• Children's self-medication: a public health concern Editorial

    Pfaffenbach, Grace
  • Medication use in Pediatrics: the practice of self-medication in children by their parents Artigos Originais

    Beckhauser, Gabriela Colonetti; Souza, Juliana Medeiros de; Valgas, Cleidson; Piovezan, Anna Paula; Galato, Dayani

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Conhecer a automedicação em crianças moradoras de uma cidade da região Sul do Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal com amostra selecionada por sorteio, inicialmente identificando as equipes de Estratégia Saúde da Família e, posteriormente, as residências que seriam visitadas. Foi adotado, para a entrevista com o responsável pelas crianças, um questionário para avaliar o perfil da criança, da família e da prática da automedicação. Para apresentação dos dados, adotou-se a estatística descritiva e o teste do qui-quadrado (p<0,05). RESULTADOS: Entrevistaram-se os responsáveis pelas crianças em 83 domicílios. Foram coletadas informações de 121 crianças (seis meses a 14 anos). Dos entrevistados, 75% afirmaram já ter praticado a automedicação, sendo as mães responsáveis por 95% desses casos. Quanto às situações que motivaram a automedicação, praticidade (88%), febre (58%) e dor (12%) foram as mais relatadas. O paracetamol (45%) e a dipirona (15%) foram os fármacos mais utilizados. A análise estatística evidenciou associação entre a reutilização de antigas prescrições e a idade da criança inferior a sete anos, bem como entre a utilização de medicamentos sem prescrição de profissional habilitado e morar em domicílios com mais de quatro pessoas. CONCLUSÕES: A automedicação é uma prática frequente na população investigada, sendo geralmente mais comum em crianças de até sete anos e realizada principalmente pelas mães; esse fato sugere a necessidade de promover educação em saúde que vise à promoção do uso racional de medicamentos.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To assess self medication practice among children from a city in the Southern region of Brazil. METHODS: This is a cross-sectional study with a random sample. Initially, Family Health Strategy teams and later the residences that would be visited were raffled. A questionnaire about children and family characteristics and self medication practices was administered to caretakers. Descriptive statistics and chi-square test (p<0.05) were used for data presentation. RESULTS: Child caretakers were interviewed in 83 households. Data from 121 children (aged six months to 14 years) were collected. Among caretakers, 75% said they had practiced self medication; mothers accounted for 95% of these cases. As for self medication situations, convenience (88%), fever (58%) and pain (12%) were the most reported. Acetaminophen (45%) and dipyrone (15%) were the most used drugs. Statistical analysis showed an association between the reuse of old prescriptions and child's age less than seven years and between the use of drugs without prescription from a qualified professional and households with more than four people. CONCLUSIONS: Self medication is a common practice in the surveyed population, especially among children up to seven years of age and conducted primarily by mothers, suggesting the need to develop health education aimed at promoting the rational use of medicines.
  • Characterization of mothers, mode of deliveries and newborns in Campinas, São Paulo, 2001 and 2005 Artigos Originais

    Morcillo, André Moreno; Carniel, Emília de Faria; Zanolli, Maria de Lurdes; Moreno, Luisa Zanolli; Antonio, Maria Ângela R. de G. M.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Comparar dados pré-natais, dos partos e dos recém-nascidos de Campinas em 2001 e 2005. MÉTODOS: Estudo transversal que analisou 13.656 documentos do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc) de 2005, comparando-as aos resultados de 2001. Analisou-se o local de moradia e parto, idade materna, estado civil, escolaridade, ocupação, paridade, consultas de pré-natal, tipo de parto, duração da gestação e peso ao nascer. Para avaliar a associação entre as variáveis, utilizou-se o teste de qui-quadrado, sendo significante p<0,05. RESULTADOS: Os nascidos nos Distritos de Saúde (DS) com piores índices de condições de vida (ICV) diminuíram em relação a 2001. A taxa de adolescentes passou de 17,7% para 14,7%. Em 2001, 39,4% das mães trabalhavam e, em 2005, 42,9%. Quanto à presença de companheiro, 35,9 e 54,3% não o referiam em 2001 e 2005, respectivamente. A escolaridade passou de 37,8% de mães com até sete anos de estudo para 25,7%, com aumento das que estudaram entre oito e 11 anos e 12 anos ou mais. O comparecimento a mais de seis consultas no pré-natal passou de 74,4 para 86,6%. Houve aumento de cesáreas (54,9 para 60,3%) e de prematuridade (7,1 para 8,9%). Não houve alteração no perfil de peso ao nascimento. CONCLUSÕES: Verificou-se queda da paridade nos DS com piores ICV e no percentual de mães adolescentes. Elevou-se o número de trabalhadoras, mulheres sem companheiro, escolaridade e frequência ao pré-natal.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To compare data related to prenatal care, deliveries and newborns from Campinas, Brazil, in 2001 and 2005. METHODS: This cross-sectional study analyzed 13,656 Live Birth Certificates from 2005, comparing them to of 2001. The analyzed variables were: place of birth and dwelling, maternal age, marital status, schooling, number of births, number of prenatal consultations, mode of delivery, length of pregnancy and birthweight. Association between variables was evaluated by the chi-square test, being significant p<0.05. RESULTS: In 2005, there was a decrease in the number of newborns from Health Districts with worse living conditions in comparison to 2001. The rate of teenage pregnancies varied from 17.7% in 2001 to 14.7% in 2005. Working mothers were 42.9% of the sample in 2005 and 39.4% in 2001. In 2005, single mothers were 54.3% compared to 35.9% in 2001. Mothers with seven or less years of schooling were 37.8% in 2001, compared to 25.7% in 2005. In 2005, 86.6% of mothers had more than six prenatal visits compared to 74.4% in 2001. There was an increase in the rates of cesarean section (from 54.9% in 2001 to 60.3% in 2005) and prematurity (from 7.1% in 2001 to 8.9% in 2005). No significant changes in birthweight were observed. CONCLUSIONS: This study shows a decrease in the rate of births in the Health Districts with worse conditions of living and in teenage pregnancies. Rates of working mothers, single mothers, years of schooling, number of prenatal consultations increased.
  • Home oxygen therapy program for infants after neonatal unit discharge: report of a ten-year experience Artigos Originais

    Garcia, Elaine Aparecida L.; Mezzacappa, Maria Aparecida; Pessoto, Mônica Aparecida

