Neotropical Ichthyology, Volume: 7, Issue: 2, Published: 2009
  • Revision of the Neotropical trahiras of the Hoplias lacerdae species-group (Ostariophysi: Characiformes: Erythrinidae) with descriptions of two new species

    Oyakawa, Osvaldo T.; Mattox, George M. T.

    Abstract in Portuguese:

    Hoplias lacerdae foi descrita originalmente do rio Ribeira de Iguape, Iporanga, São Paulo. O grupo Hoplias lacerdae foi definido como um conjunto de espécies para abrigar as traíras geralmente de grande porte, com as margens mediais dos dentários dispostas paralelamente e sem dentes no basi-hial, em oposição às traíras do grupo Hoplias malabaricus, cujas margens mediais dos dentários convergem em direção à sínfise mandibular e possuem dentes no basi-hial. A revisão taxonômica do grupo baseada em dados merísticos e morfométricos identificou cinco espécies distintas: Hoplias lacerdae distribuída nos rios Ribeira de Iguape e Uruguai; H. intermedius no rio São Francisco, alto rio Paraná e rio Doce; H. brasiliensis nos rios costeiros da drenagem Atlântica, desde o rio Paraguaçu até o rio Jequitinhonha; H. australis espécie nova, endêmica ao rio Uruguai; e H. curupira espécie nova no norte da América do Sul, incluindo os rios Negro, Trombetas, Tapajós, Xingu, Tocantins e Capim na bacia Amazônica; alto rio Orinoco próximo ao rio Casiquiare (Venezuela) e rios costeiros da Guiana e Suriname. São designados um lectótipo para Hoplias intermedius e um neótipo para H. brasiliensis.

    Abstract in English:

    Hoplias lacerdae was originally described from the rio Ribeira de Iguape, Iporanga, São Paulo State. The Hoplias lacerdae group is defined as containing generally large trahiras with the medial margins of dentaries running parallel to each other and lacking teeth on the basihyal compared to the H. malabaricus group in which the medial margins of the dentaries converge towards the mandibular symphysis and which have teeth on the basihyal. A taxonomic revision of the group based on meristic and morphometric data identified five distinct species: H. lacerdae distributed in the rio Ribeira de Iguape and rio Uruguai; H. intermedius from the rio São Francisco, upper rio Paraná basin, and rio Doce; H. brasiliensis from rivers of the Atlantic Coastal drainage from the rio Paraguaçu to the rio Jequitinhonha; H. australis new species, endemic to the rio Uruguai; and H. curupira new species present in northern South America, including the rios Negro, Trombetas, Tapajós, Xingu, Tocantins and Capim in the Amazon basin, upper rio Orinoco near the rio Casiquiare (Venezuela), and coastal rivers of Guyana and Suriname. A lectotype for Hoplias intermedius and a neotype for H. brasiliensis are designated.
  • New species of Metynnis Cope, 1878 (Characiformes: Characidae) from the rio Paraguay basin, Mato Grosso State, Brazil

    Pavanelli, Carla S.; Ota, Rafaela P.; Petry, Paulo

    Abstract in Portuguese:

    Uma nova espécie de Metynnis é descrita das drenagens dos rios Cuiabá e Manso, bacia do alto rio Paraguai, Estado do Mato Grosso, Brasil. Essa espécie de corpo comprimido lateralmente, que raramente excede os 140 mm de comprimento padrão, é prontamente diagnosticada dos outros membros do gênero Metynnis por possuir 100-110 escamas na linha lateral, 48-56 séries de escamas acima da linha lateral, 32-36 escamas circumpedunculares, 22-24 rastros branquiais, 38 vértebras, padrão de colorido distinto, e comprimento do focinho, largura e comprimento da cabeça relativamente menores.

    Abstract in English:

    A new species of Metynnis is described from the rio Cuiabá and rio Manso drainages, in the upper rio Paraguay basin, Mato Grosso State, Brazil. This laterally compressed species, which rarely exceeds 140 mm in SL, is readily distinguished from other members of the genus Metynnis by having 100-110 lateral-line scales, 48-56 rows of scales above the lateral line, 32-36 circumpeduncular scales, 22-24 gill rakers, 38 vertebrae, singular color pattern, and relatively smaller snout, width, and head length.
  • A new species of Bryconadenos (Characiformes: Characidae) from the rio Curuá, rio Xingu drainage, Brazil

    Menezes, Naércio A.; Netto-Ferreira, André Luiz; Ferreira, Katiane M.

    Abstract in Portuguese:

    Uma segunda espécie inseminadora do gênero Bryconadenos, possuindo células "club" organizadas em uma glândula na nadadeira anal de machos sexualmente ativos, foi recentemente descoberta na bacia do rio Xingu, é descrita como nova. Distingue-se da outra espécie do gênero, B. tanaothoros, pela presença de uma conspícua mancha umeral e menor número de escamas entre a origem da nadadeira dorsal e a origem da nadadeira anal. Machos de B. weitzmani têm nadadeiras pélvicas mais longas a partir de 30 mm SL. Bryconadenos weitzmani distingue-se ainda de B. tanaothoros por apresentar a glândula da nadadeira anal em forma de taça, com a porção ventral muito mais desenvolvida que a dorsal, enquanto que em B. tanaothoros as duas porções apresentam-se quase igualmente desenvolvidas e separadas por uma fenda.

    Abstract in English:

    A second inseminating species bearing club cells organized into an anal-fin gland in sexually active males belonging to the genus Bryconadenos was recently discovered in the rio Xingu drainage and is described as new. It is distinguished from B. tanaothoros by the presence of a conspicuous dark blotch at the humeral region, and fewer scale rows between dorsal-fin origin and anal-fin origin. Males of B. weitzmani have longer pelvic fins at sizes beyond 30 mm SL. Bryconadenos weitzmani is further distinguished from B. tanaothoros by the cup shape of the anal-fin gland, its lower part much more developed than the upper, whereas in B. tanaothoros there is just a slit separating the almost equally developed upper and lower parts.
  • Hemigrammus arua, a new species of characid (Characiformes: Characidae) from the lower Amazon, Brazil

    Lima, Flávio C. T.; Wosiacki, Wolmar B.; Ramos, Cristiane S.

