliose idiopática do adolescente, submetidos à artrodese da curva lombar, têm um melhor alinhamento coronal quando o nível distal de fusão é L3. Nível de evidência III; Estudo Retrospectivo Comparativo (baseado em dados colhidos prospectivamente).

Keywords : Escoliose; Resultado de Tratamento; Qualidade de Vida; Fusão Vertebral.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · English ( pdf )