Educação e Pesquisa, Volume: 27, Issue: 1, Published: 2001
  • Editorial Editorial

    Bueno, Belmira Oliveira
  • Reading as a cultural practice: concepts for the study of schoolbooks

    Rockwell, Elsie

    Abstract in Spanish:

    Este artículo presenta una perspectiva para el estudio de prácticas de lectura en aula basada en el trabajo del historiador francés Roger Chartier. Para este autor, "los actos de lectura que dan a los textos sus significados plurales y móviles se sitúan en el encuentro entre las maneras de leer y los protocolos de lectura dispuestos en el objeto leído" (Chartier, 1993). Su análisis se centra en aspectos materiales del libro y prácticas de lectura, además del texto en sí. Se ilustra este abordaje con el análisis de una clase en una escuela rural mexicana. En este caso, la maestra presentaba un cuento tomado del libro de texto, siguiendo de cerca el protocolo implícito de la lección. Sin embargo, tanto el formato del texto como las maneras de leer influyeron en su interacción con el grupo. El artículo discute las relaciones cambiantes que los niños construyen con el mundo de la escritura a partir de su experiencia escolar. La historia de la lectura muestra una inflexión significativa entre la lectura intensiva del texto único y la aparición de patrones de lectura extensiva de múltiples textos, entre ellos, los libros escolares. Sin embargo, Chartier argumenta que el proceso de apropiación siempre transforma las prácticas culturales y los significados, según cada contexto. Una mayor atención a las maneras de leer en las aulas puede revelar múltiples apropiaciones de los libros de texto que señalan diversos tipos de relación, algunas más incluyentes que otras.

    Abstract in English:

    This article presents a perspective on the study of classroom reading practices based on the work of French social historian Roger Chartier. This scholar conceives the reading as a cultural practice that draws on shared artifacts, behaviors, attitudes and meanings. A basic tenet of his research is that "the acts of reading that give texts their plural and mobile meanings take place at the point of encounter between specific manners of reading and the reading protocols contained in the object that is read" (Chartier 1993:80). His analysis centers on the material aspects of the book, and on reading practices, as well as on the text itself. This approach is illustrated with an analysis of a lesson in a Mexican rural school. The teacher read a story from the textbook, closely following the implicit protocol. However, both the textbook layout and actual ways of reading influenced the outcome of the lesson. The article discusses the changing relationships to the written language that students construct through schooling. The history of literacy places a significant inflection between the intensive reading of single texts and the appearance extensive reading of multiple and changing texts, among them schoolbooks. However, Chartier argues that the process of appropriation always transforms cultural practices and meanings in given contexts. Attention to the everyday manners of reading in classrooms may reveal multiple appropriations of textbooks that lead to diverse relationships-some more inclusive, others rather exclusive.
  • The production of narrative texts in pairs: reflections on the interaction process Artigos

    Leal, Telma Ferraz; Luz, Patrícia Santos da

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa o processo de interação entre pares em produção de textos narrativos. A escolha de tal tema está atrelada a uma concepção básica de que a elaboração textual é uma atividade cognitiva e social que impõe uma coordenação de ações e de decisões de diferentes tipos. São necessários conhecimentos quanto à situação de interação imediata, quanto às práticas culturais, quanto ao gênero textual e quanto aos aspectos lingüísticos formais. Dessa forma, defende-se a idéia de que o trabalho em pares pode favorecer a tomada de consciência acerca das decisões a tomar, pois idéias conflitantes desautomatizam a tarefa da escrita. Argumenta-se também que a interação pode levar as crianças a trocarem informações e a testá-las durante a geração do texto, assim como a partilhar estratégias para coordenar as ações. Foram realizadas atividades individuais e em dupla de escrita de notícias, cartas e contos em uma turma de 3ª série (ensino fundamental, escola municipal de Recife, 21 crianças, 8 e 13 anos de idade). Os resultados mostram que os textos produzidos pelas duplas foram melhores que os textos individuais em composições do tipo assimétrico (fraco-médio) e simétrico (médio-médio), não sendo tal efeito marcante em duplas compostas por crianças de níveis iniciais (fraco-fraco). As análises dos protocolos evidenciaram que em interação as crianças negociam informações e estratégias para elaboração textual e que apresentam diversos tipos de dinâmica de trabalho, podendo haver divisão clara de papéis ou negociação permanente em cada trecho do texto produzido.

