Acta Botanica Brasilica, Volume: 19, Issue: 4, Published: 2005
  • Editorial

  • Anatomia e uso da madeira de duas variedades de Sclerolobium paniculatum Vog. do sul do Maranhão, Brasil

    Pires, Iran Paz; Marcati, Carmen Regina

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo traz informações sobre a utilização da madeira de duas variedades de Sclerolobium paniculatum (var. subvelutinum e rubiginosum) em propriedades rurais do sul do Maranhão, a análise anatômica do lenho e a correlação destas características com o uso da madeira. Foram realizadas entrevistas com 17 agricultores residentes na zona rural dessa região, com a finalidade de se conhecer a utilização destas variedades nas propriedades rurais. As variedades subvelutinum Benth. e rubiginosum (Mart. ex Tul. ) Benth. são conhecidas na região como cachamorra-preta e cachamorra-branca, respectivamente, sendo a primeira mais utilizada na confecção de cercados. Para o estudo anatômico do lenho, foram coletados discos à altura do peito de três indivíduos de cada variedade e, destes, obtidas amostras do cerne, na região de transição com o alburno. As amostras foram processadas de acordo com a metodologia usual para anatomia de madeira. Houve diferença estatística significativa (p<0,05) para seis parâmetros anatômicos entre as duas variedades. A utilização diferencial das variedades pode ser decorrente, principalmente, das características das fibras e dos elementos de vasos. Sugere-se que sejam realizados estudos que abordem variações climáticas e características do solo para melhor entendimento das diferenças anatômicas quantitativas encontradas no lenho das variedades.

    Abstract in English:

    This work presents information about the use of wood of Sclerolobium paniculatum (var. subvelutinum and rubiginosum) at rural properties in the south of the state of Maranhão, Brazil, about the woods' anatomy and about the correlation between certain anatomical characteristics and the wood's practical use. Interviews were made with 17 farmers from this region in order to know how they use the two varieties in their properties. Regionally, the subvelutinum Benth. and rubiginosum (Mart. ex Tul. ) Benth. varieties are known as "cachamorra-preta" and "cachamorra-branca", respectively and the former is the most frequently applied, especially as fences. For the wood anatomy analyses, discs at the breast height were collected from three specimens of each variety. Next, samples were obtained from the discs core, and usual wood anatomy methodology was applied. The two varieties were statistically different (p<0,05) for six anatomical parameters. Fiber and vessel elements characteristics seem to be the most important features to explain the different use of the two varieties. It is suggested that more studies should be performed on climate variations and soil characteristics to get a better understanding about the causes of the wood anatomy quantitative differences found in this study.
  • Composição e distribuição da vegetação herbácea em três áreas com fisionomias distintas na Praia do Peró, Cabo Frio, RJ, Brasil

    Cordeiro, Sandra Zorat

    Abstract in Portuguese:

    A composição e a distribuição da vegetação herbácea da Praia do Peró foram caracterizadas em três áreas com topografias e fisionomias distintas, pelo método de parcelas. As três áreas são ocupadas pela comunidade psamófila-reptante, visualmente dividida em duas regiões: frontal, com espécies estoloníferas e suculentas, e posterior, com predomínio de espécies graminóides. Foram amostradas 38 espécies, das quais Paspalum maritimum Trim, Ipomoea imperati (Vahl.) Griseb, Ipomoea pes-caprae (L.) Sweet, Sporobolus virginicus (L.) Kunth e Panicum racemosum (Beauv.) Spreng. alcançaram os maiores valores de importância (VI). A topografia do ambiente, intimamente relacionada com a dinâmica de ondas de maré e tempestades, com aporte de areia oriunda dos ventos e das marés e com a ação antrópica, não influencia a distribuição das espécies vegetais encontradas, sendo considerada apenas como um componente influente na paisagem, estabelecido em conjunto com a comunidade vegetal, sendo esta última fortemente determinada pela distância em que se encontra em relação ao mar.

    Abstract in English:

    The composition and the distribution of herbaceous vegetation of Praia do Peró were characterized in three areas with different topographic and aspect, by using the method of quadrats. The three areas are occupied by the creeping-psamophyte community, being visually divided into two regions: frontal, with stolonipherae and succulent species, and posterior, with predominance of grass species. Thirty-eight species were sampled, from which Paspalum maritimum Trim, Ipomoea imperati (Vahl.) Griseb, Ipomoea pes-caprae (L.) Sweet, Sporobolus virginicus (L.) Kunth and Panicum racemosum (Beauv.) Spreng. attained the highest values of importance (VI). The topography, intimately related with the dynamics of tidal waves and storms, with the deposit of sand brought by the winds and tides, and with the human action, doesn't influence the distribution of the vegetal species found, being considered only as a component that influences the landscape, established together with the vegetal community, being the latter strongly determined by the distance of the sea.
  • Eleocharis ochrostachys Steud. (Cyperaceae), nova ocorrência para os Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, Brasil

    Trevisan, Rafael; Boldrini, Ilsi Iob

    Abstract in Portuguese:

    Eleocharis ochrostachys Steud., previamente conhecida para o sudeste Asiático, Ilhas do Pacífico, Sri Lanka, Japão e Brasil (Estado de São Paulo), é citada neste trabalho para os Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, Brasil. Apresenta-se descrição e ilustração da espécie, assim como chave para separá-la de E. acutangula (Roxb.) Schult., E. elongata Chapm., E. interstincta (Vahl) Roem. & Schult., E. mutata (L.) Roem. & Schult., E. obtusetrigona (Lindl. & Nees) Steud. e Eleocharis sp., espécies do subg. Limnochloa (P. Beauv. ex T. Lestib.) Torr., que ocorrem em ambos os Estados.

    Abstract in English:

    Eleocharis ochrostachys Steud. previously known from Southeastern Asia, Pacific Islands, Sri Lanka, Japan and Brazil (São Paulo State) is recorded in this paper for Rio Grande do Sul and Santa Catarina States, Brazil. A description and illustration of the species is presented, as well as a key to distinguish it from E. acutangula (Roxb.) Schult., E. elongata Chapm., E. interstincta (Vahl) Roem. & Schult., E. mutata (L.) Roem. & Schult., E. obtusetrigona (Lindl. & Nees) Steud. and Eleocharis sp., the other species of subgenus Limnochloa (P. Beauv. ex T. Lestib.) Torr., which occur in both States.
  • Impacto do fogo no componente arbóreo de uma floresta estacional semidecídua no município de Ibituruna, MG, Brasil

    Silva, Vagner Fernandes da; Oliveira Filho, Ary Teixeira de; Venturin, Nelson; Carvalho, Warley Augusto Caldas; Gomes, João Bosco Vasconcelos

    Abstract in Portuguese:

    Foram realizados inventários da comunidade arbórea, da topografia e dos solos de um fragmento de floresta semidecídua com o objetivo de avaliar os impactos de um incêndio ocorrido em 1999, na estrutura da comunidade arbórea e na composição e diversidade de espécies, bem como as relações entre a severidade do incêndio e variáveis do ambiente físico. O fragmento florestal, com área de 57 ha, está localizado nas coordenadas de 21º09'S e 44º50'W, no município de Ibituruna, MG. Os inventários foram conduzidos em dois setores do fragmento. Na Encosta, foram realizados dois inventários: o primeiro, em 1997, antes do incêndio, foi feito em quinze parcelas de 5×50 m e o segundo, em 2001, posterior ao incêndio, em treze parcelas de 20×20 m. No Vale, foi conduzido em 2001 um inventário em 13 parcelas de 20×20 m distribuídas ao longo da linha de frente definida pela propagação máxima do incêndio. Nos inventários foram registradas a espécie, a circunferência à altura do peito (CAS) e a altura total de todos os indivíduos arbóreos com diâmetro à altura do peito (DAP) > 5 cm. Em cada parcela, foram obtidas variáveis topográficas, variáveis químicas e texturais do solo e gerados um fator borda e um índice de dano por fogo (IDF). O incêndio causou impactos consideráveis ao componente arbóreo da vegetação. A densidade e a área basal total de indivíduos arbóreos foram reduzidas e esta redução concentrou-se nas classes de menores diâmetros e alturas. Onde o incêndio foi mais severo (maior IDF), foram maiores as proporções de árvores mortas em pé em relação às sobreviventes, expressas tanto em densidade como em área basal. Na Encosta, as espécies que atingem menor porte na maturidade caíram na ordem de abundância relativa depois do fogo. Dois anos após o incêndio houve aumento na diversidade e riqueza de espécies de árvores provavelmente devido ao acréscimo de espécies pioneiras nas áreas abertas pelo fogo. Não foram detectadas correlações do IDF com o fator borda nem com as variáveis topográficas e do solo.

