• Composição e diversidade da fauna de aranhas (Arachnida, Araneae) da Fazenda Nazareth, Município de José de Freitas, Piauí, Brasil Artigos

    Carvalho, Leonardo Sousa; Avelino, Marcelo Thiago Lima

    Abstract in Portuguese:

    Quatro fitofisionomias do Bioma Cerrado (mata dos cocais, mata seca semi-decídua primária, mata seca semi-decídua secundária e cerrado típico) na Fazenda Nazareth (Município de José de Freitas, Piauí) foram amostradas utilizando-se guarda-chuva entomológico e armadilhas de queda. Os indivíduos coletados a partir do protocolo estruturado e aqueles coletados previamente na área de estudo (amostragens ocasionais com armadilhas de interceptação e queda) foram identificados unificadamente. Um total de 1215 aranhas, 40 famílias e 114 espécies foram amostradas. Somente 38 espécies foram amostradas no durante o inventário padronizado. As curvas de riqueza de espécies estimadas variaram entre 47 (Bootstrap) e 124 (Chao2) espécies. A mata seca semi-decídua secundária exibiu maior abundância de aranhas (221 indivíduos) e riqueza em espécies (19 spp.). Este é o primeiro estudo comparando estas fitofisionomias, comuns no Norte do Piauí, e indubitavelmente ameaçadas pelo avanço da agricultura no estado. A riqueza em espécies de aranhas encontrada na Fazenda Nazareth é a segunda maior registrada para o Estado do Piauí.

    Abstract in English:

    Four Cerrado Biome phytophysiognomies (palm tree woodlands, primary semi-deciduous dry forest, secondary semi-deciduous dry forest and Cerrado stricto sensu), at Nazareth Farm (Municipality of José de Freitas, State of Piauí) were sampled using beating tray and pitfall traps. All the collected individuals during the structured protocol and those previously collected in the study area (occasional sampling with pit-fall traps with drift fences) were identified together. A total of 1215 spiders, 40 families and 114 species were sampled. Only 38 species were sampled during the structured inventory. The estimate species richness curves reached from 47 (Bootstrap) to 124 (Chao2) species. The secondary semi-deciduous dry forest harbored the highest spider abundance (n = 221) and species richness (19 spp.). This is the first study to compare these vegetation types, too characteristic in the North of Piauí, and assuredly threatened by the agricultural advance in this state. The spider species richness found at Nazareth Farm is the second higher recorded from Piauí.
  • Primeiro registro e aspectos ecológicos de Hoplerythrinus unitaeniatus (Agassiz, 1829) (Characiformes, Erythrinidae) como espécie introduzida na Bacia do Rio dos Sinos, RS, Brasil Artigos

    Leal, Mateus Evangelista; Klein, Greice Francisco; Schulz, Uwe Horst; Albornoz, Pablo Lehmann

    Abstract in Portuguese:

    A espécie Hoplerythrinus unitaeniatus é conhecida popularmente como jeju ou aimara. Possui ampla distribuição geográfica, ocorrendo em diversas bacias hidrográficas da América Central e do Sul, com sua localidade tipo, o Rio São Francisco. No Brasil o registro mais ao Sul da espécie é a bacia do Rio Uruguai, Rio Grande do Sul. O presente estudo reporta a primeira ocorrência de H. unitaeniatus no Sistema da Laguna dos Patos, Região Hidrográfica do Guaíba, Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. A captura ocorreu em um banhado adjacente ao Rio dos Sinos no Município de São Leopoldo (29° 44' 14,04" S e 51° 05' 11,08" W). Dois exemplares foram coletados com redes de arrasto em maio de 2008. Um dos espécimes foi anestesiado com 2-phenoxy-ethanol, fixado em formalina 10%, identificado e incluído na coleção de peixes do Museu de Ciências e Tecnologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. O segundo espécime foi mantido vivo em aquário durante dez meses, vindo a óbito por debilidade devido a infestação por Lernaea cyprinacea (Crustacea, Copepoda). A presença de lérnea e a facilidade de criação em cativeiro da espécie fazem factível pensar que os peixes escaparam de alguma piscicultura da região. A captura acidental não reflete na proliferação de uma população auto-sustentável, mas direciona à falta de fiscalização para a criação e comercialização de espécies alóctones e exóticas, que futuramente tendem a gerar a homogeneização da biota aquática.

    Abstract in English:

    Hoplerythrinus unitaeniatus is popularly known as jeju or aimara. Widely distributed, occurs in many Central and South America basins, with the São Francisco River as type locality. In Brazil, the southernmost record of the species is the Uruguay River, Rio Grande do Sul State. This study reports the first record of H. unitaeniatus in the Patos Lagoon system, Guaiba hydrographic region, state of Rio Grande do Sul, Brazil. The capture occurred in a floodplain adjacent of the Sinos River near São Leopoldo city (29° 44' 14.04" S and 51° 05' 11.08" W). Two specimens were collected with drag net in May 2008. One specimen was anesthetized with 2-phenoxy-ethanol solution, fixed in formalin 10%, identified and included in the Museu de Ciências e Tecnologia da Pontífícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul fish collection. The second specimen was kept alive in aquarium. After ten months it died of Lernaea cyprinacea (Crustacea, Copepoda) infestation. The presence of Lernaea and ease of captive breading of this species support the hypothesis that the collected fish escaped from regional fish farms. The accidental capture does not necessarily reflect a self-sustaining population, but shows the absence of supervision on breeding and marketing of non-native species, which may lead to a homogenized aquatic community.
  • Fish diet from Manacapuru Big Lake complex (Amazon): a approach starting from the traditional knowledge Articles

    Rebelo, Sérgio Roberto Moraes; Freitas, Carlos Edwar de Carvalho; Soares, Maria Gercilia Mota

    Abstract in Portuguese:

    No Amazonas a pesca é uma das principais atividades econômicas e de maior valor tradicional para as comunidades ribeirinhas da região. Estas têm conhecimentos sobre a bioecologia dos peixes que exploram, pois praticam a atividade pesqueira diariamente, o que torna esse conhecimento fortalecido ao longo das gerações. O estudo tem por objetivo verificar se o conhecimento tradicional dos pescadores ribeirinhos, sobre a dieta alimentar de tambaqui, tucunaré, pacu, acará-açú, curimatã, aruanã, matrinxã, piranha e pirapitinga, é similar com aquele levantado em laboratório. Para tal, foram realizados em comunidades dos lagos Jaitêua e São Lourenço no complexo Lago Grande de Manacapuru, no período agosto de 2006 a outubro de 2008, questionários sobre os alimentos dos peixes, aplicados a 62 pescadores. O estudo aponta um detalhado conhecimento dos pescadores acerca da alimentação dos 9 tipos de peixes que são similares, no período de cheia, com os resultados obtidos em laboratório e em pesquisas literárias durante esta investigação. O estudo conclui que o conhecimento dos pescadores do Lago Grande é de fundamental importância para o entendimento da biologia pesqueira e podem ser usados como subsídios para políticas de manejo da pesca em lagos de várzeas quando agregados ao conhecimento científico.

    Abstract in English:

    In the Amazon fishing is one of the main economic activities and higher value to traditional riverine communities of the region. Considering this importance is to suppose that the riverine populations have knowledge about fish fauna explores for them, because their forming culture that maintain a strait relationship with natural resources. This study aim to elevate the traditional knowledge of the fishermen from the riverine communities in the Big Lake Complex about the fish alimentary diet caught for commercialization and consumption. This study was realized in the Manacapuru Big Lake Complex through interview jointed with 62 fishermen. The results presents a detailed knowledge about the tambaqui, tucunaré, pacu, acará-açú, curimatã, aruanã, matrinxã, piranha and pirapitinga fish feeding compatible with the laboratory analyzes and with the specifics literature. Finally the traditional ecological knowledge from the fishermen about the fish ecology in the Big Lake must be used as a subsidy study of lakes management, establishing in this way, an information resource for scientific works at the same time to minimize the cost with a long research.
  • The role of avian frugivores on germination and potential seed dispersal of the Brazilian Pepper Schinus terebinthifolius Articles

    D'Avila, Graziele; Gomes-Jr, Antonio; Canary, Ana Carolina; Bugoni, Leandro

    Abstract in Portuguese:

    As aves frugívoras desempenham papel chave na dispersão de sementes e no estabelecimento de uma ampla gama de espécies de plantas, incluindo espécies invasoras como a Aroeira-vermelha Schinus terebinthifolius. O potencial de dispersão das sementes de Aroeira-vermelha pelas aves com diferentes tipos de comportamentos alimentares foi estudado através de testes de viabilidade de sementes e experimentos de germinação de sementes obtidas de aves em campo e de aves mantidas em cativeiro. Demonstrou-se que as sementes coletadas após a passagem pelo trato digestório de cinco espécies de aves em campo tiveram proporção de germinação mais alta e taxas de germinação semelhantes aos controles. A viabilidade das sementes ingeridas por Thraupis bonariensis, o qual mandibula as sementes antes de ingeri-las foi significativamente inferior ao controle, enquanto a redução na viabilidade das sementes ingeridas por Turdus amaurochalinus não foi significante. Sementes ingeridas por aves em cativeiro germinaram antes que seus controles, entre 1 e 2 semanas, e tiveram proporção e taxa de germinação mais altas que o controle. Provavelmente ambos os efeitos, químico e mecânico, desempenham papel no aumento da germinação das sementes. No Brasil, tanto a Aroeira-vermelha quanto as aves frugívoras estudadas evoluíram juntas, e foi demonstrado neste estudo a dependência que a aroeira tem das aves frugívoras para sua dispersão, semelhante a outros países onde esta árvore é dependente de espécies de aves nativas ou introduzidas para sua dispersão. Estes resultados têm importantes implicações para a recuperação de áreas alteradas por atividades antropogênicas na América do Sul, onde a Aroeira-vermelha é uma espécie pioneira nativa, assim como para o manejo e recuperação de áreas invadidas pela espécie em outros locais do planeta.

    Abstract in English:

    Frugivorous birds play a key role in seed dispersal and establishment of a range of plant species, including invasive weeds, such as the Brazilian Pepper Schinus terebinthifolius. The potential of seed dispersal of Schinus by birds with varied feeding behaviours was studied through seed-viability tests and germination experiments using seeds obtained from birds in the field and birds kept in captivity. It was found that seeds collected after gut passage in five bird species in the field had higher proportion of germination as well as higher germination rates compared to the control seeds. Viability of seeds ingested by the Blue-and-yellow Tanager Thraupis bonariensis, which mandibulates seeds before ingesting, was significantly lower than control seeds, while reduction in viability of seeds ingested by the Creamy-bellied Thrush Turdus amaurochalinus was nonsignificant. Seeds ingested by birds in captivity germinated earlier than the control seeds, within 1-2 weeks, and had proportion and germination rates higher than controls. Probably both mechanical and chemical effects play a role in enhancing germination of seeds. In Brazil where both Schinus and avian frugivores had evolved together, the dependence of Schinus on generalist frugivores had been demonstrated in this study, similar to other countries where the invasive Schinus is dependent on native or introduced avian species for its spreading. This finding has important implications for the restoration of human-altered areas in South America, were Schinus is a native pioneer species, as well as for the management and restoration of areas invaded by Schinus elsewhere.
  • Ecologia e ontogenia da alimentação de Astyanax janeiroensis (Osteichthyes, Characidae) de um riacho costeiro do Sudeste do Brasil Artigos

    Mazzoni, Rosana; Nery, Lívia Lourenço; Iglesias-Rios, Ricardo

    Abstract in Portuguese:

    No presente trabalho tivemos como objetivo descrever as variações espaço-temporais e ontogenéticas da dieta de Astyanax janeiroensis do Rio Ubatiba, um riacho costeiro da Serra do Mar. Analisamos o conteúdo gástrico de 540 exemplares capturados mensalmente, durante 12 meses, em seis localidades, sendo três com cobertura (localidade fechada) vegetal e três sem cobertura (localidade aberta). Verificamos que A. janeiroensis é uma espécie onívora, com dieta essencialmente baseada em itens autóctones, majoritariamente de origem vegetal. O coeficiente intestinal da espécie foi estimado em 0,74 (+ 1,2) que é um valor compatível com o hábito alimentar onívoro. Não foram registradas diferenças na dieta dos exemplares coletados durantes as estações seca e chuvosa. No entanto, foram registradas diferenças na dieta dos exemplares coletados nas localidades aberta e fechada. Nas localidades fechadas houve predominância quase absoluta de itens autóctones, enquanto nas localidades abertas houve participação equivalente dos itens alóctones e autóctones. Registramos que os exemplares jovens e adultos diferem no consumo dos itens animais e vegetais com redução relativa do consumo e animais entre os adultos. Os valores do coeficiente intestinal dos jovens foram superiores aos dos adultos, corroborando os resultados da dieta.

    Abstract in English:

    In the present work we aimed to describe the spatio-temporal and ontogenetic variations of Astyanax janeiroensis diet in Ubatiba stream, a coastal fluvial system from Serra do Mar. We analyzed 540 specimens collected monthly during twelve months in six sites differing in the degree of vegetal cover (opened and closed sites). We verified that A. janeiroensis is an omnivorous species whose diet is largely based on autochthonous items. The estimated intestinal coefficient was 0.74 (+ 1.2), being compatible with an omnivorous behavior. We did not register differences in the diet from dry and rainy seasons. Nonetheless, we found differences in the diet from opened and closed sites. We registered quite absolute predominance of autochthonous items in the diet from the closed sites, whereas, in the opened ones we found similar ingestion of alo and autochthonous items. Concerning juveniles and adult specimens, we found differences in the consumption of animal and vegetal items with a relative reduction of animal ingestion among adult specimens. The intestinal coefficient of adult specimens was higher than that of juveniles, corroborating the diet results.
  • Caracterização da flora e estrutura do estrato arbustivo-arbóreo de um cerrado no Pantanal de Poconé, MT Artigos

    Costa, Cândida Pereira da; Cunha, Cátia Nunes da; Costa, Silmara Cardoso

    Abstract in Portuguese:

    Em áreas úmidas, como o Pantanal, a composição florística e estrutura comunitária respondem principalmente ao pulso de inundação. E para o entendimento das espécies que adentram esse bioma, essas comunidades de plantas precisam ser descritas florística e estruturalmente. O presente estudo teve como objetivos: caracterizar a composição florística e a estrutura da vegetação sobre uma cordilheira na região do Pirizal, Município de Nossa Senhora do Livramento ,MT; definir o tipo de vegetação e determinar se há maior grau de semelhança florística entre a vegetação estudada com outras áreas de cerrado s s. ou de cerradão do Centro-Oeste brasileiro. Foram alocadas 102 parcelas contíguas 20 x 5 m distribuídas sistematicamente em seis transecções dispostas no sentido borda-centro-borda da cordilheira, totalizando 1,02 ha de área amostrada. Mediram-se os indivíduos com DAP >3 cm, incluindo mortos e palmeiras. Foram identificadas 82 espécies arbustivo-arbóreas, distribuídas em 63 gêneros, 32 famílias e uma espécie indeterminada. Sendo 3 espécies características de áreas com cerradão; 19 do cerrado s.s., nove distribuídas tanto em áreas de cerradão quanto em cerrado s.s., e 10% que pertencem a ambientes inundáveis no Pantanal. Comparando a área de estudada com outras comunidades através da DCA, os resultados indicaram a existência de dois grupos florísticos relativamente distintos, o primeiro formado por áreas compostas por cerrado s.s. e o segundo por áreas com cerradão. Entre as áreas formadas por cerradões, ocorreu uma separação das áreas amostradas na região do no Pantanal (áreas inundáveis) daquelas que ocorrem em outras localidades do Centro-Oeste (áreas secas). A vegetação estudada sobre cordilheira apresentou maior relação florística e estrutural com os cerradões do que com os cerrados s.s. do Centro-Oeste, podendo, dessa forma, ser caracterizada como uma fitofisionomia de cerradão. Os cerrados do Pantanal apresentaram menor relação florística com os de outras regiões do Centro-Oeste, essa heterogeneidade florística pode estar relacionada ao pulso de inundação que atua como filtro para a maioria das espécies das outras áreas do Planalto Central.

