Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, Volume: 16, Número: 3, Publicado: 2011
  • Editorial

    Fernandes, Fernanda Dreux M.
  • Por que frequentar o Congresso de Fonoaudiologia da SBFa?

    Behlau, Mara
  • Construção do conceito de promoção da saúde: comparação entre estudantes ingressantes e concluintes de Fonoaudiologia Artigos Originais

    Santos, Lidiane Gonçalves dos; Lemos, Stela Maris Aguiar

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Caracterizar e comparar o conhecimento de ingressantes (estudantes do 1º período) e concluintes (estudantes do 8º período) de um curso de Fonoaudiologia acerca do tema promoção da saúde. MÉTODOS: Estudo descritivo transversal realizado por meio da aplicação de 92 formulários em estudantes de Fonoaudiologia ingressantes e concluintes. A análise dos dados obtidos foi realizada em três etapas: análise descritiva das questões fechadas, análise estatística da associação entre as respostas do 1º e do 8º períodos, e análise qualitativa das questões abertas do formulário. RESULTADOS: A maioria dos entrevistados cursou disciplinas com o tema promoção da saúde; mais de um terço participou de atividades extracurriculares ou disciplinas práticas envolvendo o tema. A maioria referiu saber o que é promoção da saúde e ter a intenção de realizar ações em promoção da saúde. Os ingressantes relataram conceitos empíricos sobre promoção da saúde e confundiram promoção com prevenção. Entre os concluintes, a confusão existe em menor quantidade. CONCLUSÃO: O curso de graduação em Fonoaudiologia dos estudantes entrevistados contribui para a formação do conceito de promoção da saúde, porém existe uma confusão entre os termos prevenção e promoção da saúde, tanto entre os estudantes do 1º quanto do 8º período. Os dados evidenciam a importância de discutir o tema promoção da saúde durante o processo de formação do fonoaudiólogo.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To characterize and compare the knowledge of freshmen (1st period) and senior (8th period) undergraduate Speech-Language Pathology and Audiology students regarding health promotion. METHODS: Cross-sectional study that involved the application of 92 forms to 1st and 8th period Speech-Language Pathology and Audiology students. Data analysis was conducted in three stages: descriptive analysis of closed questions, statistical analysis crossing the answers of both groups, and qualitative analysis of the open questions of the form. RESULTS: Most interviewees attended classes directed to the theme of health promotion; more than a third of them participated in extracurricular activities or practices on the theme. Most subjects reported to know the concept of health promotion and to intend to create health promotion actions. Freshmen students reported empirical concepts of health promotion, and confused prevention with promotion. Among senior students, the confusion exists in smaller quantities. Thus, although the training process favor the acquisition of adequate concepts of health promotion, terminology confusion still remains. CONCLUSION: The undergraduate program in Speech-Language Pathology and Audiology of the students interviewed contributes for the construction of the concept of health promotion, however, there is confusion between the terms health prevention and promotion among both groups of students. Data evidence the importance to discuss the health promotion theme during the formation process of speech-language pathologists and audiologists.
  • Contribuições para análise da política de saúde auditiva no Brasil Artigos Originais

    Bevilacqua, Maria Cecília; Morettin, Marina; Melo, Tatiana Mendes de; Amantini, Regina Célia Bortoleto; Martinez, Maria Angelina Nardi de Souza

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Realizar o levantamento do quantitativo dos procedimentos relacionados à adaptação de aparelho de amplificação sonora individual (AASI) incluídos na Tabela do Sistema Único de Saúde (Tabela SUS). MÉTODOS: Os dados sobre os procedimentos relacionados à adaptação de AASI incluídos na Tabela SUS foram levantados no site www.datasus.gov.br. Após o levantamento desses dados, foi realizada a organização e a análise descritiva da produção dos atendimentos ambulatoriais registrados pelos serviços de saúde auditiva do Brasil, durante o período de novembro de 2004 a julho de 2010. Os dados foram analisados estatisticamente. RESULTADOS: Quanto aos procedimentos relacionados à dispensação de AASI no território nacional no âmbito da saúde auditiva, em 2006, a terapia fonoaudiológica ultrapassou o quantitativo obtido pela adaptação de AASI e, o acompanhamento fonoaudiológico, por sua vez, foi pouco realizado no país. Os AASI com tecnologias B e C vem sendo mais adaptados do que os AASI de tecnologia A e a realização de medida com microfone sonda ou acoplador de 2cc na adaptação dos AASI é pouco realizada em comparação ao ganho funcional. CONCLUSÃO: Houve grandes avanços na atenção ao deficiente auditivo no país, mas é necessário aprimorar o acompanhamento dos usuários de AASI, e revisar procedimentos como medidas com microfone sonda e tecnologias dos AASI.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To quantity the procedures related to hearing aid fitting included in Hearing Health Care National Policy (Tabela SUS). METHODS: Data about fitting procedures included in Tabela SUS were gathered in the website www.datasus.gov.br. After data collection, it was conducted the organization and descriptive analysis of the production of ambulatory consults registered by hearing health services in Brazil, during the period from November 2004 to July 2010. Data were statistically analyzed. RESULTS: Regarding procedures related to dispensing hearing aids in national territory, in 2006, speech-language therapy exceeded the amount obtained by hearing aid fitting, and audiological follow-up was little frequent. Hearing aids with technologies B and C have been adapted more than hearing aids with technology A, and the use of measures with a real-ear measurement or 2cc coupler in the adaptation of hearing aids is uncommon, in comparison to functional gain measures. CONCLUSION: There has been great progresses in the area of hearing impaired attention in the country, but it is necessary to improve the audiological follow-up to hearing aid users, and to review procedures such as the real-ear measurement and technologies of hearing aids.
  • Mudança significativa do limiar auditivo em trabalhadores expostos a diferentes níveis de ruído Artigos Originais

    Oliva, Flavia Cardoso; Morata, Thais Catalani; Lacerda, Adriana Bender Moreira de; Steinmetz, Luciara; Bramatti, Luciana; Vivan, Ane Gleise; Gonçalves, Claudia Giglio de Oliveira; Marques, Jair Mendes