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Descrever os resultados do programa de oxigenoterapia domiciliar, com uso de concentrador de oxigênio, utilizado por crianças egressas de uma unidade neonatal ao longo de seus primeiros dez anos. MÉTODOS: Estudo de corte transversal com componente analítico para avaliar o programa de oxigenoterapia domiciliar de uma unidade neonatal de um hospital público universitário do interior do Estado de São Paulo durante o período de novembro de 1996 a dezembro de 2006. RESULTADOS: Foram identificadas 160 crianças com indicação de oxigenoterapia domiciliar, das quais 63,3% apresentavam displasia broncopulmonar. Em média, 3,0% de todos os pacientes internados e 8,6% dos recém-nascidos com peso inferior a 1500g ao nascer receberam alta em oxigenoterapia. A duração média do uso de O2 no domicílio foi de 42,3±54,0 dias. Na comparação das características demográficas da população e do tempo de uso de O2 domiciliar, não se observaram diferenças significativas entre os anos. Não houve correlação entre o tempo de ventilação mecânica e a duração da terapia domiciliar. Houve necessidade de cuidados especiais, além do uso de O2 e medicações, em 22,3% dos casos. Nos primeiros dois anos de vida, a taxa de morbidade e de mortalidade foram, respectivamente, 40,1 e 14,1%. CONCLUSÕES: O uso de oxigênio domiciliar, com sistema de concentrador de oxigênio, é uma alternativa terapêutica factível em nosso meio, merecendo mais atenção dos profissionais de saúde e maior investimento das instituições de saúde. São necessários mais estudos nacionais para se aprimorar a qualidade do atendimento e a segurança destes programas para a população neonatal.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To describe the results of a home oxygen therapy program consisting of the use oxygen concentrator by children discharged from a neonatal unit during their first 10 years of the program. METHODS: Cross-sectional analytical study with data collection from November 1996 to December 2006. All infants that needed home oxygen therapy after discharge from the neonatal unit of a public university hospital in the state of São Paulo, Brazil, were studied. RESULTS: We identified 160 infants who used home oxygen therapy during the period and 63.3% of them had bronchopulmonary dysplasia. A mean of 3.0% of all hospitalized patients and 8.6% of very low birth weight newborns were discharged on oxygen. The mean duration of home oxygen therapy was 42.3±54.0 days. Significant differences were not found when comparing demographic characteristics of the population and duration of home oxygen therapy. There was no correlation between the duration of mechanical ventilation and the duration of home oxygen therapy. In addition to the use of oxygen and medications, 22.3% of the infants needed special care. In the first 2 years of life, the infants' morbidity and mortality rates were, respectively, 40.1% and 14.1%. CONCLUSIONS: The use of an oxygen concentrator at home is a feasible therapeutic alternative in Brazil; therefore, it deserves more attention from health professionals and greater investments from health institutions. Further national studies are needed to improve the quality of care and the safety of these programs intended for the neonatal population.
  • Motor performance of infants attending the nurseries of public day care centers Artigos Originais

    Baltieri, Letícia; Santos, Denise Castilho C.; Gibim, Nathália Copoli; Souza, Carolina Tarcinalli; Batistela, Ana Carolina T.; Tolocka, Rute Estanislava

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Analisar o desempenho motor axial, apendicular e global e sua correlação com as características neonatais, familiares e de tempo de exposição à creche em crianças com idade entre 12-24 meses, frequentadoras de creches públicas. MÉTODOS: Estudo transversal com 40 lactentes (idade média 14,3±2,4 meses) frequentadores de creches públicas. Os participantes foram avaliados quanto ao desempenho motor com a Bayley Scales of Infant and Toddler Development-III, a qual possibilita análise do desempenho motor e comparação dos domínios motores axial e apendicular. Foram coletados dados neonatais, familiares e de exposição à creche e pesquisou-se a correlação destes fatores ao desempenho motor. Foi utilizado o teste t pareado para comparar médias e a correlação de Pearson. RESULTADOS: O desempenho motor do grupo esteve, em média, abaixo da referência, com 22,5% das crianças classificadas como suspeitas de atraso nos desempenhos axial e global, contrastando com nenhuma no domínio apendicular. A comparação axial e apendicular apontou diferença significativa, com desempenho axial aquém do apendicular, além de 35% do grupo ter apresentado discrepância significativa entre esses domínios. Não foi encontrada correlação linear entre os domínios motores avaliados e as variáveis neonatais, familiares e de exposição à creche. CONCLUSÕES: O desempenho motor global do grupo esteve abaixo da média de referência, com desempenho motor axial inferior ao apendicular e importante discrepância entre esses. Recomenda-se atenção às habilidades motoras axiais e às oportunidades de exploração que o ambiente em creches pode propiciar, especialmente no decorrer dos dois primeiros anos de vida.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To analyze gross, fine and global motor performance and its correlation with neonatal and familial variables and day care exposure among children between 12-24 months of age attending public day care centers. METHODS: This cross-sectional study evaluated 40 infants (mean age 14.3±2.4 months) attending public day care centers. The Bayley Scales of Infant and Toddler Development-III test was used to assess motor performance and to allow comparison between gross and fine domains of motor development. Neonatal, familial and day care center exposure data were collected and correlated with motor performance. Paired t-tests for mean comparisons and Pearson correlation were used. RESULTS: Motor performance of the studied group was below the average mean. The prevalence of suspected delays in gross and global motor performance was 22.5%, in contrast to none in fine motor performance. There was a significant difference between fine and gross motor performance, with the latter displaying lower scores; 35% of the group showed significant discrepancies between these areas. No correlation was found between the motor categories, neonatal and familial characteristics, and day care center exposure variables. CONCLUSIONS: The infants' global motor development fell below the average mean, with a delay in gross motor development and a relevant discrepancy between motor domains. This study suggests that attention should be given to gross motor skills and opportunities for exploration the environment in day care centers, especially during the first two years of life.
  • Overweight and obesity in seven to nine-year-old Brazilian students: data from the Brazilian Sports Project Artigos Originais

    Pelegrini, Andreia; Silva, Diego Augusto S.; Petroski, Edio Luiz; Gaya, Adroaldo Cezar A.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Descrever a prevalência de sobrepeso e obesidade em escolares brasileiros de sete a nove anos e verificar a associação com as variáveis: sexo, idade e região geográfica. MÉTODOS: Estudo epidemiológico transversal conduzido em 2.913 escolares (1.478 do sexo masculino e 1.435 do feminino) com idade entre sete e nove anos. Como critério de diagnóstico de sobrepeso e obesidade foram utilizados os pontos de corte do índice de massa corpórea, propostos pela International Obesity Task Force. A comparação entre as proporções foi realizada mediante o teste qui-quadrado. As diferenças entre as proporções foram testadas por meio do teste de comparação entre duas proporções. RESULTADOS: A prevalência de sobrepeso e obesidade foi de 15,4 e 7,8% em meninos e meninas, respectivamente, com proporções similares entre sexo e idades. No sexo masculino, foi verificada associação do sobrepeso e obesidade apenas com região geográfica (p<0,001), com prevalências mais elevadas nas crianças da região Sul. No feminino, sobrepeso mais elevado foi observado nas crianças de sete anos da região Norte, enquanto a prevalência de obesidade foi maior nas crianças da região Sul. CONCLUSÕES: As crianças da região Sul apresentam maiores prevalências de sobrepeso e obesidade que aquelas das demais regiões do país. Os achados do presente estudo apontam uma tendência de aumento na prevalência de sobrepeso e obesidade na infância e corroboram os resultados encontrados em pesquisas mais abrangentes realizadas no Brasil.