    Abstract in English:

    The article analyzes the interaction process between pairs of pupils in the production of narrative texts. The choice of this issue is linked to the basic conception that the creation of texts is a cognitive and social activity that entails a coordination of actions and decisions of various types. Knowledge is necessary about the situation of immediate interaction, about the cultural practices, the text genre, and about the formal linguistic aspects. Thus, the article defends the idea that working in pairs can promote the awareness of decisions to be made, because conflicting ideas de-automate the task of writing. It also argues that the interaction can make children exchange information and test them during the production of the text, as well as to share strategies to coordinate actions. Activities were carried out with a third-year class (Primary School in Recife, 21 children aged 8 to 13) involving individual as well as pair writing of news, letters and short stories. The results show that the texts produced in pairs were better than individual texts for pairs of asymmetric (weak-average) and symmetric (average-average) arrangement; the same effect was not noticeable in pairs of (weak-weak) symmetric arrangement. Analyses of the protocols reveal that, when interacting, children negotiate information and strategies of text creation, and that they display various types of work dynamics that may include a clear division of tasks or a continuous negotiation in each part of the text created.
  • Crossing paths: education and gender in academic production Artigos

    Rosemberg, Fúlvia

    Abstract in Portuguese:

    O artigo discute a produção acadêmica contemporânea brasileira sobre educação e gênero (ou mulheres) a partir da análise de três fontes de dados: a base de teses e dissertações de programas de Educação filiados à ANPEd no período 1981-1998; o diretório de pesquisadores(as) Quem pesquisa o quê em Educação: 1998; e seis coleções de revistas especializadas em Educação e Estudos Feministas (de gênero). A análise do catálogo da ANPEd (1999) evidencia um aumento de teses/dissertações em números absolutos no período, uma concentração em certas universidades, de autoria e de orientação majoritariamente feminina. Tal perfil da produção acadêmica é confirmado, no geral, pelos dados sobre pesquisadores(as) incluídos(as) no diretório organizado pela ANPEd. Quanto à temática, nota-se dispersão e ausência relativa de questões que compõem a agenda educacional contemporânea. Teses e dissertações focalizam mais a condição feminina que o sistema educacional numa perspectiva de gênero. Esta particularidade foi também notada nas revistas especializadas em Educação. Por seu lado, as revistas feministas dão muito pouco espaço ao tema e disciplina da Educação. Daí os caminhos cruzados entre Educação e Estudos sobre a Mulher ou Gênero. O artigo conclui destacando os possíveis efeitos deletérios de tal fragilidade acadêmica no plano das propostas atuais sobre igualdade de gênero na educação.

    Abstract in English:

    The article discusses the contemporary Brazilian academic production on education and gender (or women) from the analysis of three sources: the 1981-1998 database of theses and dissertations of graduate programs affiliated to ANPEd (Brazilian Research Association in Education), the researchers directory Quem pesquisa o quê em Educação: 1998, [Who researches what in Education: 1998] and six collections of specialized journals in Education and Feminist Studies (gender). The analysis of ANPEd’s 1999 catalog makes clear an increase in the absolute number of theses/dissertations in that period, a concentration of works from some universities, and a largely feminine authorship and supervision. The same profile is broadly confirmed by the data of researchers included in ANPEd’s directory. With respect to the themes of work, dispersion and a relative absence of issues of the contemporary educational agenda can be noticed. Theses and dissertations tend to focus on the feminine condition rather than on a gender perspective of the education system. This feature was also noted in specialized journals in Education. In their turn, feminist periodicals dedicate little space to the theme and subject of Education. Hence, the crossing paths of Education and Women or Gender Studies. The paper concludes by highlighting the possible detrimental effects of such academic frailty on the level of current proposals about gender equality in education.
  • The "law of life": confirmation, school drop out and reinvention of identity among Pomeranians Artigos