    Abstract in English:

    Surveys of the tree community, topography and soils of a fragment of tropical semideciduous forest were carried out with the purpose of assessing the impacts of a fire that struck the forest in 1999 on the community structure and tree species composition and diversity, as well as the relationship between fire severity and variables of the physical environment. The forest fragment, with an area of 57ha, is situated at 21º09'S of latitude and 44º50'W of longitude, in the municipality of Ibituruna, Minas Gerais state, Brazil. The surveys were carried out in two sectors of the fragment. There were two surveys in the Slope sector: the first, in 1997 (before the fire), within fifteen 5×50 m sample plots, and the second, in 2001 (after the fire), within thirteen 20×20 m sample plots. A single survey was carried out in the Valley sector within thirteen 20×20 m sample plots distributed along the frontline, defined by the maximum fire propagation. The surveys registered the species, the circumference at breast height and the total height of trees with diameter at breast height (dbh) > 5 cm. Topographic variables, soil chemical and textural variables, a fire damage index (FDI), and an edge factor were obtained for each sample plot. The fire caused considerable impacts to the arboreal component of the vegetation. Tree density and total basal area decreased and this was particularly concentrated in the classes of smallest diameter and height. Where fire severity was higher (> FDI), there were higher proportions of standing dead over surviving trees, expressed as both density and basal area. In the Slope sector, the species of lower stature at maturity dropped in the rank of relative abundances after the fire. Two years after the fire, there was an increase in tree species richness and diversity probably due to the addition of pioneer species in fire-opened areas. No correlations were detected between the FDI and the edge factor, not even any of the topographic or soil variables,
  • Florística e estrutura do componente arbóreo de matas de Restinga arenosa no Parque Estadual de Itapuã, RS, Brasil

    Scherer, Adriano; Maraschin-Silva, Fabiana; Baptista, Luís Rios de Moura

    Abstract in Portuguese:

    Para ampliar o conhecimento sobre as matas de Restinga arenosa no Rio Grande do Sul, foi realizado o estudo florístico e fitossociológico do componente arbóreo de cinco capões de Restinga do Parque Estadual de Itapuã. Neste estudo comparativo foi usado o método de parcelas, incluindo todos os indivíduos com DAP mínimo de 5 cm e totalizando uma área de 1,02 ha. A composição florística resultou em uma riqueza total de 31 espécies, 26 gêneros e 20 famílias, considerando os cinco capões juntos. A densidade total arbórea nos capões teve uma média de 1.023 ind/ha. A família com a maior riqueza de espécies foi Myrtaceae e, entre as espécies com maior valor de importância, foram encontradas Sebastiania serrata (Baill. ex Müll. Arg.) Müll. Arg. e Ficus organensis Miq. A diversidade específica foi baixa, variando de 1,08 a 2,38 nats.ind-1. Os resultados obtidos indicam a existência de diferenças na composição e na estrutura arbórea dos capões que podem ser oriundas de diferentes estágios sucessionais e da distância de áreas fontes de sementes.

    Abstract in English:

    To improve the knowledge about sandy Restinga forests in Rio Grande do Sul, the floristic and phytosociological study of the tree component of five Restinga woods from Parque Estadual de Itapuã was accomplished. In this comparative study, the plot method was used, including all individuals with minimum DBH of 5 cm and totaling an area of 1,02 ha. The floristic composition resulted in a total richness of 31 species, 26 genera and 20 families, considering the five woods together. The total tree density in the woods had a media of 1,023 ind/ha. The richest family was Myrtaceae and, among the most important species, Sebastiania serrata (Baill. ex Müll. Arg.) Müll. Arg. and Ficus organensis Miq. were found. Species diversity was low, varying from 1,08 to 2,38 nats.ind-1. The results obtained point to the existence of differences in the forests tree composition and structure that may outcome from different sucessional stages and from the seed source area distance.
  • n-alkanes from Paepalanthus Mart. species (Eriocaulaceae)

    Santos, Lourdes Campaner dos; Dokkedal, Anne L.; Sannomiya, Miriam; Soares, Maria Carla Piza; Vilegas, Wagner

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho apresenta o estudo de substâncias apolares obtidas a partir de plantas pertencentes ao gênero Paepalanthus Mart. (Eriocaulaceae). Hidrocarbonetos alifáticos de cadeias longas lineares foram identificados por CG-DIC e CG-EM. Os resultados indicam que as espécies de Paepalanthus subg. Platycaulon apresentam perfil homogêneo, com cadeias carbônicas de n-alcanos variando de C25 a C31, com a maioria das amostras apresentando freqüências maiores dos homólogos C27 e C29. As espécies do subgênero Paepalocephalus podem ser diferenciadas pela distribuição dos n-alcanos principais. P. macrocephalus, uma espécie da subseção Aphorocaulon, apresenta perfil com alcanos de cadeia ímpar, enquanto P. denudatus e P. polyanthus, espécies da seção Actinocephalus, apresentam perfil bem distinto, com grande número de cadeias mais curtas e alta freqüência de cadeias com número par de carbonos, especialmente P. polyanthus. Os resultados obtidos indicam que a distribuição de nalcanos pode ser útil como caráter taxonômico, assim como as substâncias mais polares, como os flavonóides glicosilados.

    Abstract in English:

    This work presents the study of nonpolar compounds from plants belonging to the genus Paepalanthus Mart. (Eriocaulaceae). Long-chain linear aliphatic hydrocarbons were identified by GC-FID and GC-MS. The results indicate that Paepalanthus subg. Platycaulon species present a very homogenous profile, with carbon chains of n-alkanes ranging from C25 to C31, most samples presenting higher frequencies of C27 and C29 homologues. Paepalanthus subg. Paepalocephalus species may be distinguished from one another by the distribution of main n-alkanes. P. macrocephalus, subsect. Aphorocaulon species, presents alkanes with odd-carbon numbers and P. denudatus and P. polyanthus, Actinocephalus species, present alkanes with quite distinctive profiles, with many shorter chains and a high frequency of even-carbon number, especially P. polyanthus. The results obtained indicate that the distribution of alkanes can be a useful taxonomic character, as do polar compounds like flavonoid glycosides.
  • Variação sazonal das trocas gasosas, turgescência relativa do tronco e produtividade em dois cultivares de seringueira em Votuporanga, SP, Brasil

    Conforto, Elenice de Cássia; Cavalcante, Juliane Ribeiro; Pessoa, José Dalton Cruz; Moreno, Rogério Manoel Biagi; Mattoso, Luiz Henrique Capparelli

    Abstract in Portuguese:

    Alguns pesquisadores têm enfocado a influência dos fatores agrometeorológicos e fisiológicos sobre a produtividade da seringueira, mas a magnitude destas relações ainda não é totalmente conhecida. Assim, no presente estudo, investigou-se a possível relação entre alguns parâmetros fisiológicos e a produção de dois cultivares de seringueira, PB 235 e GT 1, cultivados em Votuporanga, Estado de São Paulo, durante o período seco e úmido de 2000-2001. A produção total do período foi de 4.550,5 kg/ha, dos quais PB 235 respondeu por 59,9%, com produção 12,6% maior que a de GT 1 no período seco e 29,8 % no período úmido. Os valores da taxa fotossintética variaram entre 2,19 e 3,46 µmol m-2s-1 para GT 1, e entre 2,31 e 3,93 µmol m-2s-1 para PB 235; a transpiração variou entre 0,66 e 1,88 mmol m-2s-1 e 0,78 e 1,77 mmolm-2s-1, respectivamente; e, a condutância estomática, entre 0,021 e 0,041 molm-2s-1 e 0,021 e 0,043 mol m-2s-1, respectivamente. A ausência de recuperação noturna da turgescência do caule durante o período seco, em ambos os cultivares, poderia justificar a variação da produtividade, que foi mais intensa em PB 235, provavelmente decorrente do significativo decréscimo da taxa fotossintética e da eficiência da carboxilação neste período.

    Abstract in English:

    Some reseachers have considered the influence of physiological and agrometerological factors on rubber tree yield, altough the real magnitude of these interrelationships remain unknown. Due to this, a study was carried out with two rubber clones, PB 235 and GT 1, cultivated in Votuporanga,São Paulo State, Brazi, in order to examine the possible correlations between physiological parameters and yield during the dry and wet 2000-2001 seasons. The yield during the period was 4550 kg/ha: PB 235 yield was 59.9%, which was 12.6% higher than GT 1 during the dry season and 29.8 % during the wet season. The photosynthetic rate had varied between 2.19 to 3.46 µmolm-2s-1 in GT 1, and 2.31 to 3.93 µmolm-2s-1 in PB 235; the transpiration rate, between 0.66 to 1.88 mmolm-2s-1 and 0.78 to 1.77 mmolm-2s-1, respectively; and, the stomatal conductance, between 0.021 to 0.041 molm-2s-1 and 0.021 to 0.043 mol m-2s-1, respectively. In both clones, the absence of nocturnal stem turgescence recovery during the dry season could explain the variation of productivity. This was more intense for PB 235 in consequence of the significant decrease of the photosynhtetic rate and carbon assimilation efficiency during this period.
  • Spatial distribution of palynomorphs in the surface sediments of the Lagoa do Campelo lake, North region of Rio de Janeiro State, Brazil

    Luz, Cynthia Fernandes Pinto da; Barth, Ortrud Monika; Silva, Cleverson Guisan

    Abstract in Portuguese:

