• Produção feminista, o tempo, perdas e polêmicas sobre palavra Editorial

    Lago, Mara Coelho de Souza; Minella, Luzinete Simões; Ramos, Tânia Regina Oliveira; Wolff, Cristina Scheibe
  • Feminismo De(s)colonial como Feminismo Subalterno Latino-Americano Artigos

    Ballestrin, Luciana

    Abstract in Portuguese:

    Resumo No presente artigo argumento que o feminismo de(s)colonial pode ser entendido como um feminismo subalterno, inclusive na trajetória dos feminismos latino-americanos. Ao mobilizar um discurso crítico à modernidade e à colonialidade, inclusive dentro do próprio movimento feminista, o feminismo de(s)colonial se insere em uma história mais ampla do feminismo terceiro-mundista que antecipou aquilo que chamo de paradoxo da representação feminista. Sugiro que o debate feminista de(s)colonial seja compreendido em sua complexidade teórica e prática, argumentando que sua novidade e distinção reside na construção e na articulação da ideia de descolonização como utopia política de diferentes feminismos subalternos latino-americanos nas duas últimas décadas.

    Abstract in Spanish:

    Resumen: En el presente artículo sostengo que el feminismo de(s)colonial puede entenderse como un feminismo subalterno, incluso en la trayectoria de los feminismos latinoamericanos. Debido a la formulación de un discurso crítico cerca de la modernidad e la colonialidad en el propio feminismo, el feminismo de(s)colonial es parte del larga historia del feminismo tercero mundista que anticipado el paradoja de la representación feminista. Sugiero que el debate feminista de(s)colonial se entienda en su complejidad teórica y práctica, argumentando que su novedad y distinción radica en la construcción y articulación de la idea de descolonización como una utopía política de diferentes feminismos subalternos latinoamericanos en las últimas dos décadas.

    Abstract in English:

    Abstract In this article I propose the understanding of decolonial feminism as Latin-American and subaltern feminism. In the last two decades, decolonial feminism has developed a critical discourse on modernity and coloniality outside and inside of Latin-American feminism. As well as Third-World feminism, decolonial feminism presents the paradox of feminist representation. There is a necessary articulation between the theory and practice in decolonial feminist project and its main novelty is to reconstruct the decolonization as a political utopia, along w others Latin-American and subaltern feminisms.
  • O corpo importa: corpos falantes e a produção discursiva do sexo Artigos

    Gomes, Camilla de Magalhães

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Os estudos decoloniais nos mostram que a colonialidade tem por dicotomia fundamental a divisão entre humanos e não humanos. Que processos, contudo, produzem ou preenchem essa oposição? No presente artigo buscamos discutir o sexo como produção discursiva que faz parte dos processos de distribuição de humanidade da colonialidade ocidental. Para isso, trabalha a noção de corpos falantes, como modo de romper com a ideia do corpo como tela em branco, natureza a que se imprime sentido por meio da cultura. Com isso, torna-se possível questionar o dimorfismo sexual e pensar na ampliação dos modos pelos quais atribuímos a linguagem do sexo e, assim, reconstruirmos a linguagem sobre os corpos para permitirmos mais, para podermos dizer que, apesar de só conhecermos os corpos por meio da linguagem, esses sempre a excedem.

    Abstract in English:

    Abstract: The decolonial studies show us that coloniality has as its fundamental dichotomy the division between humans and non-humans. What processes, however, produce or fill this opposition? This article seeks to discuss sex as a discursive production that is part of the processes of humanity distribution of western coloniality. In order to do so, it works with the notion of talking bodies, as a way to break with the idea of the body as a blank canvas, nature to which a sense is imprinted through culture. In this way, it becomes possible to question sexual dimorphism and to think of the magnification of the ways in which we attribute the language of sex and thus reconstruct language over bodies in order to allow more, so that we can say that although we only know the bodies through of language, they always exceed it.
  • African priestesses in the biblical world. Decolonial reading of Exodus 4: 24-26 Artigos

    Caldeira, Cleusa; Artuso, Vicente

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Da experiência espiritual da mulher negra em diáspora, surge um pensamento fronteiriço como resposta bíblico-teológica à experiência histórica do racismo. Trata-se de um exercício hermenêutico que assume o imperativo ético e epistemológico da decolonização da teologia e da Bíblia, visto que ambas serviram como “ferro em brasa” para subjugar e desumanizar os povos de origem africana. De um exercício interpretativo a partir do subalterno, desvela-se o protagonismo espiritual da mulher negra no mundo bíblico a fim de revelar as matrizes africanas da fé judaico-cristã. Com isso, anseia-se contribuir para a desconstrução do imaginário eurocêntrico que segue legitimando a dominação e o aniquilamento do outro e, assim, cooperar para a reconstrução de um imaginário despatriarcalizado e antirracista.

    Abstract in English:

    Abstract: From the spiritual experience of the Black woman in diaspora, a frontier thought emerges as a biblical-theological response to the historical experience of racism. It is a hermeneutic exercise that assumes the ethical and epistemological imperative of the decolonization of theology and the Bible, since both served as a “red-hot iron” to subdue and dehumanize peoples of African origin. From an interpretative exercise based on the subaltern, the spiritual protagonism of the Black woman in the biblical world is revealed in order to reveal the African matrices of the Judeo-Christian faith. As such, it aims to contribute to the deconstruction of the Eurocentric imaginary that continues to legitimize the domination and annihilation of the other and, thus, cooperate in the reconstruction of a depatriarchalized and anti-racist imaginary.
  • Gênero na perspectiva decolonial: revisão integrativa no cenário latino-americano Artigos

    Dimenstein, Magda; Silva, Gabriel de Nascimento e; Dantas, Candida; Macedo, João Paulo; Leite, Jáder Ferreira; Alves, Antonio

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Interessa-nos investigar as principais contribuições latino-americanas dos estudos decoloniais sobre o conceito de gênero, pois entendemos que tal conceito pode operar uma forma de colonialidade ao invisibilizar a multiplicidade de cosmovisões e práticas socioculturais que produzem relações sociais diferenciadas. Para tanto, realizamos uma revisão integrativa da produção científica sobre gênero em articulação com o pensamento decolonial no Portal de Periódicos CAPES e na Redalyc. Após o crivo de inclusão-exclusão, 35 artigos foram analisados. Os resultados apontam para: (a) negação do sujeito universal do feminismo; (b) compreensão de gênero, raça e classe como variáveis coconstitutivas; e (c) questionamento sobre a aplicação do conceito em realidades com diferentes lógicas culturais. A discussão sobre gênero na perspectiva decolonial vem se fortalecendo, especialmente no Brasil, mas ainda demanda esforços em pensar as heranças da colonialidade na atualidade.

