Enunciar-se, organizar-se, controlar-se: modos de subjetivação feminina no dispositivo da maternidade

Enunciating, organising and controlling oneself: modes of female subjectivation

Objetiva analisar de que maneira o dispositivo da maternidade é organizado na mídia de forma a produzir modos de subjetivação feminina específicos. Com base em um referencial foucaultiano, caracteriza enunciar-se, organizar-se e controlar-se como técnicas de si efetuadas pelos sujeitos-mãe. Assim, realiza uma análise discursiva de dois conjuntos de materiais: um, composto por reportagens das revistas Veja e Caras, de 1992 a 2002, sobre "mães-famosas" (Cássia Eller, Luciana Gimenez, Vera Fischer e Xuxa); e outro, composto pela revista Crescer, no período de janeiro de 2001 a julho de 2002. Mostra como esse dispositivo organiza essas técnicas de si de modo a criar uma lógica em que o indivíduo-mãe é convidado a voltar-se para si mesmo e considerar que cuidar de si é cuidar do outro (seu filho), e no sentido de levar os indivíduos-mãe a se reconhecerem como objetos visíveis a si mesmos e a se enunciarem como sujeitos transformados pela prática materna.

dispositivo; maternidade; mídia; modos de subjetivação


ANPEd - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação Rua Visconde de Santa Isabel, 20 - Conjunto 206-208 Vila Isabel - 20560-120, Rio de Janeiro RJ - Brasil, Tel.: (21) 2576 1447, (21) 2265 5521, Fax: (21) 3879 5511 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: rbe@anped.org.br