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Avaliar a audição e a ocorrência de mudança significativa do limiar auditivo em trabalhadores de frigoríficos expostos a níveis de ruído abaixo das Normas e Regulamentações nacionais e internacionais e compará-los com trabalhadores expostos a níveis de ruído considerados excessivos. MÉTODOS: Utilizou-se um banco de dados contendo informações longitudinais de 266 trabalhadores. Foram selecionados trabalhadores com um mínimo de três exames audiométricos e os que continham dados de exposição ao ruído. Foram mantidos 63 exames, classificados de acordo com sua exposição ao ruído em três níveis: 79 a 84,9 dB(A), 85 a 89,9 dB(A) e 90 a 98,8 dB(A). Foi avaliada a ocorrência de perdas auditivas e de mudança significativa de limiar auditivo dos participantes de cada subgrupo. RESULTADOS: Verificou-se diferenças em todas as frequências nos testes de comparação entre a média dos limiares auditivos para cada frequência em função do nível de exposição ao ruído. A correlação entre a ocorrência de Perda Auditiva Induzida por Níveis de Pressão Sonora Elevados (PAINPSE) e os anos de exposição ao ruído dentro da empresa atual foi significativa (R=0,373; p=0,079). Foram encontradas mudanças permanentes de limiar auditivo nos três níveis de exposição ao ruído. CONCLUSÃO: Os achados do presente estudo sugerem a existência de uma associação entre mudança significativa do limiar auditivo dos trabalhadores e os anos de exposição ao ruído considerado de baixo risco.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To assess the hearing status and signs of significant auditory threshold shifts in meat-processing facility workers who are exposed to noise levels below nationally and internationally recommended exposure limits, and to compare these results with data from workers exposed to excessive noise levels. METHODS: Longitudinal audiometric data from 266 workers were evaluated, and only workers with a minimum of three audiometric test results and noise exposure records were selected for this study. The 63 assessments selected were classified according to subjects' noise exposure into three levels: 79 to 84.9 dB(A), 85 to 89.9 dB(A), and 90 to 98.9 dB(A). Occurrences of hearing loss and significant auditory threshold shifts were assessed, in each group. RESULTS: Differences in the mean thresholds were observed in all test frequencies among the different groups. A significant correlation was found between occurrence of noise-induced hearing loss and duration of noise exposure (in years) at the present industrial facility (R=0.373; p=0.079). Significant auditory threshold shifts were found in all three levels of noise exposure. CONCLUSION: The findings of the present study suggest the existence of an association between significant auditory threshold shifts in workers and the years of exposure to low risk noise levels.
  • Sintomas vocais e sensações laríngeas em trabalhadores de uma usina de álcool e açúcar expostos a riscos ocupacionais Artigos Originais

    Coutinho, Sylvia Boechat; Fiorini, Ana Claudia; Oliveira, Iára Bittante de; Latorre, Maria do Rosário Dias de Oliveira; Ferreira, Léslie Piccolotto

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Investigar os sintomas vocais e sensações laríngeas dos trabalhadores de uma usina de álcool e açúcar expostos a ruído e/ou substâncias químicas. MÉTODOS: Participaram 289 trabalhadores de uma usina de álcool e açúcar distribuídos em cinco grupos expostos (I- ruído; II- ruído, óleo, graxa, derivação de petróleo; III- ruído, ácidos, sulfatos, cloretos, nitratos; IV- ruído, poeiras respiráveis e sílica livre cristalizada; V- óleo, graxa, derivação de petróleo) e um grupo controle que responderam o questionário Condições de Produção Vocal - Professor adaptado à categoria profissional. Os grupos foram comparados em relação aos sintomas vocais, sensações laríngeas, tabagismo e riscos físicos e químicos. Esta comparação foi realizada por meio de análise estatística. RESULTADOS: O sintoma vocal e a sensação laríngea mais relatados pelos trabalhadores foram voz grave e tosse com catarro, respectivamente. Considerando o risco físico no ambiente de trabalho, os grupos I e IV foram os que mais citaram presença de ruído. Devido à sua exposição, os mesmos aumentavam a intensidade da voz (Efeito de Lombard-Tarneaud) e, assim, mencionaram sintomas vocais. Em relação aos riscos químicos no ambiente ocupacional, o grupo IV foi o que mais referiu presença de poeira e fumaça, e estas eram compostas por poeiras respiráveis e sílica. Tais exposições ocasionam sintomas vocais e sensações laríngeas e, consequentemente, alterações vocais. CONCLUSÃO: Sintomas vocais e sensações laríngeas podem estar relacionados a atividade profissional em que haja exposição a riscos físicos e/ou químicos.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To investigate vocal symptoms and laryngeal sensations among workers of an ethanol and sugar mill exposed to noise and/or chemical substances. METHODS: Participants were 289 workers of an ethanol and sugar mill distributed into five exposure groups (I - noise; II - noise, oil, grease, petroleum derivatives; III - noise, acids, sulfates, chlorides, nitrates; IV - noise, breathable dust and free crystalline silica; V - oil, grease, petroleum derivatives) and a control group, who answered the questionnaire Conditions of Vocal Production - Teacher adapted to the professional category. The groups were compared regarding vocal symptoms, laryngeal sensations, smoking habits, and exposure to physical and chemical risks. This comparison was conducted using statistical analyses. RESULTS: The most reported vocal symptom and laryngeal sensation were low-pitched voice and cough with phlegm, respectively. Considering the physical risk in the work environment, groups I and IV were the ones that most reported exposure to noise. Because of this exposure, they increase voice intensity (Effect of Lombard-Tarneaud) and, thus, also reported vocal symptoms. Regarding chemical risks in the occupational environment, group IV was the one that most referred presence of dust and smoke, which were composed by breathable dust and silica. Such exposures lead to vocal symptoms and laryngeal sensations and, consequently, to vocal alterations. CONCLUSION: Vocal symptoms and laryngeal sensations can be related to professional activities where workers are exposed to physical and/or chemical risks.
  • Comparação dos escores dos protocolos QVV, IDV e PPAV em professores Artigos Originais