    Abstract in English:

    OBJECTIVES: To describe the prevalence of overweight and obesity in Brazilian schoolchildren aged 7 to 9 years and determine its association with gender, age and geographic region. METHODS: This cross-sectional epidemiological study enrolled 2,913 students (1,478 boys and 1,435 girls) aged 7 to 9 years and was conducted between 2004 and 2005. The body mass index cutoff values proposed by the International Obesity Task Force were used as a diagnostic criterion for overweight and obesity. The chi-square test was used for comparison of proportions, and differences in prevalence rates were determined by testing for comparison between two proportions. RESULTS: The prevalence of overweight and obesity was 15.4% and 7.8% in boys and girls, respectively, with similar proportions in both genders and across all ages. In boys, overweight and obesity were only associated with geographic region (p<0.001), with a higher prevalence found in children from the South region. In girls, the prevalence of overweight was highest among those aged 7 years and those from the North region. In addition, an overall higher prevalence of obesity was observed among children from the South region. CONCLUSIONS: Schoolchildren from the South region of Brazil have a higher prevalence of overweight and obesity than those from other areas of the country. We conclude that overweight and obesity in childhood are on an upward trend, and our findings corroborate the results reported in other Brazilian studies.
  • Relationship between cardiorespiratory fitness and indicators of body adiposity in adolescents Artigos Originais

    Ronque, Enio Ricardo V.; Cyrino, Edilson Serpeloni; Mortatti, Arnaldo Luis; Moreira, Alexandre; Avelar, Ademar; Carvalho, Ferdinando Oliveira; Arruda, Miguel de

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Analisar a relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes de ambos os sexos. MÉTODOS: 78 sujeitos (45 rapazes e 33 moças) foram avaliados quanto à massa corporal, estatura e dobras cutâneas tricipital e subescapular. O índice de massa corpórea e a somatória das duas dobras cutâneas foram calculados. A aptidão cardiorrespiratória foi analisada pelo teste de vai-e-vem de 20 metros de vários estágios e a estimativa do consumo máximo de oxigênio foi analisada por uma equação específica. Para a comparação entre os grupos, foi empregado o teste de Mann-Whitney e, para verificar a relação entre a aptidão cardiorrespiratória e os indicadores de adiposidade corporal, utilizou-se o coeficiente de correlação de Spearman. RESULTADOS: Os adolescentes com alta aptidão cardiorrespiratória apresentaram sistematicamente valores mais baixos de gordura corporal em relação a seus pares com baixa aptidão cardiorrespiratória (p<0,05), com diferenças variando entre 36 e 42% para os rapazes e entre 14 e 33% para as moças. Correlações negativas, moderadas e estatisticamente significativas foram verificadas entre os indicadores de aptidão cardiorrespiratória e de adiposidade corporal para ambos os sexos, com exceção do índice de massa corpórea. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que o aumento da adiposidade corporal pode influenciar negativamente a aptidão cardiorrespiratória em adolescentes de ambos os sexos.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To analyze the relationship between cardiorespiratory fitness and indicators of body adiposity in adolescents of both genders. METHODS: 78 subjects (45 boys and 33 girls) were evaluated for body mass, height and triceps and subscapular skinfold thickness. Body mass index and the sum of the two skinfolds thickness were determined. The cardiorespiratory fitness was determined by the maximal multistage 20 meters shuttle run test, and the estimate of maximal oxygen uptake was evaluated by a specific equation. Groups were compared by Mann-Whitney test. The Spearman correlation index was applied to verify the relationship between cardiorespiratory fitness and the indicators of body adiposity. RESULTS: The adolescents with high cardiorespiratory fitness presented lower values of body fat than their peers with low cardiorespiratory fitness (p<0.05), with differences varying between 36 to 42% for boys and 14 to 33% for girls. Statistically significant negative and moderate correlations were noted between the indicators of cardiorespiratory fitness and the body adiposity for both genders, with the exception of body mass index. CONCLUSIONS: These results suggest that the body adiposity may have a negative influence on the cardiorespiratory fitness of adolescents of both genders.
  • Estado nutricional, hábitos alimentares e conhecimentos de nutrição em escolares Artigos Originais

    Bertin, Renata Labronici; Malkowski, Juliana; Zutter, Larissa Cristina I.; Ulbrich, Anderson Zampier

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Associar o estado nutricional com os hábitos alimentares e conhecimentos em nutrição de escolares da cidade Indaial, Santa Catarina. MÉTODOS: Foi avaliado o estado nutricional de 259 escolares com idades entre oito e dez anos, selecionados aleatoriamente dentre os alunos matriculados na 3ª e 4ª série da rede pública de ensino da cidade de Indaial, SC, no ano de 2009, fornecido pela Gerência Regional de Ensino. A avaliação e classificação do estado nutricional foram realizadas pelo índice de massa corpórea (IMC), sendo comparado às curvas propostas pela Organização Mundial da Saúde (2007). Os hábitos alimentares e conhecimentos em nutrição foram avaliados por meio de questionário autoadministrado e classificados pela somatória de pontos, que variou de sete a 28 pontos para hábitos alimentares (maus, bons e ótimos) e de zero a 12 pontos para os conhecimentos em nutrição (ruins, bons e ótimos). Realizou-se teste de qui-quadrado e regressão logística binária, sendo significante p<0,05. RESULTADOS: Dentre os 259 escolares avaliados, 63% eram eutróficos, 66% apresentavam hábitos alimentares adequados e 52% bons conhecimentos em nutrição. A obesidade associou-se significativamente aos bons hábitos alimentares. Os eutróficos, além de terem bons hábitos alimentares, tinham apropriados conhecimentos em nutrição. CONCLUSÕES: Os escolares analisados constituem um grupo saudável pela significativa presença de eutrofia, percebendo-se hábitos alimentares saudáveis e bons conhecimentos em nutrição nesses indivíduos. Os escolares obesos, apesar de relatarem bons hábitos alimentares devido ao conhecimento que possuem, não necessariamente o praticam.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To study the association between nutritional status with dietary habits and nutrition knowledge of students in the municipality of Indaial, in the Brazilian state of Santa Catarina. METHODS: This cross-sectional study evaluated the nutritional status of 259 children aged between eight and ten years old. Children were randomly selected among the 3rd and 4th grades students of elementary public schools of the city. The evaluation and classification of their nutritional status were based on the body mass index (BMI) and compared to growth charts proposed by the World Health Organization (2007). Dietary habits and nutrition knowledge were analyzed by a self-assessed questionnaire and classified in bad, good or excellent according to the obtained score. Statistical analysis included the chi-square test and binary logistic regression, being significant p<0.05. RESULTS: Among the 256 studied students, 63% had adequate weight for age, 66% good eating habits and 52% good nutritional knowledge. Obesity was significantly associated with good eating habits. The eutrophic students presented good eating habits and appropriate knowledge about nutrition. CONCLUSIONS: Most of the school students in the sample were healthy and presented a high prevalence of adequate weight as well as good dietary habits and nutritional knowledge. The obese children reported good knowledge about healthy habits, but do not necessarily practice them.
  • Importance of the social and familial context in the management of obese children Artigos Originais