    Abstract in Portuguese:

    Uma nova espécie de Hemigrammus é descrita de afluentes do igarapé Juruti Grande e do rio Arapiuns, baixo rio Amazonas, Estado do Pará, Brasil. A nova espécie pode ser facilmente diagnosticada de todos seus congêneres, exceto Hemigrammus stictus (Durbin), por possuir uma única, grande mancha umeral que se estende da quinta ou sexta escamas à margem posterior da oitava à décima escama da linha lateral. Ela pode ser distinguida de Hemigrammus stictus por possuir uma extensão da mancha umeral pronunciada e anteriormente orientada, o que lhe confere uma forma de vírgula invertida e por possuir um padrão de colorido distinto em vida.

    Abstract in English:

    A new Hemigrammus species is described from tributaries of the igarapé Juruti Grande and rio Arapiuns, lower rio Amazonas, Pará State, Brazil. The new species can be easily diagnosed from all its congeners, except from Hemigrammus stictus (Durbin), by possessing a single, large humeral spot which extends longitudinally from the fifth or sixth to the posterior margin of eighth to tenth, lateral line scales. It can be distinguished from Hemigrammus stictus by possessing a pronounced upper, anteriorly-oriented extension in the humeral blotch, conferring an inverted-comma shape to it, and by displaying a distinct life color pattern.
  • New species of Moenkhausia Eigenmann, 1903 (Characiformes: Characidae) with comments on the Moenkhausia oligolepis species complex

    Benine, Ricardo C.; Mariguela, Tatiane C.; Oliveira, Claudio

    Abstract in Portuguese:

    Uma nova espécie de Moenkhausia é descrita de tributários do rio Paraguai, Brasil. Essa nova espécie é diagnosticada de seus congêneres por caracteres relacionados ao padrão de colorido do corpo, número de escamas da linha lateral, grau de desenvolvimento dos poros sensoriais na linha lateral e número de séries de escamas acima e abaixo da linha lateral. Um análise molecular usando sequências parciais do gene mitocondrial Citocromo Oxidase I de espécimes representativos da nova espécie e espécimes pertencentes a espécies morfologicamente similares demonstrou que a nova espécie é facilmente diferenciada por sua elevada distância genética e por sua posição na hipótese filogenética obtida pelo método de máxima parcimônia. A análise de três amostras de M. oligolepis também revelou que estas apresentam distâncias genéticas elevadas e pertencem a grupos monofiléticos distintos, sugerindo que esta espécie corresponda a um complexo de espécies e não uma única espécie.

    Abstract in English:

    A new species of Moenkhausia is described from tributaries of the rio Paraguay, Brazil. The new species is diagnosed from congeners by characters related to body coloration, the number of lateral line scales, the degree of poring of the lateral line, and number of scales rows above and below the lateral line. Molecular analyses using partial sequences of the mitochondrial gene Cytochrome Oxidase I from specimens of the new species and specimens belonging to morphologically similar species demonstrated that the new species is easily differentiated by their high genetic distance and by their position in the phylogenetic hypothesis obtained through the Maximum Parsimony methodology. The analyses of three samples of M. oligolepis also revealed that they have high genetic distances and belong to different monophyletic groups suggesting that this species corresponds to a species complex rather than a single species.
  • Astyanax ajuricaba: a new species from the Amazon basin in Brazil (Characiformes: Characidae)

    Marinho, Manoela M. F.; Lima, Flávio C. T.

    Abstract in Portuguese:

    Uma nova espécie de Astyanax é descrita de diversas localidades nas bacias dos rios Negro, Solimões e baixo Tapajós, bacia Amazônica, Brasil. A nova espécie pode ser distinguida de todos os demais Characidae por um padrão de colorido único, que consiste na combinação da presença de uma linha médio-lateral estreita e escura, uma mácula umeral escura bem desenvolvida e verticalmente alongada e o lobo superior da nadadeira caudal e raios medianos escuros, com uma mancha ocelada clara presente no terço anterior do lobo.

    Abstract in English:

    A new Astyanax species is described from several localities in the rio Negro, rio Solimões and lower rio Tapajós basins, Amazon basin, Brazil. The new species is distinguished from all remaining characids by its unique color pattern consisting of the combination of presence of a conspicuous, narrow dark midlateral stripe, a well-developed vertically-elongated dark humeral spot, and upper caudal-fin lobe and middle caudal-fin rays dark, with a rounded clear ocellated spot present at anterior third of caudal-fin lobe.
  • Astyanax vermilion and Astyanax burgerai: new characid fishes (Ostariophysi: Characiformes) from Northeastern Bahia, Brazil

    Zanata, Angela M.; Camelier, Priscila

    Abstract in Portuguese:

    Duas espécies novas de Astyanax, A. vermilion, do rio Almada e rio Cachoeira, e A. burgerai, do rio Almada, Estado da Bahia, Brasil, são descritas. Astyanax vermilion distingue-se da maioria de suas congêneres e de todas as espécies de Astyanax conhecidas das drenagens do Nordeste do Brasil por ter porção distal da nadadeira pélvica escurecida, uma combinação de caracteres sexualmente dimórficos, porção póstero-ventral do corpo e nadadeiras (exceto peitoral) avermelhadas em vida e manchas umeral e caudal inconspícuas. Difere também por ter maior altura do corpo imediatamente anterior à origem da nadadeira dorsal, 32-34 escamas na linha lateral e presença de um ou dois dentes no maxilar. Astyanax burgerai é diagnosticada pela presença de duas manchas umerais alongadas verticalmente, ausência de faixa lateral larga e conspícua, ao menos na metade anterior do corpo, maior altura do corpo na vertical situada levemente posterior à metade da nadadeira peitoral, 31-34 escamas na linha lateral e dois ou três dentes na série externa do pré-maxilar.