    Quatro amostras do sedimento superficial de fundo da Lagoa do Campelo foram coletadas em uma transecção de 500 m por 500 m de uma borda a outra, na direção nordeste/sudoeste, direção dominante dos ventos na região. A análise dos grãos de pólen, esporos de Pteridophyta e algas foi usada para a avaliação da variação espacial de deposição de palinomorfos e seus níveis de deterioração. No total, 58 tipos polínicos foram identificados. Em sua maioria foram de Cyperaceae, Poaceae e Typhaceae. Grãos de pólen ocorreram em todas as amostras analisadas, mas a área de maior concentração relacionou-se à borda nordeste da lagoa. A borda sudoeste apresentou altas percentagens de pólen e esporos com a exina degradada e com danos mecânicos, provavelmente porque foram carreados através da lagoa pelas correntes aquáticas impulsionadas pelo vento, confirmando ser a tendência deposicional dos palinomorfos danificados na mesma da direção dos ventos dominantes. Entre os tipos polínicos arbóreos e arbustivos, Alchornea, Arecaceae, Cecropia, Celtis, Clethra e Myrtaceae foram os dominantes e apresentaram mais de 1.000 grãos por grama de sedimento fresco. A quantidade de esporos de Pteridophyta foi praticamente constante em todas as amostras (± 10% do total de palinomorfos). As algas Pediastrum tetras (Ehrenberg) Ralfs e Mougeotia ocorreram em todas as amostras, Spirogyra somente em três delas. Os resultados obtidos fornecem novas informações sobre a riqueza, concentração e distribuição dos palinomorfos na lagoa, representando a vegetação local e regional.

    Abstract in English:

    Four samples of the surface sediments of the Lagoa do Campelo lake bottom were collected in a transect of 500 m by 500 m from edge to edge, in a northeast/southwest direction, the dominant wind direction in the region. The analysis of pollen grains, fern spores and algae were used to evaluate their spatial deposition and level of deterioration. In total, 58 types of pollen grains were identified, mainly from herbs as Cyperaceae, Poaceae and Typhaceae. Pollen grains occurred in all the analyzed sediments. The area of highest concentration was the northeast side of the lake. The southwest side showed the highest pollen grain and fern spore degradation and mechanical damage, probably as they were carried across the lake by wind-driven currents, confirming the depositional tendency of damaged palynomorphs in the same direction as the dominant wind. Among the pollen of trees and shrubs, Alchornea, Arecaceae, Cecropia, Celtis, Clethra and Myrtaceae were dominant at more than 1,000 pollen grains per gram of sediment. The quantity of fern spores was practically constant in all samples (± 10% of the total of palynomorphs). The algae Pediastrum tetras (Ehrenberg) Ralfs and Mougeotia occurred in all samples, but Spirogyra only in three of them. The results obtained gave new information about the richness, concentration and distribution of palynomorphs in the lake, representing the local and regional vegetation.
  • Efeitos da luz e da temperatura na germinação de sementes de Eremanthus (Asteraceae), ocorrentes na Serra do Cipó, MG, Brasil

    Velten, Simone Batalha; Garcia, Queila Souza

    Abstract in Portuguese:

    Estudos de germinação são importantes para a propagação de plantas, regeneração e conservação de comunidades vegetais. O objetivo deste trabalho foi avaliar a viabilidade e o comportamento germinativo de sementes de Eremanthus elaeagnus (Mart. ex DC.) Schultz-Bip, E. glomerulatus Less e E. Incanus (Less.) Less. A viabilidade das sementes foi verificada através do teste de tetrazólio. Os testes de germinação foram realizados sob luz e escuro contínuos em temperaturas constantes de 15, 20, 25, 30, 35 e 40 ºC e em temperaturas alternadas (fotoperíodo de 12 h) de 15-25, 15-30, 15-35, 20-30, 20-35 e 25-35 ºC. A viabilidade das sementes variou significativamente entre populações e diferentes anos de coleta. As percentagens de germinação das sementes foram sempre baixas, devido, principalmente, à ausência de embriões. Sementes de E. elaeagnus germinaram nas temperaturas de 15 a 30ºC, de E. glomerulatus de 20 a 30 ºC e E. incanus de 15 a 35 ºC. As três espécies germinaram na luz e no escuro, apresentando diferenças significativas entre estes dois regimes apenas nas temperaturas de 25 e 35 ºC (E. incanus) e 30 ºC (E. glomerulatus). Em comparação com as outras espécies Eremanthus incanus apresentou maiores percentagens de germinação em faixa de temperatura mais ampla e suas sementes são mais rápidas para germinar.

    Abstract in English:

    Studies of germination are important for the propagation of plants, and the regeneration and the preservation of plant communities. The purpose of this study was to evaluate the viability and the germinative behavior of the seeds of Eremanthus elaeagnus (Mart. ex DC.) Schultz-Bip , E. glomerulatus Less. and E. incamus (Less) Less. The viability of seeds was confirmed through the tetrazolium test. Germination tests were conducted under continuous light and darkness at constant temperatures of 15, 20, 25, 30, 35 and 40 ºC and at alternated temperatures (photoperiod of 12 hours) range from 15-25, 15-30, 15-35, 20-30, 20-35 and 25-35 ºC. Seed viability varied significantly among years and populations. The germination percentage was always low, due mainly to absence of embryos. The seeds of E. elaeagnus germinated at temperatures from 15 to 30 ºC; E. glomerulatus at temperatures from 20 to 30ºC; and E. incamus at temperatures from 15 to 35 ºC. The three species germinated in light and darkness, presenting significant differences between these treatments only at temperatures of 25 and 35 ºC (E. incanus) and 30 ºC (E. glomerulatus). Eremanthus incanus presented a higher germination percentage over a wider temperature range, and its seeds germinated faster than E. elaeagnus and E. glomerulatus.
  • Marantaceae: novidades taxonômicas e nomenclaturais III: tipificações, sinonímias e uma nova combinação em Calathea

    Braga, João Marcelo Alvarenga

    Abstract in Portuguese:

    Dando continuidade ao levantamento dos táxons de Marantaceae ocorrentes no Brasil, propõe-se novidades taxonômicas e nomenclaturais envolvendo algumas espécies de Marantaceae descritas e ilustradas na Flora Fluminensis de Frei José Mariano da Conceição Vellozo. Maranta monophylla, M. prolifera e M. tuberosa são circunscritas aqui a partir das informações morfológicas e fitogeográficas contidas nas descrições e nos comentários existentes nas obras originais, além da análise das estampas publicadas em contribuições subseqüentes e que ilustram com detalhamento as espécies. A partir dos dados coligidos e da comparação com coleções recentes e tipos nomenclaturais é proposta uma nova combinação, dada a necessidade de se transferir M. prolifera para o gênero Calathea. São propostos como sinônimos algumas espécies de Calathea comumente citadas nos levantamentos florísticos realizados no domínio da Floresta Atlântica.

    Abstract in English:

    To continue the survey on Marantaceae taxa being carried out in Brazil, new taxonomic and nomenclatural proposals are made involving some species of Marantaceae described and illustrated in Flora Fluminensis by Friar José Mariano da Conceição Vellozo. Maranta monophylla, M prolifera and M. tuberosa are circumscribed here from morphologic and phytogeographic information contained in descriptions and commentaries from Vellozo's originals, as well as from analysis of prints which were published subsequently that illustrate the species in detail. From the gathered data and the comparison with recent collections and nomenclatural types, a new combination is proposed, due to the necessity of transferring M. prolifera to the genus Calathea. Some Calathea species commonly cited in floristic surveys at the Atlantic Forest are proposed as synonyms.
  • Três novas espécies de Aphelandra R. Br. (Acanthaceae) para o Brasil

    Profice, Sheila Regina

    Abstract in Portuguese:

    São descritas e ilustradas três novas espécies brasileiras do gênero Aphelandra, A. grazielae Profice e A. hymenobracteata Profice ocorrentes no Estado do Espírito Santo e A. wasshausenii Profice exclusiva do Estado de Minas Gerais.

    Abstract in English:

    Three new Brazilian species of the genus Aphelandra, A. grazielae Profice and A. hymenobracteata Profice that occur in Espírito Santo State and A. wasshausenii Profice from the Minas Gerais State are described and illustrated.
  • Pteridoflora e seus aspectos ecológicos ocorrentes no Parque Ecológico João Vasconcelos Sobrinho, Caruaru, PE, Brasil

    Xavier, Sergio Romero da Silva; Barros, Iva Carneiro Leão

    Abstract in Portuguese:

    Foi realizado o levantamento florístico e análise dos aspectos ecológicos das pteridófitas ocorrentes no Parque Ecológico João Vasconcelos Sobrinho, também conhecido como Brejo dos Cavalos, caracteristicamente uma área de mata serrana ou brejo de altitude, no município de Caruaru, em Pernambuco. O Estado detém poucos remanescentes desse tipo de floresta, que são verdadeiros refúgios biológicos para inúmeras espécies de pteridófitas. No período de um ano, foram realizadas seis excursões bimestrais, bem como levantamentos das espécies depositadas nos herbários existentes no Estado. Foram registradas 74 espécies distribuídas em 32 gêneros e 16 famílias, sendo a família Pteridaceae a mais representativa em número de espécies. As pteridófitas herbáceas, hemicriptófitas, terrícolas e de interior de mata predominaram. O baixo índice de espécies epífitas, a alta representatividade do gênero Adiantum L. e o número de espécies inventariadas somente em Herbário, refletem o caráter secundário das matas e evidenciam uma provável pteridoflora outrora mais rica.