    Bahia, Joana

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa o significado do índice de evasão escolar na vida de uma comunidade de pequenos produtores rurais, imigrantes vindos da região da Pomerânia, norte da Alemanha. A população do município escolhido é composta por 90% de descendentes de pomeranos, que lá chegaram no ano de 1847. Embora o Espírito Santo não receba mais alemães desde a década de 1870, essas comunidades mantiveram o uso de seu dialeto, suas festas, seus costumes culturais e maritais, a continuidade da narrativa da tradição oral camponesa, enfim, o modo de vida camponês. No contexto da imigração brasileira, nenhuma outra etnia se concentrou tanto em áreas homogêneas e compactas como esta, concorrendo para modificar a estrutura fundiária e a vida rural dos estados onde se estabeleceu. Este trabalho aborda a relação entre o uso de várias línguas (portuguesa, alemã e pomerana) e a religiosidade luterana no cotidiano do grupo, os padrões de transmissão da herança da terra e a consequente valorização destes elementos no ensino confirmatório empreendido pela igrejas Luterana e Missouri, como pontos que permitem compreender os valores sociais e educacionais mais importantes para o grupo na reprodução da sua condição campesina. São examinadas as representações do grupo acerca do papel social desempenhado pela escola, pelo professor e pelo pastor, e sua relação com os elementos mantenedores de seu ethos camponês: a obediência às regras de reciprocidade, a conformidade com os princípios de hierarquia (autoridade paterna e pastoral) e a solidariedade com parentes e vizinhos.

    Abstract in English:

    The article deals with the meaning of school drop out in the life of a small comunity of rural workers descendants of Pomeranians - immigrants originally from the northern German. Ninety percent of the district population descend of Pomeranians that arrived in 1847. Although the state of Espírito Santo did not receive any more Germans after the 1870s, these communities have preserved their dialect, celebrations, cultural and marital habits and the narrative of peasant oral traditions. In the context of Brazilian immigration, no other ethnic group as the Pomeranians in Espírito Santo settled in such homogeneous and compact areas, contributing to modify the landowning structure and the rural life of the state where they established themselves. This work takes up the relationship between the use of several languages (Portuguese, German, and Pomeranian) and the Lutheran religiosity in the daily life of the group, the patterns of land ownership inheritance and the consequent importance of these elements in the confirmatory teaching carried out by the Lutheran and Missouri churches. These aspects result in an understanding of the social and educational values that are more important to the group in the reproduction of their peasant condition. The group representations about the role played by the school, the teacher and the minister are examined, as well as the relationship between such representations and the elements that help preserving the group’s peasant ethos: obedience to the rules of reciprocity, conformity to the principles of hierarchy (paternal and clerical authority), and solidarity to relatives and neighbors.
  • Apresentação Em Foco: Violência E Escola

    Sposito, Marilia Pontes
  • A brief survey of the research on school violence in Brazil Em Foco: Violência E Escola

    Sposito, Marilia Pontes

    Abstract in Portuguese:

    O artigo realiza balanço da pesquisa sobre as relações entre violência e escola no Brasil, após 1980. Examina os raros diagnósticos quantitativos em torno do tema e a produção discente (dissertações e teses) na pós-graduação em Educação, no mesmo período. Apesar de ainda ser incipiente, a produção já traça um quadro importante do fenômeno no Brasil, mostrando as principais modalidades: ações contra o patrimônio - depredações, pichações - e formas de agressão interpessoal, sobretudo entre os próprios alunos. Durante esse período a violência em meio escolar tanto foi examinada como decorrência de um conjunto significativo de práticas escolares inadequadas, quanto foi investigada como um dos aspectos que caracterizam a violência na sociedade contemporânea. Nesse último enfoque, parte dos trabalhos pesquisou a dinâmica de funcionamento de escolas situadas em áreas sob a influência do tráfico de drogas ou do crime organizado e um pequeno conjunto buscou entender o comportamento dos alunos como uma forma de sociabilidade marcada pelas agressões e pequenos delitos, caracterizada como incivilidade, que se origina na crise do processo civilizatório da sociedade contemporânea.