    Abstract in English:

    Two new Astyanax species, A. vermilion, from rio Almada and rio Cachoeira, and A. burgerai, from rio Almada, Bahia State, Brazil, are described. Astyanax vermilion is distinguished from most of its congeners and from all other Astyanax species known from northeastern Brazilian drainages by having distal portion of pelvic fins dark, a combination of sexually dimorphic characters, posteroventral portion of body and fins (except pectoral) reddish in life, and inconspicuous humeral and caudal spots. It also differs by having highest body depth just anterior of dorsal-fin origin, 32-34 lateral-line scales, and presence of one or two maxillary teeth. Astyanax burgerai is diagnosed by the presence of two vertically elongated humeral blotches, absence of a conspicuous and broad dark midlateral stripe (at least on anterior half of body), body highest along vertical slightly behind midlength of pectoral fin, 31-34 lateral-line scales, and two or three teeth on premaxillary outer series.
  • Astyanax jordanensis (Ostariophysi: Characidae), a new species from the rio Iguaçu basin, Paraná, Brazil

    Alcaraz, Héctor S. Vera; Pavanelli, Carla S.; Bertaco, Vinicius A.

    Abstract in Portuguese:

    Astyanax jordanensis, espécie nova, é descrita do rio Jacu e do rio das Torres, ambos tributários do baixo rio Jordão na bacia do rio Iguaçu, Paraná, Brasil. A nova espécie é membro do complexo de espécies Astyanax scabripinnis. Astyanax jordanensis difere das congêneres por vários caracteres merísticos e morfométricos. Machos maduros apresentam ganchos ósseos nas nadadeiras dorsal, peitoral, pélvica e anal, e as fêmeas maduras possuem poucos ganchos ósseos pequenos nos primeiros raios da nadadeira anal. A presença destes ganchos nas fêmeas e o endemismo da ictiofauna no rio Jordão são discutidos.

    Abstract in English:

    Astyanax jordanensis, new species, is described from the rio Jacu and rio das Torres, both tributaries to the lower rio Jordão, in the rio Iguaçu basin, Paraná, Brazil. The new species is a member of the A. scabripinnis species complex. Astyanax jordanensis differs from its congeners by several meristic and morphometric characters. Mature males possess bony hooks in the dorsal, pectoral, pelvic, and anal fins, and mature females have a few small bony hooks on the first rays of the anal fin. The presence of these bony hooks in females and the endemism of the ichthyofauna in the rio Jordão are discussed.
  • Parotocinclus arandai, a new species of hypoptopomatine catfish (Siluriformes: Loricariidae) from the upper rios Jucuruçu and Buranhém, States of Bahia and Minas Gerais, Brazil

    Sarmento-Soares, Luisa Maria; Lehmann A., Pablo; Martins-Pinheiro, Ronaldo Fernando

    Abstract in Portuguese:

    Parotocinclus arandai, espécie nova de cascudo hypoptopomatíneo, é descrita de pequenos riachos do curso superior das bacias dos rios Jucuruçu e Buranhém, na divisa estadual de Minas Gerais com a Bahia. Parotocinclus arandai é distinguida de todos os congêneres nas bacias costeiras do Atlântico do sudeste e leste do Brasil, exceto Parotocinclus bahiensis, por apresentar os raios ramificados e as membranas interradiais das nadadeiras peitoral e pélvica despigmentadas em vista ventral. A nova espécie é distinguida da maioria das espécies de Parotocinclus, por apresentar olho pequeno, 14.8-19.3 mm HL (exceto P. maculicauda e P. planicauda) e pela presença de um tufo de odontódes hipertrofiados no supraoccipital (com exceção a P. cristatus e P. cesarpintoi). Parotocinclus arandai é ainda distinguida pelo abdômen com extensas áreas nuas, apresentando um mosaico de poucas plaquinhas arredondadas de tamanho irregular e distribuídas na região pré-anal (exceto em P. bahiensis, P. minutus, P. spilosoma, P. cearensis, P. cesarpintoi e P. prata). Uma comparação detalhada com os congêneres na região hidrográfica do Leste do Brasil é apresentada e, adicionalmente são fornecidas informações acerca dos ambientes em que foram encontrados os cascudinhos.

    Abstract in English:

    Parotocinclus arandai, new species of the hypoptopomatine catfish, is described from small creeks in the upper rios Jucuruçu and Buranhém basins, at the border of Brazilian States of Bahia and Minas Gerais. Parotocinclus arandai is distinguished from all congeners from the Atlantic coastal basins of southeastern and eastern Brazil, except Parotocinclus bahiensis, by having the branched rays and interradial membranes of the pectoral and pelvic fins unpigmented in ventral view. The new species is distinguished from most Parotocinclus species, by having a small eye, 14.8-19.3 mm HL (except P. maculicauda and P. planicauda) and by the presence of a tuft of hypertrophied odontodes on the supraoccipital (except P. cristatus and P. cesarpintoi). Parotocinclus arandai is further distinguished by having an abdomen extensively naked, with a mosaic of few rounded platelets of irregular size and distributed over the pre-anal region (except P. bahiensis, P. minutus, P. spilosoma, P. cearensis, P. cesarpintoi and P. prata). A detailed comparison with congeners on eastern Brazil hydrographical region is provided, and information on the species habitat is given.
  • A new Tatia (Ostariophysi: Siluriformes: Auchenipteridae) from the rio Iguaçu basin, Paraná State, Brazil

    Pavanelli, Carla Simone; Bifi, Alessandro Gasparetto

    Abstract in Portuguese:

    Uma nova espécie de Tatia é descrita da bacia do baixo rio Iguaçu, Estado do Paraná, Brasil. A nova espécie é diagnosticada de suas congêneres por apresentar grandes manchas claras e irregulares sobre um fundo marrom escuro, faixa longitudinal ausente, nadadeira caudal com manchas arredondadas a estrias marrons escuras sobre uma base clara nos adultos ou completamente negra nos jovens, e por apresentar o processo umeral longo. O dimorfismo sexual da nova espécie é marcado por diferenças entre as aberturas genitais e urinárias, proporções de tamanho entre o lobo superior e inferior da nadadeira caudal e tamanho, largura e presença de espinhos antrorsos e retrorsos nos raios da nadadeira anal.