    Tutya, Alessandra Sayuri; Zambon, Fabiana; Oliveira, Gisele; Behlau, Mara

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Verificar como o impacto da disfonia em professores é caracterizado pelos protocolos QVV (Qualidade de Vida em Voz), IDV (Índice de Desvantagem Vocal) e PPAV (Perfil de Participação e Atividades Vocais), e analisar a correspondência das informações obtidas por esses instrumentos. MÉTODOS: Quarenta e seis professores com queixa vocal que procuraram atendimento fonoaudiológico e foram diagnosticados com disfonia de base comportamental responderam aos questionários QVV, IDV e PPAV, em ordem aleatória. RESULTADOS: Professores disfônicos apresentaram pior qualidade de vida no QVV em relação à população de disfônicos. O IDV não apresentou devantagem vocal expressiva. No PPAV, os professores disfônicos apresentaram menor escore em efeitos na comunicação social. Os domínios orgânico (IDV) e físico (QVV) foram considerados iguais. O PPAV apresenta aspectos não contemplados nos demais protocolos; a auto-percepção do grau da disfonia apresentou correlação com todos os domínios dos três protocolos. No QVV, as questões com maior impacto pertencem ao físico e no IDV, ao orgânico. Já no PPAV, as duas questões de maior ocorrência relacionam-se ao efeito da voz na emoção. Assim, para esta população, sugere-se a aplicação do PPAV, por contemplar aspectos não contemplados nos demais, e do QVV, pelo reduzido número de questões e por apresentar maior impacto (escores total, emocional) em relação ao IDV. CONCLUSÃO: QVV, IDV e PPAV não apresentam as mesmas informações em professores disfônicos. Os domínios físico (QVV) e orgânico (IDV) oferecem resultados semelhantes, contudo, o sócio-emocional do QVV evidenciou mais o impacto da alteração vocal em professores disfônicos que o IDV. O PPAV apresenta informações não contempladas nos demais protocolos.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To verify how the impact of dysphonia in teachers is characterized according to the protocols V-RQOL (Voice-Related Quality of Life), VHI (Voice Handicap Index) and VAPP (Voice Activity and Participation Profile), and to analyze the correspondence of information obtained by these instruments. METHODS: Fourty six teachers with voice complaints that sought for speech-language pathology intervention and were diagnosed with behavioral dysphonia answered randomly the V-RQOL, VHI and VAPP questionnaires. RESULTS: Dysphonic teachers presented worse quality of life than the general dysphonic population on the V-RQOL. The VHI showed no significant handicap. On the VAPP, teachers had lower scores in the effects in social communication. The physical (VHI) and physical functioning (V-RQOL) domains were similar to each other. The VAPP provides information about aspects not contemplated by the other protocols; self-perception of the severity of dysphonia was correlated with all domains of the three protocols. The items with greatest impact on the V-RQOL were from the physical functioning domain, and, on the VHI, from the physical domain. On the VAPP, the two questions with greater occurrence were related to the effect of voice over emotion. Hence, for this population, it is suggested the use of the VAPP questionnaire, because it comprises aspects that the others don't; in addition, the V-RQOL should also be used, because it has fewer questions and more impact (total and emotional scores) than the VHI. CONCLUSION: The protocols do not show the same information for dysphonic teachers. The physical functioning (V-RQOL) and physical (VHI) domains provide similar results, however social-emotional domain of the V-RQOL exhibited more evidently the impact of the voice disorder in dysphonic teachers than the VHI. The VAPP present information not contemplated by the other protocols.
  • Parâmetros de duração dos sinais acústicos da deglutição de indivíduos sem queixa Artigos Originais

    Patatas, Olívia Helena Gomes; Gonçalves, Maria Inês Rebelo; Chiari, Brasília Maria; Gielow, Ingrid

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Investigar a consistência da duração e a reprodutibilidade do padrão dos eventos acústicos relacionados à deglutição de indivíduos sem queixa. MÉTODOS: Oitenta e oito mulheres e 76 homens, entre 6 e 85 anos, com um microfone acoplado ao pescoço e ligado a um computador, realizaram nove deglutições de saliva, e de 5 ml e 10 ml de água. A partir do registro acústico dos sons captados, analisaram-se as durações dos intervalos entre os picos dos dois principais cliques de deglutição (T), da apneia da deglutição (dA), e a relação entre ambos (T/dA). RESULTADOS: Não houve diferenças quanto às durações médias dos tempos entre os picos dos dois cliques da deglutição (T), da apneia da deglutição (dA) e da relação T/dA nas diferentes faixas etárias ou entre os gêneros, com exceção do índice T/dA para as deglutições de 5 ml de água. CONCLUSÃO: Os sons da deglutição apresentam um padrão característico e reprodutível, sendo distinguíveis de ruídos externos e de outros sons produzidos na região cervical, podendo, assim, ser utilizados em métodos de avaliação das disfagias.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To investigate the consistency of duration and reproducibility of the pattern of acoustical events related to the swallowing of individuals without complaints. METHODS: Participants were 88 women and 76 men with ages between 6 and 85 years. With a microphone attached to the neck and connected to a computer, each of them performed nine swallowings of saliva, of 5 ml of water, and of 10 ml of water. Based on the acoustic registration of the sounds recorded, the duration of the interval between the peaks of the two main swallowing clicks (T), of the swallowing apnea (dA), and of the relationship between them (T/dA). RESULTS: No differences were found regarding the mean duration between the peaks of the two swallowing clicks (T), the mean duration of the swallowing apnea (dA), and the relationship T/dA in the different age ranges and between genders, except for the T/dA index for the swallowing of 5 ml of water. There was no correlation between age and the measured parameters. CONCLUSION: The swallowing sounds present a characteristic reproducible pattern, which is distinct both from external noises and from other sounds produced in the cervical region. Therefore, they may be used in dysphagia evaluation methods.
  • Deglutição com e sem comando verbal: achados videofluoroscópicos Artigos Originais

    Almeida, Rita de Cássia de Araújo; Haguette, Renata Cavalcante Barbosa; Andrade, Izabella Santos Nogueira de