    Abstract in English:

    A floristic survey and analysis of ecological aspects of the pteridophyte flora from Parque Ecológico João Vasconcelos Sobrinho, also known as Brejo dos Cavalos, characteristically an area of upland forest in the Municipality of Caruaru in Pernambuco State was carried out. The State has few forest remnants of such forest type, which are true biological refuges to innumerous species of pteridophytes. Six bimonthly excursions were conducted within a year, as well as a research about the species deposited in herbaria of Pernambuco, where a diversity of 74 species was found. These were distributed in 32 genera and 16 families, being the Pteridaceae family the most representative. There is the predominance of herbaceous, hemicryptophytous, terrestrial species and those of the forest interior. The low index of epiphyte species, the high diversity of the genera Adiantum L. and number of herbaria surveyed species reflect the secondary character of the forests and give the evidence of a richer pteridophyte flora in previous time.
  • Cianogênese em esporófitos de pteridófitas avaliada pelo teste do ácido pícrico

    Santos, Marcelo Guerra; Carvalho, Carlos Eduardo Martins; Kelecom, Alphonse; Ribeiro, Maria Luiza Ribeiro da Costa; Freitas, Camila Vaz Chagas de; Costa, Leonardo Moreira da; Fernandes, Livia Viana de Godoy

    Abstract in Portuguese:

    Os glicosídeos cianogênicos são substâncias de defesa encontradas em alguns vegetais, capazes de liberar ácido cianídrico por meio de reações de hidrólise. O presente estudo teve como objetivo avaliar a ocorrência da cianogênese em esporófitos de pteridófitas num afloramento rochoso localizado no Parque Estadual da Serra da Tiririca, Rio de Janeiro, Brasil. Foram analisadas mensalmente durante um ano, folhas férteis, estéreis, jovens (báculos) e caules de 19 espécies de pteridófitas, distribuídas em 13 gêneros e nove famílias. A cianogênese foi caracterizada pelo teste do papel de filtro gotejado com ácido pícrico. Das pteridófitas estudadas, 14 foram pela primeira vez analisadas e 14 espécies apresentaram resultado positivo para a cianogênese. Os resultados encontrados demonstraram haver variação na liberação do ácido cianídrico nas espécies em diferentes partes do vegetal ao longo do período analisado. Microgramma vacciniifolia (Langsd. & Fisch.) Copel. (Polypodiaceae) e Pteridium aquilinum (L.) Kuhn var. arachnoideum (Kaulf.) Brade (Dennstaedtiaceae) mostraram-se cianogênicas durante todo o período analisado.

    Abstract in English:

    Cyanogenic glycosides are defense substances found in some plants that are able to produce cyanhydric acid on hydrolysis. The present work aimed to study the occurrence of cyanogenesis in pteridophytes of rocky areas of Pedra de Itacoatiara, State Park of Serra da Tiririca, Rio de Janeiro State. Nineteen species, distributed in 13 genera and nine families have been analyzed monthly, during one year. In each species, the analysis was carried out on fertile leaves, sterile ones, young leaves (croziers) and stems. Cyanogenesis was evidenced using filter paper embedded with picric acid. Among studied species, 14 were analysed here for the first time, and 14 gave a positive picric test. Our results showed variation along time in the production of cyanhydric acid in the vegetal species and parts. The species, Microgramma vacciniifolia (Langsd. & Fisch.) Copel. (Polypodiaceae) and Pteridium aquilinum (L.) Kuhn var. arachnoideum (Kaulf.) Brade (Dennstaedtiaceae) were cyanogenic all along the studied period.
  • Efeito do "fluxo sazonal mínimo da inundação" sobre a composição e estrutura de um campo inundável no Pantanal de Poconé, MT, Brasil

    Rebellato, Luciana; Cunha, Cátia Nunes da

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste estudo foi investigar o efeito da sazonalidade hídrica sobre a composição e a estrutura de um campo inundável. Foram utilizadas 30 parcelas (armações de 0,5 m×0,5 m) para as coletas de cada período (chuvoso e estiagem), onde estimou-se o grau de cobertura das espécies. Calculou-se alguns parâmetros fitossociológicos, índices de diversidade e similaridade entre os dois períodos. Foram amostradas 48 espécies, em 35 gêneros, distribuídos em 20 famílias. As famílias com o maior número de espécies foram Cyperaceae (10), Poaceae (seis) e Euphorbiaceae (cinco). As terófitas destacaram-se com 41,02% e hemicriptófitas com 23,08%. A diversidade e a riqueza foram maiores no período chuvoso (S = 41, H' = 4,01 e D = 0,91) em relação ao período de estiagem (S = 26, H' = 3,29 e D = 0,85), sendo a similaridade igual a Sa = 55,88%. Algumas espécies como Bacopa myriophylloides Wettst., Cyperus haspan L. ssp. juncoides (Lam.) Kük., Digitaria fuscescens (J. Presl) Henrard, Eleocharis mínima Kunth, foram indicadoras de umidade, enquanto Euphorbia thymifolia L., Wedelia brachycarpa Baker, Ludwigia octovalvis (Jacq.) P.H. Raven, Hydrolea spinosa L., de estiagem. Foram 12 espécies que caracterizaram o campo entre os dois períodos, destacando-se com altos valores de cobertura relativa (CRi) e freqüência relativa (FRi) com variações destes parâmetros entre os dois períodos.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to investigate the seasonal effect of wet and dry periods on the composition and structure of flooding grassland. Thirty quadrats (0,5 m×0,5 m) were used in each period (wet and dry) to estimate the degree of covering of the species. Phytosociological parameters, diversity and similarity indices were calculated between periods. Forty eight species were collected, 35 genera distributed in 20 families. Cyperaceae (10), Poaceae (six) and Euphorbiaceae (five) were the families with the highest number of species. Therophytes were the most abundant (41,02%), followed by hemicryptophytes (23,08%). Diversity and richness were higher in wet season (S = 41, H'= 4,09 e D = 0,91) than in the dry season (S = 26, H = 3,29 e D = 0,85), and the similarity was Ss = 55,88%. Some species, like Bacopa myriophylloides Wettst, Cyperus haspan L. ssp. juncoides (Lam.) Kük, Digitaria fuscescens (J. Presl) Henrard and Eleocharis minima Kunth, were humidity indicators, while Euphorbia thymifolia L., Wedelia brachycarpa Baker, Ludwigia octovalvis (Jacq.) P.H. Raven, Hydrolea spinosa L. were the dry ones. High values of relative covering and relative frequency of 12 species outstood, characterizing the area within both periods, with variation of these parameters between them.
  • Estrutura e dinâmica da regeneração natural de uma mata de galeria no Distrito Federal, Brasil

    Oliveira, Elaina Carvalho Lemos de; Felfili, Jeanine Maria

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste estudo foi analisar as mudanças na estrutura e composição florística da regeneração natural na mata de galeria do Gama, localizada na Fazenda Água Limpa, no Distrito Federal, durante o período de 13 anos (1986-1999) e detectar padrões associados entre ambientes de borda e interior de mata. Foram alocadas 151 parcelas permanentes de 10×20 m ao longo de dez linhas, para amostrar a vegetação arbórea. Cada parcela conteve sub-parcelas de 5×5 m (arvoretas) e de 2×2 m (mudas) para a amostragem da regeneração natural (juvenis). Foram amostradas dez parcelas adicionais na condição de borda de mata para comparação da diversidade florística entre a borda e o interior da mata. As famílias predominantes foram praticamente as mesmas para as categorias de arvoretas e mudas: Myrtaceae, Melastomastaceae, Proteaceae e Lauraceae. Metrodorea pubescens A. St.-Hil. & Tul. e Amaioua guianensis Aubl. obtiveram maior densidade relativa nos dois estágios. As espécies da borda foram praticamente as mesmas daquelas amostradas no interior da mata, sendo que apenas algumas espécies, como Bauhinia rufa e Campomanesia eugenioides, não ocorreram no interior da mata. A classificação por TWINSPAN separou duas comunidades distintas tanto para as parcelas de borda como para as parcelas do interior da mata, formadas por espécies de acordo com seu requerimento por água. A mata do Gama não tem sofrido distúrbios e a grande maioria das espécies estava presente nas duas categorias de tamanho, com poucas exceções, indicando estabilidade na composição florística e estrutura ao longo do tempo, apesar de uma redução na densidade das populações.