    Abstract in English:

    A new species of Tatia is described from the lower rio Iguaçu basin, Paraná State, Brazil. The new species is distinguishable from congeners by having large, irregular pale blotches over dark brown base coloration, absent longitudinal stripe, caudal fin with round to striate dark brown spots over light base in adults or entirely dark in juveniles, and by having a long humeral process. Sexual dimorphism of the new species is marked by differences among genital and urinary apertures, size proportions between upper and lower lobe of caudal fin, and size, width and presence of antrorse and retrorse spines on anal-fin rays.
  • Population size and survivorship for juvenile lemon sharks (Negaprion brevirostris) on their nursery grounds at a marine protected area in Brazil

    Freitas, Renato Hajenius Aché de; Rosa, Ricardo S.; Wetherbee, Bradley M.; Gruber, Samuel H.

    Abstract in Portuguese:

    Os tubarões enfrentam muitos obstáculos para sobreviver nos primeiros anos de vida e muitas espécies ocupam áreas de berçário. Embora estimativas de sobrevivência, particularmente para jovens, sejam essenciais para acessar, monitorar e manejar efetivamente populações animais, existem poucos cálculos destas estimativas para populações de tubarões e poucas estimativas baseadas em métodos diretos para estes animais em suas áreas de berçário. Métodos de marcação e recaptura foram utilizados no presente estudo para estimar o tamanho populacional e a sobrevivência de jovens tubarões-limão (Negaprion brevirostris) em uma área de berçário na Reserva Biológica do Atol das Rocas, Brasil. Os indivíduos foram amostrados entre 1999 e 2003 e as estimativas de tamanho populacional variaram entre 12 a 100 indivíduos jovens e a taxa de sobrevivência entre 24 e 54%, com média de 44,6% durante o período de amostragem mais robusto. A população destes tubarões jovens diminuiu ao longo de nosso estudo, ainda que as taxas de sobrevivência tenham aumentado durante o mesmo período. Mesmo um nível moderado de pesca e a remoção de fêmeas maduras em áreas adjacentes podem afetar dramaticamente pequenas populações de tubarões num berçário pequeno e isolado como o Atol das Rocas. As taxas de sobrevivência e tamanho populacional relativamente mais baixos em Rocas podem ser resultado das diferenças nas características físicas deste berçário, comparadas a outros utilizados pela espécie no Atlântico norte-ocidental. Tais parâmetros comparativamente mais baixos no Atol das Rocas sugerem a fragilidade da população jovem de tubarões-limão neste berçário.

    Abstract in English:

    Sharks face a number of obstacles for surviving their first several years of life and many species occupy nursery areas. Although estimates of survival, particularly for young age classes, are essential for assessing, monitoring and effectively managing animal populations, there have been relatively few calculations of survival within shark populations and even fewer estimates based on direct methods for sharks on their nursery grounds. We used tag-recapture methods to estimate the population size and survival of juvenile lemon sharks (Negaprion brevirostris) on their nursery grounds at Atol das Rocas, a marine protected area in Brazil. Sharks were sampled from1999 to 2003. Population size estimates ranged from 12 to 100 juvenile sharks and survival estimates ranged between 24-54% with a mean of 44.6% over the most robust sampling periods. The population of juvenile lemon sharks declined over the course of our study, whereas survival rates may have increased over the same time period. Even a modest level of fishing and removal of mature females in adjacent areas may dramatically affect small populations of sharks within a small and isolated nursery such as Atol das Rocas. The lower survival rates and population size at Atol das Rocas could be the result of differences in physical characteristics of this nursery in comparison to others used by lemon sharks in the northwestern Atlantic. Such comparatively lower populational parameters suggest that the population of young lemon sharks is fragile at the Atol das Rocas nursery.
  • Populations analysis of the Brazilian Sharpnose Shark Rhizoprionodon lalandii (Chondrichthyes: Carcharhinidae) on the São Paulo coast, Southern Brazil: inferences from mt DNA sequences

    Mendonça, Fernando Fernandes; Oliveira, Claudio; Gadig, Otto Bismarck Fazzano; Foresti, Fausto

    Abstract in Portuguese:

    Tubarões do gênero Rhizoprionodon são considerados predadores de grande importância ao longo da cadeia trófica nos ecossistemas costeiros e marinhos, também representando um importante recurso econômico para a pesca, especialmente no litoral brasileiro. A fim de analisar a estrutura populacional do tubarão Rhizoprionodon lalandii no litoral de São Paulo, sudeste do Brasil, foram identificados os níveis de diversidade genética a partir da análise de sequências nucleotídicas da região controladora do DNA mitocondrial. Os dados obtidos neste estudo apresentam valores moderados de diversidade haplotípica e baixos índices de diversidade nucleotídica. Embora os testes de AMOVA (ΦST = 0,08394, P < 0,01) tenham revelado uma pequena diferença entre as amostras estudadas, evidências sobre a ocorrência de estruturação populacional não foram encontradas o que pode representar uma característica geral para tubarões vivendo em áreas costeiras.

    Abstract in English:

    Sharks of the genus Rhizoprionodon can be considered some of the most important predators along the trophic coastal marine ecosystems and represent an important economic resource for the small-scale fisheries, especially on the Brazilian coastline. In order to analyze the population structure of the shark Rhizoprionodon lalandii of São Paulo, Southeastern coast of Brazil, levels of genetic diversity were identified by nucleotide sequence analyses of the mitochondrial DNA control region. The results obtained from this study present moderate values of haplotype diversity and low nucleotide diversity. Although the AMOVA tests (ΦST = 0.08394, P < 0.01) had shown slightly differences among the studied samples, evidence for the occurrence of population structuring was not found, which may be a general feature of sharks living in coastal areas.
  • Estimating size at first maturity (L50) from Gonadossomatic Index (GSI) data

    Fontoura, Nelson F.; Braun, Aloísio S.; Milani, Paulo Cesar C.

    Abstract in Portuguese:

    Estimativas precisas do tamanho de primeira maturação (L50) são úteis para a gestão de estoques naturais, existindo diversos métodos disponíveis na literatura. No presente estudo é proposto um método alternativo através de uma equação logística modificada, incluindo-se uma assíntota variável (A). Testou-se igualmente o uso do Índice Gonadossomático (GSI) como indicativo do status reprodutivo para fêmeas de peixes. O método é demonstrado com dados de quatro espécies de peixes Neotropicais: Characiformes: Astyanax fasciatus (n = 473) e Oligosarcus robustus (n = 297); Siluriformes: Loricariichthys anus (n = 427) e Trachelyopterus lucenai (n = 195). Os resultados obtidos foram suficientemente estáveis para propor-se o emprego do método para outras espécies de peixes com diferentes histórias de vida, mesmo que em programas de amostragem limitados. Sugere-se, entretanto, avaliação da metodologia em larga escala como forma de identificar-se possíveis desvios da abordagem proposta.