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Caracterizar a deglutição de consistências e quantidades alimentares diferentes, com e sem comando verbal, por meio da videofluoroscopia da deglutição. MÉTODOS: Estudo quantitativo, transversal e observacional em 40 indivíduos sadios e sem queixas de deglutição, realizado no período de janeiro a março de 2010. A média de idade dos indivíduos foi de 23 anos e 5 meses (DP±2,5), com idade mínima de 20 anos e máxima de 30 anos, sendo 87,5% (35/40) do gênero feminino. Realizou-se avaliação videofluoroscópica da deglutição com ingestão de bário nas consistências líquida, líquido-pastosa, pastosa e sólida. Durante a administração da consistência líquida, realizaram-se duas provas de deglutição, uma com e outra sem comando verbal. Foram analisados o local do início da fase faríngea da deglutição em diferentes estruturas, a perda prematura do alimento, o aumento do tempo de trânsito oral, a presença de deglutições múltiplas, a presença de estase alimentar e a presença de penetração e/ou aspiração laríngea nas duas situações. RESULTADOS: O início da fase faríngea ocorreu na base da língua e valéculas para a maioria das consistências e quantidades, com exceção da líquida (5 ml) cuja deglutição foi ativada em valéculas. Não houve influência do comando verbal para o local do início da fase faríngea da deglutição e presença de estase alimentar, entretanto o comando foi eficaz para a diminuição dos achados orofaríngeos. CONCLUSÃO: A fase faríngea da deglutição ocorreu em base de língua e valéculas. Houve influência do comando verbal na dinâmica da deglutição.

    Resumo em Inglês:

    Purpose: To characterize the swallowing process of different food consistencies and quantities, with and without verbal commands, through videofluoroscopy. METHODS: Quantitative cross-sectional, observational study held in the period between January and March 2010 with 40 healthy subjects with no apparent signs of swallowing problems. Mean age was 23 years and 5 months (SD±2.5), with a minimum age of 20 years and a maximum of 30 years, and 87.5% of the subjects were female (35/40). A videofluoroscopy swallowing study (VFSS) was carried out with the ingestion of barium in the liquid, thick liquid, pureed and solid consistencies. Two swallowing tests were held during the administration of the liquid consistency, with and without verbal commands. The place of beginning of the pharyngeal phase of swallowing in different structures was analyzed, as well as the presence of premature spillage of food, delayed oral transit time, multiple swallowing, stasis, and laryngeal penetration and/or aspiration in both situations. RESULTS: The beginning of the pharyngeal phase took place in the base of the tongue and in the valleculae for most consistencies and quantities, with the exception of the liquid swallowing (5 ml), which started in the valleculae. There was no influence of the verbal command both in the place where the pharyngeal phase of swallowing started, and the presence of stasis of residue. However, the command was effective in reducing oropharyngeal findings. CONCLUSION: The pharyngeal phase of swallowing occurred in the base of the tongue and valleculae. The verbal commands influenced the dynamics of swallowing.
  • Características da sucção não-nutritiva em RN a termo e pré-termo tardio Artigos Originais

    Kao, Ana Paula d'Oliveira Gheti; Guedes, Zelita Caldeira Ferreira; Santos, Amélia Miyashiro Nunes dos

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Comparar os parâmetros de sucção não nutritiva de recém-nascidos a termo e pré-termo tardio. MÉTODOS: Os recém-nascidos foram divididos em dois grupos, pré-termo tardio (RNPT tardio) e a termo (RN a termo) e, submetidos à avaliação da sucção não-nutritiva utilizando-se um protocolo adaptado da Escala de Avaliação Motora Oral. Foi realizada análise estatística para comparação dos grupos. RESULTADOS: Os reflexos de procura e de sucção foram menos frequentes nos RNPT tardio, comparados aos RN a termo, assim como a preensão palmar e mãos em linha média. A maioria dos RNPT tardio apresentou sono leve ou estava sonolento antes da avaliação. Os RNPT tardio apresentaram predominantemente sucção esporádica ou grupos de sucção com pausas longas e travamento e/ou tremores de mandíbula. A retração de língua e a protrusão de língua foram mais presentes nos RNPT tardio e o canolamento de língua nos RN a termo. CONCLUSÃO: Prontidão para a mamada, estado comportamental, postura corporal, padrão e força de sucção e movimentos de língua foram os parâmetros menos frequentes nos RNPT tardio em relação aos RN a termo.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To compare non-nutritive sucking parameters between late preterm and full-term infants. METHODS: Infants were divided into two groups, full-term and late preterm, and were submitted to non-nutritive sucking assessment using a protocol adapted from the Oral Motor Assessment Scale. Statistical analysis was conducted for comparison between the groups. RESULTS: The seeking and sucking reflexes were less frequent in late preterm than in full-term newborns, as well as palmar grip and hands in the midline. Most late preterm infants presented light sleep or drowsiness before the assessment. Late preterm subjects predominantly presented sporadic sucking or blocks of sucking with long pauses and mandibular locking and/or tremors. Tongue retraction and protrusion were mostly present in late preterm infants, and tongue central groove formation, in full-term infants. CONCLUSION: Readiness for feeding, behavioral state, axial tonus, sucking pattern and strength, and tongue movements were the less frequent parameters in late preterm infants, in comparison to full-term infants.
  • Prevalência de fissura de palato submucosa associada à fissura labial Artigos Originais

    Di Ninno, Camila Queiroz de Moraes Silveira; Gonçalves, Karina Cristiane; Braga, Mariana Santos; Miranda, Izabel Cristina Campolina

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Investigar a prevalência de fissura de palato submucosa associada à fissura labial, sua correlação com o gênero, tipo de fissura labial, sinais e sintomas apresentados. MÉTODOS: Estudo baseado na coleta de dados de 132 pacientes com fissura labial consecutivos de um centro especializado em fissura labiopalatina, de ambos os gêneros, coletados pela mesma fonoaudióloga na primeira consulta do paciente no centro. Foram realizados palpação do palato duro, avaliação visual do palato mole e úvula e questionário aos pacientes ou responsáveis sobre a presença de sintomas associados. RESULTADOS: Da amostra total investigada, a maioria dos pacientes era do gênero masculino e apresentava fissura de lábio unilateral esquerda. Onze por cento dos casos apresentavam sinais de fissura submucosa. Dentre eles, a ocorrência de refluxo nasal foi encontrada em alguns casos (21%), histórico de otite em metade dos casos e nenhum deles apresentava fala com sinais de hipernasalidade. CONCLUSÃO: Onze por cento dos pacientes com fissura labial apresentam sinais de fissura de palato submucosa, sendo sua prevalência maior no gênero masculino e na fissura labial do tipo unilateral esquerda.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To investigate the prevalence of submucous cleft palate associated with cleft lip, and its correlation with gender, type of cleft lip, signs and symptoms. METHODS: Study based on the data of 132 consecutive patients with cleft lip at a specialized cleft lip and palate center, of both genders, collected by the same speech-language pathologist during the patients' first consultation at the center. Palpation of the hard palate, visual assessment of the soft palate and uvula, and an interview with patients or their parents regarding the presence of associated symptoms were performed. RESULTS: From the total sample, most patients were male and had left-sided cleft lip. Eleven percent of the cases presented signs of submucous cleft palate. Among them, nasal reflux was found in some cases (21%), history of otitis in half of the subjects, and none of them presented speech with hypernasality signs. CONCLUSION: Eleven percent of the patients with cleft lip presented signs of submucous cleft palate, with higher prevalence in males and in left-sided cleft lip.
  • Desempenho escolar de alunos com fissura labiopalatina no julgamento de seus professores Artigos Originais