    Abstract in English:

    In wetlands as the Pantanal, the floristic composition and community structure respond primarily to the flood pulse and, in order to understand the species that enter this biome, these plant communities need to be floristically and structurally described. Therefore, the objectives of this paper are characterize floristic composition and vegetation structure on a cordilheira (paleolevees), in the Pirizal region, Nossa Senhora do Livramento County, MT; define the type of vegetation and determine whether there is a greater floristic similarity degree between the object of this study and other cerrado s.s. or cerradão areas in Central Brazil. 102 contiguous plots of 20 x 5 m were distributed systematically arranged in six transects towards edge-center-edge cordilheira, thus having a total area of 1,02 ha. For sampling purposes, only individuals with entire stem DBH > 3 cm including dead trees and palms. 82 different species of trees and shrubs were identified, which in turn were spread in 63 genera, 32 families and one unidentified species. Being 37 species characteristics of areas with cerradão, 19 of cerrado s.s., nine distributed both in areas of cerradão and in cerrado s.s., and 10% belonging to the Pantanal wetland environments. Comparing the studied area with other communities across the DCA, the results indicated the existence of two floristic groups relatively distinct, the first formed by areas composed of cerrado s.s. and the second by cerradões areas. Among the areas formed by cerradões, there was a separation of the sampled areas in the region of the Pantanal (wetlands) those occurring elsewhere in the Centro-Oeste (dry land). The vegetation on cordilheira showed greater floristic and structural relationship with cerradões than with cerrado s.s. of west center region of Brazil, and may thus be characterized as a vegetation type of cerradão. The savannas of the Pantanal had a lower floristic relationship with other regions of the Centro-Oeste, this floristic heterogeneity may be related to the flood pulse which acts as a filter for most species in other areas of the Planalto Central.
  • Registros inéditos de borboletas (Papilionoidea e Hesperioidea) ameaçadas de extinção para o Estado do Paraná, Brasil: novos subsídios para reavaliação dos critérios de ameaça Artigos

    Dolibaina, Diego Rodrigo; Carneiro, Eduardo; Dias, Fernando Maia Silva; Mielke, Olaf Hermann Hendrik; Casagrande, Mirna Martins

    Abstract in Portuguese:

    Hoje a presença de listas vermelhas de espécies ameaçadas de extinção é comum em muitos países que as julgam necessárias para promover a conservação da natureza. No entanto, poucos esforços vêm sendo realizados com objetivo de resgatar as informações básicas acerca da presença e distribuição dessas espécies, sobretudo sua conservação. Portanto, o presente trabalho fornece novos registros de borboletas consideradas ameaçadas de extinção com distribuição no Paraná, incluindo uma da lista vermelha brasileira e complementando assim o conhecimento de suas distribuições geográficas e estudos de conservação. Ao total, somam-se 15 registros inéditos correspondentes a oito espécies, confirmando a presença onde já havia registros ou adicionando novos registros de distribuição. As espécies abordadas em nosso estudo são: Passova passova practa Evans, 1951 (CR), Zonia zonia diabo Mielke & Casagrande, 1998 (VU - Brasil), Euryades corethrus (Boisduval, 1836) (EN), Cyanophrys bertha (Jones, 1912) (EN), Alesa prema (Godart, [1824]) (VU), Symmachia arion (C. Felder & R. Felder, 1865) (VU), Pampasatyrus glaucope glaucope (C. Felder & R. Felder, 1865) (VU) e Charonias theano (Boisduval, 1836) (EN). Exceto P. g. glaucope e C. theano, todas foram registradas nos últimos três anos. Metade dos registros corresponde a pequenas unidades de conservação do noroeste e nordeste paranaense, enquanto os fornecidos para região centro-sul não estão protegidos, especialmente as espécies endêmicas dos Campos Naturais. A partir dos novos dados, são sugeridas as seguintes alterações na situação de ameaça das espécies: descaracterização dos graus de ameaça de P. p. practa, C. bertha e S. arion. Z. z. diabo deve ser inserida como criticamente em perigo (CR), assim como E. corethrus deveria elevar sua categoria em perigo (EN) para criticamente em perigo (CR). A. prema, P. g. glaucope e C. theano não tiveram as categorias e critérios alterados.

    Abstract in English:

    Many countries regard the red lists of threatened species as useful tools for promoting the biological conservation. However, little effort has been made to gather base-line information on the presence and distribution of such species, or their conservation. Therefore, the present work provides new records of some threatened butterflies species distributed through Paraná, one of which is already included in the Brazilian red list, and thus complementing the knowledge of geographical distribution and conservation. In total, 15 new records belonging to 8 species are given, confirming past records, or representing new distribution records. The species addressed in our study are: Passova passova practa Evans, 1951 (CR), Zonia zonia diabo Mielke & Casagrande, 1998 (VU - Brazil), Alesa prema (Godart, [1824]) (VU), Symmachia arion (C. Felder & R. Felder, 1865) (VU), Cyanophrys bertha (Jones, 1912) (EN), Euryades corethrus (Boisduval, 1836) (EN), Charonias theano (Boisduval, 1836) (EN), and Pampasatyrus glaucope glaucope (C. Felder & R. Felder, 1865) (VU). Except for Charonias theano and Pampasatyrus glaucope glaucope, all species were recorded on the past three years (2007-2009). Approximately one-half of the records included here correspond to small conservation units located at the northwest and northeast regions of Paraná, while records from central-south region correspond to non-protected areas, specially the endemic grasslands species. From these new data, we suggest the following modifications to threat status: remove P. p. practa, C. bertha and S. arion from the red list. Z. z. diabo should be considered critically endangered (CR), while the status of E. corethrus should be revised to critically endangered (CR). We make no recommendations for change in status for A. prema, P. g. glaucope and C. theano.
  • Pentatomidade (Hemiptera: Heteroptera) of the Pampa biome: Serra do Sudeste and Parque de Espinilho da Barra do Quaraí, Rio Grande do Sul, Brazil Articles

    Bunde, Paulo Roberto Sousa; Grazia, Jocélia; Mendonça Junior, Milton de Souza; Schwertner, Cristiano Feldens; Silva, Eduardo José Ely e; Garcia, Élen Nunes

    Abstract in Portuguese:

    Uma lista das espécies de Pentatomidae do bioma Pampa, Estado do Rio Grande do Sul, Brasil, é aqui apresentada. Esta lista teve como base as expedições de coleta realizadas na Serra do Sudeste, nos municípios de Canguçu e Caçapava, e no Parque Estadual do Espinilho durante os anos de 2003-2004; estas áreas nunca foram antes amostradas no Rio Grande do Sul. Cinquenta e uma espécies de Pentatomidae foram registradas, distribuídas em cinco subfamílias (Asopinae, Cyrtocorinae, Discocephalinae, Edessinae and Pentatominae) e 27 gêneros. A subfamília Pentatominae apresentou o maior número de espécies (32 spp.). Todas as localidades em que foram coletados os insetos representam novos registros para a fauna local e nove espécies de Pentatomidae tiveram suas plantas hospedeiras registradas.

    Abstract in English:

    A list of the Pentatomidae species of the Pampa biome, State of Rio Grande do Sul, Brazil is provided. The list is based on surveys carried out in the Serra do Sudeste, Canguçu and Caçapava counties, and in Parque de Espinilho da Barra do Quaraí during 2003-2004; these areas were never collected in Rio Grande do Sul state before. Sweeping net and beating tray were used to sample herb layer, and trees and shrubs, respectively. Fifty one species of Pentatomidae were registered, distributed in five subfamilies (Asopinae, Cyrtocorinae, Discocephalinae, Edessinae and Pentatominae) and 27 genera. The Pentatominae subfamily had the largest number of species (32 spp.). All the registered localities represent new records to the local fauna, and host plants were identified for nine pentatomid species.
  • Growth curve of free-ranging Trichechus inunguis Articles

    Vergara-Parente, Jociery Einhardt; Parente, Cristiano Leite; Marmontel, Miriam; Silva, Jean Carlos Ramos; Sá, Fabrício Bezerra

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste trabalho foi descrever curvas de crescimento para peixes-boi-da-Amazônia de vida livre no Brasil. Foram utilizados dados etários e biométricos de 60 peixes-boi-da-Amazônia, 33 machos e 27 fêmeas, capturados entre 1993 e 2006 por pessoas ribeirinhas do médio Solimões e do Rio Pirativa, na região Amazônica, oriundos do Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá e do Centro Nacional de Conservação e Manejo de Mamíferos Aquáticos/ICMBio. O modelo matemático não-linear utilizado para análise desses dados foi a equação derivada de von Bertalanffy, sendo calculadas duas equações de crescimento, uma para os machos L(t)macho = 299,4[1-e-0,0897507(t+6,55696)], e outra para as fêmeas L(t)fêmea = 256,1[1-e-0,23731(t+ 3,01921)]. Com o desenvolvimento dessas equações, o comprimento do peixe-boi-da-Amazônia ao nascer foi de 133,2 cm (média = 113,0 cm; SD = 34,4 cm) quando macho, e 131,0 cm (média = 124,7 cm; SD = 22,0 cm) quando fêmeas. Nos machos a taxa de crescimento anual obtida foi de 0,09 cm (IC 95%: ± 0,002), atingindo uma envergadura máxima de 299,4 cm (IC 95%: ± 2,039), enquanto as fêmeas apresentaram uma taxa de crescimento de 0,24 cm ao ano (IC 95%: ± 0,004), podendo alcançar até 256,1 cm (IC 95%: ± 0,4832) de envergadura. Apesar da equação de von Bertalanffy não ser comumente utilizada para sirênios, e quando aplicada anteriormente não ter obtido resultados satisfatórios, neste estudo apresentou-se adequada para a elaboração da curva de crescimento para peixe-boi-da-Amazônia de vida livre.

    Abstract in English:

    The objective of this work was to describe growth curves for free-ranging Amazonian manatees in Brazil. Data analyzed included age estimates and biometrics from 60 Amazonian manatees (33 males and 27 females) captured between 1993 and 2006 by local residents of the mid-Solimões and Pirativa Rivers, in Amazonia, and collected by the Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá and Centro Nacional de Conservação e Manejo de Mamíferos Aquáticos/ICMBio. The non-linear mathematical model used to analyze the data was the von Bertalanffy's equation; two growth curves were calculated, one for males L(t)male = 299.4[1-e-0.0897507(t+6.55696)], and one for females L(t)female = 256.1[1-e-0.23731(t+ 3.01921)]. Based on these equations, length at birth for the Amazonian manatee is estimated at 133.2 cm (average = 113.0 cm; SD = 34.4 cm) for males, and 131.0 cm (average = 124.7 cm; SD = 22.0 cm) for females. Among the males, the annual growth rate was 0.09 cm (95% CI: ± 0.002), with a maximum length of 299.4 cm (95% CI: ± 2.039), while females presented a growth rate of 0.24 cm per year (95% CI: ± 0.004), reaching up to 256.1 cm (95% CI: ± 0.4832) of total length. Even though von Bertalanffy's equation is not commonly used for sirenians, and considering that when previously applied it did not obtain satisfactory results, in this study it proved adequate for the establishment of the growth curve for free-ranging Amazonian manatees.
  • Ecologia da interação entre as pequenas flores de quilha de Stylosanthes viscosa Sw. (Faboideae) e as grandes abelhas Xylocopa (Neoxylocopa) cearensis Ducke, 1910 (Apoidea, Hymenoptera), em duna tropical Artigos

    Ramalho, Mauro; Rosa, Jaqueline Figuerêdo

    Abstract in Portuguese:

    Stylosanthes viscosa é uma herbácea comum nas dunas tropicais da costa brasileira, com distribuição agregada nas dunas urbanas de Salvador, BA. Suas flores de quilha diminutas, com uma pequena quantidade de néctar escondido no tubo da corola, a abertura de uma única flor/inflorescência/dia e a baixa densidade floral, juntos, não deveriam ser atrativos para as abelhas de grande porte. Isso deve ser verdadeiro, principalmente, sob a alta demanda energética para termorregulação em dunas tropicais. Ao contrário do esperado, a grande maioria das espécies de abelhas amostradas nas flores de S. viscosa tem tamanho médio a grande e coletou néctar em visitas legítimas, acionando o mecanismo de polinização da quilha. Entretanto, a quilha sempre ficava inutilizada após as visitas das grandes e frequentes (78%) abelhas Xylocopa. Todas as flores visitadas por essas abelhas (inclusive aquelas com a quilha inutilizada) e as protegidas experimentalmente das visitas das abelhas produziram frutos regularmente (100%). O mecanismo de êmbolo das anteras assegura a autopolinização. Como há autopolinização autônoma e o sistema é autocompatível ainda não foi possível discriminar a importância relativa da autopolinização facilitada e da polinização cruzada por abelhas. Entretanto, as grandes abelhas Xylocopa não limitam a autopolinização. Xylocopa cearensis foi a abelha mais abundante (63%) e visitou várias flores (13,0 ± 4,27) em cada rota de vôo, numa mesma mancha, apesar da baixa densidade floral (5 a 20 flores.m-2). A distância de vôo entre flores sucessivas variou entre um e dois metros (49%), acima do que seria possível (15 a 70 cm) dada a densidade floral nas manchas. As rotas de vôo foram direcionais, isto é, a maioria dos ângulos de mudança de direção entre flores sucessivas foram abaixo de 90°, com alta frequência de ângulos pequenos (<30°). Este padrão geral é explicado com a otimização de forrageio, com ajuste a limiares críticos de oferta de recursos. Paradoxalmente, a biologia floral e o padrão de florescimento de S. viscosa deveriam desestimular a visita dessas grandes abelhas, mas esta estratégia funciona apenas temporariamente. Nesta espécie melitófila, a autopolinização autônoma (assegurada pelo êmbolo) pode ser melhor explicada pela hipótese de seleção automática do que pela hipótese de segurança, considerando a disponibilidade de abelhas grandes como polinizadores nas dunas tropicais.