    Abstract in English:

    Correct estimates of size at first maturity (L50) are useful for fish stock management and different methods have been proposed. In this study we propose the use of a modified logistic to estimate L50, including a variable asymptote (A). We also test the use of the Gonadossomatic Index (GSI) as a flag to establish the reproductive status of each female fish. The method is demonstrated using GSI data for four Neotropical fish species: Characiformes: Astyanax fasciatus (n = 473) and Oligosarcus robustus (n = 297); Siluriformes: Loricariichthys anus (n = 427) and Trachelyopterus lucenai (n = 195). The results were stable enough to propose this method be used for other fish species with different life histories and with a relatively unconstrained sampling programs. Nevertheless, a wide scale test program is desirable to identify any possible bias in this approach.
  • Age, growth, mortality and yield per recruit of the dourado Salminus brasiliensis, Corumbá Reservoir, Goiás State, Brazil

    Tos, Claudenice Dei; Gomes, Luiz Carlos; Agostinho, Angelo Antônio; Batista, Rosana Paulo

    Abstract in Portuguese:

    Com o propósito de avaliar o destino da espécie migradora dourado Salminus brasiliensis no primeiro ano de represamento do reservatório de Corumbá foi estimado a idade, crescimento, mortalidade e rendimento por recruta. As amostras foram capturadas no reservatório de Corumbá e seus principais tributários (Estado de Goiás) mensalmente de março de 1988 a fevereiro de 1999 usando-se redes de espera. Após um ano do represamento, a idade foi estimada das escamas e o número máximo de anéis foi seis para machos e cinco para fêmeas. Os anéis são formados anualmente de maio a junho. O comprimento assintótico e a taxa de crescimento para machos e fêmeas foram 37,1 cm e 0,77 e 56,6 cm e 0,52 cm, respectivamente. A dominância de juvenis foi constatada no reservatório e seus tributários. A taxa de mortalidade total instantânea (Z) foi 1,59 e a taxa de mortalidade total (A) foi 79,6%. O mais elevado rendimento por recrutamento (1200g) e peso médio (1900g) foi obtido em simulações com baixo valor de pesca (F) e mortalidade natural (M). Baseado nas informações acima foi determinado se o represamento do reservatório de Corumbá tem influenciado o crescimento do dourado. Como recomendação para este estudo, sugere-se que o esforço de pesca não seja aplicado durante o período de elevada produtividade trófica e que o monitoramento da assembleia de dourado continue. O programa de manejo para esta espécie deve ser conduzido com subsequente monitoramento envolvendo comunicação eficiente, práticas realistas e envolvimento das organizações de pesca.

    Abstract in English:

    In order to evaluate the fate of the migratory species dourado Salminus brasiliensis in the first years of impoundment in Corumbá Reservoir we estimated age, growth, mortality and yield per recruit. Samplings were carried out monthly in Corumbá Reservoir and its main tributaries (Goiás State) from March 1998 to February 1999 using gillnets. After one year of impoundment, age was estimated from scales and the maximum number of rings was six for males and five for females. Rings are formed annually in May and June. The asymptotic length and growth rate for males and females were 37.1 cm and 0.77 and 56.6 cm and 0.52, respectively. A dominance of juveniles was verified in the reservoir and its tributaries. The instantaneous total mortality rate (Z) was 1.59 and the annual total mortality rate (A) was 79.6%. The highest yield per recruit (1200g) and the highest average weight (1900g) were obtained in simulations with low values of fishing (F) and natural (M) mortalities. Based on the above information we describe the Corumbá Reservoir impoundment has influenced the growth of the dourado. As regards this study, we recommend that the fishing effort not be applied during the trophic upsurge period and that the monitoring of the dourado assemblage continue. Fishery programs management for this species should be carried out with subsequent monitoring involving efficient communication, realistic practices and involvement of fisher organizations.
  • Spatial and temporal distribution of fish eggs and larvae in a subtropical coastal lagoon, Santa Catarina State, Brazil

    Macedo-Soares, Luis C. P.; Birolo, Alesandra B.; Freire, Andrea S.

    Abstract in Portuguese:

    A abundância, distribuição e composição do ictioplâncton foram investigadas em uma lagoa no sul do Brasil durante um ano e em diferentes estações dentro da lagoa. A lagoa de Ibiraquera é uma lagoa costeira rasa, conectada ao mar através de uma barra semi-permanente. As amostras de ictioplâncton foram coletadas mensalmente entre dezembro de 2003 e dezembro de 2004, com uma rede cônico-cilíndrica de 200 µm de malha em arrastos horizontais e de superfície. Foi detectado um período frio e seco em contraste aos meses quentes e com variação na salinidade em função das chuvas e da barra estar aberta ou fechada. A abundância média do ictioplâncton, durante o período de estudo, foi de 459,6 ± 76,2 (SE) ovos · 100 m-3 e 63,6 ± 7,9 (SE) larvas · 100 m-3, e ocorreram em todos os meses. As abundâncias de ovos e larvas foram significativamente maiores nos meses quentes. A comunidade foi dominada pela família Engraulidae seguida pelas famílias Clupeidae, Gobiidae e Mugilidae. As famílias Engraulidae e Clupeidae ocorreram principalmente nos meses com maiores temperaturas. Alguns peixes costeiros desovam dentro da lagoa, principalmente próximo a barra, evidenciando que a lagoa é uma área de desova para o estoque costeiro. Recomenda-se o estabelecimento de ações ambientais que promovam a conservação da lagoa de Ibiraquera e da comunidade ictioplanctônica.