    Domingues, Ana Beatriz Cardoso; Picolini, Mirela Machado; Lauris, José Roberto Pereira; Maximino, Luciana Paula

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Verificar o desempenho escolar de alunos com fissura labiopalatina sem anomalias associadas e correlacionar os possíveis fatores interferentes, segundo a opinião dos professores de 1ª a 8ª séries do Ensino Fundamental. MÉTODOS: A metodologia deste estudo compreendeu duas etapas. Na primeira etapa foi realizada uma análise retrospectiva de 61 prontuários de pacientes com fissura labiopalatina sem anomalias associadas, regularmente matriculados em classes de 1ª a 8ª séries do Ensino Fundamental. Esta etapa foi realizada a fim de caracterizar o perfil dos mesmos, quanto ao gênero, nível socioeconômico, tipo de fissura, timpanometria e inteligibilidade de fala. A segunda etapa incluiu a aplicação de um questionário com o intuito de verificar a percepção dos professores sobre o desempenho escolar destes alunos. Os resultados foram analisados estatisticamente. RESULTADOS: A análise dos questionários mostrou que somente 20,7% dos professores consideraram que seus alunos com fissura labiopalatina têm desempenho escolar abaixo da média da classe. Não foi encontrada diferença significativa na associação entre o desempenho escolar e os possíveis fatores interferentes, a saber, gênero, nível socioeconômico, tipo de fissura, timpanometria e inteligibilidade de fala. CONCLUSÃO: O desempenho escolar da maioria dos alunos com fissura labiopalatina sem anomalias associadas foi percebido pelos respectivos professores como satisfatório, ou seja, dentro da média, considerando os demais alunos de sua sala de aula.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To assess the school performance of students from 1st to 8th grade of Elementary School with cleft lip and palate without associated anomalies, and to correlate possible interfering factors, according to the opinion of their teachers. METHODS: The methodology of this study was divided into two stages. The first stage was a retrospective analysis of 61 medical records of patients with cleft lip and palate without associated anomalies, regularly enrolled in Elementary School (1st to 8th grades). The first stage had the aim to characterize the profile of the participants regarding gender, socioeconomic status, type of cleft, tympanometry, and speech intelligibility. The second stage involved the application of a questionnaire to be answered by the teachers of these subjects, in order to verify their perceptions regarding the school performance of these students. Results were statistically analyzed. RESULTS: The analysis of questionnaires showed that only 20.7% of the teachers believed that their students with cleft lip and palate have school performance below the average of the class. There was no significant difference in the association between school performance and the possible intervening factors, such as gender, socioeconomic status, type of cleft, tympanometry, and speech intelligibility. CONCLUSION: The school performance of most students with cleft lip and palate without associated anomalies was considered satisfactory by their teachers, that is, within the average, considering the performance of other students in their classes.
  • Manifestações fonoaudiológicas relatadas por pais de crianças com hipotireoidismo congênito Artigos Originais

    Ferreira, Ligia Oliva; Relvas, Ranielly da Costa; Ramalho, Márcia Suely Souza de Castro; Ronchi, Claudia Maria Sedrez Gonzaga; Perillo, Viviane Castro de Araújo; Rodrigues, Lidiane Cristina Barraviera

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Identificar manifestações fonoaudiológicas apresentadas por crianças com hipotireoidismo congênito e investigar a associação de tais manifestações com a época do diagnóstico e o início do tratamento. MÉTODOS: Responsáveis por 15 crianças diagnosticadas com hipotireoidismo congênito e atendidas pelo Serviço de Referência em Triagem Neonatal dos estados de Rondônia e Acre responderam a um questionário no qual deveriam relatar principalmente queixas fonoaudiológicas. A idade das crianças variou de 2 a 7 anos, 67% de meninos e 33% de meninas. A média de idade da época do diagnóstico foi de 1 mês e 3 dias e o tratamento iniciou-se, em média, com 1 mês e 6 dias. A dosagem do medicamento variou entre 5 mg/dia e 100 mg/dia. RESULTADOS: As queixas relatadas foram: atraso para início da linguagem oral, trocas na fala, fala ininteligível, comportamento agitado e comportamento nervoso. Alguns responsáveis não referiram queixas. Verificou-se que a maioria dos sujeitos apresentou problemas na fala (80%) e a menor parte (7,7%), alteração auditiva. Para aqueles que referiram queixa, a média da época do diagnóstico e do início do tratamento foi mais tardia quando comparado àqueles que não as relataram. CONCLUSÃO: Foram relatadas manifestações fonoaudiológicas, principalmente relacionadas à fala. Além disso, houve associação entre a presença de queixa e problema de fala com a época do diagnóstico e o início do tratamento. Sugere-se a inserção do fonoaudiólogo no acompanhamento das crianças com hipotireoidismo congênito.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To identify speech-language pathology manifestations presented by children with congenital hypothyroidism, and to investigate the association of such manifestations with the time of diagnosis and beginning of treatment. METHODS: Caregivers of 15 children diagnosed with congenital hypothyroidism who attended the Reference Service on Neonatal Screening of the states of Rondônia and Acre answered a questionnaire in which they should report mainly speech-language pathology complaints. Children's age ranged from 2 to 7 years, 67% of boys and 33% of girls. The average age at the time of diagnosis was 1 month and 3 days, and treatment started, in average, at 1 month and 6 days. The dosage of the drug varied from 5 mg/day to 100 mg/day. RESULTS: The complaints reported were: delay in the onset of oral language, speech alterations, unintelligible speech, agitated and nervous behavior. Some caregivers did not report any complaints. It was found that most subjects had problems with speech (80%), and a few had hearing impairment (7.7%). For those who reported complaints, mean time of diagnosis and beginning of treatment was delayed when compared to those who did not report. CONCLUSION: Speech-language pathology manifestations were reported, especially regarding speech. Moreover, there was association between the presence of complaints and speech disorders with the time of diagnosis and beginning of treatment. It is suggested the inclusion of the speech-language pathologist and audiologist in the team monitoring the development of children with congenital hypothyroidism.
  • Artigos Originais