    Abstract in Spanish:

    Resumen: Nos interesa investigar las principales contribuiciones latinoamericanas de los estudios decoloniales acerca del concepto de género, porque entendemos que el mismo puede operar una forma de colonialidad al invisibilizar la multiplicidad de cosmovisiones y prácticas socioculturales que producen relaciones sociales diferenciadas. Para tanto, realizamos una revisión intregrativa de la producción científica sobre género en articulación con el pensamiento decolonial en los Periódicos CAPES y en Redalyc. Después del proceso de inclusión-exclusión, 35 artículos fueron analizados. Los resultados apuntan para: (a) negación del sujeto universal del feminismo; (b) comprensión de género, raza y clases como variables co-constitutivas; y (c) cuestionamiento sobre la aplicación del concepto en realidades con diferentes lógicas culturales. La discusión sobre género en la perspectiva decolonial viene fortaleciéndose, especialmente en Brasil; sin embargo aún demanda esfuerzos por pensar las herencias de la colonialidad en la actualidad.

    Abstract in English:

    Abstract: We are interested in investigating the main Latin American contributions to decolonial studies about the concept of gender, as we understand that it can operate as a type of coloniality as it makes invisible many worldviews and socio-cultural practices that produce different social relations. For this end, we made an integrative view of scientific production on gender alongside decolonial thought on the Portal de Periódicos CAPES and on Redalyc. After applying the inclusion-exclusion criteria, 35 articles were analyzed. The results pointed to (a) denial of the feminist universal subject; (b) the understanding of gender, race and class as co-constitutive variables; and (c) questioning the applicability of the concept in different cultural logics. The discussion on gender on the decolonial perspective has been strengthened, especially in Brazil, but it still demands efforts on reflections on colonial inheritances in current times.
  • Abuse and Sexual Exploitation in Peace Operations: The Case of MINUSTAH Artigos

    Toledo, Aureo; Braga, Lorraine Morais

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Neste artigo discutimos as condicionantes que contribuíram para a ocorrência de casos de abuso e exploração sexual feminina praticada por peacekeepers durante a Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (MINUSTAH). No trabalho, buscamos compreender a conjuntura a partir de uma perspectiva feminista, considerando a influência da masculinidade militarizada e das condições socioeconômicas do país para a perpetuação da violência contra meninas e mulheres durante o período de vigência da missão.

    Abstract in English:

    Abstract: The article discusses the conditions that contributed to the occurrence of cases involving the abuse and sexual exploitation of females committed by peacekeepers during the United Nations Stabilization Mission in Haiti (MINUSTAH). The paper seeks to understand this context through a feminist perspective, considering the influence of militarized masculinity and the socioeconomic conditions in the country that perpetuated violence against women and girls during the course of the mission.
  • Uma perspectiva feminista ao jornalismo para a paz Artigos

    Salhani, Jorge; Santos, Heloisa dos; Cabral, Raquel

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: A partir da premissa de que muitos conceitos que guiam o jornalismo advêm de uma tradição masculina, os estudos sobre jornalismo feminista propõem novas práticas, baseadas na ética do feminismo perspectivista interseccional. Esta forma de se pensar a produção jornalística conversa com as teorias do jornalismo para a paz, que colocam a mídia como ferramenta para a transformação de conflitos. Neste artigo, a partir de revisão teórica, trabalhamos as tensões, diferenças e as possíveis contribuições da interseção entre o jornalismo feminista e o jornalismo para paz para a prática jornalística e para a pesquisa acadêmica.

    Abstract in English:

    Abstract: Based on the perspective that several concepts that guide journalism arise from a masculine tradition, feminist journalism research proposes new journalistic practices, oriented by intersectional and standpoint feminism. This landscape can be related to the peace journalism theoretical framework, which considers media communications a tool for conflict transformation. In this article, through a literature review, we investigate the tensions, the differences, and the possible contributions from the intersections between feminist journalism and peace journalism for journalistic practices and principles, and for academic research.
  • Guerreiras ou Anjos? As Mulheres Brasileiras e a Grande Guerra Artigos

    Rocha, Elaine Pereira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: A Primeira Guerra Mundial foi um fenômeno de repercussão internacional que ocorreu em meio a inúmeras transformações nos âmbitos econômico, político, social e cultural. Sua repercussão no Brasil aconteceu principalmente a partir de 1917, quando, reagindo a uma agressão direta, o governo declarou guerra à Alemanha. Este artigo reflete os debates sobre a participação das mulheres na Guerra, nas funções de enfermeiras e soldadas. A formação da Legião Feminina da Morte, na Rússia, causou grande impacto ao mostrar ao mundo as imagens de mulheres trajando uniformes militares masculinos e participando em combates diretos. Da mesma forma, o apelo da Cruz Vermelha por voluntárias se transformou num clamor internacional. Em meio a tudo isso, havia ainda a agenda feminista e sufragista e as discussões sobre o papel da mulher na sociedade moderna.

    Abstract in English:

    Abstract: The First World War had great repercussion worldwide, having occurred in the midst of numerous transformations in the economic, political, social and cultural spheres. The impact in Brazil happened mainly from 1917, when Brazil was directly assaulted by Germany and declared war to that country. This article reflects the debates about female participation in the War, whether as supporters, nurses or soldiers. The formation of the Women's Legion of Death in Russia has made a major impact by showing the world the images of women in military uniforms and fighting in the battlefield. In the same way the appeal of the Red Cross by volunteers became an international clamor. In addition, there were the feminist and suffragist agenda and the discussions on the role of women in modern society.
  • Raça e gênero na construção de trajetórias de mulheres quilombolas Artigos

    Ferreira, Maria Raquel Dias Sales; Eiterer, Carmem Lúcia; Miranda, Shirley Aparecida de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: No texto objetivamos analisar como um grupo de mulheres moradoras da Comunidade Quilombola Mato do Tição, situada na Região metropolitana de Belo Horizonte, mobiliza elementos para a construção do referente “mulher quilombola” na construção de suas identidades. Para tanto, a análise passa por reflexões em torno das práticas e dos discursos a partir dos quais essas mulheres tornaram-se quilombolas e das maneiras como mobilizam a categoria do gênero. O presente artigo partiu de uma etnografia, realizada por meio de observação participante, entrevistas e conversas direcionadas, cujo foco foi a trajetória de cinco mulheres da comunidade que protagonizam e mantêm o cotidiano do quilombo. Demonstramos que elas estão produzindo significados e deslocando os sentidos sobre sua própria identidade a fim de superarem as opressões sociais em torno do pertencimento étnico-racial e de gênero.