    Abstract in English:

    This study investigated the variation in abundance, distribution and composition of ichthyoplankton in a lagoon in southern Brazil through the year and at different stations within the lagoon. Ibiraquera Lagoon is a shallow coastal lagoon connected to the sea by a semi-permanent sandbar. Ichthyoplankton samples were collected monthly from December 2003 to December 2004, with a 200 µm mesh net using horizontal surface hauls. A colder, drier period was detected, contrasting with warm months during which salinity varied depending on rainfall and whether the sandbar was open or closed. The mean abundance of ichthyoplankton over the study period was 459.6 ± 76.2 (SE) eggs · 100 m-3 and 63.6 ± 7.9 (SE) larvae · 100 m-3, and they were present during all months. Significantly higher abundances of eggs and larvae were observed during warm months. The community was dominated by the family Engraulidae followed by Clupeidae, Gobiidae and Mugilidae. Engraulidae and Clupeidae were present throughout the year, with greater abundances in months with higher temperatures. Some coastal fish species spawn in Ibiraquera Lagoon, mainly near to the sandbar, demonstrating that the lagoon is a spawning area for coastal stock. We recommend the establishment of environmental procedures to promote the conservation of Ibiraquera Lagoon and its ichthyoplankton community.
  • Fish assemblages in stream stretches occupied by cattail (Typhaceae, Angiospermae) stands in Southeast Brazil

    Rocha, Fabíola Carla da; Casatti, Lilian; Carvalho, Fernando Rogério; Silva, Alexandre Marco da

    Abstract in Portuguese:

    Macrófitas são um importante componente de ecossistemas aquáticos lóticos e lênticos. Como consequências da degradação ambiental, espécies de taboas (gênero Typha) podem se tornar dominantes em riachos. O objetivo do presente estudo foi investigar a estrutura e alimentação de uma comunidade de peixes em trechos de riachos com influência de Typha sp., bem como a variação temporal na composição, abundância, biomassa, diversidade, riqueza de espécies e alimentação da ictiofauna. Seis riachos (nomeados S1-S6) na bacia do alto rio Turvo, sudeste do Brasil, com densos bancos de Typha sp. no habitat interno e ripário, foram estudados em seis campanhas durante os três meses centrais dos períodos seco e chuvoso, por meio de um esforço padronizado de coleta. Trinta e sete espécies foram registradas, totalizando 4.228 indivíduos e 3,9 kg de biomassa. Abundância, biomassa, diversidade e riqueza de espécies foram maiores no período chuvoso, mas somente as diferenças temporais na riqueza de espécies se mostraram estatisticamente significativas. As análises de agrupamentos com a composição e abundância mostraram baixa similaridade temporal, mas indicaram dois grupos de riachos (S1-S2-S5 e S3-S4-S6), o que foi corroborado ao longo do eixo 1 da análise de ordenação. A fauna de peixes residente foi representada por seis espécies, a maioria tolerante e com hábitos generalistas. Larvas aquáticas de Chironomidae e detritos foram os itens mais importantes na dieta dos peixes. Os resultados obtidos sugerem que as populações de peixes exploram os trechos de riachos com Typha de forma oportunística.

    Abstract in English:

    Macrophytes are a major component of lentic and lotic aquatic ecosystems. As consequences of environmental degradation, species of cattail (genus Typha) may become dominant along streams. The purpose of this study was to investigate the structure and feeding of fish assemblages in stream stretches under influence of Typha sp., also addressing the influences of temporal variation on composition, abundance, biomass, diversity, species richness, and feeding of fish. Six streams (labelled S1-S6) in the upper rio Turvo basin, southeast Brazil, with dense stands of Typha sp. in the instream and riparian habitat, were studied in six campaigns during three central months in both of the dry and wet periods, by using a standardized collection effort. Thirty-seven fish species were registered, totaling 4,228 individuals and 3.9 kg of biomass. Abundance, biomass, diversity, and species richness was higher in the wet period, but only the temporal variation in the species richness revealed to be statistically significant. Cluster analyses with composition and abundance showed little temporal similarity, but indicated two groups of streams (S1-S2-S5 and S3-S4-S6), that were corroborated along the axis 1 of the ordination analysis. Resident species was represented by six species, most of them considered tolerant and generalists. Chironomidae aquatic larvae and detritus were the most important items in the fish diet. These results suggest that the fish populations are opportunistic in exploring stream stretches occupied by cattail.
  • Relationships between water transparency and abundance of Cynodontidae species in the Bananal floodplain, Mato Grosso, Brazil

    Melo, Cesar Enrique de; Lima, Jane Dilvana; Silva, Eliete Francisca da

    Abstract in Portuguese:

    O cerrado do Brasil Central é atualmente um dos ecossistemas mais ameaçados do mundo. Em consequência, os ambientes aquáticos desse bioma também sofrem grandes impactos. Alterações relacionadas a mudanças no uso da terra aumentam a descarga de sedimentos em rios, córregos e lagos, resultando em processos de assoreamento e diminuição da transparência da água. A transparência da água determina as condições de visibilidade subaquáticas, e em consequência os peixes respondem às variações espaciais e temporais desta variável. O objetivo deste trabalho foi verificar a influência da transparência da água na abundância e distribuição de peixes da família Cynodontidae, um grupo de peixes predadores que se orientam visualmente. As coletas de peixes foram realizadas em 15 ambientes localizados na região entre o rio das Mortes e rio Araguaia, na planície do Bananal, Estado do Mato Grosso. As análises de regressão entre a abundância relativa de Cynodontidae (em número de indivíduos e biomassa) e a transparência da água mostraram uma correlação positiva e significante, o que indica que este grupo apresenta afinidade de hábitat por águas mais claras. Esses resultados sugerem que o aumento na turbidez das águas nesta região pode afetar os padrões de abundância e distribuição das espécies de Cynodontidae, bem como de outras espécies de peixes visualmente orientadas.