    Tassara, Valéria; Norton, Rocksane Carvalho; Marques, Walter Ernesto U.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Aprofundar a compreensão das interações interpessoais das crianças obesas no contexto familiar e social. MÉTODOS: Foi utilizada uma metodologia qualitativa de pesquisa, adotando-se uma fundamentação teórico-metodológica apoiada na teoria sistêmica. Empregaram-se os seguintes instrumentos: entrevistas de aprofundamento; técnica do genograma e desenhos da imagem corporal. Os sujeitos da pesquisa foram crianças e seus familiares (pai, mãe e irmãos), atendidos pelo serviço de Nutrologia Pediátrica do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais. RESULTADOS: Evidenciaram-se os seguintes indicadores relevantes: segredos familiares das histórias de origem das figuras parentais; relação emaranhada mãe/filhos que indica certo distanciamento dos pais na relação com as crianças; fenômenos transgeracionais em seus aspectos biológicos e simbólicos da obesidade em três gerações dos grupos familiares estudados; mitos e lealdades familiares, os quais se apresentaram como um suporte da identidade pessoal e familiar no ser gordo. Os sinalizadores auxiliaram a compreender as dificuldades do processo de diferenciação dessas crianças, ou seja, a possibilidade de o emagrecimento ser vivenciado como uma ameaça aos processos de identidade do grupo familiar. CONCLUSÕES: Este estudo possibilitou demonstrar a importância de contextualizar a obesidade na infância, retirando a responsabilidade pelo problema da própria criança e deslocando-a para o contexto sociofamiliar. A prática desta pesquisa indicou outras possibilidades de intervenção, ressaltando a atuação interdisciplinar como postura profissional relevante para o tratamento da obesidade na infância.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: This study aimed to understand obese children's interpersonal interactions in family and social contexts. METHODS: A qualitative methodology of research was used and the methodological and theoretical support was based on the systemic theory. The following tools were applied: interviews, genogram technique and drawings regarding body image. The subjects of the research were children and their relatives (parents and siblings) assisted by the Pediatric Nutrology Service at the Clinical Hospital of the Federal University of Minas Gerais. RESULTS: The analysis showed the following relevant contents among children's perceptions: family secrets regarding the stories of parental figures' origins; distant relationship of the parents in relation to the children; transgenerational phenomena in their biologic and symbolic aspects of obesity in three generations of the studied family groups; family myths and loyalties, which supported the obesity identity in the family group. These indicators helped to understand the difficulties of the process of differentiation of these children, that is, the possibility that loosing weight may be seen as a threat to their identity process in the family groups. CONCLUSIONS: This study shows the importance of contextualizing obesity in childhood, shifting the focus away from the child's self-responsibility and widening it to encompass the social/family context, highlighting the interdisciplinary action as a relevant professional approach to treat obesity in children.
  • Avaliação antropométrica de crianças em creches do município de Bezerros, PE Artigos Originais

    Pinho, Cláudia Porto S.; Silva, Jeymison Emanoel M. da; Silva, Ana Carla G.; Araújo, Nayara Nagry A. de; Fernandes, Carolina Estevam; Pinto, Fernanda Cristina de L.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional de crianças matriculadas em creches da rede pública de ensino do município de Bezerros, Pernambuco. MÉTODOS: Estudo transversal que analisou os indicadores antropométricos de 735 crianças com idade entre um e sete anos (70% das matrículas do ano letivo de 2008 no município). Para classificação do estado nutricional, foram utilizados os índices estatura/idade (E/I) e peso/estatura (P/E), expressos em valores de escore Z com base na curva do CDC (2000). O software utilizado para análise dos dados foi o Epi-Info, versão 6,04. RESULTADOS: Das crianças estudadas, 53,7% eram do sexo masculino e 72,7% provenientes de creches situadas em área urbana. A avaliação nutricional apontou uma prevalência de déficit nutricional de 6,8 e 0,7% segundo os índices E/I e P/E, respectivamente. A prevalência de obesidade segundo o P/E foi de 6,1%. Houve maior prevalência de baixa estatura entre as crianças do sexo feminino e risco para baixa estatura para o sexo masculino. Não foram observadas diferenças no estado nutricional das crianças de creches de área urbana e rural. Das crianças com déficit de E/I, 10% apresentaram obesidade associada. Calculando-se a razão entre a prevalência de obesidade e déficit de P/I, verificou-se razão de 1,7:1, sendo 1,3:1 e 5:1 para as crianças do meio urbano e rural, respectivamente. CONCLUSÕES: A baixa estatura e a obesidade foram os distúrbios nutricionais mais prevalentes na população de estudo, com maior expressividade do processo de transição nutricional nas crianças de área rural.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To evaluate the nutritional status of children from day care centers of the public educational system in the municipality of Bezerros, Pernambuco, Brazil. METHODS: This cross-sectional study examined the anthropometric indicators of 735 children aged between one and seven years old, which accounted for 70% of the children enrolled at the educational system of Bezerros municipality in 2008. The indicators used for classification of the nutritional status were height/age (H/A), weight/age (W/A) and weight/height (W/H), all expressed as Z-score values. The software used for data analysis was the Epi-Info, version 6.04. RESULTS: In the studied group, 53.7% of the children were males and 72.7% were from day care centers located in the urban area. The nutritional assessment revealed a prevalence of nutritional deficit of 6.8 and 0.7% according to H/A and W/H, respectively. The prevalence of obesity according to the W/H was 6.1%. A nutritional risk for short stature was observed among males, and a higher prevalence of short stature was verified among female children. There were no differences between urban and rural day care centers in relation to children nutritional status. Obesity was associated to H/A deficits in 10% of the children. The ratio between the prevalence of overweight and deficit of W/A was 1.7:1, being 1.3:1 for children from the urban areas and 5:1 for those from rural areas. CONCLUSION: Short stature and obesity were the most prevalent nutritional disorders in the studied population. The nutritional transition process was more evident in children of rural area.
  • Therapeutic laser for pain relief after tonsillectomy Artigos Originais