    Abstract in English:

    Abstract: This text aims to analyze how a group of women from the Quilombo Community Mato do Tição, located in the metropolitan area of Belo Horizonte, mobilizes elements for the construction of the referent “quilombola women” in the construction of their identities. For this purpose, the analysis goes through some reflections over the practices and discourses from where black women came to be quilombolas and how the category gender is linked to the category quilombola. This present work was based on an ethnography study of the five most active women in the quilombo carried out through observed participation, interviews and guided chats. It is shown that the group of women who had been studied as agents of their own culture are producing different meanings over their own ethnic and cultural identity and gender as well, in the public and private sphere by means of discourses based on tradition and ancestry.
  • Criminological Feminisms and Technopolitics: New Frames for Gender Based Violence Artigos

    Martins, Fernanda

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Este artigo baseia-se em algumas questões que levam a repensar os debates da ‘criminologia feminista’ no Brasil e propor formulações criativas para pensar outras formas de enfrentamento da violência de gênero, incluindo movimentos sociais compartilhados que utilizam recursos tecnológicos como estratégias de resistência. Propõe-se o uso de hashtags como ferramentas feministas de análise para compreender os fenômenos da violência localizada. Para tanto, serão utilizadas as hashtags #meuprimeiroassedio, #chegadefiufiu e #meuamigosecreto para analisar novos significados de justiça promovidos pelos movimentos feministas, que aparentemente não priorizam o uso do poder punitivo. Da mesma forma, busca-se, por meio do movimento #EleNão, reconhecido como tecnopolítica democrática feminista, reformular as possibilidades de analisar o campo criminológico e enfrentar a violência de gênero a partir de uma perspectiva micro e macropolítica.

    Abstract in English:

    Abstract: This article is based on some questions that seek to rethink the debates of ‘feminist criminology’ in Brazil and propose creative formulations to think about other forms of coping with gender violence, including shared social movements that use technological resources such as strategies of resistance . It is proposed to use hashtags as feminist tools of analysis to understand the phenomena of localized violence. In order to do so, it will use the hashtags #meuprimeiroassedio, #chegadefiufiu, and #mysecretfriend to analyze new meanings of justice promoted by the feminist movements, which apparently do not prioritize the use of punitive power. In the same way, one seeks from the #EleNão movement, recognized as feminist democratic technopolitics, to reformulate the possibilities of analyzing the criminological field and confronting gender violence from a micro and macro political perspective.
  • Abordajes de la violencia sexual en los juicios por delitos de lesa humanidad en Argentina Artigos

    Alvarez, Victoria

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Como em outras ditaduras do Cone Sul, durante a última ditadura militar argentina (1976-1983), as mulheres detidas foram vítimas de diferentes formas de violência sexual. Somente nos últimos anos, após a reabertura de julgamentos por crimes contra a humanidade e com considerável resistência, passou-se a considerar a possibilidade de julgar a violência sexual como um crime diferenciado da tortura. Neste artigo pretendemos dar conta dos principais debates jurídicos em torno da possibilidade de julgar esses crimes e vamos argumentar a favor da possibilidade de tal julgamento.

    Abstract in Spanish:

    Resumen: Al igual que en otras dictaduras del Cono Sur, durante la última dictadura militar argentina (1976-1983), las mujeres detenidas fueron víctimas de distintas formas de violencia sexual. Recién en los últimos años, luego de la reapertura de los juicios por delitos de lesa humanidad y con una cantidad considerable de resistencias, se empezó a considerar la posibilidad de juzgar la violencia sexual como un delito diferenciado de los tormentos. En el presente trabajo nos proponemos dar cuenta de los principales debates jurídicos en torno a la posibilidad de juzgar estos delitos y argumentaremos en favor de la posibilidad de dicho juzgamiento.

    Abstract in English:

    Abstract: As in other dictatorships in the Southern Cone, during the last Argentine military dictatorship (1976-1983), the women detained were victims of different forms of sexual violence. Only in recent years, after the reopening of trials for crimes against humanity and with a considerable amount of resistance, the official organs began to consider the possibility of judging sexual violence as a crime differentiated from torture. In this paper we intend to give an account of the main legal debates about the possibility of judging these crimes and we will argue in favor of the possibility of such judgment.
  • Trilhas para o enfrentamento da violência contra a mulher Artigos

    Bearzi, Paula Suséli Silva de; Martins, Aline Blaya; Marchi, Renato José De; Reser, Aline Rodrigues

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Neste artigo objetivamos conhecer a percepção dos profissionais da saúde da Atenção Básica a respeito de situações de violência contra a mulher e identificar quais são as estratégias utilizadas diante deste problema. Para tanto, utilizamos uma pesquisa qualitativa segundo a realização de quatro grupos focais, com posterior análise das informações por meio da técnica da Teoria Fundamentada nos Dados. Identificamos que os profissionais reconhecem a presença desta violência, porém, nem sempre há acolhimento ou intervenção. Por outro lado, alguns profissionais exemplificaram estratégias para intervir e referiram efeitos desta interferência na redução dos episódios de violência. Os resultados apresentam algumas questões que direcionam estes posicionamentos e condutas e são importantes para a reflexão sobre as potencialidades da Atenção Básica frente a este tema.

    Abstract in English:

    Abstract: This research aimed to understand the perception of the health professional(s) of the primary care about violence situations against women and to identify the strategies facing this problem. Therefore, a qualitative research was carried out through four focal groups, with further analysis of the information through the technique of Grounded Theory. The professionals recognize the presence of this violence; however, there is not always a reception or intervention. On the other hand, some professionals exemplified strategies to intervene and reported the effects of this interference in the reduction of the violence episodes. The results show up some questions that guide these positions and behaviours and are important for the reflection on the potentialities of Primary Care in this area.
  • Cumprindo pena juntos Artigos

    Duarte, Thais Lemos; Chaves, Luana Hordones; Araújo, Isabela Cristina Alves de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: O artigo pretende analisar a perspectiva de mulheres companheiras de presos no estado do Rio de Janeiro sobre os papéis que elas desempenham nas prisões. Partimos da hipótese de que suas ações teriam uma relação direta com a divisão sexual do trabalho, ou seja, as mulheres desempenhariam atividades relacionadas ao cuidado doméstico e afetivo em relação a seus parceiros, ainda que estes estejam privados de liberdade. Assim, sofreriam processos típicos do mundo prisional, como o controle dos corpos e a imposição de regras. Porém, os dados demonstram que são vários os papéis desempenhados por mulheres que optam por ‘cumprir pena junto’ com companheiros encarcerados, não podendo reduzir suas ações a uma relação de subordinação de gênero. Ainda que assumam o papel do cuidado e de apoio durante a privação de liberdade, elas exercem funções adicionais, percebidas como emancipatórias e constituidoras de novas identidades.