    Abstract in English:

    The Cerrado in the Central Brazil is currently one of the most threatened ecosystems in the world. As a result, the aquatic habitats in this biome also undergo great impacts. Alterations related to land-use change increase sediment loadings in rivers, streams and lakes, resulting in sedimentation and decrease in water transparency. Water transparency determines underwater visibility conditions, and as a consequence fish assemblages respond to spatial and temporal changes in this variable. This work aimed to examine the influence of transparency on the abundance and distribution of Cynodontidae species, a visually oriented predatory fish group. Fish sampling was conducted in 15 sites located between Mortes and Araguaia rivers in the Bananal floodplain, Mato Grosso State. Regression analysis between relative abundance of Cynodontidae (in number of individuals and biomass) and water transparency showed a positive and highly significant correlation, indicating that this group shows species-specific habitat affinities for clearer waters. These results suggest that the increase in water turbidity in this region can affect the patterns of abundance and distribution of the Cynodontidae species, as well as other visually oriented fishes.
  • Spatial, seasonal and ontogenetic variation in the diet of Astyanax aff. fasciatus (Ostariophysi: Characidae) in an Atlantic Forest river, Southern Brazil

    Wolff, Luciano Lazzarini; Abilhoa, Vinícius; Rios, Flavia Sant'Anna; Donatti, Lucélia

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo descreveu os hábitos alimentares do lambari Astyanax aff. fasciatus. Foram comparadas as composições alimentares de espécimes de dois sítios (A e B) de um rio no sul do Brasil de acordo com o tamanho dos indivíduos e do período sazonal. As coletas foram realizadas mensalmente de março de 2005 a fevereiro de 2006, sendo o conteúdo estomacal de 290 exemplares analisado. A dieta de A. aff. fasciatus foi composta basicamente por plantas e insetos, especialmente fragmentos de folhas, sementes, frutos, algas filamentosas, insetos aquáticos e terrestres e fragmentos de insetos. No sítio A, os itens de maior importância foram fragmentos de insetos e plantas. Ao contrário no sítio B, fragmentos de plantas foram mais representativos. Em geral, todos os itens de origem animal apresentaram os maiores valores do índice alimentar no sítio A, enquanto que no sítio B detritos e gramíneas foram mais abundantes. A composição dos itens ingeridos variou sazonalmente, sendo a maior diversidade registrada durante o período da primavera para ambos os sítios. Indivíduos pequenos preferiram itens de origem animal enquanto que os maiores consumiram principalmente itens de origem vegetal. De acordo com seu tamanho A. aff. fasciatus neste estudo pode ser considerada uma espécie com tendências à insetivoria quando imaturo, ou à herbivoria quando adulto. No entanto, seu hábito alimentar pode ser flexível de acordo com a disponibilidade de recursos, mostrando ampla variação tanto ontogenética quanto espacial e temporal.

    Abstract in English:

    This study described the feeding habits of the characin Astyanax aff. fasciatus. The diet compositions of specimens from two sites (A and B) on a river in Southern Brazil were compared according to the size of individuals and seasonal period. The collections were performed monthly from March 2005 to February 2006, where the stomach contents of 290 specimens were assessed. Food items for A. aff. fasciatus were basically composed of plants and insects, especially leaf fragments, seeds, fruits, filamentous algae, aquatic and terrestrial insects and insect fragments. At site A, the most common items were insect and plant fragments. Conversely at site B, plant fragments were more representative. In general, all items of animal origin showed the highest feeding index values at site A, whereas at site B detritus and grass items were more abundant. The composition of items varied seasonally, with higher diversity of items being recorded during the spring at both sites. Smaller individuals preferred items of animal origin, while the larger ones consumed mainly items of plant origin. According to its size, A. aff. fasciatus in this study may be considered a species with insectivorous tendencies when immature or herbivorous tendencies when adult. Nevertheless, its feeding habits may be flexible according to resource availability, showing wide ontogenetic, besides spatial and temporal variation.
  • Comparative feeding ecology and habitats use of Crenicichla species (Perciformes: Cichlidae) in a Venezuelan floodplain river

    Montaña, Carmen G.; Winemiller, Kirk O.

    Abstract in Portuguese:

    O comportamento alimentar e o uso de habitat de duas espécies de "joanas", ou "mataguaros", (Crenicichla lugubris e C. aff. wallacii) foram estudados no río Cinaruco, uma planície de alagamento nos llanos Venezuelanos. Examinamos 309 indivíduos de C. lugubris e 270 de C. aff. wallacii do canal principal e lagoas ao longo da fase de vazante de um ciclo hidrológico anual. Crenicichla lugubris foi comum em ambientes que continham rochas, galhos e troncos, enquanto que C. aff. wallacii foi mais abundante em lagoas do que no canal principal, especialmente em áreas rasas contendo folhiço. Embora não tenhamos capturado C. aff. wallacii em cardumes em meio às rochas, em algumas ocasiões eles foram observados nestes ambientes. Crenicichla lugubris foi maior do que C. aff. wallacii (198,4 mm e 44,6 mm CP, respectivamente). Análise dos conteúdos estomacais de C. lugubris revelou que os indivíduos maiores (> 100 mm CP) se alimentaram principalmente de peixes pequenos (e. g. caracídeos e ciclídeos), e os menores (< 100 mm CP) consumiram principalmente larvas aquáticas de insetos, escamas de peixes e camarões. Crenicichla aff. wallacii se alimentou de insetos aquáticos e outros invertebrados associados ao folhiço.

    Abstract in English:

    Feeding behavior and habitat use of two species of pike cichlids, or mataguaros, (Crenicichla lugubris and C. aff. wallacii) were studied in the río Cinaruco, a floodplain river in the Venezuelan llanos. We examined 309 individuals of C. lugubris and 270 individuals of C. aff. wallacii from both the main channel and lagoons throughout the falling-water phase of the annual hydrological cycle. Crenicichla lugubris was common within habitats that contained rocks or woody debris, whereas C. aff. wallacii was more abundant in lagoons than the main channel, especially within shallow areas containing leaf litter. Although we did not capture C. aff. wallacii in rocky shoals, they sometimes were observed in these habitats. Crenicichla lugubris was larger than C. aff. wallacii (198.4 mm and 44.6 mm, respectively). Analysis of stomach contents showed that larger specimens (> 100 mm SL) C. lugubris fed mostly on small fishes (e. g. characids, cichlids), but juveniles (< 100 mm SL) consumed mostly aquatic insects, fish scales, and shrimps. Crenicichla aff. wallacii fed on aquatic insects and other invertebrates associated with leaf litter substrates.
  • Environmental influences on the spatial and temporal distribution of the puffer fish Sphoeroides greeleyi and Sphoeroides testudineus in a Brazilian subtropical estuary