    Abstract in English:

    Stylosanthes viscosa is a common 'herb' in the tropical sand dunes of the Brazilian coast with clumped distribution in urban sand dunes of Salvador, BA. Its tiny keel flower with a very small amount of nectar hidden inside the corolla tube, a single open flower/inflorescence/day and the low floral density altogether should not be attractive to large bees. This should be true mainly upon the high-demanded energy for thermoregulation within the tropical sand dunes. Contrary to this expectation, most of the bee species sampled on S. viscosa flowers were medium to large sized bees and harvested nectar in legitimate visits by activating the keel's pollination mechanism of flowers. However, the keel was always inactivated after being visited by the enormous and frequent (78%) Xylocopa bees. All the flowers visited by these bees (including those with inactivated keels), and those experimentally protected from bee visiting produced fruits (100%). The specialized embolus mechanism of the anthers assures self-pollination. Because of this autonomous self-pollination and self-compatibility it was not possible to discriminate the relative importance of both facilitated self-pollination and cross-pollination by bees. Nevertheless, the large Xylocopa bees didn't limit self-pollination. Xylocopa cearensis was the most abundant bee (63%) and it visited several flowers (13.0 ± 4.27) in each flight route in the same clump, in spite of the low floral density therein (5 to 20 flowers.m-2). Flight distances between successive flowers varied between one and two meters (49%), and so they were higher than would be possible (15 to 70 cm) given the floral density in the clumps. The flight routes were directional, and most of shifting direction between successive flowers was below 90° with high frequency of small angles (<30°). This general pattern is explained by foraging optimization with adjustments to critical resource level thresholds. Paradoxically, floral biology and flowering pattern of S. viscosa should discourage the largest dune dweller bees, but this strategy works just temporarily. In this melittophilous species, the autonomous self-pollination (assured by the embolus) can be better explained by the automatic selection hypothesis rather than by reproductive assurance hypothesis, considering the availability of large bee pollinators in the tropical dunes.
  • Dinophysiales (Dinophyceae) no extremo Sul do Brasil (inverno de 2005, verão de 2007) Artigos

    Haraguchi, Lumi; Odebrecht, Clarisse

    Abstract in Portuguese:

    Os dinoflagelados da ordem Dinophysiales representam um grupo morfologicamente diverso e ecologicamente heterogêneo, incluindo espécies autotróficas, mixotróficas e heterotróficas, outras contendo endossimbiontes ou ainda produtoras de ficotoxinas. No presente trabalho, foram identificadas as espécies de Dinophysis, Ornithocercus, Histioneis e Amphisolenia em águas costeira e oceânica na região Sul do Brasil, ao largo do Cabo de Santa Marta Grande, SC e Albardão-Chuí, RS. Arrastos verticais foram realizados com rede de plâncton (20 µm) à bordo do N. O. Atlântico Sul em 33 estações oceanográficas visitadas em agosto/setembro de 2005 (inverno) e fevereiro de 2007 (verão). As amostras de plâncton foram fixadas com formol (4%) e analisadas com o auxílio de microscópio invertido. Ao todo, 43 espécies de Dinophysiales foram identificadas, a maioria com ampla distribuição nas regiões costeira, de plataforma continental e oceânica, como Dinophysis acuminata, D. exigua, D. ovata e Histioneis hyalina no verão de 2007, e D. acuminata, D. caudata, D. fortii e D. schroederi no inverno de 2005. Algumas espécies apresentaram distribuição restrita à região oceânica, sob influência da Corrente do Brasil, como Dinophysis dubia, D. exigua, D. schuetti, Histioneis para, Ornithocercus thumii e O. splendidus no inverno de 2005, e D. similis, D. rapa, H. megalocopa, H. milneri, O. heteroporus e O. splendidus no verão de 2007. Seis espécies potencialmente tóxicas foram encontradas, Dinophysis acuminata, D. caudata, D. fortii, D. mitra, D. tripos e D. rotundata.

    Abstract in English:

    The dinoflagellates of the Dinophysiales order are a morphologically diverse and ecologically heterogeneous group that includes autotrophic, mixotrophic and heterotrophic species and others containing endosymbionts or phycotoxin producers. In this research Dinophysis, Ornithocercus, Histioneis and Amphisolenia species have been identified in both coastal and oceanic waters of the Southern region of Brazil next to Santa Marta Grande Cape, SC and Albardão-Chuí, RS. Vertical hauls were performed with plankton nets (20 µm) on board of the R. V. Atlântico Sul at 33 oceanographic stations sampled in August/September 2005 (Winter) and February 2007 (Summer). The plankton was fixed with formaldehyde (4%) and analyzed with the help of an inverted microscope. A total of 43 Dinophysiales species were identified, most of them widely distributed in the coastal, continental and oceanic areas such as Dinophysis acuminata, D. exigua, D. ovata and Histioneis hyalina in the Summer of 2007 and D. acuminata, D. caudata, D. fortii e D. schroederi in the Winter of 2005. The distribution of some species was restricted to the oceanic region under the influence of the Brazil Current as it was observed for Dinophysis dubia, D. exigua, D. schuetti, Histioneis para, Ornithocercus thumii and O. splendidus in the Winter of 2005 and D. similis, D. rapa, H. megalocopa, H. milneri, O. heteroporus and O. splendidus in the Summer of 2007. Six potentially toxic species were registered, Dinophysis acuminata, D. caudata, D. fortii, D. mitra, D. tripos and D. rotundata.
  • Aquatic macroinvertebrate diversity and composition in streams along an altitudinal gradient in Southeastern Brazil Articles

    Henriques-Oliveira, Ana Lucia; Nessimian, Jorge Luiz

    Abstract in Portuguese:

    Riqueza de macroinvertebrados aquáticos em riachos ao longo de um gradiente altitudinal no Sudeste do Brasil. Um estudo da riqueza e composição da fauna de insetos aquáticos de uma bacia hidrográfica com ênfase no gradiente altitudinal foi conduzido com o objetivo de testar a hipótese de que existe uma descontinuidade na composição da fauna relacionada à altitude e latitude. Na região Sudeste do Brasil, próxima à latitude 22°, a transição da fauna ritral-potamal deveria ocorrer em torno de 500 m. Com este objetivo central foram estudados 18 afluentes do Rio Mambucaba, Parque Nacional da Serra da Bocaina, SP-RJ, divididos em 6 faixas altitudinais (faixa 1: acima de 1500 m; faixa 2: 1200-1300 m; faixa 3: 900-1000 m; faixa 4: 400-700 m; faixa 5: 100-300 m e faixa 6: 0-100 m), sendo amostrados três riachos por faixa de altitude. Os insetos aquáticos foram identificados até o menor nível taxonômico possível. A maior riqueza foi observada nas altitudes entre 1200-1300 m, enquanto a menor riqueza ocorreu em altitudes inferiores a 100 m. O teste de espécies indicadoras mostrou táxons característicos para quatro das seis zonas altitudinais consideradas no presente trabalho. Os resultados do índice de Similaridade de Sorensen e da CCA mostraram que a comunidade de insetos aquáticos do Parque Nacional da Serra da Bocaina foi influenciada primariamente pela altitude e temperatura mais do que o tamanho do rio. A ausência de táxons indicativos, associada a menor riqueza de táxons e menor abundância entre as altitudes de 400-700 m sugerem uma zona de transição da fauna ritral para a fauna potamal, a qual parece ser distinta a 200 m.

    Abstract in English:

    Aquatic macroinvertebrate diversity and composition in streams along an altitudinal gradient in Southeastern Brazil. A study concerning taxonomic richness and composition of the aquatic insect fauna in streams within the same catchment basin along an altitudinal gradient in Southeast Brazil, was conducted to test the hypothesis that there is a faunal discontinuity in the biocenotic composition, related to differences in altitude and latitude. In Southeastern Brazil, around latitude 22°, this faunal transition from rhithron to potamon biocenosis should occur at 500 m above sea level. Eighteen tributaries of the Mambucaba River, at Serra da Bocaina National Park, SP-RJ, Brazil, were studied. The streams were separated into 6 altitudinal zones (zone 1: above 1500 m; zone 2: 1200-1300 m; zone 3: 900-1000 m; zone 4: 400-700 m; zone 5: 100-300 m; and zone 6: 0-100 m) each including three streams. The aquatic insects were identified at the lowest possible taxonomic level. The highest richness was observed in altitudes between 1200-1300 m, while the lowest occurred in altitudes below 100 m. The Indicator Value method indicated taxa characteristic for four of the six altitudinal zones considered in this paper. Sorensen's Index and CCA results showed that distribution and composition of aquatic insect fauna of Serra da Bocaina National Park was influenced primarily by altitude and temperature rather than stream size. The absence of indicator species and the lower abundance in altitudes between 400-700 m suggest a transition from rhithral to potamal fauna, which is distinct at 200 m.
  • Distribuição de espécies de borrachudos (Diptera: Simuliidae) do Espírito Santo, Brasil Artigos

    Bertazo, Karina; Santos, Claudiney Biral dos; Pinto, Israel de Souza; Ferreira, Adelson Luiz; Falqueto, Aloísio; Pepinelli, Mateus

    Abstract in Portuguese:

    Entre os anos de 2004 e 2008 foram realizadas coletas de Simuliidae em várias localidades no Estado do Espírito Santo, Brasil. No total, 66 córregos e rios das doze principais bacias hidrográficas do estado foram amostrados. Dezessete espécies foram coletadas, sendo que nove delas representam ocorrências novas para o estado (Simulium pertinax, S. jujuyense, S. rubrithorax, S. subnigrum, S. travassosi, S. spinibranchium, S. hirtipupa, S. lutzianum e S. anamariae), duplicando o número de espécies conhecidas no estado.

    Abstract in English:

    We conducted a freshwater survey from 2004 to 2008 in several localities of Espírito Santo, Brazil. In total, 66 streams and rivers were sampled in the 12 hydrographic basins of the state. We collected and identified 17 species of which nine represent new records (Simulium pertinax, S. jujuyense, S. rubrithorax, S. subnigrum, S. travassosi, S. spinibranchium, S. hirtipupa, S. lutzianum e S. anamariae). These findings doubled the number of records of black fly species to the State of Espírito Santo, Brazil.
  • Diversity and changes in the horizontal distribution of crustaceans and rotifers in an episodic wetland of the central region of Argentina Articles

    Echaniz, Santiago Andrés; Vignatti, Alicia María

    Abstract in Spanish:

    El conocimiento sobre la ecología de los humedales episódicos de Argentina es escaso, a pesar de que son ambientes muy frecuentes. El objetivo de este estudio es describir la diversidad y los cambios en la distribución horizontal de los crustáceos y rotíferos que ocurrieron durante el hidroperíodo que tuvo lugar entre diciembre de 2003 y marzo de 2004 en El Guanaco, un humedal episódico, alimentado por precipitaciones, de la provincia de La Pampa. Luego de tres años en los que permaneció seco, lluvias torrenciales hicieron que alcanzara una profundidad de 0,42 m. A las 48 horas del llenado se registraron hembras ovígeras y machos de Metacyclops mendocinus (Wierzejeski 1892), juveniles de Moina wierzejskii Richard 1895 y larvas de Triops longicaudatus (LeConte 1846). La conductividad fue reducida, el contenido iónico estuvo dominado por bicarbonatos y sodio y las concentraciones de nutrientes fueron elevadas. Los muestreos se hicieron en tres estaciones, que al inicio estaban en agua abierta, y presentaron una distribución horizontal de microcrustáceos y rotíferos homogénea, con predominio de especies limnéticas. Posteriormente, dos estaciones quedaron ubicadas en un juncal de Eleocharis macrostachya Britton, a partir de lo cual se verificaron cambios en la composición taxonómica, con la aparición de especies asociadas a la vegetación. Se registraron 35 taxa, siendo Moina micrura Kurz 1874 de presencia constante y la más numerosa. Entre los rotíferos predominó el género Brachionus. La riqueza específica fue mayor en la estación que quedó cubierta por las plantas. Luego de un período de altas temperaturas se verificó que la riqueza y abundancia de microcrustáceos disminuyeron mientras que las de los rotíferos aumentaron.

    Abstract in English:

    Although episodic wetlands are very frequent environments in Argentina, the knowledge about their ecology is scarce. Thus, the aim of this study was to describe the diversity and changes in the horizontal distribution of crustaceans and rotifers in the episodic wetland El Guanaco, Province of La Pampa, Argentina, during the hydroperiod that took place between December 2003 and March 2004. After three years during which it was dry, torrential rains made it reach a depth of 0.42 m. After 48 hours, ovigerous females and males of Metacyclops mendocinus (Wierzejeski 1892), juveniles of Moina wierzejskii (Richard 1895), and larvae of Triops longicaudatus (LeConte 1846) were recorded. The conductivity was reduced, the ionic content was dominated by bicarbonates and sodium and the concentrations of nutrients were high. The samplings were carried out in three stations, which at first were in open waters. The stations presented a homogeneous horizontal distribution of microcrustaceans and rotifers, with a predominance of limnetic species. Later, two of the stations were surrounded by Eleocharis macrostachya Britton plants, which allowed us to determine changes in the taxonomic composition and the appearance of species associated with the presence of vegetation. We recorded 35 taxa, being Moina micrura Kurz 1874 constantly present and highest in numbers. Among rotifers, the genus Brachionus was the predominant one. The species richness was higher in the station which was covered by E. macrostachya plants. After a period of high temperatures, we observed that the richness and abundance of microcrustaceans decreased, whereas those of rotifers increased.
  • Extension of the geographical distribution of two anuran species for Rio Grande do Sul State, Brazil, with comments on natural history Articles

    Caldart, Vinícius Matheus; Iop, Samanta; Santos, Tiago Gomes dos; Cechin, Sonia Zanini

    Abstract in Portuguese:

    Reportamos o primeiro registro de Crossodactylus schmidti (Anura: Hylodidae) e Proceratophrys avelinoi (Anura: Cycloramphidae) para o Estado do Rio Grande do Sul, Brasil, com base em indivíduos coletados em área de Floresta Estacional Semidecidual, Parque Estadual do Turvo, região noroeste do estado. Estes registros ampliam a área de distribuição das duas espécies em aproximadamente 60 km a partir da localidade mais próxima conhecida, o Município de San Vicente, Misiones, Argentina. Fornecemos, ainda, uma caracterização do sítio de vocalização de C. schmidti e determinamos a amplitude de nicho de P. avelinoi quanto ao uso de corpos d'água.