    Abstract in English:

    Abstract: The article intends to analyze the perspective of lifemates of prisoners of the Rio de Janeiro state penitentiary system, about their roles in the prison structure. We assumed that their actions would have a direct relation with the sexual division of labor. In other words, women would perform activities related to domestic and affective care in relation to their partners, even though they are arrested. Thus, they would suffer the typical processes of the prison world, such as the control of bodies and the imposition of rules. However, the data show that there are several roles performed by women who choose to ‘serve sentence together’ with their convicted partner, thus, it is not possible to reduce their actions in a gender subordination relationship. Even if they take on the role of care and support during deprivation of liberty, they perform additional functions, perceived as emancipatory and constituent of new identities.
  • Lado a lado? Feminismos e Estado durante o ‘ciclo progressista’ latino-americano Artigos

    Gonzalez, Débora de Fina

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: A partir de uma análise comparativa entre as experiências do Brasil e do Chile, este artigo analisa em que medida administrações de centro-esquerda constituíram uma oportunidade política para avançar na garantia de direitos para as mulheres por meio dos espaços institucionais. Para tanto, enfoca-se nas relações estabelecidas entre feminismos e Estado durante o chamado ‘ciclo progressista’ latino-americano, principalmente através das agências nacionais de políticas para as mulheres. Em ambos os contextos, governos de centro-esquerda contribuíram para o desenvolvimento de políticas para as mulheres na esfera nacional, porém de diferentes formas - no Brasil com um modelo participativo e a evidente aproximação entre feminismos e Estado e no Chile com um modelo tecnocrático, como parte de um processo de gender mainstreaming ou modernização do Estado, produzindo resultados igualmente distintos.

    Abstract in English:

    Abstract: Through a comparative perspective between the experiences of Brazil and Chile, this article analyzes to what extent center-left administrations constituted a political opportunity to advance in ensuring women’s rights through the institutional spaces. To this end, it focuses on the relations established between feminisms and State during the so-called ‘progressive cycle’ in Latin America, mainly through the national women’s policies agencies. In both contexts, center-left governments have contributed to develop policies for women at national level, but in different ways - in Brazil with a participatory model and the evident approximation between feminisms and the State and in Chile with a technocratic model, as part of a gender mainstreaming or State modernization process, engendering also different outcomes.
  • New Feminisms? Intergenerational Connections and Conflicts Between Feminists Artigos

    Saavedra, Renata Franco

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Neste artigo problematizamos a ideia de “novos feminismos”, noção cada vez mais corrente na mídia e em análises acadêmicas, apresentando o debate geracional tal como posto atualmente entre as ativistas feministas mais jovens e as mais experientes. Após essa contextualização, analisamos como esse debate é vivido por jovens artivistas - que utilizam a arte como principal forma de ativismo - e produtoras culturais feministas em atividade no Rio de Janeiro, explorando conexões e conflitos intergeracionais que permeiam os feminismos contemporâneos.

    Abstract in English:

    Abstract: In this article, we will discuss the idea of "new feminisms", an increasingly common idea in the media and in academic analysis, presenting the generational debate as it stands today between the youngest and the most experienced feminist activists. After this contextualization, we analyze how this debate is experienced by young artivists - activists who use art as the key means of activism - and feminist cultural producers in activity in Rio de Janeiro, exploring intergenerational connections and conflicts within contemporary feminisms.
  • Tensiones entre derechos de las mujeres y protección de la niñez Artículos

    LLobet, Valeria

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Partindo da uma leitura feminista do desenvolvimento da proteção da infância, o presente artigo busca proporcionar a historização dos debates contemporâneos que fazem dos direitos das crianças um dos instrumentos privilegiados para disputar as batalhas pelo controle dos corpos e da sexualidade das mulheres na Argentina. Para isto, analiso a inscrição da proteção da infância em três contextos (a emergência do estado social argentino, os debates pan-americanos sobre a proteção da infância, e o contexto global de emergência dos direitos da criança) e à luz de dois debates atuais, a gravidez forçada de meninas e a adoção por parte de casais homossexuais.

    Abstract in Spanish:

    Resumen A partir de leer el desarrollo de la protección de la infancia en clave feminista, este artículo busca historizar algunos debates contemporáneos que hacen de los derechos de la niñez uno de los instrumentos privilegiados para disputar las batallas por el control de los cuerpos y de la sexualidad de las mujeres en Argentina. Para ello, analizo la inscripción de la protección de la infancia en tres contextos (la emergencia del estado social argentino, los debates panamericanos sobre la protección de la niñez, y el contexto global de surgimiento de los derechos de la niñez), y a la luz de dos debates actuales, el embarazo forzado de niñas y la adopción por matrimonios igualitarios.

    Abstract in English:

    Abstract This article reads the development of child protection from a feminist point of view, seeking to historicize the current debates and struggles in Argentina that utilize children’s rights as privileged instruments for the battle on the control of women’s bodies and sexualities. For this purpose, I analyze the inscription of child protection in three contexts (the emergency of social state in Argentina, the Pan-American debates on child protection, and the global context of children’s rights) and through the prism of two current debates: forced child pregnancy and adoption in same-sex marriages.
  • Negotiating Normality(ies): Constructions of Gender Identity among Girls Artigos

    Guimarães, Jamile; Cabral, Cristiane da Silva

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Neste artigo analisamos a construção da identidade de gênero entre meninas adolescentes, a partir da sua dimensão performativa. A pesquisa etnográfica foi realizada em uma escola pública de Ensino Fundamental II, em Salvador. A produção discursiva de diferenças, semelhanças e desigualdades entre categorias de menina é um dos modos pelos quais o gênero vai sendo (re)construído e negociado nas interações cotidianas. Tendo como pano de fundo a regulação moral exercida pelos pares, expõe-se como cada posição de sujeito assimila, contesta e ressignifica comportamentos e características socialmente convencionados como femininos e masculinos. Em um continuum de conformidades e subversões, “normais”, “atiradas” e “evoluídas” exibem traços de permanências e mudanças culturais, evidenciando a heterogeneidade marcadamente contraditória da constituição de identidades generificadas.