    Abstract in English:

    The article surveys the research on the relationships between violence and school in Brazil after 1980. It examines the rare quantitative diagnostics about the issue, and the theses and dissertations produced in graduate programs in Education in the same period. Although still incipient those studies already draw an important picture of the phenomenon in Brazil, displaying the leading modes of violence: acts against property - vandalism, graffiti - and interpersonal aggression, mainly among the pupils. During this period, violence at school has been examined both as a consequence of a significant set of inadequate school practices, and as one of the aspects that characterizes the violence of contemporary society. Under the latter viewpoint, some of the works have investigated the dynamics of the workings of schools located in areas influenced by drug traffic or organized crime, and a small subset tried to understand the behavior of pupils as a socialization marked by aggressions and petty crime, characterized as incivility originated in the crisis of civilizatory process of contemporary society.
  • Violence at school: social conflictuality and civilizatory actions Em Foco: Violência E Escola

    Santos, José Vicente Tavares dos

    Abstract in Portuguese:

    O reconhecimento da violência no espaço escolar como um enclausuramento do gesto e da palavra, uma das novas questões sociais globais, parece ser um caminho interpretativo fecundo. O que está em risco é a função da escola de socialização das novas gerações, pois a instituição escolar aparece enquanto locus de explosão de conflitos sociais em, pelo menos, 23 países nos quais a violência na escola foi considerada um fenômeno de sociedade. A compreensão das relações entre a escola e as práticas da violência passam pela reconstrução da complexidade das relações sociais na escola. No caso em estudo - a violência no espaço escolar, na cidade de Porto Alegre, entre 1996 e 2000 - são as combinações entre as relações de classe e as relações entre grupos culturais que permitem uma explicação: espaço social marcado por um desencontro entre a instituição escolar e as particularidades culturais das populações pobres das grandes cidades. Os programas contra a violência que existem nos principais países, inclusive em algumas escolas municipais de Porto Alegre, desenvolvem a metodologia de mediação de conflitos como uma das propostas de pacificação do espaço escolar: uma prática de negociação instaurada no interior da escola, em especial nos próprios grupos de alunos, através, por exemplo, da idéia de mediação pelos pares, de forma a criar responsabilidades e tentar satisfazer as necessidades dos jovens, mediante o desenvolvimento de um ambiente solidário, humanista e cooperativo.

    Abstract in English:

    Recognizing violence within the school as an imprisonment of gesture and word - one of the new global social issues - seems a fruitful interpretative path. What is at risk is the school function of socializing the new generations, because the school body appears as a locus of explosion of social conflicts in at least twenty-three countries where violence at school was regarded as a social phenomenon. The understanding of the relationships between the school and violent practices depends on the reconstruction of the complexity of social relations at school. In the case under study - the violence within the schools in the Brazilian city of Porto Alegre between 1996 and 2000 - the combination of class relationships and group relationships will afford an explanation: a social space characterized by a mismatch between the school and the cultural features of the poor people of big cities. The programs against violence implemented in some schools of Porto Alegre have carried out the methodology of conflict mediation as one of the proposals to pacify the school space. This is a practice of negotiation established within the school, especially within the groups of pupils - through, for instance, the idea of peer mediation - as a way of creating responsibilities and to meet the needs of youngsters via the establishment of a solidary, humanist and cooperative environment.
  • The subtleties of the faces of violence in the school practices of adolescents Em Foco: Violência E Escola

    Camacho, Luiza Mitiko Yshiguro

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo busca lançar um olhar sobre a vida escolar de adolescentes de classes médias e de segmentos das elites, incidindo, porém, sobre a prática de violência contra seus pares em duas escolas da cidade de Vitória-ES, sendo uma pública e outra privada. A pesquisa constituiu-se em um estudo de natureza eminentemente qualitativa, que no entanto valeu-se também de dados quantitativos. No trabalho de campo os dados foram colhidos por meio das técnicas da observação, questionário e entrevistas individuais e em grupos e, também, por meio de depoimentos e da consulta a documentos. O estudo permitiu constatar que nas duas escolas investigadas as ações socializadoras incidem muito mais sobre o aspecto pedagógico do que na proposta educativa, que é deixada em segundo plano. Onde se constata a ausência de uma ampla abrangência da socialização, a escola não funciona como retradutora dos valores sociais e termina por permitir que idéias de discriminação e preconceito, por exemplo, invadam e se estabeleçam no espaço escolar. A falta de alcance da ação socializadora até o ambiente relacional promove o aparecimento de brechas que permitem aos alunos a construção de experiências escolares, dentre elas, a experiência da violência. Com todos os encontros e desencontros entre as escolas, observou-se que o ponto decisivo de convergência entre ambas é a presença da prática da violência, ainda que, em intensidade distinta e com faces envolvidas por sutis especificidades.