    Neiva, Felipe Costa; Vieira, Fernando Mirage J.; Figueiredo, Claudia Regina; Stamm, Aldo Eden C.; Weckx, Luc Louis M.; Pignatari, Shirley Shizue N.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: O pós-operatório da tonsilectomia é, em geral, bastante doloroso e os pacientes necessitam de analgésicos. Este estudo visou avaliar a eficácia da aplicação do laser terapêutico no controle da dor no pós-operatório de tonsilectomia. MÉTODOS: 18 crianças de cinco a 15 anos de idade foram submetidas à adenotonsilectomia, no período de junho de 2005 a outubro de 2006, sendo randomizadas para receber aplicações de laser terapêutico na área cirúrgica imediatamente após o procedimento e 24 horas após a cirurgia (n=9) ou seguir a rotina, com analgesia farmacológica, se necessário. A avaliação da dor foi realizada por escala analógica de dor, pela necessidade de analgésicos e pela aceitação da dieta no pós-operatório. RESULTADOS: Os pacientes submetidos à aplicação do laser apresentaram medianas das notas da escala de avaliação da dor menores e utilizaram menos analgésicos no pós-operatório em comparação aos pacientes controles. A aceitação da dieta nos dois grupos não foi diferente. CONCLUSÕES: Os resultados preliminares mostraram que o laser terapêutico foi eficaz na diminuição da dor e na redução de uso de analgésicos no pós-operatório de tonsilectomias em crianças e adolescentes.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The postoperative period of a tonsillectomy is usually very painful, requiring the use of pain-relieving drugs. The aim of this study was to evaluate the efficacy of low-level laser therapy in post-tonsillectomy pain control. METHODS: 18 children aged 5 to 15 years undergoing adenotonsillectomy between June 2005 and October 2006 were randomized to receive either local application of therapeutic laser immediately after surgery and 24 hours postoperatively (n=9) or routine analgesic drug therapy, if necessary. Pain was assessed by visual analog scale scores, need for analgesics, and acceptance of diet during the postoperative period. RESULTS: Patients undergoing laser applications had lower median pain scores and required less analgesic medication postoperatively than the control group. Acceptance of diet was similar in both groups. CONCLUSIONS: Preliminary results showed that low-level laser therapy is effective in the reduction of post-tonsillectomy pain, minimizing the need of analgesic medication in children and adolescents.
  • Effects of copper, zinc and magnesium deficiency on the immune system of severely malnourished children Artigos de Revisão

    Macêdo, Érika Michelle C. de; Amorim, Marco Antônio F.; Silva, Alyne Cristine S. da; Castro, Célia Maria M. B. de

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Esclarecer as repercussões da deficiência de cobre, zinco e magnésio sobre o sistema imune de crianças desnutridas graves. FONTES DE DADOS: Foi realizada revisão bibliográfica mediante consulta às bases de dados Pubmed Medline, Lilacs e SciELO, selecionando-se publicações científicas recentes, da última década, e representativas do tema por meio dos descritores: desnutrição infantil, cobre, zinco, magnésio e sistema imune. SÍNTESE DE DADOS: Os micronutrientes são compostos orgânicos essenciais. Além de sua função regulatória, atuam de maneira decisiva na modulação da resposta imune. Sua deficiência pode ocorrer devido à ingestão inadequada ou associada a doenças específicas. Quando associada à desnutrição, a multideficiência de minerais pode acarretar disfunções imunológicas e aumento na suscetibilidade a infecções, afetando gravemente a eficácia de intervenções terapêuticas. Cobre, zinco e magnésio atuam como cofatores de enzimas responsáveis tanto por diversas atividades metabólicas como na resposta imune inata e adquirida, além do papel importante na maturação dos tecidos e células linfoides. Sua deficiência acarreta neutropenia e linfopenia, comprometendo a imunocompetência. CONCLUSÕES: As alterações ocasionadas pelos déficits séricos dos minerais cobre, zinco e magnésio comprometem o funcionamento do sistema imune, levando à imunossupressão. A reposição desses elementos no manejo da desnutrição grave, como preconizada pela Organização Mundial da Saúde, é essencial, uma vez que tais alterações podem ser reversíveis.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To report the effects of the deficiency of copper, zinc and magnesium on the immune system of severely malnourished children. DATA SOURCE: A literature review was performed by consulting the databases Pubmed Medline, Lilacs and SciELO, using the descriptors: child malnutrition, copper, zinc, magnesium and immune system. Representative studies published during the last decade were chosen. DATA SYNTHESIS: Micronutrients are essential organic compounds. Besides their regulatory function, the minerals act on the modulation of the immune response. Their deficiency may be due to inadequate intake or associated with specific diseases. When combined with malnutrition, a multimineral deficiency can cause immune dysfunction and increased susceptibility to infections, altering the effectiveness of therapeutic interventions. Copper, zinc and magnesium act as co-factors of both enzymes responsible for several metabolic activities and associated to the innate and acquired immune response. These minerals also play an important role in the maturation of lymphoid tissues and cells. Their deficiency causes neutropenia and lymphopenia, decreasing the immunocompetence. CONCLUSIONS: Deficits of serum copper, zinc and magnesium affect the function of the immune system, leading to immunosuppression. The replacement of these elements in the management of severe malnutrition, as recommended by the World Health Organization, is essential, since such changes may be reversible.
  • Dehydration and rehydration recommendations for physically active children Artigos de Revisão