    Abstract in English:

    Abstract: This study analyzes the construction of gender identity among adolescent girls considering its performative dimension. The ethnographic research was conducted at a public middle school in Salvador, Brazil. The discursive construction of differences, similarities and inequalities among categories of girl is one of the ways gender is (re)constructed and negotiated in daily interactions. Within the context of the moral regulation exercised by peers, the article presents how each subject position assimilates, contests and resignifies behaviors and characteristics socially considered to be feminine and masculine. In a continuum of conformities and subversions, girls considered to be “normal”, “forward” or “evolved” exhibit traces of cultural permanence and change, revealing the markedly contradictory heterogeneity of the constitution of gender identities.
  • Corporeizar las etnografías desde perspectivas feministas Artículos

    Pozo, Lola Martínez

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: No presente artigo, proponho uma reflexão sobre o lugar dos corpos na produção dos conhecimentos. Na tarefa de repensar questões epistemológicas, metodológicas e políticas orientadas a corporalizar as etnografias e a desenvolver uma antropologia corporalizada, destaco diversas perspectivas sócio antropológicas, bem como perspectivas feministas críticas, que me permitiram experimentar a prática etnográfica como corporal. A seguir, compartilho algumas reflexões advindas da experiência etnográfica sobre a politização dos corpos e das tecnologias a partir de perspectivas (trans)feministas e de práticas de hacking, onde relaciono feminismos, etnografia feminista e projetos (trans)feministas compartilhados pelos entrevistados como genealogias diferenciadas que visam hackear os códigos normativos da produção de conhecimento e desenvolver conhecimento de resistência a partir de experiências corporais

    Abstract in Spanish:

    Resumen: En este artículo propongo una reflexión sobre el lugar de los cuerpos en la producción de conocimientos. En la tarea de repensar cuestiones epistemológicas, metodológicas y políticas orientadas a corporeizar las etnografías y desarrollar una antropología encarnada, en estas páginas destaco diversas perspectivas socio-antropológicas y feministas críticas que me han permitido experimentar la práctica etnográfica como corporal. A continuación, comparto algunas reflexiones procedentes de la experiencia etnográfica sobre la politización de los cuerpos y las tecnologías desde perspectivas (trans)feministas y prácticas hacking, donde conecto los feminismos, la etnografía feminista y los proyectos (trans)feministas compartidos por lxs entrevistadxs, en tanto genealogías diferenciadas dirigidas a hackear los códigos normativos de producción de conocimiento y a desarrollar conocimientos de resistencia desde las experiencias corporales

    Abstract in English:

    Abstract: In this article, I propose a discussion regarding the place of bodies in the production of knowledge. In the task of rethinking epistemological, methodological and political issues oriented towards embodying ethnographies and developing an embodied anthropology, in these pages I highlight some socio-anthropological and critical feminist perspectives that have allowed me to consider and experience the ethnographic practice as a corporal practice. I also share some considerations of the ethnographic experience on the politicization of bodies and technologies from (trans)feminist perspectives and hacking practices, where I connect feminisms, feminist ethnography and the (trans)feminist projects shared by the activists as differentiated genealogies aimed at hacking normative codes and developing resistant knowledge from bodily experiences
  • Mulheres que vivem com HIV/aids: vivências e sentidos produzidos no cotidiano Artigos

    Oliveira, Mariana de Moraes Duarte; Junqueira, Telma Low Silva

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Neste artigo visou-se compreender como cinco mulheres que vivem com HIV produzem sentidos sobre suas vivências após o diagnóstico de infecção. Realizou-se entrevistas com usuárias de um serviço ambulatorial de um hospital, cuja análise foi fundamentada no referencial teórico-metodológico da perspectiva feminista de gênero na interface com as Práticas Discursivas e Produção de Sentidos. Construiu-se mapas dialógicos compostos por três categorias temáticas embasadas nos objetivos propostos e analisou-se como as questões de gênero, dentro de uma sociedade patriarcal e heteronormativa, incidem nas práticas de cuidado e assistência à saúde. Os resultados apontaram para a existência de julgamento moral e preconceito que atravessam e desafiam o manejo do (auto)cuidado dessas mulheres.

    Abstract in English:

    Abstract: This paper aims to understand women living with HIV and the way they make sense out of their experiences after the diagnosis of infection. It were conducted interviews with five women, users of a outpatient care in a northeastern capital, whose analysis was based on the methodologic and theory referential of the feminist perspective and in the Discursive Practices and Production of Senses. It were constructed dialogical maps composed by three thematic based on the proposed objectives and it has been analyzed how gender issues, inside a patriarchal and heteronormative society, affect the health care practices and health care. The results reveal for the existence of moral judgement and prejudices that it goes through and challenge the handle of self-care of these women.
  • As experiências das Oficiais da Marinha do Brasil no exercício do comando Artigos

    Reis, Vanessa Coelho dos; Zucco, Luciana Patrícia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: No presente artigo analisamos o acesso e a constituição da liderança das Oficiais da Marinha do Brasil no cargo de direção. O suporte teórico está ancorado nos estudos feministas. Para a construção e análise dos dados foi utilizada a abordagem metodológica de história oral. As sujeitas da pesquisa são as Oficiais que foram Diretoras de Organizações Militares entre 2002 e 2015. A liderança das entrevistadas evidenciou suas características, desenvolvidas ao longo de suas vidas e potencializadas (ou adquiridas) no exercício do comando, como racionalidade, competência, autoridade e voz de comando, proximidade com o efetivo, saber ouvir, buscar apoio.

    Abstract in English:

    Abstract: This article analyzes the access and constitution of the leadership of the Brazilian Navy Officers Women in the position of direction. Theoretical support is anchored in feminist studies. For the construction and analysis of the data the methodological approach of oral history was used. The subjects of the research are the Officers who were Directors of Military Organizations between 2002 and 2015. The leadership of the interviewees showed their characteristics, developed throughout their lives and potentialized (or acquired) in the exercise of command, as rationality, competence, authority and voice of command, proximity to the staff, knowing how to listen, seek support.
  • Pioneras de la arquitectura ecuatoriana Artigos

    Rosero Añazco, Verónica Alexandra; Freire Silva, María José

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: A pesquisa "Mulheres pioneiras da arquitetura equatoriana" propõe uma revisão histórica para reconhecer e tornar visíveis as mulheres que contribuíram para a arquitetura no Equador até 1980. A investigação envolveu uma revisão dos arquivos das primeiras faculdades de arquitetura do país e bibliografia local especializada para a detecção de perfis relevantes. Os dados quantitativos foram complementados com entrevistas que forneceram informações qualitativas. O ponto de vista feminista abordado pelo estudo questiona a profissão não apenas da perspectiva de gênero, mas de suas estruturas estabelecidas que destacam apenas contribuições tangíveis. Este texto, com uma discussão crítica, reivindica a produção intelectual da primeira geração de mulheres arquitetas, que se destacaram principalmente na docência universitária, história e teoria.