    Abstract in English:

    The proposal of this article is to cast a look upon the school life of middle and upper class adolescents focusing, however, on their practice of violence against their peers in two schools - one public, one private - in Vitória, capital of Espírito Santo, Brazil. The investigation consisted of an qualitative study, but has also used some quantitative data. In the fieldwork data was gathered through observation, questionnaires, group and individual interviews. Testimonies and written documents were also taken into account. The work has found that in both schools the socializing actions relate much more to the pedagogical aspect than to the educational proposal, which is left in a secondary position. Whenever a wide-ranging socialization is absent, the school does not function as a retranslator of social values, and ends up allowing ideas such as discrimination and prejudice to invade and overtake the school space. The failure of the socializing action in reaching the relational environment creates gaps through which pupils build experiences such as violence. With all the similarities and differences between the two schools studied here the decisive converging aspect between them is the presence of violence, even if in different degrees and with their faces veiled by subtle particularities.
  • School experiences of Brazilian youngsters: the effects of violence in the construction of their identities Em Foco: Violência E Escola

    Araújo, Carla

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho foi baseado em uma pesquisa, de caráter investigatório, que buscou compreender as vivências escolares de jovens alunos moradores da Vila da Luz, que se localiza na periferia de Belo Horizonte, cujo cotidiano é marcado pela violência, pela insegurança pública e pela exclusão social. Examinou-se como as vivências fora da escola invadem o cotidiano e reorientam atitudes e comportamentos dos alunos entre si, e destes em relação aos professores e a outros agentes escolares. Buscou-se caracterizar sociologicamente o ambiente escolar como espaço de interações complexas, no qual violência simbólica e agressão física se entrecruzam, propiciando um tipo de vivência escolar baseada no medo e na ansiedade. Focalizou-se a experiência e as representações sociais dos jovens alunos, com o intuito de compreender como eles constroem suas identidades, tendo a violência como pano de fundo em suas relações grupais e interpessoais. Assim, a investigação abriu possibilidades para se pensar a escola como espaço de mediação de conflitos e de convivência da diversidade cultural e social. Centrado em uma metodologia de pesquisa participante com ênfase no modelo interpretativista, este estudo permitiu aprofundar questões referentes à educação e subjetividade, sob a ótica de alguns teóricos importantes, tais como Anthony Giddens, Norbert Elias e Erik Erikson.

    Abstract in English:

    This work deals with the school experiences of young pupils living in Vila da Luz - a neighborhood on the outskirts of Belo Horizonte, Brazil - whose daily life is characterized by violence, public insecurity, and social exclusion. The exploratory study examined how experiences outside school, particularly in Vila da Luz, infringe on their daily lives and reorient pupil’s attitudes and behaviors among themselves and towards teachers and other school workers. The school environment was sociologically characterized as a space of complex interactions, in which symbolic violence and physical aggression intersect, giving rise to a school experience based on fear and anxiety. The experiences and social representations of young pupils were emphasized with a view to understand how they build their identities when their group and interpersonal relations take place against a background of violence. Thus, the investigation offered possibilities to think the school as a space for the mediation of conflicts and the coexistence of social and cultural diversity. Centered on a participative research methodology with emphasis on the interpretative model, this study permitted developing issues concerning education and subjectivity under the optics of some important theorists such as Anthony Giddens, Norbert Elias, and Erik Erikson.
  • A violência na escola francesa: 30 anos de construção social do <A NAME="tx01"></A>objeto <A NAME="tx02"></A>(1967-1997) Tradução

    Debarbieux, Éric
Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Av. da Universidade, 308 - Biblioteca, 1º andar 05508-040 - São Paulo SP Brasil, Tel./Fax.: (55 11) 30913520 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revedu@usp.br