    Abstract in English:

    We record for the first time Crossodactylus schmidti (Anura: Hylodidae) and Proceratophrys avelinoi (Anura: Cycloramphidae) from Rio Grande do Sul State, Brazil, based on individuals captured in an area of Mesophytic Semideciduous Forest, the Parque Estadual do Turvo, located in the northwest region of the state. These records extend the geographical range for both species in about 60 km from the nearest known locality, the Municipality of San Vicente, Misiones, Argentina. We provide a characterization of the calling site used by males of Crossodactylus schmidti, and we also determined the niche breadth of P. avelinoi regarding to the use of water bodies.
  • Thallus anatomy of Canoparmelia texana (Parmeliaceae, lichenized Ascomycota) Articles

    Barbosa, Suzana Bissacot; Machado, Silvia Rodrigues; Marcelli, Marcelo Pinto

    Abstract in Portuguese:

    Técnicas convencionais para estudos anatômicos em microscopia de luz e microscopia eletrônica de varredura foram utilizadas para descrever a histologia do talo de Canoparmelia texana, um líquen com ampla distribuição em ambientes abertos e bastante comum nos cerrados e em áreas urbanas no Brasil. Este estudo descreve um novo tipo de organização cortical para Parmeliaceae. Em C. texana o córtex superior é lacunar mostrando uma grande quantidade de pequenos espaços intracelulares. As características anatômicas incluindo a espessura da medula, o padrão de orientação das hifas, espessura das rizinas e inclusões de cristais aparentemente possuem um importante papel adaptativo para o sucesso de C. texana nos cerrados brasileiros.

    Abstract in English:

    Conventional techniques for structural studies under light microscope and scanning electron microscope were employed to describe the histology of thallus in Canoparmelia texana, a lichen with wide distribution in open environments and fairly common in the cerrados and urban areas of Brazil. This study describes a new type of cortical organization for the family Parmeliaceae, in C. texana the upper cortex is lacunar, showing a large quantity of small intercellular spaces or lacunae. The anatomical features including medulla thickness, hyphal orientation pattern, rhizines thickness and crystals inclusions have an important adaptive role for the success of C. texana in Brazilian cerrado, a savanna-like ecosystem.
  • Fauna de morcegos em remanescentes urbanos de Cerrado em Campo Grande, Mato Grosso do Sul Artigos

    Ferreira, Cláudia Márcia Marily; Fischer, Erich; Pulchério-Leite, Atenise

    Abstract in Portuguese:

    Campo Grande é a maior cidade do Estado de Mato Grosso do Sul, localizada no domínio do Cerrado, um hotspot de biodiversidade. A fauna de morcegos urbanos tem sido pouco estudada no Brasil, principalmente em cidades na região do Cerrado. O principal objetivo aqui é descrever a composição, a riqueza e a diversidade da fauna de morcegos em remanescentes de Cerrado na região urbana de Campo Grande. Amostragens de morcegos foram feitas entre março e agosto de 2009 em oito parques urbanos com auxílio de redes-de-neblina. Em cada local, exceto um, foi realizada uma noite de amostragem por mês; ao todo foram 47 noites. A cada noite, seis redes de 2,6 x 12 m foram mantidas abertas por seis horas a partir do ocaso; o esforço total de captura foi de 52.790,4 m²/h. Foram capturados 701 morcegos pertencentes a 14 espécies, das quais 12 foram filostomídeos (98,6% das capturas). Artibeus lituratus foi a espécie dominante, semelhante ao reportado para outras regiões urbanas no Brasil. Artibeus planirostris foi a segunda espécie mais abundante em Campo Grande, característica incomum em outras comunidades urbanas de morcegos. Chiroderma doriae, C. villosum, Phyllostomus hastatus e Platyrrhinus helleri foram raras, e registradas pela primeira vez em Campo Grande. Somados outros estudos, 24 espécies de morcegos foram encontradas em Campo Grande, valor alto dentre as cidades nos domínios do Cerrado. A diversidade (H' = 1,65) de morcegos em Campo Grande também foi maior que a reportada para outras cidades em regiões de Cerrado ou Mata Atlântica. A ampla presença de parques florestados na zona urbana pode explicar, em parte, a grande riqueza e diversidade de morcegos na cidade de Campo Grande.

    Abstract in English:

    Campo Grande is the largest city of the State of Mato Grosso do Sul, located in the Cerrado domain, a biodiversity hotspot. Urban bat faunas have been poorly studied in Brazil, markedly in cities in the Cerrado region. The main objective here is describing composition, richness, and diversity of bat species which occur in the urban Cerrado remnants of Campo Grande. Bat samplings were carried out with mist-nets from March to August 2009 in eight urban parks. One sampling night was performed per month in each site, except in one; 47 nights at all. Each night, six 2.6 x 12 m nets were kept open for six hours after sunset; the capture effort was 52.790.4 m²/h. We captured 701 bats belonging to 14 species of which 12 were phyllostomids (98.6% of captures). Artibeus lituratus was the dominant species, such as reported in other urban regions in Brazil. Artibeus planirostris was the second most abundant species, in contrast to other urban bat assemblages. Chiroderma doriae, C. villosum, Phyllostomus hastatus e Platyrrhinus helleri were rare and registered for the first time in Campo Grande. Gathering other studies, 24 bat species are known to occur in Campo Grande, a high value among cities in the Cerrado. Bat diversity (H' = 1.65) in Campo Grande was also higher than that reported for other cities in the Cerrado or Atlantic Forest domains. The wide presence of forested parks in the urban zone may partially explain the great richness and diversity of bats in the Campo Grande city.
  • Biology and population features of a rare species of Pseudopimelodidae from the Upper Paraná River Basin Articles

    Esguícero, André Luiz Henríques; Arcifa, Marlene Sofia

    Abstract in Portuguese:

    Rios de pequeno porte abrigam uma importante fração da diversidade ictiofaunística sul-americana, caracterizada principalmente por espécies endêmicas, raras e de pequeno porte. Com o objetivo de realizar uma ampla caracterização da espécie Microglanis garavelloi, encontrada em pequenos corpos d'água da Bacia do Alto Rio Paraná, foram estudados alguns de seus aspectos populacionais, reprodutivos e alimentares. Essa espécie é endêmica do Alto Rio Paraná, sendo a única representante do gênero nessa bacia. Ela ocupa principalmente a região litorânea de pequenos rios, apresenta comprimento assintótico de 34,1 mm, e população composta principalmente por indivíduos com comprimento padrão entre 20 e 30 mm. Esta espécie apresenta alta fecundidade, alta taxa de mortalidade, baixa longevidade e baixa taxa de crescimento. Além disso, apresenta desova total, que ocorre de outubro a fevereiro e, provavelmente, apresenta comportamento de cuidado com a prole, como já observado em algumas espécies de Heptapteridae. Sua dieta é baseada unicamente em larvas de insetos aquáticos, podendo ser considerada uma predadora com comportamento alimentar ativo e, provavelmente, apresenta vida bentônica, como a maioria dos Siluriformes. Esta espécie ocorre como populações pequenas com distribuição fragmentada na bacia do Alto Rio Paraná. Esta característica populacional, acrescida da constante degradação ambiental em seus hábitats, indica uma situação de constante ameaça que pode levar a um irreversível processo de extinção.

    Abstract in English:

    Streams contain an expressive fraction of the South American fish diversity, mostly composed of small-sized, endemic, and rare species. Populational, reproductive, and diet aspects of Microglanis garavelloi were studied, aiming to make a wide characterization of this species of bumblebee catfish. This is an endemic species of the Upper Paraná River Basin, and the only representative of the genus in the watershed. It is a littoral-dweller of small rivers, with asymptotic length of 34.1 mm and a population mostly composed of individuals with 20-30 mm of standard length. This species presents high fecundity and mortality rate, and low longevity and growth rate. It is a total spawner, October to February being the spawning period, and probably has brood care behavior, as has been already observed for some Heptapteridae species. The species can be considered an active predator, probably presenting benthic life like most siluriforms, having a diet uniquely composed of aquatic insect larvae. This species occurs as small populations patchily distributed in the Upper Paraná River Basin. This population characteristic, combined with the progressive environmental degradation of its habitats, points to a situation of constant threat that could lead to an irreversible extinction process.
  • Composição e diversidade de mamíferos de médio e grande porte no Cerrado do Brasil central Artigos

    Bocchiglieri, Adriana; Mendonça, André Faria; Henriques, Raimundo Paulo Barros

    Abstract in Portuguese:

    Composição e diversidade de mamíferos de médio e grande porte no Cerrado do Brasil central. Estudos com mamíferos de médio e grande porte (>1,0 kg) em áreas alteradas no Cerrado revelam que muitas espécies se adaptam aos ambientes antropizados. Foi investigada a estrutura da comunidade de mamíferos em uma área de 92.000 ha localizada no sudoeste baiano e constituída por plantios de Pinus spp., soja e faixas de cerrado sentido restrito. Os mamíferos foram registrados ao longo de nove campanhas de 12 dias, entre janeiro/2008 e maio/2009, no período diurno e noturno através de transectos lineares variando entre 5-15 km de extensão e que totalizaram 3.600 km percorridos/período. Foram registradas 29 espécies, sendo 23 através dos transectos lineares e as demais por observação indireta, captura e registros pretéritos. A comunidade é constituída em sua maioria por representantes da ordem Carnivora (41,4%) e espécies onívoras (36,7%), sendo Lycalopex vetulus a única espécie endêmica do Cerrado registrada na área. Apenas 13,6% das espécies foram frequentes em todas as campanhas (Ozotoceros bezoarticus, Pecari tajacu e Tolypeutes tricinctus) e sete delas correspondem a 91,73% dos registros realizados. O tatu-bola (T. tricinctus) representou o maior número de registros (23,76%) e provavelmente a área de estudo abriga a maior população dessa espécie ameaçada no bioma, destacando a importância em evitar que as áreas de vegetação nativa sejam substituídas por monoculturas e reflorestamento. Muitas das espécies registradas são generalistas no uso do habitat e amplamente distribuídas pelo bioma, ocorrendo inclusive em ambientes alterados. Considera-se que a manutenção da diversidade observada na área é decorrente de sua grande extensão e do mosaico de ambientes que proporcionam uma maior variedade e diversidade de recursos, como abrigo e alimento, possibilitando inclusive a presença de espécies com baixas densidades e especialistas na dieta e habitat.

    Abstract in English:

    Composition and diversity of medium and large size mammals in the Cerrado of central Brazil. Studies about medium- and large sized mammals (> 1.0 kg) in disturbed areas in the Cerrado showed that many species are adapted to anthropogenic environments. We investigated the structure of mammals assemblages in an area of 92,000 ha located in southwest of Bahia and covered by plantations of Pinus spp., soybeans and conserved strips of cerrado sensu stricto. The mammals were recorded in nine sampling campaigns of 12 days between January/2008 and May/2009 in diurnal and nocturnal transects that varied 5-15 km in length per campaigns totaling 3,600 km traveled/period. In this area 29 species were recorded, 23 through the line transect and others outside transect by indirect observation, capture and previous records. The mammal community consists mostly of representatives of the Carnivora (41.4%) and omnivore species (36.7%). The only endemic species of Cerrado recorded in the area was hoary fox, Lycalopex vetulus. Only 13.6% of species were present in all sampling (Ozotoceros bezoarticus, Pecari tajacu and Tolypeutes tricinctus) and seven of which correspond to 91.73% of the records made. The species that had largest number of records (23.76%) is three-banded armadillo (T. tricinctus), probably this area holds the largest population of this endangered species in biome, highlighting the importance of avoiding areas of native vegetation are replaced by monocultures and reforestation. Many of the species recorded are generalists in habitat use and widely distributed throughout the biome, occurring even in disturbed habitats. The maintaining of observed diversity in this area is due to its large size and the mosaic of environments that provide a greater variety and diversity of resources such as shelter and food, allowing also the presence of species with low densities and specialists in the diet and habitat.
  • Dinâmica populacional de Triportheus albus, T. angulatus e T. auritus (CHARACIFORMES: CHARACIDAE) em lagos da Amazônia Central Artigos

    Prestes, Luiza; Soares, Maria Gercilia Mota; Silva, Fabio Ribeiro; Bittencourt, Maria Mercedes

    Abstract in Portuguese:

    Na Amazônia brasileira a pesca é importante fonte de renda e proteína animal para as populações ribeirinhas. E, entre as espécies de peixes de maior volume desembarcado nos mercados e feiras da região se destacam as sardinhas, Triportheus albus, T. angulatus e T. auritus. Considerando o aumento da pressão pesqueira, que gera a redução de alguns estoques pesqueiros na região, tanto na quantidade como no tamanho de algumas espécies, o trabalho propõe determinar os parâmetros de crescimento, mortalidade e relação peso-comprimento dessas espécies em lagos de várzea, Manacapuru, AM. Os parâmetros foram estimados através da análise de distribuição de frequência de comprimento com o auxílio da rotina "scan de valores de k" do método ELEFAN I do programa FISAT II. Os valores calculados foram: T. albus L∞ = 24,68 cm, k = 0,86/ano, Ø´ = 2,71, A0,95 = 3,48 anos, Mp = 1,76/ano, Mt = 0,85/ano, Pt = 0,0398I Cp2,6303; T. angulatus L∞ = 26,78 cm, k = 0,77/ano, Ø´ = 2,74, A0,95 = 3,89 anos, Mp = 1,60/ano, Mt = 0,76/ano, Pt = 0,0294I Cp2,8599; T. auritus L∞ = 27,83 cm, k = 0,65/ano, Ø´ = 2,70, A0,95 = 4,68 anos Mp = 1,40/ano, Mt = 0,63/ano e Pt = 0,0542I Cp2,5094. Essas espécies apresentaram crescimento rápido, mortalidade elevada, baixa expectativa de vida e ciclo de vida curto. É sugerido o monitoramento desses parâmetros para que possam ser utilizados como instrumentos de análise dos estoques pesqueiros.