    Abstract in English:

    The objective of this study was to analyze the composition and the dynamics of the natural regeneration of the Gama gallery forest at the Fazenda Água Limpa, in the Federal District, over a period of 13 years (1986-1999) and to detect patterns associated between edge and interior of the forest. A total of 151 plots of 10×20 m were allocated continually along ten lines, used for sampling the arboreal vegetation. Each (10×20 m) plot, contained sub-plots of 5×5 m (saplings) and of 2×2 m (seedlings) for sampling natural regeneration. Ten additional plots were sampled at the edge of the forest for comparison of the floristic diversity. The predominant families were practically the same for seedlings and saplings: Myrtaceae, Melastomastaceae, Proteaceae and Lauraceae. Metrodorea pubescens A. St.-Hil. & Tul. and Amaioua guianensis Aubl. were the species with greater relative density in both regeneration stages. The species in the plots at the edge were practically the same found in the interior of the forest except for some species like Bauhinia rufa and Campomanesia eugenioides. Two different communities composed by different species according to their water requirementes, were identified for plots at the forest edge and also for plots at the interior. The forest has not been suffering disturbances and the great majority of the species was present in both size categories and in similar levels of density with few exceptions, indicating stability in the floristic composition and structure over time, in spite of a reduction in density.
  • Fungos liquenizados corticícolas e terrícolas da área da sub-bacia do Sinos e Taquari-Antas, RS, Brasil

    Käffer, Márcia I.; Mazzitelli, Suzana M.A. Martins

    Abstract in Portuguese:

    São apresentados os resultados do levantamento dos fungos liquenizados em algumas localidades situadas na área das sub-bacia do Sinos e Taquari-Antas, realizado no ano de 1997. Foram identificados 76 táxons distribuídos em 21 famílias e 40 gêneros.

    Abstract in English:

    The results of lichens survey at some localities situated of the Sinos and Taquari-Antas sub-basin, realized in 1997 are presented. There are 76 identified taxa, these being distributed in 21 families and 40 genera.
  • Madeiras utilizadas na fabricação de arcos para instrumentos de corda: aspectos anatômicos

    Angyalossy, Veronica; Amano, Erika; Alves, Edenise Segala

    Abstract in Portuguese:

    A madeira de pau-brasil (Caesalpinia echinata Lam.) é mundialmente empregada na confecção de arcos para instrumentos de corda, uma vez que apresenta características únicas de ressonância, densidade, durabilidade, beleza, entre outras qualidades, que a tornam ideal para tal uso. Diferentes amostras de pau-brasil, contudo, fornecem arcos com qualidades distintas. No comércio nacional outras madeiras estão sendo empregadas na produção de arcos. Realizou-se, neste estudo, uma análise qualitativa e quantitativa de diferentes amostras de pau-brasil com o objetivo de apontar diferenças na estrutura da madeira que possam contribuir para o entendimento das causas da variação na qualidade do arco, além da análise de outras espécies objetivando determinar, do ponto de vista estrutural, semelhanças ou diferenças com o pau-brasil. Conclui-se que variações no diâmetro dos vasos, distribuição e quantidade de parênquima axial e orientação dos elementos axiais e radiais são parâmetros que devem ser considerados quando se busca determinar as causas das diferenças na qualidade dos arcos de pau-brasil. Constatou-se que arcos de boa qualidade apresentam grã linheira e textura fina. Esta última característica decorre da menor proporção de vasos cujo diâmetro é reduzido, raios homogêneos e fibras com paredes espessas e/ou muito espessas. Assim, a relação entre a estrutura e a qualidade do arco está diretamente relacionada com as dimensões, a distribuição e a proporção das células do lenho.

    Abstract in English:

    Pernambuco wood (Caesalpinia echinata Lam.) has special characteristics like resonance, density, durability, and beauty; for this reason, it is considered the best material for stringed instruments bows. Besides pernambuco wood has been used around the world, some samples, and consequently some bows, are better than others. In Brazil, others woody species have been used in the manufacture of bows. In this paper some wood samples of pernambuco wood were analysed in order to verify if it is possible to find differences in their anatomical qualitative and quantitative characteristics that explain the bow quality. The comparative analysis of pernambuco wood samples showed variations in vessel diameter, quantity and distribution of axial parenchyma and orientation of axial and radial wood elements.
  • Anatomia de raízes de Actinocephalus (Koern.) Sano (Eriocaulaceae)

    Scatena, Vera Lucia; Oriani, Aline; Sano, Paulo Takeo

    Abstract in Portuguese:

    Estudou-se a anatomia de raízes de 27 espécimes de 13 espécies de Actinocephalus (Koern.) Sano que ocorrem nos campos rupestres brasileiros. As raízes de todos os espécimes estudados caracterizam-se por apresentar: epiderme unisseriada, com pêlos radiculares em grupos ou isolados; córtex com células isodiamétricas, com exceção daquelas localizadas mais internamente, que são menores e apresentam paredes espessadas; endoderme unisseriada, com células de paredes pouco ou totalmente espessadas, alongadas no sentido radial; periciclo formado por uma camada de células de paredes finas ou espessadas e cilindro vascular com elementos do metaxilema ocupando a posição central. A presença de córtex constituído por células isodiamétricas, sem aerênquima; epiderme e parênquima cortical com protuberâncias intracelulares associadas com fungos; são características consistentes para o gênero e corroboram a sua recente circunscrição. As raízes apresentam estruturas anatômicas semelhantes àquelas das espécies de Eriocaulaceae que ocorrem em solos secos, apesar de muitos indivíduos ocorrerem em solos úmidos, próximos a riachos.

    Abstract in English:

    Root anatomy of 27 specimens of 13 species of Actinocephalus (Koern.) Sano were studied. All species occur in Brazilian rupestrian fields. All species present roots with uniseriate epidermis, isolated or agregated root hairs; isodiametric cortical cells, except in the innermost layers that are smaller and present thickened wall cells; uniseriate radially elongated endodermis, with parcial or totally thickened wall cells; uniseriate pericycle, with thin or thickened wall cells; and vascular cylinder with metaxylem in central position. Cortex with isodiametric cells, without aerenchyma; epidermis and cortical parenchyma with intracellular protuberances associated with fungi; are consistent to the recent genus circunscription. Althouth a lot of species are also known for growing in damp habitats, near to small rivers, their roots present anatomical features similar to that Eriocaulaceae species that occur in dry soils.
  • Flora de um brejo de altitude na escarpa oriental do planalto da Borborema, PE, Brasil

    Rodal, Maria Jesus Nogueira; Sales, Margareth Ferreira; Silva, Marcos José da; Silva, Alexandre Gomes da

    Abstract in Portuguese:

    Os estudos nas florestas montanas nordestinas (brejos de altitude) indicam que as ombrófilas apresentam elevada riqueza de espécies e são mais relacionadas com a floresta ombrófila de terras baixas. Considerando o desconhecimento sobre as florestas ombrófilas sub-montanas, foi realizado o levantamento do Brejo de Bonito, Pernambuco, com o objetivo de conhecer seu perfil florístico. São apresentadas informações sobre o coletor/número, hábito e padrão de distribuição de cada espécie. Os resultados foram comparados a 22 levantamentos da Floresta Atlântica (latu sensu) nordestina. No brejo de Bonito foram coletadas 217 espécies, distribuídas em 65 famílias. Dessas, cerca de 50% são citados em outras florestas montanas de Pernambuco e de terras baixas de Pernambuco e da Bahia. A maior parte das espécies encontradas tem distribuição na América do Sul, ocorrendo desde a porção norte, penetrando na costa leste brasileira e também na porção central do Brasil e, às vezes, no domínio do semi-árido, nos Brejos de Altitude. Outra porção representativa distribui-se desde a América Central até a porção centro-norte da América do Sul, com poucas ocorrendo também na parte sul da América do Norte (Estados Unidos e México).

    Abstract in English:

    Studies in the northeastern upland forests (brejo de altitude) indicate that the humid ones show higher richness of species and have more floristic simalarity with the lowland humid forests. Considering the lack of data about humid sub-montane forests, a survey was carried out in the upland forest of Bonito, Pernambuco, aiming to identify their floristic composition. Voucher, habit, and pattern of distribution of each species are presented. The results were compared with 22 surveys in the northeastern Atlantic Rainforest (latu sensu). Two hundred and seventeen species, distributed in 65 families, were sampled at the study area. Among those, 50% were cited in other upland forests and lowland forests in Pernambuco and Bahia States. The majority of species are scattered along South America, occurring from the north portion, penetrating through the Atlantic coast, as well as in the Brazilian central plateau, and sometimes reaching the semi-arid regions within the upland forests. Another important group of species are distributed starting at Central America to the middle region of South America, with a few occurring also in the south of North America (United States and Mexico).
  • Aspectos ecológicos de Alsophila setosa Kaulf. (Cyatheaceae, Pteridophyta) no Rio Grande do Sul, Brasil

    Schmitt, Jairo Lizandro; Windisch, Paulo Günter

    Abstract in Portuguese:

    Alsophila setosa Kaulf. é uma pteridófita arborescente que ocorre em formações florestais primárias e secundárias no sul e sudeste do Brasil. O presente estudo discute a estrutura populacional de A. setosa, a arquitetura das partes subterrâneas, bem como herbivoria em suas frondes e espécies epifíticas. O trabalho de campo foi desenvolvido em duas formações vegetais secundárias, nos municípios de Morro Reuter e de Sapiranga, no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Parcelas contíguas de 100 m² foram amostradas para registro da ocorrência de A. setosa e da altura das plantas. Foram marcadas 45 plantas, em Morro Reuter, e 48 plantas, em Sapiranga, para verificar durante um ano, a ação de herbívoros em suas frondes. Cinco plantas foram desenterradas para o estudo de suas partes subterrâneas. As plantas epifíticas presentes sobre os cáudices foram registradas e amostradas. A estrutura subterrânea é complexa, com ramos caulinares que podem formar novas plantas, contribuindo para o aumento do número de indivíduos e para a distribuição espacial agregada, no local. Um grande número de plantas de menor altura foi registrado. Foram observados danos por herbivoria em 28,88% das plantas de Morro Reuter e 35,41% das plantas de Sapiranga. Foram encontradas 16 espécies de epífitos vasculares, com predominância de holoepífitos . Os forófitos são de especial importância para a conservação de algumas espécies epifíticas.