    Rossi, Luciana; Reis, Vanessa Aparecida de B.; Azevedo, Camila Ortis E. de

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: A prática de exercícios físicos, devido à produção inerente de calor, pode conduzir à desidratação. A maioria dos estudos que abordam os riscos da desidratação e fornecem recomendações de reposição hídrica é direcionada a indivíduos adultos residentes em regiões de clima temperado, porém, em regiões tropicais, pouco é conhecido sobre as necessidades de reposição hídrica em crianças fisicamente ativas. Esta revisão discute as recomendações para esta população e estabelece os riscos da prática esportiva em ambiente de clima tropical. FONTES DE DADOS: Análise sistemática com levantamento da literatura nacional (SciELO) e internacional (Medline) de artigos publicados entre 1972 e 2009, com os seguintes descritores isolados ou em combinação: hidratação, crianças, desidratação e reposição hídrica. Foram selecionados artigos publicados nas línguas portuguesa e inglesa. SÍNTESES DE DADOS: Observou-se que há riscos de desidratação e possível desenvolvimento de um quadro de hipertermia principalmente se as crianças são submetidas a condições climáticas desfavoráveis sem reposição hídrica adequada. O principal fator desencadeante da hipertermia é a menor adaptação das crianças aos extremos de temperatura, em comparação aos adultos, por possuírem área maior de superfície corporal e capacidade menor de termorregulação por evaporação. CONCLUSÕES: Conhecidos os fatores intervenientes da desidratação, a melhor recomendação, perante uma condição climática sabidamente desfavorável, é estabelecer um plano impositivo de hidratação com bebida com sabor e acréscimo de carboidratos e sódio, evitando-se uma perda hídrica significativa, diminuição da performance e, principalmente, com o objetivo de reduzir os riscos à saúde impostos pela hipertermia e desidratação a crianças fisicamente ativas.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The practice of physical exercises leads to dehydration due to heat production. Most studies that address the risks of dehydration and provide recommendations for restoring water are directed to adults living in temperate climate regions, but little is known about the needs of restoring water to physically active children in tropical regions. This review discusses the recommendations for this population and the risks of sports practice in tropical climate areas. DATA SOURCE: Systematic analysis of the national (SciELO) and international (Medline) literature from 1972 to 2009, with the following keywords, alone or in combination, in Portuguese and English: hydration, children, dehydration and water replacement. DATA SYNTHESIS: There are risks related to dehydration and possible development of hyperthermia especially in adverse weather conditions without adequate fluid replacement. The main trigger for hyperthermia is that, compared to adults, children are less able of adapting to extremes of temperature due to their higher body surface area and lower capacity of thermoregulation by evaporation. Studies on this subject are scarce in face of the questions still open. CONCLUSIONS: Once dehydration factors are known, the best recommendation to aggressive climatic conditions is to establish a replacement program using flavored hydration beverage added with carbohydrates and sodium in order to avoid significant water losses and reduced performance, and to decrease health risks posed by hyperthermia and dehydration to physically active children.
  • Antenatal corticosteroids and intraventricular hemorrhage Artigos de Revisão

    Vinagre, Luis Eduardo de F.; Marba, Sérgio Tadeu M.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Realizar uma revisão bibliográfica sobre o uso antenatal do corticosteroide na prevenção da hemorragia peri-intraventricular. FONTES DE DADOS: Levantamento bibliográfico por meio do Pubmed e SciELO abrangendo os últimos 20 anos. Foram utilizadas as palavras chaves no idioma inglês: "cerebral hemorrhage", "steroids" e "newborn, infant". SÍNTESES DE DADOS: A hemorragia peri-intraventricular é uma importante patologia nos prematuros, sobretudo nos menores de 34 semanas, devido a suas graves sequelas neurológicas. Uma vez ocorrido o sangramento, não há tratamento específico. Desta forma, a prevenção torna-se o maior objetivo das pesquisas. O resultado da meta-análise de estudos randomizados demonstrou que o corticosteroide antenatal reduz a mortalidade e a incidência da doença de membrana hialina e da hemorragia peri-intraventricular. O efeito protetor na redução do risco da hemorragia peri-intraventricular não está completamente esclarecido. Além de acelerar a maturidade pulmonar, o corticosteroide antenatal estimula a maturação da microvasculatura da matriz germinativa, promove o espessamento da membrana basal, acelera a formação proteica nas junções firmes e estabiliza o fluxo sanguíneo cerebral. Também melhora as condições de nascimento dos fetos pré-termo. CONCLUSÕES: O uso antenatal do corticosteroide associado à implementação de melhores práticas de atendimento ao prematuro tem sido responsável pela evidente redução dos índices dessa doença. Apesar de comprovada eficácia e segurança, não é amplamente utilizado. Medidas devem ser tomadas para estimular seu uso como prática rotineira no atendimento de gestantes com risco de parto prematuro.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To conduct a literature review on the use of antenatal corticosteroids for the prevention of peri-intraventricular hemorrhage. DATA SOURCE: Bibliography search in Pubmed and SciELO databases covering the past 20 years using the following key-words: "cerebral hemorrhage", "steroids" and "newborn infant". DATA SYNTHESIS: The peri-intraventricular hemorrhage is an important disease of preterm infants, especially those with less than 34 weeks, due to its serious neurological sequelae. Once the bleeding occurs, there is no specific treatment. Thus, prevention becomes the main goal of the research. Meta-analysis of randomized studies showed that antenatal corticosteroids reduce mortality and the incidence of hyaline membrane disease and peri-intraventricular hemorrhage. The physiologic basis for this protective effect in reducing the risk of peri-intraventricular hemorrhage is not completely clear. Besides accelerating lung maturity, antenatal steroids stimulate the maturation of the microvasculature of the germinal matrix, promote the thickening of the basement membrane, accelerate the formation of protein in tight functions and stabilize the cerebral blood flow. They also improve the birth conditions of preterm babies. CONCLUSIONS: The use of antenatal corticosteroids associated with implementing best practices to assist preterm infants reduces the frequency of peri-intraventricular hemorrhage. Despite its proven efficacy and safety, it is not widely used. Measures should be taken to encourage its use as a routine practice in the care of pregnant women at risk of premature birth.
  • Protein-energy malnutrition during hospital stay: physiopathology and treatment Artigos de Revisão

    Lima, Adriana Martins de; Gamallo, Silvia Maria M.; Oliveira, Fernanda Luisa C.

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Apresentar a conduta para o tratamento da desnutrição energético-proteica grave e os principais aspectos fisiopatológicos da doença. FONTES DE DADOS: Tomando como base o Manual da Organização Mundial da Saúde (OMS, 1999), realizou-se uma busca por trabalhos publicados em inglês, espanhol e português sobre o tratamento hospitalar de crianças com desnutrição grave, nas bases de dados Lilacs, Medline e SciELO, publicados nos últimos dez anos, utilizando-se as palavras-chave: desnutrição, criança, hospitalização, terapia nutricional, diretrizes, OMS. SÍNTESE DE DADOS: Foram abordadas as principais características fisiopatológicas da desnutrição grave e a conduta recomendada para o tratamento. Identificaram-se as principais complicações clínico-metabólicas, como a hipotermia, a hipoglicemia, a desidratação e as infecções recorrentes, além da má absorção e a fase de estabilização ou de recuperação do desnutrido grave. A compreensão de todos esses conceitos relacionados à fisiopatologia da desnutrição energético-proteica, associada ao adequado planejamento e execução da terapia nutricional, pode reduzir o risco de morbimortalidade em crianças com idade inferior a cinco anos. CONCLUSÕES: As diretrizes da OMS devem ser implantadas levando-se em consideração a realidade de cada região e a capacitação do profissional da saúde quanto ao conhecimento da complexidade e fisiopatologia da desnutrição energético-proteica grave, para adequado diagnóstico e tratamento. O sucesso do tratamento está associado ao cuidado e à atenção ao paciente.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To identify the main physiopathological aspects of severe protein-energy malnutrition and its treatment. DATA SOURCE: Based on the World Health Organization guidelines (WHO, 1999), an electronic search for papers on hospital treatment of children with severe malnutrition was performed on Lilacs, Medline and SciELO databases. Studies in English, Spanish and Portuguese published in the last ten years were searched by the following key-words: malnutrition, child, hospitalization, nutrition therapy, practice guidelines, WHO. DATA SYNTHESIS: The main pathological aspects of severe malnutrition and its specific treatment were reviewed. The main clinical and metabolic complications of severe malnutrition were identified such as hypothermia, hypoglycemia, dehydration, usual infections, intestinal malabsorption, as well as stabilization and recovery phases, were defined. Understanding the main concepts of the physiopathology of this condition, associated with appropriate nutrition support planning, can decrease morbidity and mortality risks of children younger than five years old. CONCLUSIONS: The implementation of the 1999 WHO guidelines should take into consideration local economic and cultural aspects, as well as the professional health care training. Due to the complexity of severe malnutrition, adequate knowledge about basic aspects of this condition helps providing adequate diagnosis and treatment.
  • Chronic granulomatous disease: diagnosis on the first infection episode Relatos de Caso