    Abstract in English:

    In the Amazon the fishing is considered an important source of income and animal protein for the people in the region. Among the different fish species that landed in the market and fairs stand out Triportheus albus, T. angulatus and T. auritus. Considering the reduction of some fish stocks in the region, both the quantity and the size of some species, the research proposes to determine the growth parameters, mortality and length-weight relation of these species in floodplain lakes, Manacapuru, AM. The parameters were estimated by analyzing the length frequency distribution with the help of the routine "scan of values of k" method ELEFAN I program FISAT II. The values for each species were: T. albus L∞ = 24.68 cm, k = 0.86/year, Ø '= 2.71, A0.95 = 3.48 years, Mp = 1.76/year, Mt = 0.85/year, Pt = 0.0398I Cp2.6303; T. angulatus L∞ = 26.78 cm, k = 0.77/year, Ø '= 2.74, A0.95 = 3.89 years, Mp = 1.60/year, Mt = 0.76/year, Pt = 0.0294 I Cp2.8599 and T. auritus L∞ = 27.83 cm, k = 0.65/year, Ø '= 2.70, A0.95 = 4.68 years, Mp = 1.40/year, Mt = 0.63/year and Pt = 0.0542I Cp2.5094. These species showed rapid growth, high mortality, low life expectancy and short life cycle. It is suggested the parameters population should be continuously monitored to be used as a tool in the stock analysis.
  • Morcegos (Mammalia, Chiroptera) capturados no Campus da Universidade Federal de Sergipe, com oito novos registros para o estado Artigos

    Rocha, Patrício Adriano da; Mikalauskas, Jefferson Simanas; Gouveia, Sidney Feitosa; Silveira, Victor Vilas-Bôas; Peracchi, Adriano Lúcio

    Abstract in Portuguese:

    Neste estudo apresentamos uma lista de morcegos registrados em um fragmento florestal urbano do Campus da Universidade Federal de Sergipe, Nordeste do Brasil. De julho de 2005 a setembro de 2007 coletamos um total de 400 indivíduos, distribuídos em cinco famílias, 13 gêneros e 18 espécies. Phyllostomidae foi a família com a maior riqueza de espécies. Carollia perspicillata, Artibeus lituratus e Platyrrhinus lineatus foram as mais abundantes, compreendendo mais de 65% dos indivíduos capturados. Este trabalho apresenta a primeira ocorrência de oito espécies par o Estado de Sergipe, incluindo uma para a Mata Atlântica. Observações sobre aspectos reprodutivos das espécies mais abundantes são incluídas.

    Abstract in English:

    In this study we present a list of bats recorded in an urban forest fragment at the campus of the Federal University of Sergipe, Northeastern Brazil. From July 2005 to September 2007 we collected a total of 400 individuals, distributed in five families, 13 genera and 18 species. Phyllostomidae was the most speciose family. Carollia perspicillata, Artibeus lituratus and Platyrrhinus lineatus were the most abundant species, comprising more than 65% of captured individuals. This work presents the first occurrence for eight species in Sergipe state, including one in Atlantic forest. Comments on reproductive aspects of more abundant species are included.
  • Recuperação e resposta germinativa de sementes de leguminosas passadas pelo trato digestório bovino Artigos

    Nakao, Evandro Afonso; Cardoso, Victor José Mendes

    Abstract in Portuguese:

    A germinação de sementes pode ser influenciada pela passagem através do trato digestório animal, que, nesse caso, poderá atuar como dispersor, dependendo de como as sementes são afetadas. Quando a passagem pelo trato digestório animal não reduz a capacidade germinativa das sementes, o agente dispersor é considerado legítimo. Este trabalho aborda a influência da ingestão de sementes de Leucaena leucocephala (Lam.) de Wit, Cajanus cajan (L.) Huth e Calopogonium mucunoides Desv. por Bos taurus Linnaeus (1758), sobre sua germinação e viabilidade, com o objetivo de avaliar o gado bovino como legítimo agente dispersor dessas espécies utilizadas como forrageiras. Amostras de sementes foram misturadas ao alimento oferecido a três fêmeas de B. taurus, cujas fezes foram recolhidas até 36 horas após a ingestão e submetidas à triagem para recuperação das sementes, as quais foram testadas para germinação e crescimento inicial. Como controle foram usadas sementes intactas não ingeridas. A porcentagem de recuperação de sementes não danificadas variou de 12,3% até cerca de 17,5%. A ingestão pelos animais afetou severamente a capacidade de germinação das sementes de Cajanus cajan, enquanto que em Calopogonium mucunoides a redução da porcentagem de germinação ocorreu em menor escala em comparação com a primeira. No caso de L. leucocephala, a germinação não foi influenciada pelo tratamento, o que no caso pode estar relacionado a uma maior dureza do tegumento em sementes dessa espécie. Em C. mucunoides e L. leucocephala a velocidade de protrusão radicular foi ligeiramente aumentada em sementes tratadas, ao passo que o IVE da primeira foi reduzido. A ingestão também reduziu a taxa de crescimento em altura de plântulas de C. cajan, sendo o efeito menos acentuado em C. mucunoides. Em L. leucocephala, a altura média foi maior em plântulas de sementes tratadas. Os resultados sugerem que o gado bovino não pode ser considerado um legítimo dispersor para L. leucocephala, C. mucunoides e C. cajan.

    Abstract in English:

    Seed germination can be influenced by passage through the digestive system of animals, which can act as seed dispersers, depending on how seeds are affected. When passing through the animal digestive tract does not reduce the seeds germination, the dispersal agent is considered legitimate. The effects of ingestion by bovine cattle (Bos Taurus Linnaeus (1758)) on the viability and germination of seeds of the species Leucaena leucocephala (Lam.) de Wit, Cajanus cajan (L.) Huth and Calopogonium mucunoides Desv. was investigated in this study, aiming at evaluating the role of cattle as legitimate dispersers of those forage plants. Seed samples were mixed with the food offered to three B. taurus females, whose feces were collected 36 hours after ingestion, and seeds recovered from the feces were quantified and tested for germination and initial seedling growth. Non-ingested seeds were used as a control. The percentage of undamaged seeds recovered ranged from 12.3 to 17.5%. The germination capacity (germinability) of C. cajan was strongly inhibited by the cattle ingestion, whereas the germinability of C. mucunoides was less affected. The germinability of L. leucephala was not influenced by the ingestion probably due to their hard seed coat. The germination rate of C. mucunoides and L. leucocephala seeds was slightly increased by cattle ingestion, whereas the Emergence Rate Index (ERI) was reduced in the former. The ingestion by cattle also caused a decrease in the growth rate of C. cajan and C. mucunoides seedlings, although this inhibitory effect was smaller in C. cajan. The height of L. leucocephala seedlings was increased by ingestion. The results suggest that bovine cattle aren't legitimate seed dispersers of L. leucocephala, C. mucunoides and C. cajan.
  • Conhecimento ecológico tradicional sobre fruteiras para pesca na Comunidade de Estirão Comprido, Barão de Melgaço - Pantanal Matogrossense Artigos

    Morais, Fernando Ferreira de; Silva, Carolina Joana da

    Abstract in Portuguese:

    Esta pesquisa aborda o conhecimento ecológico tradicional de fruteiras na comunidade de Estirão Comprido, localizada às margens do Rio Cuiabá, Barão de Melgaço, Pantanal Matogrossense. Foram entrevistados 20 pescadores, utilizando-se a técnica de listagem livre, a qual foi analisada pelo índice de saliência de Smith e análise de consenso cultural, com o programa ANTHROPAC 4.0. Os resultados mostraram que o conhecimento ecológico tradicional sobre fruteiras foi de 30 espécies distribuídas em 21 famílias de plantas. A análise de índice de saliência de Smith mostrou quatro rupturas quanto à ordenação e frequência de respostas, sendo que a primeira contemplou uma espécie, a segunda oito espécies, a terceira quatro espécies e a quarta ruptura 17 espécies. O consenso cultural dos pescadores sobre o conhecimento ecológico tradicional concentrou-se em nove espécies de fruteiras: parada, coquinho, marmelada, roncador, sardinha, timbó, acaiá, jenipava e taiuiá, verificado pela relação entre fatores, onde o primeiro fator foi aproximadamente nove vezes maior que o segundo fator com probabilidade = 0,951. O estudo evidenciou que esta comunidade pantaneira apresenta um conhecimento sobre as fruteiras que são a base da cadeia alimentar das espécies de peixes de valor comercial.

    Abstract in English:

    This study deals with traditional ecological knowledge on fruit trees at Estirão Comprido community, located on the banks of Cuiabá River, in Barão de Melgaço, Pantanal Matogrossense. Twenty fishermen were interviewed, using free lists, which were evaluated by Smith's Salience Index and cultural consensus analysis, using the software ANTHROPAC 4.0. Results indicated that traditional ecological knowledge on fruit trees involves 30 species distributed in 21 families. Smith's Salience Index showed four ruptures on the rank and frequency of answers; the first rupture included one species, the second eight species, the third four species and fourth 17 species. The cultural consensus of fishermen on such traditional knowledge concentrated on nine fruit tree species: "parada", "coquinho", "marmelada", "roncador", "sardinha", "timbó", "acaiá", "jenipava" and "taiuiá", verified by the relationship between factors, where the first factor was approximately nine-fold higher than the second one, pseudo-reliability = 0.951. This study indicated that Pantanal community presents knowledge about fruit trees, the base of the food chain for commercially important fish.
  • Fenologia de espécies lenhosas em um cerrado típico no Parque Municipal do Bacaba, Nova Xavantina, Mato Grosso, Brasil Artigos

    Silvério, Divino Vicente; Lenza, Eddie

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo desse estudo foi caracterizar os comportamentos fenológicos de 12 espécies lenhosas, que juntas representam 41% do Valor de Importância (VI) de uma comunidade de cerrado típico no Parque Municipal do Bacaba, Nova Xavantina, MT, e relacioná-los à precipitação, temperaturas mínimas, máximas e Déficit de Pressão de Vapor (DPV). As observações fenológicas foram realizadas em intervalos quinzenais, de setembro 2008 a outubro de 2009. Foram estimadas as intensidades de cobertura total da folhagem na copa, brotamento, proporção relativa de folhas novas, adultas e senescentes, floração e frutificação. Baseado nos eventos fenológicos vegetativos, quatro espécies foram categorizadas como sempre-verde com crescimento contínuo (Myrcia lanuginosa O. Berg., Ouratea hexasperma (A. St.-Hil.) Baill., Ouratea spectabilis (Mart. ex Engl.) Engl. e Roupala montana Aubl.), uma como sempre-verde com crescimento sazonal (Byrsonima pachyphylla Kunth), duas como brevidecíduas (Davilla elliptica A. St.-Hil., Eugenia aurata O. Berg.) e cinco como decíduas (Byrsonima coccolobifolia Kunth, Kielmeyera rubriflora Cambess., Qualea grandiflora Mart., Qualea multiflora Mart. e Qualea parviflora Mart.). A floração de todas as espécies apresentou padrão anual e unimodal, com diferentes espécies florescendo em períodos distintos do ano. A maturação de frutos das espécies com dispersão zoocórica ocorreu principalmente durante o período chuvoso, e das com dispersão anemocórica ocorreu no período seco, ou na transição entre os períodos. A deciduidade foliar, estimada a partir da cobertura de folhagem, foi negativa e significativamente relacionada com temperatura máxima e com déficit de pressão de vapor em 11 das 12 espécies estudadas (exceto R. montana), sugerindo que aumentos na temperatura e na demanda evaporativa do ar induzem a abscisão foliar. O brotamento foi positivo e significativamente relacionado com a temperatura mínima em nove espécies (exceto M. lanuginosa, R.. montana e Q. grandiflora). Os resultados permitem sugerir que há forte relação entre os eventos fenológicos das espécies lenhosas estudadas e as condições climáticas, com associações mais evidentes para os eventos vegetativos como abscisão e brotamento.

    Abstract in English:

    The goal of this study was to characterize the phenological behavior of 12 woody species, which together represent 41% of the Importance Value Index (IVI) of a typical cerrado (Brazilian savanna) in the Bacaba Municipal Park (Nova Xavantina, Mato Grosso), and to relate it to climatic variables, including precipitation, minimum temperatures, maximum temperatures and Vapor Pressure Deficit (VPD). Phenological observations were made every 15 days, from September 2008 to October 2009. Estimates were made of total leaf cover in the canopy, leaf flushing, relative proportion of young, adult, and senescent leaves and flowering and fruiting. Based on phenological vegetative events, four species were classified as evergreen with continuous growth (Myrcia lanuginosa O. Berg., Ouratea hexasperma (A. St.-Hil.) Baill., Ouratea spectabilis (Mart. ex Engl.) Engl. e Roupala montana Aubl.), one as evergreen with seasonal growth (Byrsonima pachyphylla Kunth), two as brevideciduous (Davilla elliptica A. St.-Hil., Eugenia aurata O. Berg.), and five as deciduous (Byrsonima coccolobifolia Kunth, Kielmeyera rubriflora Cambess., Qualea grandiflora Mart., Qualea multiflora Mart. and Qualea parviflora Mart.). All species showed an annual, unimodal flowering pattern, with different species flowering during distinct periods of the year. The fruit maturation of autochoric and anemochoric species occurred within the dry season mostly; zoochoric species dispersed seeds mainly during the wet season or during the transition between dry and rainy seasons. Leaf fall, estimated from leaf canopy cover, was negatively and significantly correlated to maximum temperature and vapor pressure deficit in 11 out of 12 species studied (except R. montana), suggesting that increasing temperature and evaporative demand induce foliar abscission. Leaf flushing was positively and significantly correlated to minimum temperature in nine species (except M. lanuginosa, R. montana and Q. grandiflora). Our results suggest that there is a strong relationship between the phenological events of the studied woody species and climatic conditions, with vegetative events like abscission and flushing showing the strongest associations.
  • Uso de recursos alimentares por peixes imaturos e adultos de espécies piscívoras em uma planície de inundação neotropical Artigos

