Revista de Nutrição, Volume: 13, Issue: 1, Published: 2000
  • Antinutritional factors: protease inhibitors and lectins Artigos de Revisão

    SILVA, Mara Reis; SILVA, Maria Aparecida Azevedo Pereira da

    Abstract in Portuguese:

    Os fatores antinutricionais presentes em alimentos podem provocar efeitos fisiológicos adversos ou diminuir a biodisponibilidade de nutrientes. A maior questão sobre os riscos à saúde provocados por antinutrientes é o desconhecimento dos níveis de tolerância, do grau de variação do risco individual e da influência de fatores ambientais sobre a capacidade de detoxificação do organismo humano. Dentre os fatores antinutricionais os inibidores de proteases e as lectinas são considerados instáveis ao tratamento térmico. A hipertrofia pancreática causada pelos inibidores de tripsina tem sido relatada em alguns estudos com animais. As alterações da função fisiológica em animais causadas por ação de lectinas no intestino parecem estar relacionadas à especificidade destas substâncias com as células da mucosa intestinal. Os possíveis efeitos adversos dos inibidores de proteases e das lectinas na maioria das vezes são inferidos somente de experimentos com animais de laboratório.

    Abstract in English:

    The antinutritional factors present in foods can cause adverse physiological effects or decrease the bioavailability of nutrients. Health risk factors associated with antinutrients include: lack of knowledge of the tolerance levels to these compounds in the human organism, little available information on the degree of variation of individual risks and little knowledge with respect to the influence of environmental factors on the detoxification capacity of the human organism. The possible adverse effects of protease inhibitors and lectin on human health are, in most cases, only inferred by way of experiments with laboratory animals. Pancreatic hypertrophy caused by trypsin inhibitors has been shown in some animal experiments. Alterations in physiological functions at the intestinal level shown by animals submitted to lectins containing diets seem to be related to the specificity of these substances with the intestinal mucosa cells. There is no evidence that the trypsin inhibitors and lectins present in adequately processed foods are toxic to humans.
  • The nutrition education role in the combat against micronutrient deficiencies Artigos de Revisão

    RAMALHO, Rejane Andréa; SAUNDERS, Cláudia

    Abstract in Portuguese:

    Embora a educação nutricional seja vista como um esforço destinado a mudar "hábitos alimentares", padrões alimentares são determinados por fatores que incluem, além de educação orientada para uma nutrição adequada, fatores socioeconômicos, ecológicos, culturais e antropológicos. Alguns destes fatores induzem à geração e manutenção de "tabus alimentares" que impedem, principalmente nas camadas mais carentes da população, a escolha adequada de alimentos para uma dieta balanceada. Este trabalho aborda algumas destas questões, numa tentativa de provocar reflexão sobre educação nutricional num contexto mais amplo como principal estratégia de combate à hipovitaminose A, considerada um dos mais importantes problemas nutricionais e de Saúde Pública do mundo atual. A principal causa desta carência é a ingestão inadequada de alimentos fonte de vitamina A, que muitas vezes está mais relacionada às questões culturais e hábitos alimentares do que a fatores econômicos. Vários estudos mostram que, no Brasil, os alimentos fonte deste nutriente são alvo de crenças, proibições e tabus. Conclui-se que o profissional de saúde deve ponderar os aspectos não só econômicos, mas também culturais envolvidos, principalmente quando a proposta de intervenção envolve educação nutricional.

    Abstract in English:

    Nutrition education is viewed as a means of changing "food habits". However, dietary patterns depend on many other factors that cannot be overcome by appropriate nutrition teaching, such as socioeconomic, ecological, cultural and anthropological aspects. Some of these factors generate "alimentary taboos" which hamper the choice of foodstuffs for a balanced diet. This paper deals with some of these questions, in an attempt to increase awareness about nutrition education in a wider context as an effective strategy in the fight against vitamin A deficiency, one of the major Nutrition and Public Health problems of our world. The main determinant of this deficiency is inadequate nutrition generally unrelated to traditional "education" and socioeconomic factors. Several studies have shown that, in Brazil, the main cause of vitamin A deficiency is inadequate consumption of sources of the vitamin because of factors such as taboos, beliefs and bans. Health professionals must be made more aware that, when micronutrient deficiencies are involved, they must look not only at social or economic variables, but also at the cultural aspects involved.
  • Obesity: updated information about its etiology, morbidity and treatment Artigos de Revisão

    FRANCISCHI, Rachel Pamfilio Prado de; PEREIRA, Luciana Oquendo; FREITAS, Camila Sanchez; KLOPFER, Mariana; SANTOS, Rogério Camargo; VIEIRA, Patrícia; LANCHA JÚNIOR, Antônio Herbert