    Abstract in English:

    Alsophila setosa Kaulf. is a tree fern occurring in the primary and secondary forest formations in South and Southeastern Brazil. The present study discusses population structure, architecture of the underground parts as well as herbivory of fronds and epiphytic species. Fieldwork was performed in two secondary forest tracts in the municipalities of Morro Reuter and Sapiranga in the state of Rio Grande do Sul, Brazil. Contiguous 100 m² plots were surveyed as to the occurrence of A. setosa and plants sizes. Two samples, of 45 plants in Morro Reuter and 48 in Sapiranga, were examined throughout a full year cycle as to herbivory on their fronds. Five plants were uprooted for the study of the underground structures. The epiphytic plants on the caudexes were recorded and sampled. The underground structure is complex, with caulinar branches that may form new plants, leading to an increase of the number of individuals in a stand and to an aggregate spatial distribution. A larger number of smaller plants was recorded. Herbivory damage was observed on 28.88% of the plants in Morro Reuter and 35.41% in Sapiranga. As to vascular epiphytes, 16 species were found, with a predominance of holoepiphytes. This role as phorophyte is of special importance for the conservation of some the epiphytic species.
  • As espécies de Terpsichore A.R. Sm. e Zygophlebia L.E. Bishop (Grammitidaceae) do Brasil

    Labiak, Paulo Henrique; Prado, Jefferson

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho apresenta um tratamento taxonômico para as espécies de Terpsichore e Zygophlebia que ocorrem no Brasil. Das 12 espécies de Terpsichore, nove ocorrem na Floresta Atlântica do sudeste e sul do Brasil, quatro na Cadeia do Espinhaço, em Minas Gerais e quatro nas cadeias de montanhas próximas às fronteiras entre o Brasil, Venezuela e Guianas. O gênero Zygophlebia, representado por uma espécie (Zygophlebia longipilosa (C.Chr.) L.E. Bishop, ocorre apenas na Floresta Atlântica brasileira. São apresentadas considerações acerca da classificação, uma análise crítica sobre cada táxon e seus sinônimos, descrições e distribuição geográfica das espécies, bem como chaves para identificação, comentários sobre as espécies mais semelhantes e ilustrações.

    Abstract in English:

    This works presents the taxonomic treatment for the species of Terpsichore and Zygophlebia that occurs in Brazil. Terpsichore is represented by 12 species, mostly occuring in the southeastern and southern Brazilian Atlantic Rain Forest, and a few (four) that are endemic to the mountains by the boundary between Brazil, Venezuela and Guayana. The genus Zygophlebia, with only one species (Zygophlebia longipilosa (C.Chr.) L.E. Bishop) is endemic to the Atlantic Rain Forest of southeastern and southern Brazil. In this paper are included a critical analysis of each species and their synonymy, as well as geographical distribution, identification keys, comments about related species, and illustrations.
  • Anatomia foliar de Trilepis lhotzkiana Nees e Trilepis ciliatifolia T. Koyama (Cyperaceae) Juss.

    Arruda, Rosani do Carmo de Oliveira; Neves, Lea de Jesus

    Abstract in Portuguese:

    São apresentadas informações sobre a anatomia foliar de Trilepis lhotzkiana e Trilepis ciliatifolia, duas espécies de Cyperaceae que ocorrem em formações graníticas do Estado do Rio de Janeiro e que apresentam grande semelhança morfológica. Os resultados mostram que as espécies possuem algumas características em comum, tais como: epiderme uniestratificada com corpos cônicos de sílica, estômatos do tipo paracítico, tricomas unicelulares, feixes vasculares colaterais. O esclerênquima é bastante desenvolvido estando particularmente associado ao sistema vascular, formando extensões de bainha lignificadas. O tecido clorofiliano é restrito a câmaras situadas entre os feixes vasculares. A organização e características das células epidérmicas, a presença de hipoderme lignificada contínua e a de fibras dispersas no mesofilo são caracteres úteis na separação das espécies estudadas. A estrutura foliar em ambas as espécies mostra caracteres anatômicos xeromorfos que podem estar relacionados às condições ambientais em que vivem.

    Abstract in English:

    The present study deals with the leaf anatomy of two species of Cyperaceae: Trilepis lhotzkiana and Trilepis ciliatifolia. Both species grow on granitic outcrop from Rio de Janeiro State, Brazil. The results reveal that they present commom features as: single-layered epidermis, with conical silica bodies, paracitic stomata, unicellular hairs and collateral vascular bundles. The sclerenchyma is well developed and is associated with the vascular tissues forming lignified bundles sheath extensions. Chlorenchyma is restricted to sectors between vascular bundles. The arrangement and particularities of epidermal cells and the presence of a continuous lignified hypodermis are particularly important for taxonomic use. The leaf structure of both species have shown xeromorphic characters that can be related environmental conditions.
  • Bovista (Lycoperdaceae): dois novos registros para o Brasil

    Baseia, Iuri Goulart

    Abstract in Portuguese:

    Duas espécies de Bovista ocorrentes em biomas de cerrado e caatinga são descritas: B. pila Berk. & Curt.e B. plumbea Pers. São fornecidas imagens da ornamentação dos esporos em MEV e chave para identificação das espécies do gênero ocorrentes no Brasil.

    Abstract in English:

    Two Bovista species occurring in cerrado and caatinga biomes are described: B. Pila Berk. & Curt and B. plumbea Pers. SEM-photographs of spore ornamentation and a key for Brazilian species are provided.
  • Some photosynthetic and growth responses of Annona glabra L. seedlings to soil flooding

    Mielke, Marcelo S.; Matos, Elyabe M.; Couto, Virginia B.; Almeida, Alex-Alan F. de; Gomes, Fábio P.; Mangabeira, Pedro Antonio Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    Um experimento foi conduzido com o objetivo de analisar os efeitos do alagamento e da posição das folhas na produtividade primária líquida e no balanço de carbono em plântulas de Annona glabra L. (Annonaceae), uma espécie altamente tolerante ao alagamento e nativa na América tropical. Todas as plântulas sobreviveram ao período de alagamento de 56 dias sem apresentarem sintomas de estresse. O alagamento induziu incrementos significativos (P <0,01) na biomassa de raízes, caules e planta inteira, e na razão raízes/parte aérea. Medições das trocas gasosas foliares foram conduzidas aos quatro, 11, 18 e 56 dias após o alagamento, na primeira (L1), quarta (L4) e sétima (L7) folha completamente expandida a partir do ápice em cada plântula. Os valores médios da condutância estomática ao vapor de água (g s) e da taxa fotossintética líquida (A) nas plântulas controle foram 0,26 mol m-2s-1 e 8,8 µmol m-2s-1, respectivamente. Reduções significativas (P <0,05) em A foram observadas entre L1 e L7 nas plântulas controle em todos os três dias de medições. As reduções em A com o aumento da idade foliar também ocorreram nas plantas alagadas, apenas nos dias 4 e 18. O alagamento induziu alterações significativas em gs (P <0,05), alcançando 65% em relação ao controle no dia 4 e 152% em relação ao controle no dia 56. Com base nos resultados obtidos foi possível concluir que as elevadas taxas de sobrevivência e de crescimento de plântulas de A. glabra estão diretamente relacionadas com a capacidade de manter elevados valores de condutância estomática e de taxa fotossintética líquida em condições de alagamento do solo.