    Bozza, André Nogueira; Hahn, Norma Segatti

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo teve como objetivo avaliar o uso dos recursos alimentares por indivíduos imaturos e adultos de Acestrorhynchus lacustris, Hemisorubim platyrhynchos, Hoplias aff. malabaricus, Plagioscion squamosissimus, Pseudoplatystoma corruscans e Salminus brasiliensis, da planície de inundação do alto Rio Paraná, coletados trimestralmente entre março de 2007 e dezembro de 2008. Foi avaliada a composição quantitativa da dieta através da obtenção do volume das presas (% volume) e amplitude de nicho trófico de cada uma das espécies, bem como as inter-relações tróficas entre elas, através da similaridade entre as dietas e tamanho das presas. A dieta das seis espécies foi composta por peixes-presa (42 espécies), crustáceos e insetos, sendo que todas elas, com exceção de P. corruscans, mostraram alterações ontogenéticas. A amplitude de nicho foi maior para H. aff. malabaricus adultos e menor para P. corruscans adultos e P. squamosissimus imaturos. A similaridade na dieta foi maior para aquelas espécies que consumiram Characidae e menor para P. squamosissimus imaturos, os quais consumiram preferencialmente crustáceos. Houve correlação positiva entre o tamanho da presa e do predador, porém cada espécie consumiu presas de tamanhos diferentes, mostrando que elas não são correlacionadas. Os resultados demonstraram que as seis espécies consumiram peixes desde as fases imaturas, porém com pouca similaridade intra e inter-específica na dieta para a maioria delas, e que o tamanho das presas consumidas aumentou em relação ao tamanho do predador e foi variável entre as espécies. Assim, a dieta dos predadores depende da distribuição e colonização das espécies-presas no ambiente, morfologia e comportamento alimentar tanto das presas quanto dos predadores.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to evaluate the use of food resources by juveniles and adults of Acestrorhynchus lacustris, Hemisorubim platyrhynchos, Hoplias aff. malabaricus, Plagioscion squamosissimus, Pseudoplatystoma corruscans e Salminus brasiliensis from the upper Paraná River floodplain, sampled quarterly between March 2007 and December 2008. The quantitative trophic composition was obtained by prey volume (% volume) and diet niche breadth of each piscivorous species, as well as trophic relationships among them through diet similarity and prey size. The diet of the species was composed of fish-preys (42 species), crustaceans and insects, with ontogenetic diet changes, except to P. corruscans. The niche breadth was high to H. aff. malabaricus adults and low to P. corruscans adults and P. squamosissimus juveniles. Diet similarity was high to Characidae species consumers and low to P. squamosissimus juveniles, which consumed mainly crustaceans. Positive correlation was found between prey and predator size, however, each piscivorous species consumed different prey sizes, showing no correlation among them. Results showed that the six species consumed fish since juveniles, however, with low diet similarity intra and inter specific to most of them, and the prey size consumed increased in relation to predator size and varied among species. Thus, the piscivorous species diet depends of prey species distribution and colonization, morphology and feeding behavior of the prey as well as the predator.
  • Amphibians and reptiles from a highly diverse area of the Caatinga domain: composition and conservation implications Articles

    Loebmann, Daniel; Haddad, Célio Fernando Baptista

    Abstract in Portuguese:

    A herpetofauna do Complexo do Planalto da Ibiapaba (CPI), CE, Brasil, foi estudada durante dois anos, usando cinco métodos de amostragem e informação disponível na literatura. Os anfíbios estavam representados por 38 espécies distribuídos em nove famílias. Os répteis encontrados somaram 84 espécies, distribuídos em 25 famílias. A maioria dos anfíbios coletados apresentou ampla ocorrência ao longo do CPI, sendo 24 espécies (63,2%) ocorrendo em pelo menos 60% dos ambientes amostrados. Répteis tiveram um padrão diferente uma vez que 52 espécies (62.6%) tiveram uma distribuição restrita (até dois ambientes). Dezesseis das 25 espécies consideradas como rara no CPI são restritas as áreas de floresta úmida relictuais. Foi aplicado um índice de raridade/vulnerabilidade para determinar as espécies mais susceptíveis. Pristimantis sp., Adelophryne baturitensis Hoogmoed, Borges, and Cascon, 1994, Pseudopaludicola sp. (aff. saltica), Scinax fuscomarginatus (A. Lutz, 1925) e Odontophrynus carvalhoi Savage & Cei, 1965 foram os anfibios mais vulneráveis no CPI. Répteis mostraram uma variação mais diversa na escala de raridade com 40 espécies consideradas vulneráveis. Entre os répteis vulneráveis Leposoma baturitensis Rodrigues & Borges, 1997, Bothrops sp. (gr. atrox), Atractus ronnie Passos, Fernandes & Borges-Nojosa, 2007, Apostolepis sp. (gr. pimy) e Mesoclemmys perplexa Bour & Zaher, 2005 foram as espécies mais raras na encontradas ao longo do Complexo do Planalto da Ibiapaba. Os resultados indicam que aproximadamente 70% dos répteis encontrados no Ceará estão presentes nesse complexo. O CPI é também a área do Bioma Caatinga com a maior riqueza de espécies, incluindo espécies raras e ameaçadas.

    Abstract in English:

    We surveyed the herpetofauna from the Complex of Planalto da Ibiapaba (CPI), CE, Brazil, during two years, using five sampling methods and information available in the literature. The amphibians are represented by 38 species distributed into nine families. The reptiles found summed 84 species, distributed into 25 families. Most amphibians collected exhibited wide occurrence along CPI, where we recorded 24 species (63.2%), which occurred at least in 60% of the sampled environments. Reptiles showed a different pattern, since 52 species (62.6%) had a restricted distribution (up to two environments). Sixteen species out of 25 considered as rare in CPI are restricted to relict moist forests. We also applied a rarity-vulnerability index to determine the most susceptible species. Pristimantis sp., Adelophryne baturitensis Hoogmoed, Borges, and Cascon, 1994, Pseudopaludicola sp. (aff. saltica), Scinax fuscomarginatus (A. Lutz, 1925), and Odontophrynus carvalhoi Savage & Cei, 1965 were the most vulnerable amphibians in CPI. Reptiles showed a more diverse range in the scale of rarity with 40 species considered vulnerable. Among the vulnerable reptiles Leposoma baturitensis Rodrigues & Borges, 1997, Bothrops sp. (gr. atrox), Atractus ronnie Passos, Fernandes & Borges-Nojosa, 2007, Apostolepis sp. (gr. pimy), and Mesoclemmys perplexa Bour & Zaher, 2005 were the rarest species found in the whole complex of Ibiapaba mountain range. Results indicate that about 70% of the species found in Ceará are present in this complex. Also, CPI is the area of the Caatinga biome with the highest species richness, including rare and threatened species.
  • A new species of Djalmabatista Fittkau (Chironomidae, Tanypodinae) from Mato Grosso, Brazil Articles

    Hagenlund, Linn Katrine; Andersen, Trond; Mendes, Humberto Fonseca

    Abstract in Portuguese:

    Djalmabatista scopulata sp. n. é descrita e ilustrada com base no macho adulto de material coletado em armadilha luminosa no Estado do Mato Grosso, Brasil. Esta nova espécie se aproxima de Djalmabatista ivanyae Fittkau, 1968 pela projeção de pelos na margem interna do gonocoxito, da qual pode ser separada com base no padrão de coloração do abdomen.

    Abstract in English:

    Djalmabatista scopulata sp. n. is described and figured as male imago, based on material collected in a light trap in Mato Grosso, Brazil. The new species groups with Djalmabatista ivanyae Fittkau, 1968 by having a projection with apical brush on the inner margin of the gonocoxite; it can be separated from D. ivanyae on the banded abdomen.
  • Herpetofauna do Parque Estadual Carlos Botelho, São Paulo, Brasil Inventários

    Forlani, Maurício da Cruz; Bernardo, Pedro Henrique; Haddad, Celio Fenando Baptista; Zaher, Hussam

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho consiste em um inventário da herpetofauna do Parque Estadual Carlos Botelho (PECB), localizado na região da Serra de Paranapiacaba, Estado de São Paulo. Os dados foram obtidos por meio de coletas em seis áreas dentro do PECB durante um período de 76 dias distribuídos em um ano, e também por meio de consulta a coleções científicas para obtenção de dados secundários. São apresentados resultados sobre a biologia e ocorrência das espécies no PECB e no Brasil, além de fotografias das diferentes espécies que compõem a herpetofauna do PECB. A herpetofauna do PECB pode ser considerada uma das mais diversificadas de São Paulo, com 65 espécies de anfíbios confirmadas e 59 espécies de répteis registrados neste trabalho. Das 65 espécies de anfíbios, 84% (55 spp.) são endêmicas das formações florestais da Mata Atlântica. Devido às características do relevo do PECB, foram encontrados diferentes padrões altitudinais para os anfíbios: 46% das espécies foram registradas apenas em altitudes acima de 500 m, enquanto que 9% são exclusivas das regiões abaixo de 400 m e 45% ocorrem em todas as áreas amostradas do Parque. Das 59 espécies de répteis do PECB, foram registradas 10 espécies de lagartos, 48 de serpentes e um quelônio. Dentre as serpentes coletadas no PECB, a jararaca Bothrops jararaca foi a mais frequente, com 26,9% (N = 14) do total registrado. Espécies de difícil amostragem, como Echinanthera cephalostriata (13,5%; N = 7) e Taeniophallus affinis (7,7%; N = 4), também foram numerosas no PECB. Dentre os lagartos, Enyalius iheringii foi a espécie mais abundante, com 50% (N = 16) de registros. Uma análise de agrupamento entre 25 taxocenoses de anfíbios brasileiras, incluindo o PECB, resultou na formação de quatro agrupamentos principais. A anurofauna do PECB é mais relacionada com as taxocenoses do Parque Estadual Jacupiranga (0,68) e do Parque Estadual Intervales (0,66). Estes Parques se encontram geograficamente próximos e constituem um dos maiores fragmentos preservados de Mata Atlântica no Brasil. Este trabalho é o primeiro a apresentar a lista de répteis do PECB, alem de complementar o conhecimento em relação a fauna de anfíbios do PECB.

    Abstract in English:

    The present work is a survey of the herpetofauna of Carlos Botelho State Park (CBSP), located in the region of Serra de Paranapiacaba, State of São Paulo, Brazil. Data were gathered from specimens collected in six areas within the park during a period of 76 days distributed in one year, and from three Brazilian scientific collections. We also offer photographs and information on the biology and occurrence of species within the park and among Brazilian biomes. The herpetofauna of CBSP may be considered one of the most diverse in the State of São Paulo, with 65 species of amphibians and 59 species of reptiles recorded in the present study. From the 65 species of amphibia recorded, 84% (55 spp.) are endemic from forested areas of the Atlantic forest. We also distinguished different altitudinal patterns within the amphibian assemblage, with 46% being recorded only at altitudes above 500 m, while 9% are exclusive of areas under 400 m and 45% occur in all altitudes within the park. The reptile fauna of PECB is composed of 59 species, including 10 species of lizards, 48 snakes, and one chelonian. Among the snakes collected at the CBSP, the Lancehead Bothrops jararaca was the most frequent, with 26,9% (N = 14) of the total of the collected specimens. Species that are considered difficult to sample, such as Echinanthera cephalostriata (13,5%; N = 7) and Taeniophallus affinis (7,7%; N = 4), were also numerous in PECB. Among lizards, Enyalius iheringii was the most abundant species, representing 50% (N = 16) of sampled specimens. We also performed a cluster analysis comparing 25 amphibian assemblages from different localities in the Atlantic Forest, and including the PECB, which resulted in the clustering of four main groups. The anurofauna of PECB presented high similarity with the assemblages of Jacupiranga (0,68) and Intervales (0,66) State Parks. These places are geographically close and constitute one of the largest preserved forest fragments of Atlantic rainforest in Brazil. The present work provides at the first time a list of reptiles for the CBSP, and complements the knowledge about the amphibian fauna at the CBSP.
  • Inventário das espécies de Cerambycidae (Coleoptera) de Vila Dois Rios (Ilha Grande, Angra dos Reis, Rio de Janeiro, Brasil) Inventários

    Rodrigues, Juliana Mourão dos Santos; Monné, Miguel Angel; Mermudes, José Ricardo Miras

    Abstract in Portuguese:

    Uma lista das espécies de Cerambycidae registradas em Vila Dois Rios (Ilha Grande, Angra dos Reis, Rio de Janeiro, Brasil) é apresentada. O trabalho foi baseado em sete coletas de janeiro a dezembro de 2008, em dados de literatura e na coleção do Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro. Três subfamílias são registradas e todas as 50 espécies são novos registros para a Ilha Grande. Para cada espécie são fornecidas a informação catalográfica original e recente, distribuição, ilustração e material examinado. Prioninae com três espécies e três gêneros em duas tribos, Mallaspini (Pyrodes) e Macrotomini (Mallodon, Mercosarthron), representa 6% de todas as espécies. Cerambycinae com sete espécies e sete gêneros em cinco tribos - Callichromatini (Callichroma), Cerambycini (Poeciloxestia, Sphallotrichus), Elaphidiini (Ambonus, Eurysthea), Heteropsini (Mallosoma), Hexoplonini (Gnomidolon)- representa 14%. Lamiinae, com 40 espécies em 29 gêneros e dez tribos - Acanthocinini (Alcidion, Lophopoeum, Nealcidion, Nyssodrysina, Nyssodrysilla, Nyssodrysternum, Pentheochaetes, Trichillurges, Tropidozineus, Urgleptes), Acanthoderini (Macronemus, Oreodera, Psapharochrus) Agapanthiini (Hippopsis, Pachypeza), Anisocerini (Onychocerus), Apomecynini (Adetus, Amphicnaeia, Falsischnolea, Rosalba), Colobotheini (Colobothea), Desmiphorini (Estola, Estolomimus), Hemilophini (Malacoscylus), Onciderini (Hesycha, Hypsioma, Ischiocentra, Peritrox) e Pteropliini (Esthlogena) - representa 80% do total de espécies.