    Abstract in Portuguese:

    As tendências de transição nutricional ocorridas neste século direcionam para uma dieta mais ocidentalizada, a qual, aliada à diminuição progressiva da atividade física, converge para o aumento no número de casos de obesidade em todo o mundo. Isso representa aumento na morbidade e na mortalidade associadas à obesidade, já que esta é fator de risco para várias doenças como diabetes tipo II, hipertensão, doenças cardiovasculares e cálculo na vesícula biliar. A obesidade se apresenta não apenas como problema científico e de saúde pública, porém como grande indústria que envolve o desenvolvimento de fármacos, de alimentos modificados e estratégias governamentais estimulando a prática regular de atividade física e a orientação alimentar a fim de promover melhores hábitos. Assim, o conhecimento das causas e estratégias preventivas da obesidade é o objeto de estudo de pesquisadores de diferentes centros. Esse artigo tem como objetivo rever esses estudos, abordando o aumento na prevalência e incidência da obesidade, doenças relacionadas ao excesso de peso e os tratamentos para redução da gordura corporal.

    Abstract in English:

    The trend in nutritional transition in this century leads to an occidentalized diet, which, allied to a decrease in physical activity, results in increasing of obesity all over the world. It raises the risk of morbidity and mortality, since obesity is the first step to several diseases such as Diabetes type II, hypertension, cardiovascular and gallbladder diseases. Obesity is not only a scientific and public health problem, but also an industry of pharmacos, special foods and governmental strategies to encourage people to be more active and to provide more food information in order to promote better habits. Several studies all around the world discuss the causes and treatments for obesity. In this way, this paper summarizes these researches, approaching the elements associated with higher obesity incidence and prevalence, the diseases related to overweight and the treatments for reducing body fat.
  • Health and nutrition education in João Pessoa, Paraíba, Brazil Artigos Originais

    LIMA, Roberto Teixeira; BARROS, Jefferson Carneiro de; MELO, Marcos Roberto Andrade de; SOUSA, Melquisedek Galdino de

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo analisa as características das práticas de Educação em Saúde e Nutricão no município de João Pessoa, Paraíba, Brasil. Foram investigados 65 Serviços de Saúde, dos 70 catalogados, por meio de visitas e entrevistas com os profissionais para obtenção de informações sobre as práticas de Educação em Saúde. Dos Serviços investigados, 74,0% desenvolvem a prática de Educação em Saúde. Os profissionais médicos, enfermeiros, psicólogos, odontólogos e assistentes sociais estão presentes na maioria dos Serviços, e apenas 43,7% dos Serviços têm nutricionistas em seus quadros. Na atuação direta em Educação em Saúde, as assistentes sociais, enfermeiras e psicólogas foram as que apresentaram maior participação. Palestras, cartazes e folhetos foram os principais recursos identificados nas atividades educativas na maioria dos Serviços. A população alvo das atividades foi representada por gestantes, crianças pré-escolares e casais. Dos temas educativos, a maioria dos Serviços trabalha com aleitamento materno, pré-natal, planejamento familiar, higiene pessoal e vacinação. Foi verificado que os Serviços não apresentam uma forma objetiva e sistemática de avaliação das práticas educativas, muito embora a maioria deles considere o retorno dos pacientes aos serviços como forma de avaliação.

    Abstract in English:

    This report analyzes characteristics of Health Education practices in the city of João Pessoa, Paraíba State, Brazil. The data were obtained from 65 Health Services of the 70 catalogued, including different health centers, by means of visits and interviews with the health professionals in the Services. Among the investigated Services, 74.0% practices Health Education. Only 43.7% of the investigated Services have nutritionists; the most frequent professionals are: doctors, nurses, psychologists, dentists and social workers. In the educational activities, social workers, nurses and psychologists were the health professionals with more participation. For those activities, the most frequent strategies adopted were lectures, posters and pamphlets. Those educacional activities were elaborated for pregnant women, preschool children and couples. It was observed that breast feeding, prenatal care, family planning, personal hygiene and vaccination were the educational themes more discussed in the Services. It was also observed that the Services do not have a systematic form of evaluation of the activities. Most of the Services consider the follow-up of the patient as an index to evaluate the activities.
  • Professional situation of graduates from a nutrition course Artigos Originais

    GAMBARDELLA, Ana Maria Dianezi; FERREIRA, Claudia Franchi; FRUTUOSO, Maria Fernanda Petroli

    Abstract in Portuguese:

    O tema desta pesquisa foi a inserção de nutricionistas, egressos da Universidade de São Paulo, no mercado de trabalho. A população estudada, composta pelos alunos formados no período de 1990 a 1996, foi consultada por meio de correspondência, enviada pelo correio. A adesão à pesquisa foi de 42,0%. Verificou-se que esses profissionais atuavam em nutrição clínica (36,6%), administração de Unidades de Alimentação e Nutrição (31,0%), marketing (12,7%) e saúde pública (7,0%). É necessário estimular a educação continuada em nutrição, devido ao fato da área ter ampla abrangência e, por conseguinte do curso formar generalistas, capacitados para atuar em campos diversos.