    Abstract in Spanish:

    Resumen: La investigación “Pioneras de la arquitectura ecuatoriana” propone una búsqueda histórica para reconocer y visibilizar a las mujeres que han contribuido a la arquitectura en Ecuador hasta 1980. La detección de perfiles relevantes se realizó mediante la revisión de archivos de las primeras facultades de arquitectura del país y de bibliografía local especializada, complementando datos cuantitativos con entrevistas. La mirada feminista con la que se abordó el estudio cuestiona la profesión no solo desde la perspectiva de género, sino desde sus estructuras que resaltan sólo contribuciones tangibles. Este texto, mediante una discusión crítica, reivindica la producción intelectual de la primera generación de arquitectas, quienes destacaron principalmente en la academia, historia y teoría.

    Abstract in English:

    Abstract: The research "Women Pioneers of Ecuadorian Architecture" proposes a historical review to recognize and make visible the women who have contributed to architecture in Ecuador until 1980. Relevant profiles were searched through the review of archives of the first architecture faculties of the country and specialized local bibliography, complementing quantitative data with interviews. The feminist point of view addressed by the study questions the profession not only from a gender perspective, but also from its established structures that highlight only tangible contributions. Through a critical discussion, this text claims the intellectual production of the first generation of women architects, who mainly distinguished in academia, history, and theory.
  • Mulheres e jornalismo esportivo: possibilidades e limitações em um campo masculino Artigos

    Pacheco, Leonardo Turchi; Silva, Silvio Ricardo da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Este artigo tem como objetivo abordar as possibilidades e limitações de inserção, permanência e sucesso de mulheres no jornalismo esportivo. A coleta de dados foi realizada através da metodologia qualitativa e está alicerçada nas técnicas de pesquisa observação participante e entrevistas semiestruturadas que foram realizadas com 38 jornalistas que trabalham ou trabalharam em Belo Horizonte. Este texto, fundamentado teoricamente em autores e autoras que se vinculam às perspectivas feministas em suas abordagens sobre esporte e mídia, evidencia o perfil, a trajetória profissional, os espaços ocupados, os constrangimentos e as estratégias utilizadas por essas mulheres para transitar nesse campo majoritariamente masculino.

    Abstract in English:

    Abstract: The aim of this article is to approach the possibilities and limitations women face to get access, remain, and succeed in the field of sports journalism. The research is based on a qualitative method and supported by a set of techniques such as participant observations and semi-structured interviews. The interviews were conducted with 38 female journalists that were working or had worked in the city of Belo Horizonte, Minas Gerais. Theoretically based on feminist’s theories on sports and media, this text takes advantage of the analyses of authors and authoresses that combine those approaches. In doing so they highlight the profile of these women, their professional trajectory, the spaces allowed in, the constraints and embarrassments that they are submitted to and the strategies that they use to move through this major masculine field.
  • Comicidade crítica e riso autodepreciativo: um estudo com mulheres palhaças Artigos

    Fuchs, Ana Carolina Muller; Icle, Gilberto

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: O presente artigo propõe uma reflexão sobre as questões de gênero que envolvem as práticas da palhaçaria feminina, a partir do convívio e de entrevistas com um grupo de mulheres palhaças no Brasil. Trabalha-se a ideia de que os discursos sociais forjam os corpos e os padrões de gênero e, portanto, perpassam os processos criativos na palhaçaria. Com base no conceito de práticas parodísticas desenvolvido por Judith Butler, este trabalho busca pensar nos processos da palhaçaria feminina no seu caráter de paródia de si e em suas reverberações na criação de uma comicidade crítica e não autodepreciativa. Propõe-se o conceito de paródia a partir dos trabalhos de Judith Butler, Linda Hutcheon e Giorgio Agamben como forma de delinear a noção de paródia na qualidade de distanciamento crítico e na possibilidade de afetar os modos de subjetivação das artistas.

    Abstract in English:

    Abstract: This paper proposes a reflection on gender issues involving female clowning practices, based on the coexistence and interviews with a group of female clowns in Brazil. It develops the idea that social discourses forge bodies and gender standards, therefore crossing the creative processes in clowning. Founded on the concept of parodistic practices developed by Judith Butler, this work aims to think on the processes of female clowning in its character of parody of oneself, as well as on its reverberations in the creation of a critic and non-self-derogatory comicality. The concept of parody is proposed based on the works of Judith Butler, Linda Hutcheon and Giorgio Agamben as a way of outlining the notion of parody in the quality of critical detachment, and in the possibility of affecting the female artists’ modes of subjectivation.
  • O destino indelével do desejo: o sonho do amor plural entre anarquistas libertários Artigos

    Flores, Maria Bernardete Ramos

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: O artigo aborda o tema do amor livre e da liberdade sexual contemplado pelo anarquismo libertário, nos anos de 1920 e 1930. Um debate revelador deu-se na revista espanhola Estudios, sob o protagonismo da brasileira Maria Lacerda de Moura. Ela combateu a camaraderie amoureuse proposta por Émile Armand, e defendeu o ‘amor plural’, mais fraternal que sensual, seguindo o neo-estoicismo de Han Ryner. A causa em comum foi o combate ao casamento indissolúvel, razão da posse, do exclusivismo sexual, do ciúme, da dominação masculina e da escravização da mulher. A exigência da monogamia era tida como prejudicial ao indivíduo, cerceado no direito natural ao prazer e na livre expansão do desejo. A ideia de amor livre e de liberação sexual apontou para uma nova sensibilidade amorosa e novos acordos éticos. O desafio geral: aliar a natureza biológica do sexo aos deslocamentos incessantes do desejo.