    Abstract in English:

    An experiment was conducted with the aim to analyze the effects of soil flooding and leaf position on net primary productivity and whole plant carbon balance of Annona glabra L. (Annonaceae) seedlings, a highly flood-tolerant tree, native to the tropical Americas. All seedlings survived a period of 56 days of flooding without symptoms of stress. Flooding induced significant increments in root, stem and whole-plant biomass (P <0.01), and in the root:shoot mass ratio (P <0.05). Measurements of leaf gas exchange were conducted at days four, 11, 18 and 56 after flooding, on the first (L1), fourth (L4) and seventh (L7) fully expanded leaves from the apex of each seedling. The mean values of stomatal conductance to water vapour (g s) and net photosynthetic rate (A) in the control seedlings were around 0.26 mol m-2s-1 and 8.8 µmol m-2s-1, respectively. Significant reductions (P <0.05) in A were observed from L1 to L7 in controls at all four days of measurements. Reductions in A with increasing leaf age also ocurred for flooded plants, but only at days four and 18. Flooding induced significant changes in gs (P <0.05), reaching 65% of controls at day four but 152% of controls at day 56. Based on the results we conclude that the high survival and growth rates of A. glabra seedlings are directly related to the capacity to mantain a high stomatal conductance and net photosynthetic rate under soil flooding.
  • A comparison of the woody vegetation and soil characteristics of a cerradão and a Cerrado sensu stricto in adjacents areas on dystrophic soils in eastern Mato Grosso State, Brazil

    Marimon Junior, Ben Hur; Haridasan, Mundayatan

    Abstract in Portuguese:

    Em alguns casos, cerrado sensu stricto e cerradão ocorrem lado a lado e sob condições edáficas e topográficas semelhantes. Como os fatores que contribuem para a ocorrência de cerradão nessas situações ainda não estão totalmente esclarecidos, o objetivo do presente estudo foi comparar a composição florística e a fitossociologia de um cerradão e um cerrado sensu stricto no leste mato-grossense e verificar se maior fertilidade do solo estava contribuindo para a ocorrência do cerradão. Em cada comunidade foi realizado um levantamento florístico e fitossociológico em 50 parcelas de 10 m×10 m, onde foram medidas todas as árvores com diâmetro maior do que 5 cm a 30 cm do solo. Foram coletadas amostras de solos de um perfil de 2 m de profundidade em cada área e amostras superficiais (0-10 e 10-20 cm). As fitofisionomias foram distintas quanto a florística, estrutura e fitossociologia. A área basal (21,4 m² ha-1) e altura média (6,4 m) do cerradão foram maiores do que as do cerrado sensu stricto (14,9 m² ha-1 e 3,7 m). No cerradão, as três espécies mais importantes foram Hirtella glandulosa Spreg., Sclerolobium paniculatum Vog. e Xylopia aromatica (Lam.) Mart., somando 29% do Índice do Valor de Importância (IVI) total e no cerrado sensu stricto, foram Qualea parviflora Mart., Davilla elliptica A. St.-Hil. e Roupala montana Aubl., somando 20,5 do IVI total. Os solos sob ambas as fitofisionomias foram ácidos (pH < 5,0) e distróficos (Ca2+ < 0,4 cmol c kg-1), com altos teores de alumínio trocável (Al3+ > 1,3 cmol c kg-1). A fertilidade do solo não apresentou diferenças para corroborar a hipótese de que a ocorrência do cerradão ao lado do cerrado sensu stricto era devida à maior fertilidade do solo. O solo sob o cerradão apresentou textura mais argilosa em todo o perfil, o que pode significar maior disponibilidade de água para as árvores durante todo o ano. Esse é um aspecto que merece investigações no futuro.

    Abstract in English:

    Cerrado sensu stricto and cerradão often occur side by side under similar edaphic and topographic conditions. The factors which contribute to the existence of cerradão in this situation are not well established. The objective of the present study was to compare the floristic composition and phytosociology of a Cerrado and cerradão on a dystrophic soil in eastern Mato Grosso and to determine whether higher soil fertility was contributing to the existence of the cerradão. Fifty 10 m×10 m plots were laid out in each vegetation type and a phytosociological survey was conducted of all trees with a minimum diameter of 5 cm at 30 cm above ground level. Soil samples were collected up to a depth of 2 m of soil profiles and from surface layer (0-10 and 10-20 cm) in each area. The two physiognomies showed distinct floristic, structural and phytosociological characteristics. The basal area (21.4 m² ha-1) and the mean heights (6.4 m) of the cerradão were greater than that of the cerrado sensu stricto (14.9 m² ha-1 and 3.7 m). The three most important species were Hirtella glandulosa Spreg., Sclerolobium paniculatum Vog. and Xylopia aromatica (Lam.) Mart. in the cerradão, representing 29% of the total Importance Value (IVI), and Qualea parviflora Mart., Davilla elliptica A. St.-Hil. and Roupala montana Aubl. in the cerrado sensu stricto, representing 21% of the total IVI. The soils of both areas were acid (pH < 5.0) and dystrophic (Ca2+ < 0.4 cmol c kg-1) with high exchangeable aluminium levels (Al3+ > 1.3 cmol c kg-1). The fertility of the soils of the two areas was not different to support the hypothesis that the occurrence of the cerradão was due to the higher fertility of its soil. However, the cerradão soil showed higher percentages of clay than the cerrado soil at all depths up to 2 m, which could result in a higher availability of water throughout the year for the trees. This is an aspect worth investigating in future studies.
  • Efeitos da época de queima sobre a reprodução sexuada e estrutura populacional de Heteropterys pteropetala (Adr. Juss.), Malpighiaceae, em áreas de Cerrado sensu stricto submetidas a queimas bienais

    Schmidt, Isabel Belloni; Sampaio, Alexandre Bonesso; Borghetti, Fabian

    Abstract in Portuguese:

    Heteropterys pteropetala é um arbusto comum no Cerrado. A dispersão dos diásporos ocorre na estação seca, quando queimadas são comuns. Investigamos efeitos da época de queima na reprodução sexuada e estrutura populacional deste espécie em um cerrado sensu stricto na Reserva Ecológica do IBGE, Brasília, DF, Brasil. As parcelas selecionadas para este estudo têm sido submetidas a queimas bienais em três meses diferentes (junho, agosto, setembro). A parcela controle é protegida do fogo. Quantificou-se o número de diásporos dispersos mensalmente, testou-se efeitos de altas temperaturas na viabilidade e na germinação, mediu-se a altura e diâmetro basal de todos os indivíduos encontrados em 1 ha/parcela, e estimou-se a distribuição espacial dos indivíduos e a densidade populacional. A dispersão ocorreu entre junho e setembro, sendo que 90% dos diásporos foram dispersos entre julho e agosto. Tratamentos térmicos de 60 ºC/40', 80 ºC/10' e 100 ºC/2'30" não interferiram na viabilidade (>80%) e na germinação (>70%), mas tratamentos de 100 ºC/5', 100 ºC/10' and 200 ºC/1' reduziram a germinabilidade cerca de 50, 90 e 100%, respectivamente. A altura média e diâmetro basal dos indivíduos foram similares entre as parcelas. A distribuição espacial da população foi agregada nas quatro parcelas (Índice de Morisita >1). A densidade populacional foi menor na parcela submetida a queimadas em junho, e nas parcelas queimadas em agosto e setembro, foi similar ao controle. Queimadas precoces podem estar limitando a reprodução sexuada pois em junho a maior parte dos diáporos está ainda preso à planta-mãe, sujeitas assim a temperaturas letais (~500 ºC) durante a passagem do fogo. Em agosto e setembro a maior parte dos diásporos foi dispersa, encontrando-se no solo e provavelmente protegidas das altas temperaturas. Os resultados indicam que queimadas prescritas para junho são prejudiciais para esta espécie por reduzirem seu potencial de reprodução sexuada.

    Abstract in English:

    Heteropterys pteropetala is a 1-2 meter height shrub characteristic from Cerrado vegetation, Brazil. Their anemochorous seeds are dispersed during the dry season (mid-May to mid-Sept). We investigated the effects of the fire season on sexual reproduction and population structure of this species in a cerrado sensu stricto at Reserva Ecológica do IBGE, Brasília, DF, Brazil. The study area is part of the Fire Program (RECOR/UnB), in which plots have been submitted to biennial fires in three different months (June, August, September) since 1992. A fourth plot (control) is protected from fire. We quantified the number of seeds dispersed each month, tested the effects of high temperatures on seed viability and germination, estimated the population dispersion and density, and measured the individual's height and basal diameter in each plot. Seed dispersal occurred from Jun to Sept, but 90% of the seeds was released between July and Aug. Temperature treatments of 60 ºC/40', 80 ºC/10' and 100ºC/2'30" had no effect on seed viability (>80%) and germination (>70%), but exposures to 100 ºC/5', 100 ºC/10' and 200 ºC/1' killed about 50, 90 and 100% of the seeds, respectively (n=200 seeds/treatment). Population dispersion was aggregated in the four plots (Morisita Index>1). Individual's average height and basal diameter were similar among plots. Population density was low in the early-fire plot (burn in June), but in the mid- and late-fire plots (Aug and Sept) it was similar to control plot. We suggest that early-fires kill most seeds, because they are still attached to mother-plants, indeed subjected to extreme temperatures (~500 ºC). In Aug (mid-) and Sept (late-fire) seeds have been released and may be buried and protected from extreme temperatures during the burning. The results suggest that early-fires reduce plant recruitment mainly by its effects on seed survival and germination.
  • Biomass equations for Brazilian semiarid caatinga plants

    Sampaio, Everardo V.S.B.; Silva, Grécia C.