    Abstract in English:

    This research focused on the insertion of nutritionists graduated by the University of São Paulo into the labor market. The population under study included the totality of students graduated in the period from 1990 to 1996 who were interviewed by mail. Forty-two percent of them have filled in satisfactorily the questionnaires sent to them. Data disclosed the following: these nutritionists are professionally engaged in nutrition clinics (36.6%), in the management of Food and Nutrition Units (31.0%), in marketing (12.7%) and in public health (7.0%). There is a need for more incentive to continued education in nutrition due to the general formation of the course.
  • The school meals program in Campinas: analysis of the regional supplying Artigos Originais

    VIANNA, Rodrigo Pinheiro de Toledo; TERESO, Mauro José Andrade

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo principal do trabalho foi avaliar as condições para o cumprimento da meta estabelecida pelo Programa Nacional de Merenda Escolar que recomenda o abastecimento local do Programa, de acordo com a política de descentralização do Governo Federal. Foram utilizados quatro critérios para avaliar a disponibilidade de produtos alimentícios para o programa: o nível, o volume e a composição da produção; as condições de transporte, estocagem e conservação; a comercialização; e os sistemas de distribuição de alimentos. Os resultados das análises indicaram um quadro bastante favorável devido à grande variedade de produtos agrícolas, existência de importantes eixos rodoviários e entrepostos de distribuição de alimentos, grande capacidade armazenadora e alta concentração de unidades agroindustriais na região, além da presença, no município, de uma ampla rede varejista de comercialização. As considerações deste trabalho visaram apresentar alternativas para os administradores públicos, auxiliando-os nos seus processos decisórios.

    Abstract in English:

    The main objective of this work was to evaluate the conditions for the regional supply of the school meals program, according to its Federal Policy. The methodology applied in the city of Campinas, Brazil, measures the food availability in relation to level, volume and horticultural production, main roads, warehouses, commercialization, food industries and marketing net in the city. The results of these analyses showed the great possibility of managing to do the regional supply of the school meals program. The conclusions of this work aim at contributing important information to the decision-makers involved in the school meals program, presenting alternatives, which represent possible gains in the quality of the service offered to the schoolchildren
  • Effect of caloric restriction on hepatic gamma-glutamyl transpeptidase activity and on glutathione levels Artigos Originais

    VIANNA DE OLIVEIRA, Ida Maria; PAULO, Roseane Harue Yoshida de; FUJIMORI, Elizabeth

    Abstract in Portuguese:

    Avaliou-se o efeito da restrição energética aguda (crescimento pós-desmame) e crônica (lactantes desnutridas desde o período pré-natal e seus filhotes) na atividade da gama-glutamiltranspeptidase e nos níveis de glutationa. O consumo da dieta foi ad libitum (controle) ou com restrição de 30% (desnutrido), tendo-se conduzido dois ensaios, um de desnutrição aguda e outro de desnutrição crônica. A restrição aguda provocou redução significativa no ganho ponderal dos ratos em crescimento, mas as mães cronicamente desnutridas ganharam significativamente mais peso/filhote, pois apresentaram menor número de filhotes. Não foram observadas alterações significativas nos níveis de glutationa, na atividade da gama-glutamiltranspeptidase e mesmo na concentração de proteína hepática sob o efeito da restrição energética, aguda ou crônica. Menor desequilíbrio no perfil de aminoácidos plasmáticos e na síntese protéica, conseqüente à desnutrição energética e não à protéica, pode justificar estes resultados.

