DELTA: Documentação de Estudos em Lingüística Teórica e Aplicada, Volume: 13, Issue: 1, Published: 1997
  • A PONTUAÇÃO E A DEMARCAÇÃO DE ASPECTOS RÍTMICOS DA LINGUAGEM Artigos

    CHACON, Lourenço

    Abstract in Portuguese:

    Neste artigo, discute-se a percepção de alguns estudiosos de que a pontuação demarca aspectos rítmicos da linguagem. Num primeiro momento, destaca-se a intuição dos estudiosos: (a) sobre aspectos métricos do ritmo (como simetria rítmica) e (b) tentativas de reprodução da linguagem (como os movimentos respiratórios, a alternância de características prosódicas da fala, a sensação de satisfação de expectativas e a de quebra de expectativas). Num segundo momento, destaca-se a intuição sobre aspectos do ritmo mais ligados a características da organização da linguagem em sua expressão escrita (como paralelismos rítmicos e unidades de idéias mais extensas)

    Abstract in English:

    In this article I discuss one of the ways some researchers view punctuation, i.e., as an index of rhythmic aspects of language. Among these aspects I point out the ones of metric nature(such as rhythmic symmetry) and the ones which are specific to spoken language (such as: breath movements; the alteration of pauses, intonation contours and others prosodic characteristics of speech; the sensation of satisfied expectation; and the break of expectation). I also point out rhythmic aspects that would be more directly linked to the written expression of language (such as rhythmic parallelism and the longer idea unit)
  • SOBRE OS COMPOSTOS DO PB Artigos

    LEE, Seung-Hwa

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho propõe uma nova análise dos compostos do Português do Brasil (doravante, PB) assumindo os pressupostos da Morfologia Lexical (Kiparky: 1982, 1983; Lieber: 1980, 1983) e argumenta que existem dois tipos de compostos no PB: Compostos Lexicais e Compostos Pós-Lexicais. Os compostos lexicais são formados no léxico e são sintaticamente opacos, ou seja, esses compostos se comportam como uma unidade (uma palavra comum) em relação a processos morfo-sintáticos, pois não permitem flexão, derivação, nem concordância. Os compostos pós-lexicais são formados no componente pós-lexical e, portanto, sintaticamente transparentes (permitindo flexão, derivação, concordância); esses compostos resultam da atuação da regra de formação de palavras não-morfológicas, proposta por Di Sciullo & Williams (1987).

    Abstract in English:

    This paper proposes a new analysis of compound formation in Brazilian Portuguese (BP), assuming the Theory of Lexical Morphology (Kiparky: 1982, 1983; Lieber: 1980, 1983), and argues that there are two types of compounds in BP: Lexical Compounds and Post-Lexical Compounds. The former are formed in the lexicon and are syntactically opaque like simple (derived) words, since they do not permit the presence of the inflectional (plural) mark and the agreement of number and gender between their elements - they function as a unit during the morpho-syntactic process. The latter are formed in the postlexical (syntactic) component and are syntactically transparent, since they permit the inflectional mark and the agreement between their elements - they are the product of the non-morphological word formation rules proposed by Di Sciullo & Williams (1987).
  • A TRANSPARÊNCIA ILOCUCIONÁRIA E A MARCAÇÃO PRAGMÁTICA SOB PERSPECTIVA INTERLINGÜÍSTICA Artigos

    MITRANO-NETO, Nelson

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho pretende abordar, sob perspectiva interlingüística, as noções de transparência ilocucionária e marcação pragmática à luz do papel que desempenham na configuração do comportamento indireto no português do Brasil, no inglês britânico e na produção pragmática de alunos brasileiros de inglês de nível adiantado. Com base em três estudos empíricos, argumenta-se que o modelo pragmático de base referencial, comumente usado na explicação do comportamento diretivo indireto, só poderá ser aceito em conjunto com a noção de marcação pragmática. Argumenta-se, ainda, que tal noção é crucial para se explicar a ocorrência da influência interlingüística na produção de diretivos na interlíngua.