    Abstract in English:

    A survey of the Cerambycidae species recorded in Vila Dois Rios (Ilha Grande, Angra dos Reis, Rio de Janeiro, Brazil) is presented. The work was based on seven collects from January to December 2008, literature data and material housed in the Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro. Three subfamilies are recognized and all the 50 species are new records for Ilha Grande. Catalographic information, distribution, illustration and examined material are given. Prioninae with three species and three genera in two tribes, Mallaspini (Pyrodes) and Macrotomini (Mallodon, Mercosarthron), it represents 6% of all species. Cerambycinae with seven species and seven genera in five tribes - Callichromatini (Callichroma), Cerambycini (Poeciloxestia, Sphallotrichus), Elaphidiini (Ambonus, Eurysthea), Heteropsini (Mallosoma), Hexoplonini (Gnomidolon)- it represents 14%. Lamiinae, with 40 species in 29 genera and ten tribes - Acanthocinini (Alcidion, Lophopoeum, Nealcidion, Nyssodrysina, Nyssodrysilla, Nyssodrysternum, Pentheochaetes, Trichillurges, Tropidozineus, Urgleptes), Acanthoderini (Macronemus, Oreodera, Psapharochrus) Agapanthiini (Hippopsis, Pachypeza), Anisocerini (Onychocerus), Apomecynini (Adetus, Amphicnaeia, Falsischnolea, Rosalba), Colobotheini (Colobothea), Desmiphorini (Estola, Estolomimus), Hemilophini (Malacoscylus), Onciderini (Hesycha, Hypsioma, Ischiocentra, Peritrox) and Pteropliini (Esthlogena) - it represents about 80% of the total species.
  • Freshwater Raphidophyceae from the State of Rio de Janeiro, Southeast Brazil Inventories

    Menezes, Mariângela; Bicudo, Carlos Eduardo de Mattos

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho apresenta o inventário florístico de Raphidophyceae (Heterokontophyta) encontradas em três corpos d'água doce no Município do Rio de Janeiro. Cento e dezessete amostras foram coletadas bimensalmente entre setembro de 1988 a agosto de 1988, das quais oito com representantes de rafidófitas distribuídas em duas espécies de Gonyostomum, uma de Merotrichia e duas de Vacuolaria. Quatro espécies constituem novos registros de ocorrência para o Estado do Rio de Janeiro (G. semen, G. depressum, M. bacillata, V. virescens var. virescens) e uma é citada pela primeira vez para o Brasil (V. viridis). Gonyostomum semen e V. virescens var. virescens foram os táxons com maior distribuição na área de estudo totalizando 50 e 25% do total das amostras, respectivamente. Exceto M. bacillata e V. viridis, as demais espécies ocorreram principalmente em lago natural oligotrófico com águas ácidas reforçando a preferência do grupo a baixos valores de pH. Este estudo suporta a necessidade de realizar inventários taxonômicos mais extensivos sobre rafidófitas a partir de amostras de campo e de cultura com base em microscopia ótica e eletrônica para confirmar a identidade taxonômica das espécies já registradas e ampliar o conhecimento do grupo no Brasil. A floração de G. semen registrada neste trabalho aliada a sua gradual dominância em ambientes aquáticos no Estado do Rio de Janeiro parece suportar a recente expansão dessa espécie em novas áreas e pode ser visto como um potencial risco a saúde do meio ambiente.

    Abstract in English:

    This paper presents a floristic survey of Raphidophyceae (Heterokontophyta) found in three freshwater environments in the municipality of Rio de Janeiro, based on samples collected bimonthly from September 1988 to August 1991. A total of 117 samples were collected, and eight of these contained cells of raphidophytes. Altogether five raphidophyte species, representing the genera Gonyostomum (2), Merotrichia (1), and Vacuolaria (2) were identified. Four species are new records for the State of Rio de Janeiro (G. semen, G. depressum, M. bacillata, V. virescens var. virescens), and one is reported for the first time in Brazil (V. viridis). Gonyostomum semen and V. virescens var. virescens are the most widespread taxa in the area, found in 50 and 25% of the total of samples, respectively. With the exception of M. bacillata and V. viridis, most of the taxa occurred in a natural oligotrophic lake with acidic waters, in accordance with the preference of raphidophytes for low pH. This study clearly supports the need for more extensive taxonomic surveys on these raphidophytes, based on field and cultured samples and under light and electron microscopy, to confirm the taxonomic identity of the previously reported species and to expand the knowledge of the taxa in Brazil. The bloom of G. semen reported here, together with its gradual dominance in the aquatic systems in the State of Rio de Janeiro seems to conform to the recent spread of this species into new areas, and can be viewed as a potential risk for environmental health.
  • Inventário de mosquitos (Diptera: Culicidae) da Unidade de Conservação Ambiental Desterro, Ilha de Santa Catarina, Sul do Brasil Inventários

    Reis, Mariana; Müller, Gerson Azulim; Marcondes, Carlos Brisola

    Abstract in Portuguese:

    Dois mil e sessenta e um espécimes distribuídos em 36 espécies de mosquitos foram coletadas entre agosto de 2007 e maio de 2008 na Unidade de Conservação Ambiental Desterro (localizada no Estado de Santa Catarina, Brasil). As cinco espécies mais abundantes foram: Runchomyia reversa (29,74%), Ochlerotatus scapularis (14,80%), Wyeomyia pallidoventer (9,51%), Anopheles cruzii (8,30%) e Sabethes purpureus (7,03%). São registradas dez novas espécies de Culicidae para o Estado de Santa Catarina, sendo que dessas, seis pertencentes ao gênero Wyeomyia.

    Abstract in English:

    Two thousand and sixty one specimens distributed in 36 species of mosquitoes were collected between August 2007 and May 2008 at the Environmental Conservation Unit Desterro (located in Santa Catarina State, Brazil). The five most abundant species were: Runchomyia reversa (29.74%), Ochlerotatus scapularis (14.80%), Wyeomyia pallidoventer (9.51%), Anopheles cruzii (8.30%) and Sabethes purpureus (7.03%). Ten species of Culicidae are firstly reported to the Santa Catarina State, and of these, six belong to the genus Wyeomyia.
  • Non-volant tetrapods from Reserva Biológica de Duas Bocas, State of Espírito Santo, Southeastern Brazil Inventories

    Tonini, João Filipe Riva; Carão, Lívia de Moraes; Pinto, Israel deSouza; Gasparini, João Luiz; Leite, Yuri Luiz Reis; Costa, Leonora Pires

    Abstract in Portuguese:

    A Reserva Biológica de Duas Bocas (2.190 ha) é um dos maiores remanescentes de Mata Atlântica do Estado do Espírito Santo, Sudeste do Brasil. Nós amostramos tetrápodes não voadores nessa área entre maio de 2007 e abril de 2008, utilizando armadilhas de queda, armadilhas de isca, armadilhas fotográficas e buscas oportunísticas diurnas e noturnas. Além disso, nós compilamos registros de vertebrados não voadores ocorrentes nesta área disponíveis na literatura e através de espécimes em museus. Nós documentamos 52 espécies de anfíbios, 24 espécies de répteis não voadores e 39 espécies de mamíferos não voadores. Do total de 115 espécies, 47 configuram novos registros para a área e seis outras espécies tiveram sua distribuição geográfica ampliada com os resultados do presente estudo. Além disso, apresentamos o registro de predação da perereca Hypsiboas faber pela serpente Chironius bicarinatus. Cinco das espécies registradas são listadas como ameaçadas no Estado do Espírito Santo e muitas outras possuem estado de conservação incerto. A Reserva Biológica de Duas Bocas é um importante refúgio de vida selvagem, principalmente quando consideramos a expansão de áreas urbanas no seu entorno.

    Abstract in English:

    Reserva Biológica de Duas Bocas (2,910 ha) is one of the largest Atlantic forest remnants in the State of Espírito Santo, Southeastern Brazil. We recorded non-volant tetrapods in this area from May 2007 through April 2008, using pitfalls, live traps, camera traps, and diurnal and nocturnal opportunistic searches. In addition, we compiled available museum and literature records from this area. We documented 52 species of amphibians, 24 species of non-avian reptiles, and 39 species of non-volant mammals. Out of these 115 species, 47 are new records for this area and six other species had their geographic ranges expanded with the present study. Furthermore, we present the record of predation of the tree frog Hypsiboas faber by the snake Chironius bicarinatus. Out of the species listed, five species are listed as threatened with extinction in the State of Espírito Santo, and many others have uncertain conservation status. Reserva Biológica de Duas Bocas is an important wildlife refuge, especially considering the expansion of urban areas in its surroundings.
  • Serpentes do Município de Viçosa, Mata Atlântica do Sudeste do Brasil Inventários

    Costa, Henrique Caldeira; Pantoja, Davi Lima; Pontes, José Lélis; Feio, Renato Neves

    Abstract in Portuguese:

    Apresentamos aqui, com base em exemplares depositados em coleções científicas, uma lista das espécies de serpentes do Município de Viçosa, localizado em uma porção da Mata Atlântica do Estado de Minas Gerais, Sudeste do Brasil. Trinta e quatro espécies foram confirmadas em Viçosa. Outras duas possuem registros duvidosos e cinco espécies que foram registradas em municípios vizinhos poderiam também ocorrer em Viçosa. Informações sobre distribuição e história natural das serpentes são apresentadas, baseadas em dados da literatura científica e observações esporádicas na área de estudo. Podemos considerar que de maneira generalizada a fauna de serpentes de Viçosa é constituída por espécies com condições de utilizar ambientes antropizados, mas algumas são dependentes dos fragmentos florestais ainda existentes. Estudos de campo ainda são necessários para aprimorar o conhecimento sobre a riqueza de espécies de serpentes nos fragmentos florestais, para confirmar a presença das espécies com registros incertos e ocorrência potencial em Viçosa, e para investigar a possibilidade de declínio populacional daquelas espécies sem registros há mais de uma década.

    Abstract in English:

    Based on specimens housed in scientific collections, we present here a list of snake species from the Municipality of Viçosa, which is located in an Atlantic Forest portion of the State of Minas Gerais, Southeastern Brazil. Thirty four species were confirmed in Viçosa. Two others have uncertain reports and five that were registered in neighboring municipalities could also occur in Viçosa. Information concerning snakes distribution and natural history is also presented, based on scientific literature data and sporadic field observations in the study area. In general, we can consider that the snake fauna of Viçosa is comprised of species which are able to use environments modified by human action, though some of them are dependent on the remaining forest fragments. Fieldwork is still required to improve the knowledge of snake species richness in forest fragments, to confirm the presence of species with uncertain records and potential occurrence in Viçosa, and to investigate the possibility of population declines of those species without records from the last decade.
  • Composição florística e fitofisionomia de remanescentes disjuntos de Cerrado nos Campos Gerais, PR, Brasil - limite austral do bioma Inventários

    Ritter, Lia Maris Orth; Ribeiro, Milton Cezar; Moro, Rosemeri Segecin

    Abstract in Portuguese:

    O cerrado possui seu limite austral de ocorrência nos Campos Gerais do Paraná onde, na forma de pequenos fragmentos disjuntos, tem grande afinidade com as formações savânicas de São Paulo e do Planalto Central do Brasil. Encontra-se, na sua maior parte, em propriedades particulares, sob forte pressão da agropecuária, tendo sido até então pouco estudado. Foram realizadas análises florísticas e fitofisionômicas de 30 remanescentes de cerrado em seis municípios, com determinação de um total de 1.782 táxons. Asteraceae foi a família com maior riqueza de espécies (256), seguida por Fabaceae (207), Poaceae (183), Myrtaceae (72) e Melastomataceae (54). Encontrou-se um gradiente latitudinal e geomorfológico na distribuição das fisionomias: cerrado stricto sensu (50%) e cerradão (13%) distribuem-se nos planaltos areníticos ao norte da região; enquanto cerrado rupestre (17%) e campo sujo com fácies de cerrado (20%) estão mais representados nas porções meridionais, nos relevos escarpados dos vales dos rios. Os remanescentes mostraram similaridade florística com áreas core do Bioma e podem ser consideradas áreas marginais da amplitude geográfica de muitos táxons, compartilhando espécies típicas, características da Província Sulina. Portanto, estas áreas campestres seriam melhor classificadas como savanas do que como estepes. A fitocenose mais austral em Ponta Grossa, com alta riqueza de espécies, encontra-se isolada biogeograficamente dos demais elementos do Bioma, constituindo um possível centro de endemismo.

    Abstract in English:

    The cerrado (Brazilian savannah) has its Southern limits of occurrence in the Campos Gerais region in the State of Paraná, through small disjunction patches with great affinities with the Northern savannah formations of São Paulo and the Central Plateau of Brazil. They are mostly on private lands, under strong pressure from agribusiness and have been hitherto little studied. A floristic and phytophysiognomical analysis of 30 remnants in different municipalities was carried out, reaching a total of 1,782 determined taxa, being Asteraceae the richest family (256), followed by Fabaceae (207), Poaceae (183), Myrtaceae (72) and Melastomataceae (54). There is a geomorphological and latitudinal gradient on the distribution of physiognomies: cerrado stricto sensu (50%) and cerradão (13%) are distributed mainly in the sandstone plateaus in the north region, while cerrado rupestre (17%) and grassland with cerrado facies (20%) are most frequent in the river valleys cliffs in the South. These remnants present floristic similarity with the core area of the Biome, and could be considered marginal areas of the geographical range of several taxa, sharing typical species of the Southern Province. Thus the whole area would be more correctly named savannah instead of steppe. The austral phytocoenosis of Ponta Grossa, a possible endemism centre with great richness, is biogeographically isolated from the other cerrado patches.
  • Diatomáceas perifíticas da represa Itaqui, São José dos Pinhais, Paraná: Fragilariales, Eunotiales, Achnanthales e Gomphonema Ehrenberg Inventários

    Faria, Denise Matias de; Tremarin, Priscila Izabel; Ludwig, Thelma Alvim Veiga

    Abstract in Portuguese:

    Realizou-se o levantamento florístico das espécies de diatomáceas perifíticas incluídas em Fragilariales, Eunotiales, Achnanthales e Gomphonema Ehrenberg, em uma represa do Rio Itaqui, localizada no município de São José dos Pinhais, PR. Lâminas de vidro foram utilizadas como substrato, as quais permaneceram submersas durante 30 dias no ambiente. Quatro coletas trimestrais, de maio de 2008 a fevereiro de 2009, foram realizadas para análise qualitativa. Amostras foram coletadas para estimar o estado trófico da represa, a qual foi classificada como hipereutrófica. Determinaram-se 49 táxons, sendo 44 em nível infragenérico. Doze novos registros foram adicionados à diatomoflórula paranaense: Fragilaria socia, Eunotia rabenhorstiana var. elongata, E. soleirolii, E. ventricosa var. brevis, Gomphonema parvulum f. saprophilum, G. pumilum, Achnanthes minuscula, Nupela wellneri, Planothidium frequentissimum, Ulnaria sp., Eunotia sp.2 e Gomphonema sp.2. Os táxons determinados em nível genérico, Ulnaria sp., Eunotia sp.1, Eunotia sp.2, Gomphonema sp.1 e Gomphonema sp.2 devem ser alvo de estudos posteriores, pois nenhuma forma semelhante foi registrada na literatura consultada.