    Bonilha, Luís Roberto C. M.; Cogo, Geraldo Roberto; Condino Neto, Antonio; Oliveira Júnior, Edgar Borges de; Pieri, José Vicente B. de; Tonello, César Carvalho; Cogo, Lourdes Josefina R.; Martins, João Luiz D.; Verri, Luís Alberto

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Relatar caso ilustrativo de doença granulomatosa crônica cujo diagnóstico ocorreu durante o aparecimento do primeiro episódio infeccioso, colaborando com a iniciativa do Brazilian Group for Immunodeficiency para a sensibilização do pediatra geral em relação ao diagnóstico precoce das imunodeficiências primárias, o que está associado a melhor qualidade de vida e maior sobrevida desses indivíduos. DESCRIÇÃO DE CASO: Paciente do sexo masculino, 39 dias de vida, admitido em pronto-socorro pediátrico por febre alta há cinco dias e irritabilidade. No dia seguinte, observou-se abscesso cervical, isolando-se Staphylococcus aureus comunitário. Durante a internação, ocorreram outros abscessos superficiais e em cadeias ganglionares profundas, além de resposta lenta aos antimicrobianos. Solicitou-se investigação para imunodeficiências, que confirmou a hipótese de doença granulomatosa crônica por quantificação dos ânions superóxido e teste de redução do nitrobluetetrazolio. Paciente foi encaminhado a serviço especializado, no qual identificou-se doador de medula óssea compatível, realizando-se o transplante seis meses após o diagnóstico. Quatro meses após o transplante, ocorreu normalização do burst oxidativo, indicando sucesso. COMENTÁRIOS: O paciente mostrou apresentação típica da doença, o que permitiu seu diagnóstico por pediatras gerais já na primeira infecção, tendo como consequência o acompanhamento por especialistas em imunodeficiências primárias, a introdução da profilaxia antimicrobiana e a procura bem sucedida de doador de medula HLA-compatível.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To report a case of chronic granulomatous disease diagnosed during the first infectious episode in order to collaborate with the Brazilian Group for Immunodeficiency, in sensitizing the general pediatrician that the early diagnosis of primary immunodeficiency results in better quality of life and longer life expectancy for the patients. CASE DESCRIPTION: Male patient, 39 days, admitted to the pediatric emergency ward with fever for the last five days and irritability. On the following day, a cervical abscess was noted and a community Staphylococcus aureus was isolated. During hospital stay, other abscesses were observed in the skin and in the deep ganglia chains, with a slow response to antibiotics. Investigation of immunodeficiency was requested and chronic granulomatous disease was confirmed by quantification of superoxide anions and nitrobluetetrazolium tests. The patient was transferred to a specialized clinic for bone marrow transplantation, performed six months after diagnosis. Four months afterwards, the normalization of oxidative burst was noted, indecating the success of the transplantation. COMMENTS: The patient showed a typical presentation of the disease, which allowed its diagnosis by general pediatricians on the first infection, allowing the follow-up by experts in primary immunodeficiencies, the introduction of antimicrobial chemoprophylaxis, and the successful search for an HLA-compatible bone marrow donor.
  • Phenotypical variability in supernumerary chromosome der(22)t(11;22) syndrome (Emanuel syndrome) Relatos de Caso

    Rosa, Rafael Fabiano M.; Pfeil, Juliana Nunes; Zen, Paulo Ricardo G.; Rosa, Rosana Cardoso M.; Graziadio, Carla; Paskulin, Giorgio Adriano

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Relatar dois pacientes com a síndrome de Emanuel (SE) ou cromossomo supernumerário der(22)t(11;22), secundária a translocações balanceadas familiares, apresentando fenótipos distintos. DESCRIÇÃO DE CASO: O primeiro paciente é uma menina branca de cinco anos de idade, apresentando hipotonia, atraso no desenvolvimento neuropsicomotor, movimentos estereotipados, microcefalia, ptose palpebral, orelhas proeminentes, fossetas e apêndices pré-auriculares, e imperfuração anal. As avaliações adicionais identificaram hipoplasia cerebral e estenose da válvula pulmonar. Possuía história também de laringotraqueomalácia e fenda palatina. O segundo paciente é um menino branco de seis meses de idade com hipotonia, movimentos coreoatetóticos, déficit de crescimento, microcefalia, microssomia hemifacial, fenda palatina, microtia, apêndices pré-auriculares e polegares proximalmente implantados. A ecocardiografia demonstrou estenose da válvula pulmonar, comunicação interatrial e interventricular, persistência do canal arterial e da veia cava superior esquerda. A radiografia de tórax identificou uma costela cervical. O cariótipo por bandas GTG mostrou a presença, em ambos os pacientes, de um cromossomo adicional der(22)t(11;22), secundário a uma translocação balanceada materna no primeiro caso e paterna no segundo caso. COMENTÁRIOS: Apesar de a primeira paciente apresentar achados frequentes da SE, o caso adicional representa a segunda descrição da literatura com um fenótipo de espectro óculo-aurículo-vertebral (EOAV). Assim, ambos salientam a variabilidade clínica observada na SE e a importância da avaliação cariotípica em indivíduos com fenótipo de EOAV.