    Abstract in Portuguese:

    Equações alométricas foram desenvolvidas para estimar a biomassa aérea viva (B) e a área de projeção da copa (C) de dez espécies da caatinga, com base na altura da planta (H) e/ou do diâmetro do caule ao nível do solo (DNS) ou à altura do peito (DAP). Trinta plantas de cada espécie, cobrindo a faixa usual de diâmetros (3 a 50 cm), foram medidas (C, H, DNS, DAP), cortadas na base, separadas em partes, pesadas e subamostradas para determinação da biomassa seca. A densidade (p) da madeira dos caules e galhos maiores foi determinada. B, C, H e p variaram de 1 a 500 kg, 0,2 a 112 m², 1,3 a 11,8 m e 0,45 a 1,03 g cm-3. A biomassa das 10 espécies, separadamente ou em conjunto (exceto pela espécie de Cactaceae), foi estimada com alto coeficiente de determinação (R²), usando a equação de potência (B = aDNSb) e DNS, DAP ou combinações de diâmetro, altura e densidade. A melhora com a multiplicação de DNS ou DAP por H e/ou p foi pequena. A equação de DAP (válida até 30 cm) para o conjunto das nove espécies teve a = 0,173 e b = 2,295, semelhantes aos valores das médias das equações encontradas na literatura, mas um pouco abaixo dos referidos para vegetação tropical úmida. A projeção das copas foi significativamente relacionada com diâmetros do caule, alturas e biomassas.

    Abstract in English:

    Allometric equations to estimate total aboveground alive biomass (B) or crown projection area (C) of ten caatinga species based on plant height (H) and/or stem diameter at ground level (DGL) or at breast height (DBH) were developed. Thirty plants of each species, covering the common range of stem diameters (3 to 50 cm), were measured (C, H, DGL, DBH), cut at the base, separated into parts, weighted and subsampled to determine dry biomass. Wood density (p) of the stem and the largest branches was determined. B, C, H and p ranged from 1 to 500 kg, 0.2 to 112 m², 1.3 to 11.8 m, and 0.45 to 1.03 g cm-3. Biomass of all 10 species, separately or together (excluding one cactus species), could be estimated with high coefficients of determination (R²) using the power equation (B = aDGLb) and DGL, DBH, H or combinations of diameter, height and density. Improvement by multiplying H and/or p to DGL or DBH was small. The mixed-species equation based only on DBH (valid up to 30 cm) had a = 0.173 and b = 2.295, similar to averages of these parameters found in the literature but slightly lower than most of those for humid tropical vegetation. Crown area was significantly related to diameter, height and biomass.
  • Anatomia foliar como subsídio à taxonomia de Hippocrateoideae (Celastraceae) no Sudeste do Brasil

    Gomes, Sandra Maria Alvarenga; Silva, Eldo Antônio Monteiro da; Lombardi, Julio Antonio; Azevedo, Aristéa Alves; Vale, Fernando Henrique Aguiar

    Abstract in Portuguese:

    A anatomia foliar de treze espécies pertencentes a nove gêneros da subfamília Hippocrateoideae (Celastraceae) foi estudada visando a seleção de caracteres anatômicos para subsidiar a taxonomia dos gêneros e espécies. As espécies estudadas foram: Anthodon decussatum Ruiz & Pav., Cheiloclinium cognatum (Miers) A.C. Sm., Cheiloclinium serratum (Cambess.) A.C. Sm., Cuervea crenulata Mennega, Elachyptera micrantha (Cambess.) A.C. Sm., Hippocratea volubilis L., Peritassa flaviflora A.C. Sm., Peritassa mexiae A.C.Sm., Pristimera nervosa (Miers) A.C. Sm., Salacia crassifolia (Mart. ex Schult.) G. Don, Tontelea fluminensis (Peyr.) A.C. Sm., Tontelea leptophylla A.C. Sm. e Tontelea miersii (Peyr.) A.C. Sm. Os caracteres anatômicos selecionados como diagnósticos para a taxonomia dos diferentes gêneros e espécies são: o tipo de esclereíde presente no pecíolo ou na lâmina foliar, o tipo de estômato, a conformação do sistema vascular do pecíolo, a sinuosidade das paredes anticlinais das células epidérmicas, a presença de hipoderme, a ocorrência de laticíferos, dentre outros.

    Abstract in English:

    Leaf anatomy of thirteen species belonging to nine genera of the subfamily Hippocrateoideae (Celastraceae) was studied, in order to select anatomical characters to help the taxonomy at genera and species levels. The species studied were: Anthodon decussatum Ruiz & Pav., Cheiloclinium cognatum (Miers) A.C. Sm., Cheiloclinium serratum (Cambess.) A.C. Sm., Cuervea crenulata Mennega, Elachyptera micrantha (Cambess.) A.C. Sm., Hippocratea volubilis L., Peritassa flaviflora A.C. Sm., Peritassa mexiae A.C. Sm., Pristimera nervosa (Miers) A.C. Sm., Salacia crassifolia (Mart. ex Schult.) G. Don, Tontelea fluminensis (Peyr.) A.C. Sm., Tontelea leptophylla A.C. Sm. and Tontelea miersii (Peyr.) A.C. Sm. The selected anatomical characters that can be used as diagnostic for the taxonomy of the distinct genera and species are: the type of sclereids in petiole or leaf blade, stomata type, the conformation of the petiole vascular system, shape of epidermal cell walls, presence of hypodermis, occurrence of laticifers, among others.
  • Briófitas de mata paludosa, município de Zacarias, noroeste do Estado de São Paulo, Brasil

    Peralta, Denilson Fernandes; Yano, Olga

    Abstract in Portuguese:

    Na Mata Paludosa foram encontradas 84 espécies de briófitas, sendo 44 de musgos pertencentes a 36 gêneros em 22 famílias e 40 de hepáticas, pertencentes a 18 gêneros e 13 famílias. Destas espécies, 15 são citadas pela primeira vez para o Estado de São Paulo.

    Abstract in English:

    Eighty four bryophytes species are recorded to flooded forest, the mosses are distributed in 44 species, 36 genera and 22 families, and the liverworts 40 species, 18 genera and 13 families. Fifteen species are new records from São Paulo State.
  • Fenologia do estrato herbáceo-subarbustivo de uma comunidade de campo sujo na Fazenda Água Limpa no Distrito Federal, Brasil

    Munhoz, Cássia Beatriz Rodrigues; Felfili, Jeanine Maria

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência das mudanças sazonais sobre a fenologia vegetativa (foliação) e reprodutiva (floração e frutificação) do componente herbáceo-subarbustivo de uma comunidade de campo sujo (15º55'478"S e 47º54'225"W) na Fazenda Água Limpa, Brasília, DF. O clima da região é do tipo Aw, segundo a classificação de Köppen, com precipitação média anual de 1.500 mm. Foram selecionados 3 a 10 indivíduos de 61 espécies distribuídas em 23 famílias, resultando em 519 indivíduos marcados. Os indivíduos foram observados quinzenalmente, de outubro/1999 a fevereiro/2001. O fogo ocorrido na área dois meses antes do início do estudo estimulou a floração e a frutificação das espécies amostradas. A floração na comunidade apresentou-se distribuída por todo o período estudado, com concentração na estação chuvosa. O período de produção de frutos foi similar ao de produção de flores e a maioria das espécies amadureceu seus diásporos do meio da estação chuvosa até o fim da seca. Na estação seca houve grande percentagem de espécies com folhas secas. No entanto, nem todas as espécies secaram completamente suas folhas nesse período, sendo que 3,2% produziram folhas novas e 31% mantiveram suas folhas verdes. Os eventos vegetativos e reprodutivos das plantas da camada herbáceo-subarbustiva mostraram-se dependentes da pluviosidade.

    Abstract in English:

    The objective of this study was to analyse the phenological events in the herbaceous and sub-shrub layer of a campo sujo (15º55'478"S and 47º54'225"W) community in relation to rainfall. The climate is Aw by Köppen classification with a mean annual precipitation of 1,500 mm. Three to ten individuals belonging to 61 species were studied totaling 519 individuals. The individuals were observed quarterly, from October 1999 to February 2001. An accidental fire happened in the area two months before the beginning of this study. It stimulated flowering and fruiting of the species. Flowering occurred continuosly over the study period but, with a concentration in the rainy season. Fruiting presented a similar pattern with most species maturing their diaspores from the middle to the end of the rainy season. During the dry season there was a higher production of dry leaves. However, some species did not have all leaves completely dried in that period, 3.2% produced new leaves while 31% remained with mature green leaves. The vegetative and reproductive events of the plants in the herbaceous layer were dependent on the precipitation.
Sociedade Botânica do Brasil SCLN 307 - Bloco B - Sala 218 - Ed. Constrol Center Asa Norte CEP: 70746-520 Brasília/DF - Alta Floresta - MT - Brazil
E-mail: acta@botanica.org.br