    Fávaro, Luís Fernando; Oliveira, Elton Celton de; Ventura, Augusto de Oliveira Brunow; Verani, Nelsy Fenerich

    Abstract in Portuguese:

    A distribuição espacial e temporal de Sphoeroides greeleyi e Sphoeroides testudineus foram estabelecidas a partir de coletas (material biológico e dados ambientais) realizadas mensalmente de maio/2000 a abril/2001 em áreas intertidais, no eixo norte-sul, do complexo estuarino de Paranaguá, Estado do Paraná. A variação dos fatores abióticos coletados, além de caracterizar um gradiente espacial, no sentido norte-sul, que varia sazonalmente, possibilitou a divisão do estuário em três regiões: norte, central e sul. Espacialmente, verificou-se para ambas as espécies que o número de indivíduos decresce, significativamente, no sentido norte-sul estuarino. Ainda, foram encontradas diferenças significativas no porte dos indivíduos entre as regiões do estuário, no norte ocorreram os maiores indivíduos de S. greeleyi e os menores de S. testudineus. As maiores capturas dos baiacus ocorreram do final da primavera ao início do outono, coincidindo com a ocorrência de exemplares de menor tamanho e de menor massa corporal média. Os resultados indicam que as variações espaciais e temporais do ambiente afetam os padrões de distribuição de ambas as espécies de baiacus, sugerindo que a co-ocorrência de espécies aparentadas age como um fator modulador nesta distribuição.

    Abstract in English:

    The spatial and temporal distribution of Sphoeroides greeleyi and Sphoeroides testudineus were established from collections (biological material and environmental data) conducted on a monthly basis from May 2000 to April 2001 in intertidal areas along the north-south axis of the estuarine complex of Paranaguá, Paraná State. In addition to characterizing a north-south spatial gradient, which fluctuates seasonally, the variation in the abiotic factors made possible the division of the estuary into three regions: north, central and south. Spatially, it was found that the number of individuals declines significantly for both species in the north-south direction of the estuary. Moreover, significant differences were found in the size of individuals across the estuarine regions. The largest S. greeleyi individuals were caught in the north, as well as the smallest S. testudineus individuals. The catches with the highest numbers of puffer fish occurred from late spring to early autumn, coinciding with the occurrence of specimens of smaller size and lower mean body mass. The results indicate that spatial and temporal variations in the environment impact the distribution patterns of both puffer fish species, suggesting that the co-occurrence of closely related species functions as a modulating factor in that distribution.
  • Transport of jundiá Rhamdia quelen juveniles at different loading densities: water quality and blood parameters

    Carneiro, Paulo César Falanghe; Kaiseler, Pedro Henriques da Silva; Swarofsky, Elaine de Azambuja Correia; Baldisserotto, Bernardo

    Abstract in Portuguese:

    O transporte de peixes é uma prática comum em piscicultura e considerado como um agente estressor que causa efeitos negativos na saúde do peixe. O objetivo deste estudo foi avaliar algumas respostas fisiológicas de estresse no jundiá causadas pelo transporte em densidades diferentes. Juvenis de jundiá foram transportados em sacos plásticos num simulador de transporte por quatro horas em diferentes densidades (75, 150, 250 e 350 g L-1) e transferidos para 16 caixas plásticas de 80 L por 96 horas após o transporte. Amostras de água foram coletadas antes e após o transporte para determinações de oxigênio dissolvido, temperatura, pH e amônia. Além dos momentos da saída e da chegada, amostras de sangue foram retiradas 24 e 96 horas após o transporte para monitorar os níveis de cortisol, glicose, amônia, cloreto e hematócrito. A amônia na água aumentou gradualmente acompanhando o aumento das densidades. A amônia plasmática estava elevada após o transporte nos peixes de todos os tratamentos. Comparando com os valores iniciais, aumentos substanciais nos níveis plasmáticos de cortisol e amônia foram registrados principalmente nos peixes submetidos à densidade de transporte mais elevada. Os níveis glicêmicos parecem ter sido influenciados pelo aumento nas densidades de transporte. Não foram registradas diferenças significativas nos demais parâmetros sanguíneos. O custo da criação de peixes, da mesma forma que de outros animais, deve ser minimizado e os produtores dependem de técnicas que permitam lucros maiores. Portanto, com base nos indicadores fisiológicos e na taxa de sobrevivência obtidos no presente estudo, especialmente considerando o período de recuperação, sugere-se que a melhor densidade para o transporte do jundiá em sacos plásticos por quatro horas seja de aproximadamente 350 g/L.

    Abstract in English:

    Fish transportation is a common practice on fish farms and is considered to be a stressor that could negatively affect fish health. The objective of this study was to evaluate several physiological responses of stress in jundiá caused by transport at different loading densities. Jundiá juveniles were placed in plastic bags on a mechanical transport simulator for four hours at four different loading densities (75, 150, 250 and 350 g L-1) and then transferred to sixteen 80-L plastic boxes for 96 hours after transport. Water samples were collected before and after transport to measure dissolved oxygen, temperature, pH and ammonia levels. Blood samples were taken at departure and arrival, as well as at 24 and 96 hours after transport to monitor cortisol, glucose, ammonia, chloride and hematocrit levels. Water ammonia levels were found to increase gradually as loading densities increased. Plasma ammonia was higher after transport in fish from all treatments. Compared to initial values, substantial increases in plasma cortisol and ammonia levels were detected mainly in those fish submitted to the highest loading density. Blood glucose appeared to be positively influenced by the increase of transport densities. No statistical differences were observed in any of the other blood parameters. The costs in fish culture, as in other animal production systems, must be minimized and fish producers depend on optimal techniques to ensure better profit. Therefore, based on fish survival and the physiological indicators determined in the present study, especially during recovery, the best density at which to transport jundiá in plastic bags for four hours is about 350 g/L.
Sociedade Brasileira de Ictiologia Universidade Estadual de Maringá, Núcleo de Pesquisas em Limnologia, Ictiologia e Aquicultura/Coleção Ictiologia, Av. Colombo, 5790, 87020-900 Maringá, PR, Brasil, Tel.: (55 44)3011 4632 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: neoichth@nupelia.uem.br