    Abstract in English:

    OBEJECTIVE: To report two patients with Emanuel syndrome (ES) or supernumerary chromosome der(22)t(11;22), secondary to familial balanced translocations, presenting distinct phenotypes. CASES DESCRIPTION: The first patient was a five-year-old white girl presenting hypotonia, neuropsychomotor delay, stereotypic movements, microcephaly, ptosis, prominent ears, preauricular pits with skin tag, and imperforate anus. Additional evaluations identified cerebral hypoplasia and pulmonar valvar stenosis. She also had laryngotracheomalacia and cleft palate. The second patient was a six months white boy with hypotonia, choreoatetotic movements, growth retardation, microcephaly, hemifacial microsomia, cleft palate, microtia, preauricular skin tags and thumbs proximally placed. Echocardiography disclosed pulmonary valvar stenosis, interatrial and ventricular septal defects, patent ductus arteriosus and persistence of left upper vein cava. Radiography study of thorax identified a cervical rib. GTG-Banding karyotype showed, in both patients, a supernumerary chromosome der(22)t(11;22) secondary in the first case to a maternal balanced translocation and in the second one to a paternal translocation. COMMENTS: The first patient presented frequent features of ES, but the second one is the second description in the literature of a phenotype of oculo-auriculo-vertebral spectrum (OAVS). Thus, both patients highlight the clinical variability observed in ES and the importance of the karyotype analysis in patients with OAVS phenotype.
  • Motor outcome in a patient with mucopolysaccharidosis type 1 Relatos de Caso

    Iwabe, Cristina; Frezzato, Renata Camargo; Nogueira, Ana Lívia

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Relatar os aspectos funcionais de uma criança com mucopolissacaridose tipo 1, descrevendo suas principais alterações após breve tratamento fisioterapêutico. DESCRIÇÃO DE CASO: Criança com 34 meses, portadora de mucopolissacaridose tipo 1 iniciou tratamento fisioterapêutico, duas vezes por semana, durante 50 minutos, sendo avaliada mensalmente por meio das atividades propostas pela Escala de Desenvolvimento Motor (EDM), que analisa a motricidade fina e global, o equilíbrio, o esquema corporal e a organização temporal e espacial. Na primeira avaliação, a criança apresentava-se com 34 meses de idade cronológica e 18 meses de idade motora geral, com melhor pontuação no item organização espacial, segundo a EDM. Após quatro meses, a idade motora geral era de 20 meses; porém, houve melhora da motricidade global. COMETÁRIOS: A análise das atividades funcionais do paciente relatado demonstrou atraso no desenvolvimento motor. A intervenção terapêutica possibilitou evolução favorável, principalmente na motricidade global, mesmo tratando-se de um portador de doença evolutiva.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To report the functional aspects of a child with mucopolysaccharidosis type 1 and to describe its main dysfunctions after a brief physiotherapy intervention. CASE DESCRIPTION: A 34 months old child with mucopolysaccharidosis type 1 started a physiotherapy treatment twice a week (50 minutes each session). Her motor skills were monthly evaluated by the Motor Development Scale (MDS), which analyzes fine and global motor skills, balance, body schema and temporal and spatial organization. In the first evaluation, the child had 34 months of chronological age and 18 months of global motor age, with better performance in spacial organization, according to MDS. After four months, the child had 20 months of general motor age; however, the global motor skills improved. Comments: The analysis of the patient's functional activities showed motor delay. The therapeutic intervention allowed favorable outcome, mainly in the global motor skills, even considering the presence of a progressive disease.
  • Imperforate anus associated with partial sacral agenesis and presacral lipoma: Currarino syndrome Relatos de Caso

    Zen, Paulo Ricardo G.; Moraes, Felipe Nora de; Lorenzen, Marina Boff; Rosa, Rafael Fabiano M.; Graziadio, Carla; Franciosi, Luiz Eduardo; Paskulin, Giorgio Adriano

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Relatar o caso de uma criança com síndrome de Currarino diagnosticada após avaliação por episódios recorrentes de infecção urinária. DESCRIÇÃO DE CASO: Menina branca de dois anos, única filha de pais hígidos e sem história familiar de defeitos congênitos. A criança nasceu com imperfuração anal e com fístula retovestibular diagnosticadas no primeiro dia de vida. Por volta dos sete meses, começou a apresentar episódios recorrentes de infecção urinária, estabelecendo-se o diagnóstico de bexiga neurogênica. Na mesma ocasião, foi constatada a presença de agenesia parcial do sacro. A avaliação pela tomografia computadorizada e ressonância nuclear magnética de coluna identificou presença de fístula coincidente com a fosseta da transição lombo-sacral, observada ao exame físico; amputação da porção inferior da medula, com diminuição do número de raízes nervosas da cauda equina e massa pré-sacral de aspecto lipomatoso. Esta foi confirmada durante a cirurgia de correção do ânus imperfurado. A criança não apresentava outras dismorfias e a avaliação radiológica dos pais não identificou anormalidades sacrais. COMENTÁRIOS: A síndrome de Currarino é uma doença genética autossômica, dominante e rara caracterizada pela tríade formada por atresia anal, agenesia parcial do sacro e tumoração pré-sacral. Inclui teratomas, meningoceles, cistos entéricos e lipomas, como observado em nossa paciente. Crianças apresentando anormalidades anorretais deveriam ser sempre cuidadosamente avaliadas quanto à presença da síndrome de Currarino. A agenesia parcial do sacro é um forte indicativo da doença.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To report a patient with Currarino syndrome diagnosed after evaluation for recurrent urinary infections. CASE DESCRIPTION: This is a Caucasian two-year-old girl, the only daughter of healthy unrelated parents with no family history of congenital defects. The patient was born with imperforate anus and recto-vestibular fistula diagnosed in the first day after birth. At seven months of age, she started to present episodes of recurrent urinary infections and received a diagnosis of neurogenic bladder. At the same time, partial sacral agenesis was noted. Magnetic resonance imaging and computed tomography scan of the spine identified the presence of a fistula coincident with the lombo-sacral dimple described at clinical examination, amputation of the lower portion of the spinal cord with reduced number of nervous roots of the caudus equinus and lipomatous presacral mass. The patient did not present other dysmorphia. Parental radiologic evaluation did not identify sacral abnormalities. COMMENTS: Currarino syndrome is a rare autosomal dominant genetic disease characterized by the triad composed of anal atresia, partial sacral agenesis and presacral tumor. It includes, among others, teratomas, meningoceles, enteric cysts and lipomas, as observed in our patient. Children presenting anorectal abnormalities should be evaluated regarding the presence of Currarino syndrome. The partial sacral agenesis is a major sign of this disease.
  • Protein-energy malnutrition: a serious condition that still haunts the hospital context Carta ao Editor

    Malafaia, Guilherme
  • Consentimento informado no atendimento pediátrico Carta ao Editor

    Constantino, Clóvis Francisco
Sociedade de Pediatria de São Paulo R. Maria Figueiredo, 595 - 10o andar, 04002-003 São Paulo - SP - Brasil, Tel./Fax: (11 55) 3284-0308; 3289-9809; 3284-0051 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: rpp@spsp.org.br