    Abstract in English:

    Abstract: The article deals with the theme of free love and sexual liberation as contemplated by libertarian anarchism in the nineteen twenties and thirties. A revealing debate took place in the Spanish magazine Estudios, under the leadership of the Brazilian writer Maria Lacerda de Moura. She condemned the camaraderie amoureuse proposed by Émile Armand, and defended the more fraternal than sensual ‘plural love’, following Han Ryner’s neo-stoicism. The common cause was the struggle against indissoluble marriage, the reason for possession, sexual exclusiveness, jealousy, male domination, and the enslavement of women. The demand for monogamy was considered damaging to the individual, constrained in the natural right to pleasure and the free expansion of desire. The idea of free love and sexual liberation pointed to a new loving sensitivity and to new ethical agreements. The general challenge was to combine the biological nature of sex with the continuous displacements of desire.
  • Ficções porno-políticas do corpo (a partir) de Preciado Ponto de Vista

    Oliveira, Ana

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Partindo dos escritos de Preciado, este artigo propõe uma problematização contradisciplinar das representações do corpo enquanto produto epistemológico e enquanto laboratório político. A primeira parte, dedicada ao tópico central do Manifesto contrassexual (plasticidade dos sexos e sexos de plástico), discute o sentido de Natureza e a ruptura epistemológica com o discurso sobre uma ordem natural que precede e constitui o humano. A segunda parte centra-se nas noções do corpo como laboratório, introduzidas em Testo yonki. Combinando ficção autopolítica, autoteoria e ensaio corporal, Testo yonki relata um protocolo de intoxicação voluntária à base de testosterona sintética. Essa experimentação corporal, que permite a Preciado ficcionar-se como hacker-sexual ou pirata-do-sexo, apresenta-se como um meio de renovação do sentido de si. No seu conjunto, este artigo pretende contribuir para uma análise preciadista de Preciado, isto é, uma análise do sujeito (biografia) que é feita a partir das próprias categorias criadas pelo autor (bibliografia), fazendo de Preciado simultaneamente fonte e objeto de teorização. Trata-se, desse modo, de um ensaio biópico, no qual procuro explorar e combinar as dimensões de produção biográfica e bibliográfica de Preciado.

    Abstract in English:

    Abstract: Based on Preciado’s writings, this article proposes a counter-disciplinary problematization of body representations as an epistemological product and as a political laboratory. The first part, dedicated to the Counter-sexual Manifesto’s core topic (plasticity of the sexes and plastic sexes), discusses the meaning of Nature and the epistemological rupture with the discourse on a natural order that precedes and constitutes the human. The second part focuses on the notions of the body as a laboratory, introduced in Testo junkie. Combining auto-political fiction, auto-theory and body-essay, Testo junkie describes a protocol of voluntary intoxication based on synthetic testosterone. This bodily experimentation, which allows Preciado the fiction of being a sexual-hacker or a sex-pirate, is presented as a means of renewing the sense of the self. Taken as a whole, this article intends to contribute to a preciadian analysis of Preciado, that is to say, an analysis of the subject (biography) made from the very categories created by the author (bibliography), making Preciado simultaneously source and object of theorization. In this sense, this is a biopical essay, in which I try to explore and to combine the biographical and bibliographical dimensions of Preciado.
  • O Charme Sapatão de Esther Newton: uma entrevista sobre a vida, a obra e as paixões da lendária antropóloga Ponto de Vista

    Henning, Carlos Eduardo
  • Teoria Crítica Feminista em tempos de capitalismo financeirizado Ponto de Vista

    Assis, Mariana Prandini; Rodrigues, Cristiano; Andrade, Darlane Silva Vieira
  • As vozes insurgentes são feministas Dossiê Inflexões feministas e agenda de lutas no Brasil contemporâneo

    Peixoto, Leonardo Ferreira; Pelúcio, Larissa
  • Manifestações textuais (insubmissas) travesti Dossiê Inflexões feministas e agenda de lutas no Brasil contemporâneo

    York, Sara Wagner; Oliveira, Megg Rayara Gomes; Benevides, Bruna

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: A cisgeneridade-binária, heterossexual e compulsória como regime de governamentalidade (Michel FOUCAULT, 1979) determinou, por muito tempo, pressupostos que abarcam marcas profundas com seus estabelecidos normativos. As normas, marcadas pelo regime, acorrentaram as multiplicidades sexuais e de gênero fora daquilo que compreendia o social no Brasil e em boa parte do mundo. A marca repulsiva e marginalizada impressa pelos pressupostos da cis-hetero-governamentalidade de identidades de gênero e sexo no Brasil tem sua emergência a partir dos estudos que nomeavam como substantivo masculino as travestis, os primeiros corpos ciborgues (Donna HARAWAY, 1994) do/no Brasil. Além disso, tal dinâmica marcava corpos travestis em uma condição de não lugar. Muitos estudos abriram trincheira por vales colonizados na tentativa de descrever as subjetividades travestis, além dos essencialismos de gênero (Paul B. PRECIADO, 2017). Este manifesto, aos moldes de outros, busca apresentar, a partir de um pensamento travesti, caminhos atravessados pelo transfeminismo e transativismo, para um futuro travesti, marcado pela luta, afeto e pela presença destas vidas e práticas (transformadoras) em todos os (anti)estratos sociais que operam com o poder da negatividade (Jack HALBERSTAN, 2012).

    Abstract in Spanish:

    Resumen: La cisgeneridad binaria, heterosexual y obligatoria como régimen de gobierno (FOUCAULT, 1979) determinó durante mucho tiempo, supuestos de marcas profundas en las normas establecidas. Las normas, marcadas por el régimen, encadenaron las multiplicidades sexuales y de género fuera de lo que entendía la sociedad en el Brasil y en gran parte del mundo. La marca repulsiva y marginada impresa por los supuestos de cis-hetero-gobernabilidad de las identidades de género y sexo en Brasil tiene su origen en los estudios que nombraron como sustantivos masculinos a los primeros cuerpos cibernéticos (HARAWAY, 1994) en Brasil. Además, tales cuerpos dinámicos marcados, de travestis, en una condición de no lugar. Muchos estudios han recorrido los valles colonizados en un intento de describir las subjetividades de las travestis, además de los esencialismos de género (PRECIADO, 2017). Este manifiesto, en la línea de otros, busca presentar desde un pensamiento travesti, caminos cruzados por el transfeminismo y el transativismo, a un futuro travesti, marcado por la lucha, el afecto y la presencia de estas vidas y prácticas (transformadoras) en todos los estratos sociales (anti) que operan con el poder de la negatividad (HALBERSTAN, 2012).