    Abstract in English:

    The purpose of this study was to evaluate the effect of the acute (post-weaning growth) and chronic (lactating rats undernourished since prenatal period and their pups) caloric restriction on hepatic gamma-glutamyl transpeptidase activity and glutathione levels of rats. Diet consumption was either unrestricted (control group) or 30% restricted (undernourished group).Two trials, one of acute malnutrition and another of chronic malnutrition, were conducted. Acute restriction caused significant reduction in the weight gain of the growing rats, but chronically undernourished mothers showed a significantly higher weight gain/pup, since they presented fewer pups. No significant alterations in glutathione levels, gamma-glutamyl transpeptidase activity, or even in the hepatic protein concentration were observed under acute or chronic caloric restriction. The less pronounced unbalance in the profile of plasmatic amino acids and in the protein synthesis (consequence of caloric, rather than protein malnutrition) can justify such results.
  • Consumption of calcium by adolescents from public schools em Osasco, São Paulo, Brazil Artigos Originais

    LERNER, Barbara Regina; LEI, Dóris Lúcia Martini; CHAVES, Sandra Pinheiro; FREIRE, Renata Damião

    Abstract in Portuguese:

    No ano 2 000 a população brasileira contará com mais de 14 milhões de idosos e a osteoporose se destaca como uma das enfermidades que afetará pelo menos 3 em cada 20 mulheres brasileiras. Uma das medidas preventivas é assegurar o consumo adequado de cálcio dietético para garantir que o indivíduo atinja o pico de massa óssea geneticamente determinado (que se dá entre os 25 e 30 anos), mantenha esta massa na idade adulta e apresente perda mínima na velhice. O objetivo do estudo foi o de conhecer e avaliar o consumo de cálcio por adolescentes de escolas públicas do Município de Osasco, tendo em vista a prevenção da osteoporose. Foi estudado o consumo alimentar de 323 alunos de 5ª e 8ª séries de 8 escolas localizadas nas regiões central e periférica do município. Utilizou-se a média de registro alimentar de 3 dias alternados. O consumo médio diário de cálcio e a porcentagem de cálcio oriunda de alimentos lácteos não foram significativamente diferentes entre homens e mulheres. Somente 6,2% dos homens e 2,8% das mulheres apresentaram consumo de cálcio acima de 1200 mg/dia. Houve diferenças significativas entre as regiões geográficas com relação ao consumo de energia, de cálcio, assim como para a porcentagem de cálcio oriundos de alimentos lácteos e para a densidade do mineral na dieta. A média de cálcio ingerido do quartil mais alto (1015 mg/dia) não atinge a recomendação (1200 mg/dia). Os alimentos lácteos mais consumidos foram leite, queijo, sorvete e iogurte. O leite foi o alimento mais citado por todos os adolescentes, porém a quantidade difere entre os gêneros; as mulheres ingerem cerca de 190 ml por dia enquanto os homens tomam 240 ml.O consumo de cálcio dos adolescentes está muito abaixo das recomendações atuais, refletindo-se na baixa densidade do mineral na dieta diária. Seria desejável uma densidade de pelo menos 550 mgCa/1000 Kcal para alcançar os 1200 mg diários recomendados. É necessário um esforço entre os profissionais da saúde no sentido de estimular o aumento do consumo de alimentos ricos em cálcio visando a prevenção da osteoporose e suas conseqüências.

    Abstract in English:

    In the year 2 000 the Brazilian population will be about 14 million old citizens and osteoporosis will affect 3 in 20 Brazilian women. The prevention of osteoporosis consists of maximizing the peak of bone mass genetically determined (that occurs from 25 to 30 years old), maintaining this achieved bone mass throughout adulthood and losing the minimum in old ages. The aim of this study was the evaluation of the calcium intake by adolescents from the city of Osasco (São Paulo, Brazil), looking forward to osteoporosis prevention. The food intake of 323 schoolchildren in the 5th and 8th grades from 8 schools located in the central and peripheral areas of the city was evaluated. The mean of the 3 alternate days dietary records was calculated. The mean daily intake of calcium and the calcium percentage from dairy foods were not significantly different for men and women. Only 6.2% of the men and 2.8% of the women consumed above 1 200 mg/d of dietary calcium. There were significant differences in the energy and calcium intake and in the percentage of calcium from dairy foods and the mineral density of the diet in relation to the geographic areas. The mean calcium intake of the quarter of the population that showed the highest consumption (1 015 mg/d) did not meet the daily recommendation of 1200 mg. Milk was the dairy food that most of the adolescents referred to, but the quantities differed according to gender; women took 190 ml/day and men 240 ml. The calcium intake of these adolescents was well below the present recommendations and so is the mineral density of their diets. It would be desirable an intake of, at least, 550 mgCa/1 000 Kcal to reach the daily recommendations. An effort should be made, by health professionals, to raise the intake of calcium-rich foods looking forward to the prevention of osteoporosis and its consequences.
Pontifícia Universidade Católica de Campinas Núcleo de Editoração SBI - Campus II , Av. John Boyd Dunlop, s/n. - Prédio de Odontologia, 13059-900 Campinas - SP Brasil, Tel./Fax: +55 19 3343-6875 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: sbi.submissionm@puc-campinas.edu.br