    Abstract in English:

    This paper reviews the notions of illocutionary transparency and pragmatic markedness from a cross-linguistic perspective. Such a review is carried out in the light of the role they play in indirect behaviour in Brazilian Portuguese, British English and in the Brazilian advanced EFL(English as a Foreign Language) learners’ pragmatic production. On the basis of three empirical studies, it is claimed that the inference-based pragmatic model, commonly used to explain indirect directive behaviour, can only be accepted cross-linguistically if the notion of pragmatic markedness is also taken into account. In addition, it is argued here that such a notion plays a crucial role in accounting for the occurrence of cross-linguistic influence in the interlanguage production of directives.
  • FORMAÇÕES DISCURSIVAS E PROCESSOS IDENTIFICATÓRIOS NA AQUISIÇÃO DE LÍNGUAS Artigos

    SERRANI-INFANTE, Silvana

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta uma discussão de resultados de natureza predominantemente teórica, decorrentes do andamento do projeto de pesquisa "Identidade e Identificação Lingüístico - Cultural: Estudo das Funções da Segunda Língua na Constituição do Sujeito de Enunciação". Focaliza-se o funcionamento de fatores não cognitivos, que têm uma incidência crucial no grau de sucesso e forma de acontecimento do processo de aquisição de segunda língua dentro de abordagem transdisciplinar, a partir de perguntas provindas da Lingüística Aplicada, mobilizando categorias da Análise do Discurso e da Psicanálise. As mais relevantes são: formação discursiva, intradiscurso, interdiscurso, esquecimento n<FONT FACE="Symbol">°</FONT> 1, esquecimento n<FONT FACE="Symbol">°</FONT> 2 (Pêcheux, ed. bras. 1988), identidade, identificação (Freud, 1966; Lacan, 1977; Nasio, 1995). Discute-se a perspectiva de Revuz (1991) sobre o processo de aquisição de segunda língua, que diz que, durante o processo de aprendizagem de uma língua estrangeira, as bases da estruturação psíquica são solicitadas e, portanto, a primeira língua. Examina-se o funcionamento dos processos de nominação e predicação em L1 e L2 e destaca-se a importância dos processos de identidade e identificação, conforme caracterizados na teoria psicanalítica. Conclui-se afirmando que questões metodológicas do ensino de línguas, motivações explícitas do aprendiz e outros tópicos semelhantes estão subordinados, em grande parte, à compreensão dos profundos fatores não cognitivos discutidos, os quais determinam o modo de acontecimento do processo de aquisição de segunda língua. Propõe-se que esses fatores sejam abordados, problematizando-se a concepção bi-polar biológico-social de sujeito de linguagem, pela inclusão, na análise, das dimensões simbólica e significante do processo de constituição do discurso.

    Abstract in English:

    This paper discusses theoretical results of the research project "Linguistic Identity and Identification: A Study of Functions of Second Language in Enunciating Subject Constitution". Non-cognitive factors that have a crucial incidence in the degree of success and ways of accomplishment of second language acquisition process are focused. A transdisciplinary perspective is adopted, mobilising categories from Discourse Analysis and Psychoanalysis. The most relevant ones are: discursive formation, intradiscourse, interdiscourse, forgetting n<FONT FACE="Symbol">°</FONT> 1, forgetting n<FONT FACE="Symbol">°</FONT> 2 (Pêcheux, 1982), identity, identification (Freud, 1966; Lacan, 1977; Nasio, 1995). Revuz’s views (1991) are discussed. Her main claim is that during the process of learning a foreign language, the foundations of psychical structure, and consequently first language, are required. After examining how nomination and predication processes work in first and second languages, components of identity and identification processes are focused on, in an attempt to show how second language acquisition strategies depend on them. It is stated that methodological affairs of language teaching, learner’s explicit motivation and the like are subordinated to the comprehension of deeper non-cognitive factors that determine the accomplishment of the second language acquisition process. It is also pointed out that those factors are to be approached, questioning the bipolar biological-social conception of subjectivity in the study of language acquisition and use and including in the analysis symbolic and significant dimensions of the discourse constitution process.
  • O SISTEMA DE PONTUAÇÃO NA ESCRITA OCIDENTAL: UMA RETROSPECTIVA Retrospectiva

    ROCHA, Iúta Lerche Vieira

    Abstract in Portuguese:

    Na presente retrospectiva, examinamos o sistema de pontuação na escrita ocidental, sob o ponto de vista diacrônico e sincrônico. Procuramos esclarecer como as marcas gráficas da pontuação foram desenvolvidas na história, bem como discutir o estatuto lingüístico da pontuação, enquanto sistema de signos complementares à informação alfabética de nossa escrita. Abordamos a origem da pontuação na Antigüidade Clássica, o modo como foi introduzida no sistema de escrita e como era usada pelos gregos e latinos. Enfocamos a difusão da pontuação como sistema de uso obrigatório, com o advento da imprensa na Idade Média, e seus usos da Idade Moderna aos dias de hoje. Analisamos a pontuação no sistema gráfico do português, discutindo sua complexidade e contradições, como sistema plantado na confluência dos domínios oral e escrito. A seguir, buscamos uma definição de Pontuação, revendo suas propriedades e funções, à luz de fundamentos lingüísticos. Abordamos, ainda, os aspectos gráfico-espaciais da pontuação, focalizando o problema da paginação.

    Abstract in English:

    This overview article undertakes a survey of the punctuation system in the West from both diachronic and synchronic points of view. Punctuation is defined as the system of graphic signs developed through the centuries as complementary to the writing system properly speaking. An attempt is made to trace the early development to the Greeks and Latins. With invention of the printing in the Middle Ages, the diffusion of the complementary system received an additional impetus whose impact is felt even today. An examination of the Portuguese graphic system is followed by a discussion of its complexity as well as its internal contradictions. The graphic-spatial aspects of punctuation are also discussed, alongside the problem of pagination.
  • VERBOS PSICOLÓGICOS DO PORTUGUÊS BRASILEIRO E A ANÁLISE INACUSATIVA DE BELLETTI & RIZZI: INDÍCIOS PARA UMA PROPOSTA SEMÂNTICA Debate

    Cançado, Márcia

    Abstract in Portuguese:

    Os verbos chamados psicológicos apresentam um comportamento anômalo em relação a outros transitivos. Esses verbos podem ser divididos em dois grupos: um primeiro que tem o Experienciador na posição de sujeito e um Tema na posição de objeto (verbos do tipo temer); e um segundo que o Tema aparece na posição de sujeito e o Experienciador na Posição de objeto (verbos do tipo preocupar). Os verbos do tipo preocupar também apresentam um comportamento diferente em relação à ligação de anáforas: é permitido a uma anáfora colocada no sujeito ser ligada a um antecedente colocado no objeto. O objetivo deste artigo é apresentar evidências para uma análise semântica dos problemas apresentados pelos verbos psicológicos e também propor uma nova classificação para esses verbos. Isso será feito através da análise da aplicação da proposta inacusativa de Belletti & Rizzi aos verbos psicológicos do Português brasileiro.

    Abstract in English:

    Psychological verbs differ from Agent-Patient verbs in two known ways. The first classical problem raised by these verbs is that those verbs have an Experiencer and a Theme that can be projected onto different syntactic configurations, apparently, in an arbitrary way: in the first class, the fear class, the subject of the verb is the Experiencer and the Theme is the object of the verb; the second class, the frighten class, these relationships are reversed. The second issue raised by psych-verbs is that an anaphor inside the subject of a verb that has as first argument a Theme can take the object of the verb as its antecedent. The aim of this paper is to provide evidence for a semantic proposal concerning those problems of psychological verbs. Building on it, I will also propose a new classification for these verbs, by applying Belletti & Rizzi's unaccusative proposal to psychological verbs in Brazilian Portuguese.
  • RAPOSO, E. (1992) Teoria da Gramática: A faculdade da linguagem Resenhas

    RAMOS, Jânia; VITRAL, Lorenzo
  • Untitled document Resenhas

    Canolla, Clemira
  • Untitled document Resenhas

    VASCONCELLOS LOPES, Ruth Elisabeth
  • Untitled document Notas sobre Livros

    Dallari, Bruno
  • Pedagogia da Positividade. Comunicação Construtiva em Português por Francisco GOMES DE MATOS, 1996. páginas: 127. Recife, Editora da Universidade Federal de Pernambucom R$ 16,00 Notas

    Caltabiano-Magalhães, Maria Aparecida
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP PUC-SP - LAEL, Rua Monte Alegre 984, 4B-02, São Paulo, SP 05014-001, Brasil, Tel.: +55 11 3670-8374 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: delta@pucsp.br