    Abstract in English:

    Periphytic diatoms from Fragilariales, Eunotiales, Achnanthales and Gomphonema Ehrenberg taxa were studied from a reservoir of the Itaqui River, in São José dos Pinhais, PR. Glass slides were used as artificial substrate that was collected after 30 days of incubation. Sampling occurred quarterly from March 2008 to February 2009 for qualitative analysis. Samples were collected to estimate the trophic state of the reservoir, which was classified as hypereutrophic. Forty-nine taxa were identified, being 44 at infrageneric level. Twelve species were first recorded in the State of Paraná: Fragilaria socia, Eunotia rabenhorstiana var. elongata, E. soleirolii, E. ventricosa var. brevis, Gomphonema parvulum f. saprophilum, G. pumilum, Achnanthes minuscula, Nupela wellneri, Planothidium frequentissimum, Ulnaria sp., Eunotia sp.2 and Gomphonema sp.2. Ulnaria sp., Eunotia sp.1, Eunotia sp.2, Gomphonema sp.1 and Gomphonema sp.2, must be so far investigated because no similar form was catalogued on literature.
  • Chave ilustrada para identificação das zoés de Brachyura do estuário da Lagoa dos Patos (RS) e região costeira adjacente Chave de Identificação

    Vieira, Rony Roberto Ramos; Calazans, Danilo Kloetz de

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo do presente estudo é a elaboração de uma chave de identificação ilustrada das espécies de Brachyura que ocorrem no estuário da Lagoa dos Patos e sua região costeira adjacente. A chave abrange espécies as quais foram coletadas mensalmente, usando uma rede de plâncton (165 cm de comprimento, 60 cm de boca e 330 µm de malha). As amostragens foram realizadas na superfície e fundo. Os especimens foram identifcados mediante comparação com larvas cultivadas em laboratório e com descrições já existentes. A chave utiliza caracteres que não sofrem grandes transformações ao longo do desenvolvimento, e a utilização de figuras para ilustrar a chave permite a não especialistas facilmente identificar as espécies.

    Abstract in English:

    The goal of this study is to provide an illustrated identification key to distinguish zoeal phase of Brachyuran larvae that occur in the estuarine and nearby coastal region of the Patos Lagoon. The key includes species, collected monthly, using a conical net (165 cm long, 60 cm mouth and 330 µm mesh). Sampling was carried out on surface and deep waters. The identification was based on specimens reared under laboratory conditions as well as from previous published studies. This key was constructed upon external morphological characters, easy to observe under a stereomicroscope and moreover, the presentation of figures allows a non-specialist to make identifications more easily.
  • Espécies de Anastrepha Schiner (Diptera: Tephritidae), seus hospedeiros e parasitóides nos Estados do Acre e Rondônia, Brasil

    Pereira, Júlia Daniela Braga; Buriti, Dayse Paes; Lemos, Walkymário de Paulo; Silva, Wilson Rodrigues da; Silva, Ricardo Adaime da

    Abstract in Portuguese:

    Durante o mês de março de 2009 foram realizadas amostragens de frutos carnosos nos Estados do Acre (municípios de Brasiléia, Bujari, Capixaba, Epitaciolândia, Rio Branco, Sena Madureira, Senador Guiomard e Xapuri) e Rondônia (Ariquemes, Candeias do Jamari, Itapuã do Oeste, Ouro Preto do Oeste e Porto Velho) visando ampliar o conhecimento sobre a diversidade de moscas-das-frutas (Diptera: Tephritidae), seus hospedeiros e parasitóides. Este trabalho constitui o primeiro registro de Anastrepha coronilli Carrejo & González (Tephritidae) para o Estado do Acre, e das espécies A. coronilli, A. distincta Greene (Tephritidae), e dos himenópteros Doryctobracon areolatus (Szépligeti) e Opius bellus Gahan (Braconidae) para Rondônia.

    Abstract in English:

    In March of 2009, samplings of fleshy fruits were accomplished in the States of Acre (counties of Brasiléia, Bujari, Capixaba, Epitaciolândia, Rio Branco, Sena Madureira, Senador Guiomard and Xapuri) and in Rondônia (Ariquemes, Candeias do Jamari, Itapuã do Oeste, Ouro Preto do Oeste and Porto Velho), aiming to improve the knowledge on diversity of fruit flies (Diptera: Tephritidae), their hosts and parasitoids. The present work constitutes the first record of Anastrepha coronilli Carrejo & González (Tephritidae) for the State of Acre and A. coronilli, A. distincta Greene (Tephritidae), and the hymenopteran D. areolatus (Szépligeti) and O. bellus Gahan (Braconidae) for Rondônia.
  • O caramujo exótico invasor Achatina fulica (Stylommatophora, Mollusca) no Estado do Rio de Janeiro (Brasil): situação atual

    Zanol, Joana; Fernandez, Monica Ammom; Oliveira, Ana Paula Martins de; Russo, Claudia Augusta de Moraes; Thiengo, Silvana Carvalho

    Abstract in Portuguese:

    O caramujo africano invasor Achatina fulica foi introduzido no Brasil a partir de Estados do Sul e Sudeste em pelo menos três ocasiões. Atualmente sua distribuição já abrange 24 dos 26 estados e o Distrito Federal. Populações densas dessa espécie vêm causando incômodos à populações humanas, danos à jardins e pequenas plantações, além de atuarem como transmissoras de duas zoonoses (angiostrongilíase abdominal e meningoencefalite eosinofílica) e outras parasitoses de interesse veterinário. No presente estudo, apresentamos novas ocorrências de A. fulica no Estado do Rio de Janeiro (Brasil) assim como dados sobre as larvas de nematódeos de interesse médico e veterinário encontradas em exemplares dessa espécie coletados neste estado. A. fulica está presente em 26 municípios adicionais em relação aos dados obtidos em 2006, ano do último levantamento, representando um aumento de 50% no número de municípios infestados. Apenas nove dos 92 municípios do estado ainda não registram a presença dessa espécie. Larvas dos nematódeos Aelurostrongylus abstrusus, Rhabditis sp. e Strongyluris-like, todas com importância veterinária, foram encontradas em exemplares de A. fulica de onze municípios. A rápida dispersão de A. fulica evidencia a necessidade de planos de manejo contínuos e eficientes em todo o país visando o controle efetivo dessa invasão. A erradicação de A. fulica é pouco provável devido ao nível atual de infestação.

    Abstract in English:

    The invasive African snail Achatina fulica was introduced in Brazil through South and Southeast States in at least three separate occasions. A. fulica is currently present in 24 out of 26 Brazilian States and in the Federal District. Dense populations of A. fulica are nuisance to human populations and pest to gardens and small crops. Such populations also act in the transmission of two zoonosis (abdominal angiostrongyliasis and eosinophilic meningitis) as well as other parasitosis of veterinary importance. Here, we report new records of A. fulica and of nematode larvae of medical and veterinary importance found in this snail in the state of Rio de Janeiro (Brazil). A. fulica is present in 26 additional municipalities of the state when compared to the information obtained in 2006, year of the last census. This result represents an increase of 50% in the number of municipalities infested. Only nine out of the 92 municipalities of the state have not yet registered the presence of this invasive species. Nematode larvae of Aelurostrongylus abstrusus, Rhabditis sp. e Strongyluris-like, all of veterinary importance, have been registered in A. fulica individuals from eleven municipalities of the state. The rapid range expansion of A. fulica calls attention for the need of a general and continuous management plan throughout the country in order to effectively control the invasion. The current level of infestation makes a full eradication unlikely.
  • First occurrences of the greater bonneted Eumops perotis (Molossidae) in the State of Paraná and synthesis of the known records for Brazil Short Communications

    Suckow, Urubatan Moura Skerratt; Bianconi, Gledson Vigiano; Parolin, Lays Cherobim; Lima, Isaac Passos

    Abstract in Portuguese:

    Eumops perotis apresenta poucos registros confirmados para a América do Sul, distribuídos de forma desigual por quase todos os países do continente. Nesta comunicação, nós relatamos a primeira ocorrência deste molossídeo no Estado do Paraná, Sul do Brasil e sumarizamos as demais localidades conhecidas para o país.

    Abstract in English:

    Eumops perotis has just a few confirmed records in South America and an uneven distribution throughout the continent. In this paper, we show the first occurrence of this molossid in the State of Paraná, Southern Brazil and summarize all the known localities for the country.
  • What coatis and mongooses have in common? Short Communications

    Sazima, Ivan

    Abstract in Portuguese:

    Os quatis (Procyonidae) e algumas espécies de mangustos (Herpestidae) são carnívoros diurnos de pequeno a médio porte, que vivem em grupos e se alimentam oportunisticamente de pequenos animais e frutos. Uma comparação de algumas características é aqui apresentada para duas espécies de quatis (Nasua narica e N. nasua) e o mangusto-listrado (Mungos mungo). Os dois primeiros habitam a região Neotropical, ao passo que o mangusto vive na região Etíope. Tanto os quatis como o mangusto são capazes de viver próximos de povoados e aproveitam restos de alimento. Ademais, quatis e mangustos se habituam a humanos e por vezes constituem um estorvo. Esses hábitos, mais a sua quase constante procura por alimento, levam estes carnívoros a encontrar outros tipos de mamíferos em comedouros e lixeiras, e a se associarem a estes animais. O quati-de-nariz-branco (N. narica) associa-se à anta-de-baird (Tapirus bairdii) e cata carrapatos no corpo deste herbívoro, ao passo que o mangusto faz o mesmo com o facóquero ou javali-africano (Phacochoerus africanus). Estes parecem ser os dois únicos registros de mamíferos limpando mamíferos de espécies outras que a própria, e ilustram um caso notável de convergência.

    Abstract in English:

    The coatis (Procyonidae) and some species of mongooses (Herpestidae) are diurnal, small to medium-sized carnivores that live in groups and feed opportunistically on small animals and fruits. A comparison of selected features is here presented for two coati species (Nasua narica and N. nasua) and the banded mongoose (Mungos mungo). The former two dwell in the Neotropical region, whereas the latter occurs in the Ethiopian realm. Both the coatis and the mongoose are apt to live near human settlements and capitalise on food refuse. Additionally, coatis and mongooses habituate to humans, and sometimes are a nuisance. These habits, plus their almost constant quest for food, lead these carnivores to meet other mammal types at feeders and garbage dumps and associate with these animals. White-nosed coatis associate with the Baird's tapir (Tapirus bairdii) and pick ticks on its body, whereas the banded mongoose does so with the common warthog (Phacochoerus africanus). These seem to be the two sole recorded instances of mammals cleaning non-conspecific mammals, and illustrate a remarkable case of convergence.
  • Estrutura populacional do siri-baú, Hepatus pudibundus (Herbst 1785) no Norte do Estado do Rio de Janeiro, Sudeste do Brasil

    Klôh, Aline dos Santos; Di Beneditto, Ana Paula Madeira

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo descreve as primeiras informações sobre a estrutura populacional do siri-baú, Hepatus pudibundus, na costa Norte do Estado do Rio de Janeiro (21° 30' e 21° 50' S). Entre abril de 2006 e março de 2007 foram realizadas coletas mensais (n = 12) com rede de arrasto de fundo em embarcações da pesca camaroneira local. Os espécimes foram classificados quanto ao sexo e maturidade, medidos e pesados. No total, foram capturados 523 indivíduos de H. pudibundus: 299 (57,2%) machos e 224 (42,8%) fêmeas. De modo geral, a razão sexual na população se manteve estável ao longo do período de estudo, com ligeiro predomínio de machos. Os espécimes adultos foram mais numerosos do que os juvenis. Os machos foram maiores e mais pesados que as fêmeas, com médias da largura da carapaça de 46,8 ± 9,1 mm e peso de 23,4 ± 13,2 g, em comparação com 45,3 ± 6,6 mm e 18,8 ± 7,9 g para as fêmeas. As relações entre peso e largura da carapaça foram ajustadas pelas equações P = 0,0002.LC I3,0391 (R2 = 0,97) (machos) e P = 0,0003.LC I2,8734 (R2 = 0,94) (fêmeas). A espécie H. pudibundus tem pouca representatividade na pesca camaroneira regional, mas o presente estudo indica sua ocorrência regular em associação às águas costeiras do Norte do Estado do Rio de Janeiro.

    Abstract in English:

    The present study describes the first information about the population structure of the flecked box crab, Hepatus pudibundus, in Northern Rio de Janeiro State (21° 30' and 21° 50' S). From April 2006 to March 2007 monthly samples (n = 12) were conducted using a bottom trawl net aboard local shrimp fishery boats. The specimens were classified by gender and maturity status, measured and weighed. In total, 523 individuals of H. pudibundus were captured: 299 (57.2%) males and 224 (42.8%) females. In general, the sex ratio was constant over the studied period, with slight predominance of males. The adult specimens were more numerous than the juveniles' ones. Male specimens were larger and heavier than females, with averages of 46,8 ± 9,1 mm in carapace width and 23,4 ± 13,2 g in weight, compared to 45,3 ± 6,6 mm and 18,8 ± 7,9 g for females. The relationships between weight and carapace width were adjusted by the equations W = 0.0002.CW I3.0391 (R2 = 0.97) (males) and W = 0.0003.CW I2.8734 (R2 = 0.94) (females). The species H. pudibundus has little significance to the regional shrimp fishery, but this study indicates its regular occurrence in coastal waters from Northern Rio de Janeiro State.
  • Predation on young treefrog (Osteocephalus taurinus) by arthropods (Insecta, Mantodea and Arachnida, Araneae) in Central Brazil Short Communications

    Costa-Pereira, Raul; Martins, Fernando Ibanez; Sczesny-Moraes, Eurico Antonio; Brescovit, Antonio

    Abstract in Portuguese:

    Espécies de aranhas e louva-a-deus são itens alimentares de diversas espécies de anuros. Porém, aqui reportamos a predação de jovens anuros da espécie Osteocephalus taurinus, por duas espécies de aranha, uma Pisauridae e uma Trechaleidae (Neoctenus sp.), e por um louva-a-deus Eumusonia sp. em Mato Grosso, Brasil Central. A grande abundância desse anuro na região, aliada a seu pequeno porte durante a fase juvenil, favorece sua predação por invertebrados generalistas. Entretanto, mais estudos devem ser conduzidos para quantificar a real influência de predadores invertebrados nas populações de anuros.

    Abstract in English:

    Praying mantis and spider species are common food items in the diet of several anuran species. Nevertheless, in this study we report the predation of young treefrogs Osteocephalus taurinus by two spider species, a Pisauridae and a Trechaleidae (Neoctenus sp.) and by the praying mantis Eumusonia sp. in Mato Grosso, Central Brazil. The great abundance of this treefrog in the region, combined with its small body size during the juvenil stage, favor its predation by generalists predators. Indeed, more studies are needed to quantify the real influence of invertebrate predators on anuran populations.
Instituto Virtual da Biodiversidade | BIOTA - FAPESP Departamento de Biologia Vegetal - Instituto de Biologia, UNICAMP CP 6109, 13083-970 - Campinas/SP, Tel.: (+55 19) 3521-6166, Fax: (+55 19) 3521-6168 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: contato@biotaneotropica.org.br