    Abstract in English:

    Abstract: The binary, heterosexual and compulsory cisgenerity as a regime of governance (FOUCAULT, 1979) determined for a long time, assumptions of deep marks in the established norms. The norms, marked by the regime, chained the sexual and gender multiplicities outside of what was understood by society in Brazil and in much of the world. The repulsive and marginalized mark printed by the assumptions of cis-hetero-governamentality of gender and sex identities in Brazil has its emergence from the studies that named the first cyborg bodies (HARAWAY, 1994) in Brazil as male nouns. Moreover, such dynamic marked, travestis bodies, in a non-place condition. Many studies have trenched through colonized valleys in an attempt to describe travestis subjectivities, in addition to gender essentialisms (PRECIADO, 2017). This manifesto, along the lines of others, seeks to present from a travetis thought, paths crossed by transfeminism and transativism, to a travesti future, marked by struggle, affection and the presence of these lives and practices (transformative) in all (anti) social strata that operate with the power of negativity (HALBERSTAN, 2012).
  • Não é fumaça, é fogo! Cruzada antigênero e resistências feministas no Brasil Dossiê Inflexões feministas e agenda de lutas no Brasil contemporâneo

    Melo, Flávia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Eventos recentes posicionaram o gênero no cerne da vida pública brasileira. Neste artigo, descrevo dois processos imbricados a isso: a cruzada antigênero e a eclosão da “primavera feminista”. A primeira, estratégia católica transnacional, emergiu no Brasil em 2014. Anos depois, parlamentares pró-impeachment declararam votos em favor da família e contra a “ideologia de gênero” - expressão habilmente apropriada por uma poderosa coalizão dentro e fora do parlamento. Em 2018, a campanha antigênero voltou aos debates nacionais com a candidatura de Jair Bolsonaro à presidência. O rechaço ao candidato agregou milhares de mulheres nas redes sociais e nas ruas, formando o movimento #elenão. Porém, não se tratava de reação repentina ou inédita: as resistências das mulheres têm demonstrado a potência de suas alianças e contestado a tese da “cortina de fumaça” que rotula as táticas do atual governo.

    Abstract in English:

    Abstract: Recent events positioned the gender in the heartwood of Brazilian public life. In this article, I describe two processes imbricated to it: the anti-gender crusade and the outbreak of the “feminist spring”. The first, a transnational Catholic strategy, emerged in 2014. Years later, pro-impeachment parliamentarians cast votes in favour of the family and against the “gender ideology” - expression appropriated by a powerful coalition inside and outside parliament. In 2018, the anti-gender campaign returned to national debates with Jair Bolsonaro running for president. The rejection of the candidate aggregated thousands of women in social networks and in the streets, forming the #elenão movement. But this was not a sudden or unprecedented reaction: women's resistance has demonstrating the potency of their alliances and challenging the “smoke screen” thesis that labels the tactics of the current government.
  • ‘Alfinetar’: currículos, ódios e gêneros Dossiê Inflexões feministas e agenda de lutas no Brasil contemporâneo

    Süssekind, Maria Luiza; Carmo, Lorena Azevedo do; Nascimento, Stephanie Duarte Láu do

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: O artigo parte da reclamação feita por uma pessoa, estudante do curso de Pedagogia/Licenciaturas numa universidade pública, na prova final, na qual alega sentir-se ‘alfinetada’ em seu modo de pensar e existir pelas conversas realizadas durante as aulas. O ‘alfinetar’ é capturado e usado como bússola para percorrermos os debates que aconteceram nas aulas. Nesse manuscrito, os fios dessas redes de conhecimentos e teorias curriculares exibem nós de preconceitos e ódios contra quem não é seu ‘próximo’, assumindo o desejo de aniquilação do outro e de apagamento da diferença. Concluímos que é possível apontar relações entre as conversas complicadas travadas nas aulas e provas e o contexto do tsunami neoliberal global de fortes tendências conservadoras.

    Abstract in English:

    Abstract: The article takes a complaint made by a student of the Teaching Education Program of a public university, claiming of being ‘pinned’ in their way of thinking and existing within the class conversations. The idea of being ‘pinned’ is captured and used as a compass to navigate the debates that take place in class. In this manuscript, the threads of these networks of knowledge exhibit prejudice and hatred against those who are not ‘close’, assuming the desire to annihilate the other and erase the difference. We conclude that it is possible to point out relations between complicated conversations held in class and tests in the context of global neoliberal tsunami of strong conservative tendencies.
  • #paslui: feminismos brasileiros no hexágono europeu Dossiê Inflexões feministas e agenda de lutas no Brasil contemporâneo

    Pelúcio, Larissa; Paz, Diego

    Abstract in Portuguese:

    Resumo: Neste artigo, analisamos o movimento #elenão e suas reverberações em contexto francês. Num movimento que ganhou repercussão transnacional, mulheres brasileiras organizadas por diferentes lógicas de opressão mostram agência política pelo uso das redes sociais digitais e, especificamente, de hashtags. De inspiração etnográfica, partiu-se de observações participantes da autora e autor nas manifestações que aconteceram na cidade de Paris, na França, no período das eleições de 2018, no Brasil, mas também de entrevistas com as organizadoras locais dos eventos. Mobilizando como operador analítico o conceito de political agency, ou capacidade de agir politicamente, segundo Judith Butler, argumentamos que este movimento, iniciado pelas mulheres, foi um elemento unificador de outras minorias políticas, como negros e LGBT+, contra o avanço do “neofascismo” e retrocessos no campo dos direitos humanos.

    Abstract in English:

    Abstract: In this article, we analyze the movement #NotHim and its repercussions in the French context. In a movement of transnational repercussion, brazilian women organized by different logics of oppression show political agency through the use of digital social networks and, specifically, hashtags. Inspired by ethnography, we started with participant observations by the author and author in the demonstrations that took place in the city of Paris, France, during the 2018 election period in Brazil, but also of interviews with local event organizers. Mobilizing as an analytical operator the concept of political agency, according to Judith Butler, we argue that this movement, initiated by women, was a unifying element of other political minorities, such as blacks and LGBT +, against the advance of the “neo-fascism” and setbacks in the field of human rights.
  • Quem mandou matar Marielle? - uma conversa com Luyara Franco Dossiê Inflexões feministas e agenda de lutas no Brasil contemporâneo

    Peixoto, Leonardo Ferreira
  • Desigualdades de gênero na democracia brasileira Resenhas

    Machado, Camila Borges
  • Experiência e família na literatura de Ana Castillo Resenhas

    Madella, Thayse
  • Psicanálise e Gênero: tão íntimo, tão estranho Resenha

    Angeli, Gustavo; Barros, Vinicius da Rocha
  • Quem são as “vítimas de verdade” nas delegacias da mulher? Resenha

    Pellegrini, Elizabete; Boen, Mariana Tordin
  • A discussão do colonialismo partindo da língua portuguesa Resenha

    Nodari, Sandra; Sousa, Jorge Pedro de
  • Uma contribuição para a teoria de gênero Resenhas

    Signorelli, Marcos Claudio
  • Before and after gender, o “livro perdido” de Marilyn Strathern Resenhas

    Sander, Vanessa
  • Um réquiem pelas mulheres Resenhas

    Dutra, Paula Queiroz
  • Errata: Manifestações textuais (insubmissas) travesti Errata

Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina Campus Universitário - Trindade, 88040-970 Florianópolis SC - Brasil, Tel. (55 48) 3331-8211, Fax: (55 48) 3331-9751 - Florianópolis - SC - Brazil
E-mail: ref@cfh.ufsc.br