    Defense, Danielle Azarias; Fernandes, Fernanda Dreux Miranda

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Verificar a existência de correlação entre os resultados encontrados no Perfil Funcional da Comunicação, o desempenho sócio-cognitivo, o Autistic Behavior Checklist e a adaptação sócio-comunicativa ao longo de seis meses. MÉTODOS: Foram sujeitos dessa pesquisa oito adolescentes autistas institucionalizados que foram avaliados quanto ao perfil funcional da comunicação e desempenho sócio-cognitivo. Os pais, terapeutas e cuidadores da instituição responderam aos questionários de Adaptação Sócio-Comunicativa e da Autistic Behavior Checklist no início da pesquisa e seis meses depois. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística não paramétrica. RESULTADOS: A maior pontuação no Autistic Behavior Checklist está relacionada a menores escores no desempenho sócio-cognitivo e menor número de atos comunicativos. CONCLUSÃO: Houve correlações entre os resultados da Autistic Behavior Checklist e o perfil funcional da comunicação e o desempenho sócio-cognitivo, mas os resultados da adaptação sócio-comunicativa não se correlacionaram com nenhuma das variáveis.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To verify the existence of correlation between the results found in the Functional Communicative Profile, the social-cognitive performance, the Autism Behavior Checklist, and the social-communicative adaptation along a period of six months. METHODS: Participants were eight institutionalized adolescents with Autism Spectrum Disorders, assessed regarding their functional communicative profile and social-cognitive performance. Parents, caretakers and therapists answered the Social-Communicative Adaptation and the Autistic Behavior Checklist questionnaires in the beginning of the study and six months later. Data were statistically analyzed using non-parametric techniques. RESULTS: Higher scores on the Autistic Behavior Checklist are associated to lower scores on social-cognitive performance and to lower number of communicative acts. CONCLUSION: There is association between the results in the Autistic Behavior Checklist and the functional communicative profile and the social-communicative performance, but the results in the social-communicative adaptation are not correlated with any of the other variables.
  • Prevalência de transtornos fonológicos em crianças do primeiro ano do ensino fundamental Artigos Originais

    Rossi-Barbosa, Luiza Augusta Rosa; Caldeira, Antônio Prates; Honorato-Marques, Rodrigo; Silva, Reila Freitas

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Identificar a prevalência de transtornos fonológicos e verificar a sensibilidade e especificidade do Teste de Rastreamento de Distúrbios Articulatórios de Fala (TERDAF), a partir de sua adaptação, em escolares do primeiro ano do ensino fundamental de Montes Claros, MG (Brasil). MÉTODOS: As crianças foram alocadas de forma aleatória em amostragem por conglomerados em 56 escolas públicas no município. Foram avaliadas 587 crianças com média de idade de 6 anos e 6 meses por meio do TERDAF adaptado e, para verificar a sensibilidade e especificidade do teste, 229 delas foram submetidas à Avaliação Diagnóstica da Fala, considerada padrão-ouro. RESULTADOS: A prevalência de transtornos fonológicos foi de 36,2%. O teste apresentou sensibilidade de 94,0%, porém baixa especificidade (41,1%). Ao considerar as variações linguísticas como produção normal, o teste mostrou sensibilidade de 86,7%, especificidade de 75,3%, valor preditivo positivo de 66,7% e valor preditivo negativo de 90,9%. CONCLUSÃO: Encontrou-se alta prevalência de transtornos fonológicos. Dado que maioria dos sujeitos não reconheceu alguma figura e o fato de terem ocorrido produções que refletem condições socioculturais, o teste deverá ser revisado para obter maior acurácia na identificação de transtornos fonológicos.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To identify the prevalence of phonological disorders and to verify the sensitivity and specificity of the adapted Speech Disorder Screening Test (TERDAF) in first grade students of elementary school in Montes Claros, MG (Brazil). METHODS: Children were randomly assigned into cluster sampling in 56 public schools in the city. We assessed 587 children with a mean age of 6 years and 6 months using the adapted TERDAF; to verify the test's sensitivity and specificity, 229 of them were also assessed using the Speech Diagnosis Assessment, considered golden standard method. RESULTS: The prevalence of phonological disorders was 36.2%. The test presented sensitivity of 94.0%, but low specificity (41.1%). Considering the linguistic variations as normal production, the test had sensitivity of 86.7%, specificity of 75.3%, positive predictive value of 66.7% and negative predictive value of 90.9%. CONCLUSION: A high prevalence of phonological disorders was found. Due to the fact that most subjects did not recognize some picture and also that productions reflecting socio-cultural conditions occurred, the test must be further reviewed in order to be more accurate in the identification of phonological disorders.
  • Manifestações da apraxia de fala na doença de Alzheimer Artigos Originais

    Cera, Maysa Luchesi; Ortiz, Karin Zazo; Bertolucci, Paulo Henrique Ferreira; Minett, Thaís Soares Cianciarullo

