Accessibility / Report Error

Percepções de indivíduos sobre o ato de cozinhar no ambiente doméstico: revisão integrativa de estudos qualitativos

Resumo

O objetivo da presente revisão integrativa foi identificar estudos qualitativos que abordam a percepção de indivíduos sobre o ato de cozinhar no ambiente doméstico. Realizou-se busca sistemática em português e inglês nas bases de dados Scopus e SciELO, sem limite de data e idioma. Foram identificados e selecionados 26 artigos publicados entre os anos de 2004 e 2017 que exploraram como objetivo principal, ou como resultado secundário, perspectivas de indivíduos sobre o ato de cozinhar. Mais da metade foi realizada em países de língua inglesa. Os estudos foram conduzidos com homens e mulheres, adultos e idosos, residentes em área rural e urbana de países orientais e ocidentais, desenvolvidos e em desenvolvimento. Análise temática dos estudos revelou que os indivíduos planejam e executam o ato de cozinhar de formas variadas e que cozinhar também é entendido de forma ampla e diversa. As motivações para cozinhar envolveram questões cognitivas, práticas, afetivas e emocionais. Diferentes influências foram identificadas. A presença (ou ausência) de modelo familiar, morar sozinho, ter ou não confiança e habilidade para cozinhar aparecem como facilitadores e barreiras. O reconhecimento da heterogeneidade dos fatores que influenciam o ato de cozinhar podem informar a criação e o desenvolvimento de orientações e intervenções com a finalidade de estimulá-lo.

Palavras-chave
Culinária; Pesquisa qualitativa; Revisão; Cozinhar

ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Av. Brasil, 4036 - sala 700 Manguinhos, 21040-361 Rio de Janeiro RJ - Brazil, Tel.: +55 21 3882-9153 / 3882-9151 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cienciasaudecoletiva@fiocruz.br