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Identificar as manifestações práxicas de pacientes com doença de Alzheimer em diferentes estágios da doença e verificar as similaridades entre as suas ocorrências. MÉTODOS: Foram avaliados noventa pacientes com doença de Alzheimer, 30 em cada fase da doença (leve, moderada e grave), por meio dos instrumentos: Escala de Avaliação Clínica da Demência (CDR), Mini-Exame do Estado Mental (MEEM), Avaliação das Atividades Instrumentais de Vida Diária (Índice Lawton) e Protocolo de Avaliação da Apraxia Verbal e Não-verbal. Foram avaliados 66 pacientes do gênero feminino e 24 do masculino, a média da idade foi 80,2±7,2 e da escolaridade foi 4,2±3,5 anos. RESULTADOS: Na fase leve, as proporções de ensaio, repetição e adição foram semelhantes, assim como omissão, substituição e autocorreção. Na fase moderada foram semelhantes: ensaio e repetição, substituição, omissão e adição, e autocorreção. Na fase grave, todas as manifestações se assemelharam, exceto a adição. O erro do tipo adição diferenciou os pacientes em relação às fases da doença. CONCLUSÃO: Os pacientes dos três estágios da doença apresentam diferentes padrões de manifestações práxicas verbais.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To identify praxic speech manifestations in patients diagnosed with different stages of Alzheimer's disease, and to verify similarities among their occurrences. METHODS: Participants were 90 patients with Alzheimer's, 30 in each stage of the disease (mild, moderate and severe), who were assessed using the following instruments: Clinical Dementia Rating (CDR), Mini-Mental State Examination (MMSE), Lawton Instrumental Activities of Daily Living, and the Assessment Protocol of Verbal and Orofacial Apraxia. Sixty six female subjects and 24 male subjects were assessed; mean age was 80.2±7.2 years, and mean level of education was 4.2±3.5 years. RESULTS: In the mild stage, the proportions of trial-and-error, repetition and addition were similar, as well as omission, substitution and self-correction. In the moderate stage, the following items were similar: trial-and-error and repetition, substitution, omission and addition, and self-correction. In the severe stage, all manifestations were similar, except addition. The error type addition differentiated the patients regarding the stages of the disease. CONCLUSION: Patients in the three stages of Alzheimer's disease showed distinct patterns of verbal praxic manifestations.
  • Estudo das pausas em idosos Artigos Originais

    Martins, Vanessa de Oliveira; Andrade, Claudia Regina Furquim de

    Resumo em Português:

    OBJETIVO: Verificar a ocorrência de pausas na fala de idosos e sua distribuição quanto à frequência e a duração. MÉTODOS: Participaram deste estudo 128 idosos de ambos os gêneros, divididos em dois grupos: GI (60-79 anos) e GII (a partir de 80 anos). Foram obtidas amostras de fala de todos os participantes para análise das rupturas de fala. As pausas foram classificadas como: hesitação (pausas de um a dois segundos) e pausa propriamente dita (acima de dois segundos). A análise computou 200 sílabas fluentes de cada amostra de fala. Os grupos foram comparados quanto às seguintes variáveis: presença de pausas e hesitações; duração média das pausas; porcentagem de tempo de pausas; frequência de pausas e hesitações; e frequência geral. RESULTADOS: Para GII houve maior número de pausas e hesitações. Na análise da duração e da porcentagem de tempo de pausas não foi observada diferença entre os grupos. Em relação à frequência de pausas, hesitações e pausamento geral, observa-se diferença apenas para a última variável, com maior média de ocorrência para GII. CONCLUSÃO: Idosos com mais de 80 anos apresentam mais rupturas de fala por pausas que os idosos abaixo dessa idade. O estudo contribui como um balizador sobre as mudanças na fala relacionadas à quantidade de pausas e como um parâmetro comparativo para sintomas de doenças que se manifestam pelas variações de fala.

    Resumo em Inglês:

    PURPOSE: To verify the occurrence of pauses in the speech of elderly and their distribution according to frequency and duration. METHODS: Participants were 128 elderly subjects of both genders, divided into two groups: GI (60-79 years) and GII (80 years and older). Speech samples were gathered from all participants for the analysis of speech disruptions. Pauses were classified as: hesitation (one to two seconds) and pause (over two seconds). The analysis considered 200 fluent syllables in each speech sample. The groups were compared regarding the following variables: presence of pauses and hesitations; average duration of pauses; percentage of pause time; frequency of pauses and hesitations; and general frequency. RESULTS: There was a greater number of pauses and hesitations in GII. In the analysis of duration and percentage of pause time, no differences were found between groups. Regarding the frequency of pauses, hesitations and general pause (hesitation plus pauses), a difference was observed only for the last variable, with higher average occurrence for GII. CONCLUSION: Elderly over 80 years of age present more speech pauses than younger elderly. The study contributes as a marker on the changes in speech related to the amount of pauses, and as a comparative parameter for symptoms of diseases manifested by speech variations.
  • A influência da estrutura de um grupo na linguagem escrita de idosos: um estudo de caso Relatos De Caso

    Souza Filho, Paulo Penha de; Massi, Giselle Aparecida de Athayde

    Resumo em Português:

    Este estudo tem como objetivo analisar o papel de um grupo de idosos no desenvolvimento de atividades voltadas à escrita de uma das participantes desse grupo, que se consolidou em função de uma Oficina de Linguagem. Trata-se de um relato de caso que partiu de um paradigma interpretativo, o qual inclui subjetividade, interesses, emoções e valores pessoais. Foram realizadas análises da transcrição da entrevista semi-estruturada realizada com uma integrante de 85 anos de uma Oficina de Linguagem, situada em Curitiba. Para a entrevistada, a Oficina é um ambiente que a engrandece, pois se sente incentivada, acolhida pelo grupo e consegue expor fatos de sua vida por meio da escrita. Foi sua participação no grupo que, segundo seus próprios relatos, despertou-lhe desejo e coragem para relembrar, reorganizar e traduzir suas histórias em palavras para serem lidas por outros. Pode-se perceber a estreita relação entre o vínculo que a entrevistada estabelece com o grupo e as suas possibilidades de produções escritas. Participar do mesmo vem gerando mudanças e transformações na forma de a entrevistada se relacionar com suas produções escritas que são elaboradas durante a organização de relatos de suas histórias de vida no e para o grupo.

    Resumo em Inglês:

    The aim of this study was to analyze the role of an elderly group in the development of writing activities directed to one of the participants of this group, which was consolidated after a Language Workshop. This case report was based on an interpretative paradigm, which includes subjectivity, interests, emotions, and personal values. Transcription analyses of the semi-structured interview conducted with a n 85-year-old member of a Language Workshop from Curitiba (PR, Brazil), were performed. To the interviewee, the Workshop is an empowering environment, that makes her feel encouraged and welcome in the group, and that allow her to expose life facts through writing. It was her participation in the group that, according to her own report, awakened the desire and courage to remember, rearrange and translate her stories into words, so that others could read them. The close relationship between the bond between the interviewee and the group and her possibilities of written production is evident. Participating in the group has been generating changes and transformations in her way to relate to her written productions elaborated during the organization of reports of her life stories in the group and to the group.
  • Generalização estrutural a partir do tratamento por diferentes modelos de oposições Relatos De Caso

    Pagliarin, Karina Carlesso; Mota, Helena Bolli; Keske-Soares, Márcia

    Resumo em Português:

    Este trabalho teve como objetivo analisar a generalização estrutural (a itens não utilizados no tratamento, para outras posições na palavra, dentro de uma classe de sons e para outras classes de sons) em três diferentes modelos de abordagem contrastiva, considerando-se a gravidade do desvio fonológico. A amostra constituiu-se de nove sujeitos com desvio fonológico, com idades entre 4 anos e 2 meses e 6 anos e 6 meses. Todos foram avaliados, antes e após a terapia fonológica. Foram estabelecidos três grupos para o tratamento, todos constituídos por três sujeitos; em cada um havia um representante com desvio grave, moderado-grave e médio-moderado. Cada grupo foi tratado por um modelo diferente - Oposições Mínimas, Oposições Máximas/Empty Set e Oposições Múltiplas. A análise estatística dos resultados foi feita mediante comparação entre os modelos terapêuticos e a gravidade do desvio fonológico, utilizando-se os tipos de generalização. Verificou-se a ocorrência dos diferentes tipos de generalização em todos os grupos estudados, entretanto não houve diferença entre eles. Os três modelos de terapia aplicados favoreceram a ocorrência de generalização estrutural nas três diferentes gravidades do desvio, demonstrando que os modelos de abordagem contrastiva são eficazes no tratamento do desvio fonológico.

    Resumo em Inglês:

    This study had the aim to analyze structural generalization (to untreated words, to other word positions, across and within sound classes) in three different models of contrastive approach, based on the severity of phonological disorder. The sample comprised nine subjects with phonological disorders with ages between 4 years and 2 months and 6 years and 6 months. All subjects were assessed before and after phonological therapy. Three groups with three subjects each were established for treatment; each group had one subject with severe, moderate-severe and mild-moderate disorder, and each was treated by a different model - Minimal Oppositions, Maximal Oppositions/Empty Set, and Multiple Oppositions. Statistical analysis compared therapeutic models and the severity of phonological disorders, using the types of generalization. It was verified the occurrence of different types of generalization across all groups, however, there was no statistical difference between them. All three models of intervention favored the occurrence of structural generalization in the three different severities of disorders, demonstrating that contrastive approach models are effective in the treatment of phonological disorders.
  • Músculo tiroaritenoideo e som basal: uma revisão de literatura Artigo De Revisão

    Cielo, Carla Aparecida; Elias, Vanessa Santos; Brum, Débora Meurer; Ferreira, Fernanda Vargas

    Resumo em Português:

    O trabalho do fonoaudiólogo utiliza-se de exercícios vocais como o som basal (SB), que se origina da grande atividade contrátil do músculo laríngeo intrínseco tiroaritenoideo (TA). O objetivo deste estudo foi revisar a literatura relacionada ao TA e ao SB. Realizou-se levantamento bibliográfico dos últimos 20 anos sobre o assunto nas bases de dados LILACS, SciELO, PubMed, Web of Science e Google Scholar. Verificou-se que o feixe interno do TA apresenta fibras de contração lenta, isotônicas, resistentes à fadiga; o feixe externo apresenta fibras de contração rápida, fatigáveis, isométricas. O SB caracteriza-se pela percepção dos pulsos de vibração glótica durante a emissão nas frequências mais graves da tessitura vocal (crepitação em graves ou vocal fry), principalmente pela ação do TA, especialmente sua porção interna, que se encurta de forma evidente, soltando a mucosa em grande volume ao longo da borda livre, aumentando a pressão subglótica e os níveis de jitter, shimmer e ruído, e reduzindo o fluxo aéreo. Com base na literatura, a exercitação isométrica do TA externo ocorreria com o SB sustentado na frequência mais grave possível ao sujeito (contração máxima), durante seis segundos, de cinco a dez vezes diárias, compatível com o predomínio de fibras de contração rápida. Na exercitação isotônica do TA interno, utilizar-se-iam sons agudos para estirá-lo, alternando emissões em SB (contração concêntrica) e em registro modal de cabeça ou em falsete (sons hiperagudos) (contração excêntrica), com várias séries diárias de oito a 12 repetições, compatível com o predomínio de fibras de contração lenta.

    Resumo em Inglês:

    The work of speech-language pathologists uses exercises such as the vocal fry (VF), which originates from the great contractile activity of the intrinsic laryngeal thyroarytenoid muscle (TA). The aim of this study was to review the literature related to TA and VF. A literature review of the last 20 years on the subject was performed in the databases LILACS, SciELO, PUBMED, Web of Science and Google Scholar. It was found that the internal beam of the TA has slow twitch fibers, isotonic, resistant to fatigue; the external beam provides fast twitch, fatigable and isometric fibers. The VF is characterized by the perception of the vibration of the glottal pulses during the emission of the lowest frequencies in the vocal range (crackling in bass or vocal fry), mainly by the action of the TA, especially its inner portion, which shows evident shortening, dropping the mucosa in great volume along the free edge, increasing subglottic pressure and jitter, shimmer and noise levels, and reducing the airflow. Based on the literature, the isometric exercise with the external TA happens with VF sustained in the lowest possible frequency to the subject (maximum contraction), for six seconds, five to ten times daily, consistent with its predominance of fast twitch fibers. In the isotonic exercise with the internal TA, high sounds must be to stretch the muscle, alternating emissions by VF (concentric contraction) and in modal register and falsetto head (high-pitched sounds) (eccentric contraction) with several daily series of eight to 12 repetitions, consistent with the predominance of slow twitch fibers.
  • Refletindo Sobre O Novo

    Behlau, Mara; Madazio, Glaucya
  • Coordenação entre postura e fonação em comportamento de esforço vocal Resenha

    Mello, Enio Lopes; Silva, Marta Assumpção de Andrada e
  • Medidas perceptivo-auditivas e acústicas de voz e fala e autoavaliação da comunicação das disartrias Resumo

    Padovani, Marina Martins Pereira
Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Al. Jaú, 684 - 7º andar, 01420-001 São Paulo/SP Brasil, Tel.: (55 11) 3873-4211 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista@sbfa.org.br